Página 8 dos resultados de 392295 itens digitais encontrados em 0.177 segundos

Recovery and upgrading bovine rumen protein by extrusion: Effect of lipid content on protein disulphide cross-linking, solubility and molecular weight

VAZ, L. C. M. A.; AREAS, J. A. G.
Fonte: ELSEVIER SCI LTD Publicador: ELSEVIER SCI LTD
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Bovine rumen protein with two levels of residual lipids (1.9% or 3.8%) was subjected to thermoplastic extrusion under different temperatures and moisture contents. Protein Solubility in different buffers, disulphide cross-linking and molecular weight distribution were determined on the extrudates. After extrusion, samples with 1.9% residual lipids content had a higher concentration of protein insoluble by undetermined forces, irrespective of feed moisture and processing temperature used. Lipid content of 3.8% in the feed material resulted in more protein participating in the extrudate network through non-covalent interactions (hydrophobic and electrostatic) and disulphide bonds. A small dependency of the extrusion process on moisture and temperature and a marked dependency on lipid content, especially phospholipid, was observed, Electrophoresis under non-reducing conditions showed that protein extrusion with low feed moisture promoted high molecular breakdown inside the barrel, probably due to intense shear force, and further protein aggregation at the die end. (C) 2009 Elsevier Ltd. All rights reserved.; FAPESP[2007/03896-4]

Expression and purification of human respiratory syncytial virus recombinant fusion protein

ARCURI, Helen A.; APPONI, Luciano H.; VALENTINI, Sandro R.; DURIGON, Edison L.; AZEVEDO, Walter F. de; FOSSEY, Marcelo A.; RAHAL, Paula; SOUZA, Fatima P. de
Fonte: ACADEMIC PRESS INC ELSEVIER SCIENCE Publicador: ACADEMIC PRESS INC ELSEVIER SCIENCE
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
The Human Respiratory Syncytial Virus (HRSV) fusion protein (F) was expressed in Escherichia call BL21A using the pET28a vector at 37 degrees C. The protein was purified from the soluble fraction using affinity resin. The structural quality of the recombinant fusion protein and the estimation of its secondary structure were obtained by circular dichroism. Structural models of the fusion protein presented 46% of the helices in agreement with the spectra by circular dichroism analysis. There are only few studies that succeeded in expressing the HRSV fusion protein in bacteria. This is a report on human fusion protein expression in E. call and structure analysis, representing a step forward in the development of fusion protein F inhibitors and the production of antibodies. (c) 2008 Elsevier Inc. All rights reserved.; Fundacao de Amparo a Pesquisa do Estado de Sao Paulo (FAPESP)[02/08461-2]; Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Conselho Nacional para o Desenvolvimento Cientifico e tecnologico (CNPq)[150358/2003-2]

Mapeamento dos teores de óleo e proteína de grãos de soja e análise de sua correlação com atributos do solo.; Oil and protein contents yield maps and soil attributes correlation analysis for soybean grains.

Oliveira, Fábio Denari de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2003 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Este estudo teve como objetivo determinar a variabilidade espacial dos teores de óleo e proteína de grãos de soja e correlacioná-los com atributos do solo. Em uma área aproximada de 9,01ha, foram realizadas 170 coletas de dados em pontos correspondentes aos nós de uma malha regular de 25m. Em um raio de 1m ao redor do ponto central georreferenciado, foram colhidos todos os grãos de soja e coletadas 7 subamostras de solo, totalizando uma amostra composta. A correlação entre dados, visando a explicar a variabilidade espacial da produtividade de culturas agrícolas, é uma das fases mais importantes e sensíveis da Agricultura de Precisão. Muitos são os atributos que podem estar influenciando os teores de óleo (Porcentagem de Extrato Etéreo na Matéria Seca ? %E.E.M.S.) e proteína (Porcentagem de Proteína Bruta na Matéria Seca ? %P.B.M.S.) do grão de soja como, por exemplo, os do solo (compactação, estrutura, nutrientes, textura, umidade), os da planta (nutrientes absorvidos, enraizamento, disponibilidade de água nas folhas, ataque de pragas) e os do clima (radiação solar, vento, temperatura e umidade). Com os atributos utilizados neste estudo não houve correlação satisfatória entre a variabilidade espacial dos atributos da fertilidade e textura do solo com teores de óleo (Porcentagem de Extrato Etéreo na Matéria Seca ? %E.E.M.S.) e proteína (Porcentagem de Proteína Bruta na Matéria Seca ? %P.B.M.S.) da soja da área experimental e também um baixo coeficiente de determinação na análise de regressão linear múltipla para as variáveis óleo e proteína. Quanto à análise geoestatística...

