27

Últimos itens adicionados do Acervo: Centro Hospitalar do Porto

O CHP é um hospital central e universitário pela sua associação ao Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto, que visa a excelência em todas as suas atividades numa perspetiva global e integrada da saúde.

Página 1 dos resultados de 1135 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

ENCERRAMENTO PERCUTÂNEO DE COMUNICAÇÃO INTERAURICULAR E FORAMEN OVALE PATENTE EM ADULTOS – A EXPERIÊNCIA DE UM CENTRO

Vieira, M.; Dias, V.; Meireles, A.; Gomes, C.; Antunes, N.; Anjo, D.; Guedes, R.; Oliveira, F.; Cabral, S.; Pereira, L.; Braga, P.; Carvalho, H.; Torres, S.
Tipo: info:eu-repo/semantics/other
Publicado em 02/07/2010 Português
Relevância na Pesquisa
0%

Reconstruction of velopharyngeal sphincter in secondary Cleft Palate: surgical alternative

Recamán, M.; Bonet, B.; Leitão, J.; Mesquita, A.
Fonte: Sociedad Espanola de Cirugia Pedietrica Publicador: Sociedad Espanola de Cirugia Pedietrica
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /04/2006 Português
Relevância na Pesquisa
0%
Cir Pediatr. 2006 Apr;19(2):106-10. [Reconstruction of velopharyngeal sphincter in secondary Cleft Palate: surgical alternative] [Article in Spanish] Recamán M, Bonet B, Leitão J, Mesquita A. Hospital Central e Especializado de Crianças Maria Pia, Serviço de Cirurgía Plástica. monicarec@iol.pt Abstract There are numerous surgical procedures for the repair of Cleft Palate (CP). Since 1998, in children with CP we use a modified Wardill-Kilner technique, with a large section of the nasal mucous layer at the level of the muscular insertion on the hard palate and lateral nasopharingeal wall, obtaining a push-back and reorientation of the muscular fibres without dissection, diminishing this way the risks of haemorrhages and fibrosis, simplifying the intervention. It allows a lower operative time and a short internment. The aim of our study was to evaluate the results of this operative procedure specially in the development of the speech in 73 children operated on from 1998 until 2000 in our hospital. We verify a competence of the velopharingeal sphincter with ideal results in speech in 88,8% of the cases. PMID: 16846134 [PubMed - indexed for MEDLINE

Impact of hepatitis C virus on renal transplantation: association with poor survival.

Pedroso, S.; Martins, L.; Fonseca, I.; Dias, L.; Henriques, A.C.; Sarmento, A.M.; Cabrita, A.
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /07/2006 Português
Relevância na Pesquisa
0%
Transplant Proc. 2006 Jul-Aug;38(6):1890-4. Impact of hepatitis C virus on renal transplantation: association with poor survival. Pedroso S, Martins L, Fonseca I, Dias L, Henriques AC, Sarmento AM, Cabrita A. Nephrology and Transplant Departments, Hospital Geral de Santo António, Largo Professor Abel Salazar, 4050-011 Porto, Portugal. sofiapedroso@sapo.pt Abstract Data concerning the effect of hepatitis C virus (HCV) infection on the long-term outcome of patient and allograft survival are conflicting. We performed a retrospective study including all renal transplant recipients who underwent the procedure at our center between July 1983 and December 2004. We compared HCV-positive (n = 155) versus HCV-negative (n = 1044) recipients for the prevalence of anti-HCV, patient/donor characteristics, and graft/patient survival. The prevalence of HCV-positive patients was 12%. The anti-HCV positive recipients displayed a longer time on dialysis (P < .001), more blood transfusions prior to transplant (P < .001), and a higher number of previous transplants (P < .001). There were no differences in the incidence of acute rejection between the two groups. Patient (P = .006) and graft survival (P = .012) were significantly lower in the HCV-positive than the HCV-negative group. Graft survival censored for patient death with a functioning kidney did not differ significantly between HCV-positive and HCV-negative recipients (P = .083). Death from infectious causes was significantly higher among the HCV-positive group (P = .014). We concluded that HCV infection had a significant detrimental impact on patient and renal allograft prognosis. Death from infectious causes was significantly more frequent among HCV-positive than the non-HCV population. PMID: 16908314 [PubMed - indexed for MEDLINE

Anomalias congénitas gastrintestinais e da parede abdominal

Rocha, G.; Pinto, S.; Pinto, J.; Monteiro, J.; Guedes, M.
Fonte: Revista Nacer e Crescer Publicador: Revista Nacer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2004 Português
Relevância na Pesquisa
0%
RESUMO Introdução: as anomalias congénitas gastrintestinal e da parede abdominal anterior constituem um grupo frequente de patologias em cuidados intensivos, sendo responsáveis por elevadas morbilidade e mortalidade neonatais. Objectivos: caracterização e avaliação da importância destas anomalias numa unidade de cuidados intensivos neonatais. Material e métodos: estudo retrospectivo das referidas anomalias congénitas, diagnosticadas em 142 recém-nascidos admitidos na Unidade de Cuidados Intensivos do Serviço de Neonatologia do Hospital de São João, entre 1 de Janeiro de 1997 e 31 de Dezembro de 2001. Resultados: a amostra estudada, 106 casos de anomalia gastrintestinal e 36 de defeito da parede abdominal anterior, representou 5% (142/2717) do total de admissões da unidade e 25% (142/566) de todos os recém-nascidos com anomalia(s) congénita(s). A anomalia congénita "per si" foi o motivo do internamento em 123 (87%) casos. Foram identificados possíveis factores de risco em oito (6%) casos e o diagnóstico pré-natal correcto foi efectuado em 37 (26%) casos.Em nove (6%) casos verificou-se associação a anomalia cromossómica. Foram também, identificados dois síndromas, três casos de associação VATER e uma sequência malformativa. O tempo de internamento médio foi de 17...

Genes, Crianças e Pediatras, 2005 I

Pinto-Basto, J.; Martins, T.; Soares, G.; Dias, C.; Rocha, M.; Martins, M.; Fortuna, A.; Reis-Lima, M.
Fonte: Revista Nascer e Crescer Publicador: Revista Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
0%

Caso Estomatológico: Cáries de Biberão

Amorim, J.
Fonte: Revista Nascer & Crescer Publicador: Revista Nascer & Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
0%

Artigos Publicados CHP - Memorandum 1988-2007

DEFI
Fonte: Centro Hospitalar do Porto Publicador: Centro Hospitalar do Porto
Tipo: info:eu-repo/semantics/book
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
0%
Criado o Centro Hospitalar do Porto em Outubro de 2007, este é o momento oportuno para apresentar a actividade cientí ca realizada pelas instituições que nele foram integradas: Hospital Geral de Santo António, Hospital Maria Pia e Maternidade Júlio Dinis. Uma das formas de avaliar e monitorizar a produção cientí ca de uma instituição é a quanti cação de publicações em revistas com arbitragem cientí ca, indexadas em bases de dados de referências bibliográ cas ou de texto integral. Alguns factores relevantes a ter em conta são, entre outros, o índice de impacto das revistas onde as publicações são efectuadas. Neste Memorandum apresentamos o resultado de uma pesquisa dos artigos publicados por Pro ssionais de Saúde dos Hospitais que hoje integram o Centro Hospitalar do Porto, ou com a colaboração dos mesmos, durante os últimos 20 anos (1988 – 2007). A pesquisa foi efectuada na MedLine (via PubMed) e noutras bases de dados internacionais de referências bibliográ cas ou de texto integral (EMBASE/The Excerpta Medica Database, SCOPUS, Scielo, etc.), utilizando o nome dos Hospitais, dos Serviços, dos Directores de Serviço (anteriores e actuais) e dos Pro ssionais de Saúde. O recurso ao Index de Revistas Médicas Portuguesas OnLine (Índex RMP Online) foi de extrema utilidade para efectuar a pesquisa dos artigos publicados em revistas médicas portuguesas...

Recurrent orthodeoxia and patent foramen ovale.