Efeito da suplementação crônica com leucina na composição corporal e no estado protéico de ratos submetidos à restrição alimentar e a período de recuperação nutricional; Effect of the chronic supplementation with leucine on the body composition and on protein status of rats submitted to dietary restriction followed by a period of dietary recovery

Pedrosa, Rogerio Graça
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/06/2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Diversos estudos demonstraram que a administração aguda de leucina é capaz de estimular a síntese protéica. Contudo, poucos estudos verificaram os efeitos crônicos dessa suplementação em parâmetros que refletem o estado nutricional protéico (ENP). O presente estudo avaliou o efeito da suplementação crônica com leucina na composição corporal e no estado protéico de ratos submetidos à restrição alimentar (RA) e a período de recuperação nutricional (RN). Foram realizados dois experimentos com 88 ratos Wistar machos e adultos que foram mantidos em gaiolas individuais, em ambiente climatizado e com ciclo biológico de 12 h claro/12 h escuro. No experimento I, 28 animais foram distribuídos em dois grupos: CON (ração AIN93-M) (n = 15) e LEU (ração suplementada com 0,59 % de L-leucina) (n = 13) e submetidos à RA de 50 % por seis semanas. No experimento II, 60 animais foram distribuídos em dois grupos: CON (ração AIN93-M) (n = 30) e LEU (ração suplementada com 0,59 % de L-leucina) (n = 30) e submetidos à RA de 50 % durante uma semana. Findo o período, 15 animais de cada grupo foram sacrificados; o restante dos animais (n = 15 por grupo) foi submetido a duas semanas de RN com suas respectivas rações. No período de RN...

Variabilidade de frações protéicas do leite em rebanhos leiteiros do estado de São Paulo; Variability of milk protein fraction in dairy herds of state of São Paulo

Martins, Teodoro Teles
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/06/2008 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
O presente estudo teve por objetivo estudar a variabilidade da proteína verdadeira do leite em rebanhos leiteiros do estado de São Paulo, segundo a influência da contagem de células somáticas, raça, estação do ano e tipo de sistema de alimentação. Para tanto, foram utilizados 50 rebanhos comerciais distintos, formados por três raças distribuídas da seguinte forma: 17 da raça Holandesa, seis da raça Jersey e 26 da raça Girolando. Mensalmente foram coletadas amostras de leite do tanque de expansão sendo estas analisadas em relação à composição e contagem de células somáticas pelo método automatizado, e em relação ao teor de proteína verdadeira pelo de Kjeldahl. O teor de nitrogênio total foi multiplicado por 6,38 para transformá-lo em proteína bruta do leite (PB). O teor de proteína verdadeira (PV) do leite foi calculado pela diferença entre estas duas frações nitrogenadas (PV = PB - NNP). As diferenças observadas nos teores de proteína verdadeira, quando considerados os efeitos da época do ano, raça, sistema de alimentação e contagem de células somáticas, não foram significativas, o que permitiu a formulação de uma equação, a qual possibilita determinar a proteína verdadeira de forma simplificada. Foi proposta a equação: PV = 0...

Implementação da análise de acoplamentos estatísticos e sua aplicação à família de proteínas tirosina fosfatases; Implementation of the statistical coupling analysis and its application to the Protein Tyrosine Phosphatases family.