Magalhães, L.; Pinto, R.; Oliveira, J.; Oliveira, F.; Reis, E.
Fonte: Sociedade Portuguesa De Cardiologia Publicador: Sociedade Portuguesa De Cardiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
0%
Introdução: Foramen ovale patente (FOP) ocorre em até 25% dos adultos saudáveis. Pode favorecer embolização paradoxal, enxaqueca e insuficiência respiratória (IR). Apresenta-se caso de IR e ortodeoxia por shunt direito-esquerdo via FOP sem evidência prévia de aumento da pressão intra-auricular direita. Encerramento do FOP resolveu eficazmente IR. Caso clínico: Homem, 52 anos. Mieloma múltiplo IgA/k diagnosticado um ano antes. Internado por IR hipoxémica grave com ortodeoxia e má resposta à oxigenoterapia, após colocação de cateter venoso central (CVC) na subclávia direita. Referia parestesias e alterações visuais inespecíficas, após manipulações do CVC. Características da IR sugeriam shunt entre circulação pulmonar e sistémica. Sem evidência clínica ou imagiológica de shunt intra-pulmonar. Ecocardiograma transtorácico com contraste: shunt direito- -esquerdo. Ecocardiograma transesofágico: FOP. Cateterismo cardíaco (após resolução espontânea da IR): sem shunt. Uma semana depois recorreu IR grave, que resolveu (bem como queixas neurológicas) com encerramento do FOP. Discussão: IR por shunt intra-cardíaco sem aumento da pressão nas cavidades direitas é de difícil interpretação hemodinâmica. Raros relatos (em adultos) associam esta entidade a anomalias anatómicas...

Tumor de Wilms e Tuberculose: Diagnósticos diferenciais num caso de apresentação simultânea; Wilms Tumor and Tuberculosis

Sucesso, M.B.; Ferreira, A.; Maia, I.; Pinto, A.; Estevinho, N.; Norton, L.
Fonte: Centro Hospitalar do Porto Publicador: Centro Hospitalar do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
0%
RESUMO O Tumor de Wilms é o tumor renal mais frequente na criança. A terapêutica actual, que inclui quimioterapia, cirurgia e radioterapia, é o resultado da colaboração multidisciplinar entre grupos internacionais. As taxas de cura actuais atingem os 90%. O correcto estadiamento tem implicações terapêuticas e prognósticas, sendo o local de metastisação à distância mais frequente o pulmão. Dada a elevada prevalência da tuberculose pulmonar no nosso país, este é um diagnóstico diferencial a equacionar na presença de consolidação pulmonar, mesmo na criança com doença oncológica. Os autores apresentam um caso clínico de uma criança de 4 anos de idade, com diagnóstico de nefroblastoma e hipodensidade pulmonar. O estudo complementar levou ao diagnóstico de tuberculose pulmonar. Abordam-se as dificuldades de diagnóstico e planeamento terapêutico.; ABSTRACT Wilms tumour (WT) is the most common renal tumour in children. Treatment includes chemotherapy, surgery and radiotherapy and is the result of successful multidisciplinary collaboration of international groups. The survival rate is nearly 90%. Correct staging is critical for treatment planning and estimating outcome. When distant metastases are present they usually involve the lung. Due to the high prevalence of pulmonary tuberculosis in our country...

Hábitos de sono

Maia, I.; Pinto, F.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
0%
Introdução: Apesar do sono ser uma necessidade biológica com impacto no crescimento e desenvolvimento e um hábito saudável a adquirir no primeiro ano de vida, muitos são os pais que se queixam das dificuldades dos filhos no dormir. Objectivos: Conhecer os hábitos de sono dos lactentes entre os seis e os vinte e quatro meses de idade que frequentam a Consulta de Pediatria dum Centro de Saúde e avaliar a necessidade de intervenção preventiva quanto ao ensino de hábitos de sono correctos. Material e métodos: Análise dos resultados de um inquérito de hábitos de sono numa população de crianças observadas na consulta entre Janeiro e Março 2004. Foram avaliados os parâmetros sexo, idade, local e modo do adormecimento nocturno, frequência dos despertares, local e modo do readormecimento e prática de sesta. Resultados: Das 105 crianças estudadas, a distribuição do sexo foi equitativa e a média de idades de 15,3 meses. Relativamente ao local onde as crianças dormiam, somente 65% fazia-o na sua cama e 17% no seu próprio quarto. Quanto ao adormecimento, apenas 30% dispensava companhia e adormecia sozinha. A sesta era uma prática diária da maioria. Só 14% dos pais referiu ter recebido algum esclarecimento sobre hábitos de sono dos profissionais de saúde. Conclusões: Os problemas do sono causados pelos hábitos incorrectos são ainda muito frequentes na nossa população infantil e a maioria dos pais desconhece a importância do ensino das rotinas adequadas. O Pediatra...

Comissões de Ética - o desafio metodológico

Serrão, D.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2008 Português
Relevância na Pesquisa
0%
As Comissões de Ética para a Saúde, depois de um período em que foram bem aceites enfrentam, hoje, um problema de metodologia de trabalho e de critérios para a sua constituição e para a tomada de decisões. São apresentadas recentes propostas da UNESCO que não resolvem o problema de fundo e se limitam a regular aspectos formais da constituição e funcionamento destas Comissões. Propõe-se uma metodologia que dê ênfase ao aspecto da ética individual dos membros da Comissão e ao carácter descritivo e prescritivo dos pareceres produzidos. Sem a preocupação de consensos e valorizando a complementaridade. ABSTRACT Following a period in which they have been well accepted, ethical commissions in the Health Service confront today methodological and working criteria problems for both their constitution and decision making processes. UNESCO’s recent proposals are presented, but these do not resolve the fundamental problems, and only regulate formal aspects of constitution and function. A methodology is proposed that stresses the individual responsibilities of the members of the commissions and the prescribed and descriptive reports that they produce. This is advanced without concern for consensus while emphasising complementarity.

Avaliação crítica e implementação prática de revisões sistemáticas e estudos de meta-análise

Azevedo, L.; Pereira, A.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2008 Português
Relevância na Pesquisa
0%
A Medicina Baseada na Evidência (MBE) é genericamente definida como a aplicação consciente, explícita e criteriosa da melhor evidência científica disponível na tomada de decisões sobre o cuidado individual dos doentes. Nesta rubrica de Pediatria Baseada na Evidência têm vindo a ser abordados os aspectos conceptuais, metodológicos e operacionais relativos à prática da MBE no âmbito específico da Pediatria. Neste artigo é apresentado um exemplo prático de aplicação dos conceitos, métodos e competências abordados nos artigos anteriores, debruçando-se especificamente sobre a avaliação crítica e aplicação prática de revisões sistemáticas e estudos de meta-análise. É apresentado um cenário clínico em que surge a necessidade de avaliar a evidência científica existente sobre a eficácia de intervenções terapêuticas para a erradicação da infecção pelo Helicobacter pylori em idades pediátricas, e é seguida uma metodologia prática e sistemática de avaliação crítica da evidência incluindo três questões essenciais: (1) Avaliação da validade ou qualidade metodológica da revisão sistemática; (2) Avaliação da importância científica e prática dos seus resultados; (3) Avaliação da aplicabilidade prática dos mesmos. ABSTRACT Evidence Based Medicine (EBM) is generally defined as the conscientious...

Caso estomatológico: bruxismo

Amorim, J.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /06/2009 Português
Relevância na Pesquisa
0%

O adolescente e a imagem corporal - Acne

Selores, M.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
0%

Alterações ungueais em Pediatria

Gomes, S.; Lencastre, A.; Lopes, M.J.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /03/2012 Português
Relevância na Pesquisa
0%
Estima-se que cerca de 7% das crianças com idade inferior a dois anos tenha pelo menos um tipo de alteração ungueal e que estas alterações representem até 11% dos motivos de recurso à consulta de Dermatologia Pediátrica. As alterações ungueais adquiridas na criança são semelhantes às observadas no adulto, contudo diferem em prevalência e existem algumas particularidades específicas da infância. A patologia ungueal de origem traumática é a que mais motiva o recurso ao serviço de urgência. As restantes alterações, sobretudo as crónicas e assintomáticas, são frequentemente desvalorizadas; no entanto, podem constituir a primeira manifestação de doenças dermatológicas ou sistémicas. Abordam-se as principais alterações ungueais congénitas, traumáticas, infecciosas, secundárias a exposição farmacológica, neoplásicas e os sinais ungueais que podem ser identificados no contexto de outra doença cutânea ou sistémica. ABSTRACT About 7% of children under two years of age have at least one type of nail change and these disorders represent up to 11% of the motifs for consulting Pediatric Dermatology. Acquired nail changes in children are similar to those observed in adults, but there are differences in the prevalence and there are some particularities of childhood. Traumatic nail injuries are the most frequent nail disorder observed at the emergency department. Other disorders...

Ultra-Sonografia Endoscópica em Patologia Ano-Recto-Cólica

Castro-Poças, Fernando
Fonte: Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar Publicador: Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
0%

Caso dermatológico: Doença de Fox-Fordyce

Carvalho, S.; Vilaça, S.; Selores, M.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /03/2013 Português
Relevância na Pesquisa
0%
The Fox-Fordyce disease represents an infrequent chronic pruritic skin rash of unknown etiology caused by obstruction of apocrine glands. Clinically it is characterized by multiple skin color and / or erythematous perifollicular papules in areas rich of apocrine glands (armpits, genital area, areolas and infra-mammary fold). Retinoids, antibiotics and topical immunomodulators have been used with varying results. We describe a case of a 16-year-old girl with Fox-Fordyce disease.