Bleicher, Lucas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
A Análise de Acoplamentos Estatísticos é uma técnica computacional capaz de identificar resíduos importantes para a estrutura e função de proteínas em uma família por meio da quantificação de conservação posicional, correlação entre posições e identificação de grupos de resíduos correlacionados entre si. Neste trabalho, a análise de acoplamentos estatísticos foi implementada e aplicada ao estudo das proteínas tirosina fosfatases. Em conjunto com as proteínas tirosina quinases (PTKs), que adicionam um grupo fosforil a um resíduo de tirosina em uma proteína, as proteínas tirosina fosfatases (PTPs), que o removem, são responsáveis por diversos processos de sinalização celular. Elas são um caso de evolução convergente, onde um subgrupo (as proteínas tirosina fosfatases de baixo peso molecular) não apresenta homologia às chamadas PTPs "clássicas", capazes de defosforilar apenas resíduos de tirosina, e às fosfatases de especifidicade dupla, capazes de defosforilar também resíduos de serina e treonina, além de substratos não-protéicos. Em comum, as três subfamílias apresentam apenas o motivo CX5R, característico para todas as PTPs. Através do estudo das três subfamílias utilizando a análise de acoplamentos estatísticos...

Teor de proteína no concentrado de vacas no terço inicial da lactação, mantidas em pasto de capim elefante; Protein levels in the concentrate for early lactation cows maintained in an elephant grass pasture

Chagas, Lucas Jado
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/07/2011 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
O objetivo com este estudo foi avaliar o efeito de teores crescentes de proteína no concentrado de vacas leiteiras no terço inicial da lactação mantidas em pastagens de capim elefante (Pennisetum purpureum), manejadas com altas taxas de lotação durante o período chuvoso, sobre as seguintes variáveis: 1) produção e composição de leite; 2) peso vivo e condição corporal dos animais; 3) consumo de matéria seca; 4) parâmetros sanguíneos; 5) parâmetros ruminais; 6) composição bromatológica e morfológica da pastagem; e 7) comportamento animal. Buscou-se também a caracterização da PB do capim e a adequação proteica da dieta, visando otimizar a eficiência de utilização do nitrogênio. Foram utilizadas 30 vacas (HPB × Jersey) distribuídas em 10 grupos homogêneos, cada um compondo um quadrado latino 3x3, de acordo com a composição racial, dias em lactação e produção de leite e receberam suplemento concentrado com três níveis de PB durante períodos de 21 dias. Os concentrados continham milho moído fino, minerais, vitaminas e os três níveis de proteína (T1: 7,8; T2: 15,4; T3: 20,5% PB) foram obtidos substituindo-se parte do milho por farelo de soja. O capim elefante foi adubado com 50 kg N ha-1 por pastejo e apresentou teor médio de PB de 15...

Análise de interações da subunidade catalítica da fosfatase do tipo 1 (PP1c) de Dictyostelium discoideum identificadas através do sistema de duplo-híbrido em leveduras; Analysis of yeast two-hybrid system interactions of Dictyostelium discoideum type-1 protein phosphatase catalytic subunit (PP1c)

Raposo, Renato Astolfi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/11/2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
A proteína fosfatase do tipo-1 (PP1) é uma das principais proteínas serina/treonina fosfatases (PSTPs) e desempenha papeis fisiológicos tão diversos quanto importantes, tais como a regulação do metabolismo de carboidratos e do ciclo celular. A holoenzima PP1 é constituída por uma subunidade catalítica conservada (PP1c) que está associada a subunidades não-catalíticas que modulam sua localização subcelular, especificidade de substrato e atividade enzimática. Mais de 100 proteínas que interagem com a PP1c já foram identificadas em distintos organismos eucarióticos. Proteínas que interagem com a PP1c são, portanto, a chave para compreender os diferentes papéis biológicos da PP1. A subunidade catalítica da PP1 da ameba social Dictyostelium discoideum (DdPP1c) é codificada por um gene em cópia única o qual é expresso ao longo de todo o ciclo de vida desse organismo. Algumas proteínas que interagem e possivelmente modulam a atividade da PP1 de D. discoideum já foram identificadas, utilizando-se tanto buscas por similaridades na sequência genômica deste microorganismo como ensaios utilizando o sistema de duplo-híbrido em leveduras, utilizando-se a PP1c como isca. Com esta última abordagem, foram selecionados mais de 25 clones distintos de cDNA que codificam proteínas que potencialmente interagem com a DdPP1c...

Extração de óleo de farelo de arroz utilizando solventes alcoólicos: avaliação de alterações na fração proteica e na composição do óleo; Rice bran oil extraction using alcoholic solvents: evaluation of changes in protein fraction and oil composition

Capellini, Maria Carolina
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/03/2013 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Um dos principais setores do sistema agroindustrial brasileiro é composto pelo processamento de oleaginosas. Sua importância não se deve apenas ao seu produto principal, o óleo, mas também à fração desengordurada, composta por proteínas. Tradicionalmente, hexano é o solvente empregado na extração de óleos vegetais e, por esta razão, os objetivos principais deste trabalho foram estudar a viabilidade de substituição deste solvente por solventes alcoólicos na extração do óleo de farelo de arroz e, neste sentido, avaliar o impacto desta mudança nas características do óleo e da fração proteica. Foram realizados experimentos de extração sólido-líquido na condição de equilíbrio com a finalidade de avaliar a influência das variáveis de processo, tipo de solvente (etanol ou isopropanol), teor de água no solvente (0, 6 ou 12%) e temperatura (50 a 80 °C), na extração do óleo de farelo de arroz. Através dos experimentos de extração foi possível caracterizar os extratos obtidos e o farelo desengordurado em termos de rendimento de extração de compostos lipídicos, proteicos e minoritários, além da caracterização da fração proteica presente no rafinado, em termos de solubilidade e análise térmica. De maneira geral...

Contribuições ao estudo da não-idealidade de soluções proteicas.; Contributions to the study of non-ideality of protein solutions.

Alves, Kelly Cristina Nascimento
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2013 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
O estudo de soluções proteicas visando à modelagem e à simulação de processos de recuperação e purificação de bioprodutos passa necessariamente pelo estudo da não idealidade, em sentido termodinâmico, destas soluções. Para sistemas em que a concentração de proteína seja baixa, situação comumente presente nestes processos, a principal maneira de avaliar experimentalmente a não idealidade é por meio da determinação da pressão osmótica gerada pela proteína. Deste modo, os objetivos deste trabalho foram: estudar a influência de co-solventes na pressão osmótica de soluções proteicas, verificar a integridade das estruturas secundária e terciária das proteínas nessas soluções, e modelar termodinamicamente os dados de pressão osmótica obtidos. A pressão osmótica foi determinada diretamente por osmometria de membrana, usando soluções de referência com mesma concentração de co-solvente e pH, mas isentas de proteínas. Obtiveram-se dados de pressão osmótica, em função da concentração proteica, de cinco diferentes proteínas (albumina de soro bovino, imunoglobulina G humana, ovalbumina, -lactoglobulina e lisozima) em soluções contendo co-solventes como o polietileno glicol (de diversos tamanhos de cadeia) e sais (sulfato de amônio...

Efeitos da mal nutrição protéica sobre o metabolismo da glicina em cerebelo de ratos durante o seu desenvolvimento; Study of developmental effects of protein malnutrition on glycine metabolism in cerebellum of rats

Souza, Karine Bresolin de
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Malnutrition is a worldwide problem affecting millions of unborn and young children during the most vulnerable stages of brain development (1). All restriction of protein during the perinatal period of life can alter the development of mammalian fetus and have marked repercussions on development of the Central Nervous System (CNS). The brain is vulnerable to protein malnutrition with altered morphologic and biochemical maturation, leading to impaired functions. The focus of this study is to investigate [U-14C]glycine metabolism in malnourished rats submitted to pre- and postnatal protein deprivation (diet: 8% protein with addition and without addition of L-methionine) on glycine metabolism of rats (normonourished group: 25% protein). It was observed that protein malnutrition alters oxidation to CO2, conversion to lipids and protein synthesis from [U-14C]glycine in cerebellum of malnourished rats without addition of L-methionine on a diet at 7 and 21 days of postnatal life. Our results also indicate that protein malnutrition causes a retardation in the normally ordered progression of brain development, and the malnourished groups have smaller cells, reduction in cell numbers and smaller cerebellar weight comparing to the control group.; Resumo não disponível.