Suplementação com leite de fórmula: nem sempre nem nunca...

Ribeiro, L.; Oliveira, A.; Guedes, A.; Lopes, L.; Rocha, P.; Braga, A.C.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
0%
RESUMO O aleitamento materno proporciona benefícios inequívocos para a saúde da criança e da mãe. Contudo, quando efetuado de forma inadequada poderá ter consequências graves para o recém-nascido, tal como situações de desidratação hipernatrémica e respetivas complicações. Apesar da deteção e tratamento precoces serem importantes, é na prevenção que reside a solução do problema. Neste sentido é essencial continuar a fomentar estratégias que acompanhem corretamente o processo de amamentação. Os autores relatam o caso clínico de um recém-nascido com desidratação hipernatrémica secundária a um inadequado processo de aleitamento materno.; ABSTRACT Breastfeeding generates clear benefits for child and the mother’s health. However, when improperly performed, breastfeeding can cause serious consequences to the newborn, such as severe hypernatraemic dehydration and related complications. Despite the importance of early detection and treatment, prevention is fundamental. For this reason, it is crucial that strategies that support the process of correctly breastfeeding continue to be promoted. The authors describe the case of a newborn with hypernatraemic dehydration resulting from inadequate breastfeeding.

Depressão nos adolescentes – mito ou realidade?

Resende, C.; Santos, E.; Santos, P.; Ferrão, A.
Fonte: Nascer e Crescer Publicador: Nascer e Crescer
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
0%
RESUMO Introdução: A adolescência é um período de grandes mudanças a nível biopsicossocial, o que torna esta fase mais vulnerável a alterações psicológicas. A depressão surge como uma entidade clínica cada vez mais prevalente, podendo ser precursora de psicopatologia no adulto. Objetivos: Avaliar a prevalência e caracterizar a população de adolescentes com síndrome depressivo na consulta de adolescência. Material e métodos: Estudo retrospetivo e analítico, com base nos dados obtidos dos 91 processos clínicos dos doentes seguidos na consulta de adolescência com o diagnóstico de distúrbio depressivo, no período de janeiro de 2003 a dezembro de 2011. Resultados: O diagnóstico de distúrbio depressivo foi feito a 91 adolescentes (N=91). Verificou-se um predomínio do sexo feminino. A idade média do diagnóstico foi de 14,8 anos. Os adolescentes foram referenciados principalmente dos Cuidados de Saúde Primários e da Urgência Pediátrica (26,4 e 22%, respetivamente). Os principais sintomas à apresentação foram a tristeza/ labilidade emocional/choro fácil (61,5%). Os sintomas psicossomáticos estiveram presentes em 30,4% dos adolescentes. Em 64,8% dos casos foi identificado um contexto desfavorável...

Membranoproliferative glomerulonephritis associated with type II cryoglobulinaemia in a renal transplant patient with hepatitis C

Bento, C.; Malheiro, J.; Almeida, M.; Martins, L.; Dias, L.; Vizcaíno, R.; Castro-Henriques, A.
Fonte: Sociedade Portuguesa de Nefrologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Nefrologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
0%
The most common HCV-related nephropathy is membranoproliferative glomerulonephritis (MPGN), usually in the context of cryoglobulinaemia. The treatment of this entity is not consensual and represents a challenge to clinicians. We report a case of membranoproliferative glomerulonephritis associated with cryoglobulinaemia type II in a 46-year-old Caucasian male recipient of a deceased kidney transplant in 2010. His baseline serum creatinine (SCr) was 1.1 mg/dl. After three years post-transplantation, he presented with nephritic syndrome in association with renal function impairment (SCr – 2.1 mg/dl). The laboratory tests revealed positive rheumatoid factor, hypocomplementaemia and a positive cryocrit with type II cryoglobulinaemia. Antinuclear autoantibodies and anti-double stranded DNA antibodies were negative. Despite the presence of anti-HCV antibodies, the viral load remained undetectable. The allograft biopsy showed lesions compatible with membranoproliferative glomerulonephritis, with staining in the immunofluorescence for granular IgM and C3 and no C4d. He was treated with methylprednisolone pulses followed by oral prednisolone in association with rituximab. Two months after the last dose of rituximab, the SCr improved to 1.27 mg/dl...