Biological evaluation of mechanically deboned chicken meat protein hydrolysate; Avaliação biológica do hidrolisado de proteína da carne de galinha desossada mecanicamente

Rossi, Daniele Misturini; Flôres, Simone Hickmann; Venzke, Janaína Guimarães; Ayub, Marco Antônio Záchia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Objetivo O objetivo do estudo foi avaliar a qualidade biológica da proteína hidrolisada obtida a partir da carne mecanicamente separada de frango. Métodos A carne mecanicamente separada de frango foi hidrolisada com a enzima Alcalase 2,4 L FG e o hidrolisado obtido foi submetido a secagem em atomizador. Foram utilizados três grupos (n=6) de ratos machos Wistar os quais receberam dietas contendo caseína, proteína hidrolisada de carne mecanicamente separada de frango ou uma dieta com proteína livre. Os animais foram distribuídos aleatoriamente em gaiolas individuais, com temperatura controlada (22°C), por um período de 12 dias. Resultados A dieta utilizando carne mecanicamente separada de frango resultou em elevada utilização líquida de proteína (3,74) e elevada digestibilidade verdadeira (96%). A composição de aminoácidos da proteína hidrolisada apresentou bons resultados, embora metionina e cistina tenham apresentado baixos valores, sendo considerados aminoácidos limitantes. A composição química mostrou altos valores de proteína no hidrolisado obtido (62%). Conclusão Os resultados obtidos neste trabalho sugerem que a proteína hidrolisada de carne mecanicamente separada de frango poderá ser utilizada como um suplemento em formulações alimentares...

A proteína S100B e o exercício físico; Protein S100B and physical exercise

Stocchero, Cíntia Mussi Alvim; Müller, Alexandre Pastoris; Oliveira, Álvaro Reischak de; Portela, Luis Valmor Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
A proteína S100B cerebral tem sido utilizada como um marcador periférico de injúrias do sistema nervoso central (SNC). Entretanto, estudos recentes demonstraram que a S100B também aumenta após o exercício físico, embora o significado desse aumento ainda não esteja bem claro. Apesar de ser liberada, principalmente, por astrócitos, no sistema nervoso central, fontes de produção extracerebral de S100B durante o exercício podem estar implicadas no aumento sérico desta proteína. No entanto, exercícios que implicam impacto ao cérebro como o boxe, por exemplo, o aumento é claramente associado à lesão cerebral. Assim, trabalhos propõem que o aumento da S100B após o exercício estaria relacionado à secreção ativa por adipócitos e músculos lesados. Uma vez que a liberação da S100B pelo músculo lesado seja confirmada experimentalmente, o uso desta proteína poderia ser aprofundado, principalmente, no treinamento esportivo. Atualmente, estamos desenvolvendo protocolos na direção de avaliar o potencial valor da S100B como indicador de lesão do músculo esquelético. Portanto, o objetivo da presente revisão é apresentar o atual estado de conhecimento sobre a relação entre a proteína S100B e o exercício físico...

DNA and heparin chaperone the refolding of purified recombinant replication protein A subunit 1 from Leishmania amazonensis

Lira, C. B. B.; Gui, K. E.; Perez, A. M.; da Silveira, R. C. V.; Gava, L. M.; Ramos, C. H. I.; Cano, M. I. N.
Fonte: Elsevier B.V. Publicador: Elsevier B.V.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 119-125
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Processo FAPESP: 06/58175-7; Replication protein A (RPA) is a single-stranded DNA-binding protein that has been implicated in DNA metabolism and telomere maintenance. Subunit 1 of RPA from Leishmania amazonensis (LaRPA-1) has previously been affinity-purified oil a column containing a G-rich telomeric DNA. LaRPA-1 binds and co-localizes with parasite telomeres in vivo. Here we describe the purification and characterization of native recombinant LaRPA-1 (rLaRPA-1). The protein was initially re-solubilized from inclusion bodies by using urea. After dialysis, rLaRPA-1 was soluble but contaminated with DNA, which was removed by an anion-exchange chromatography of the protein solubilized ill Urea. However, rLaRPA-1 precipitated after dialysis to remove urea. To investigate whether the contaminating DNA was involved in chaperoning the refolding of rLaRPA-1, salmon sperm DNA or heparin was added to the solution before dialysis. The addition of either of these Substances prevented the precipitation of rLaRPA-1. The resulting rLaRPA-1 was soluble, correctly folded, and able to bind telomeric DNA. This is the first report showing the characterization of rLaRPA1 and of the importance of additives in chaperoning the refolding of this protein. The availability of rLaRPA-1 should be helpful in assessing the importance of this protein as a potential drug target. (C) 2008 Elsevier B.V. All rights reserved.

INFLUENCE OF DIETARY-PROTEIN INTAKE AND RECOMBINANT HUMAN SOMATOTROPIN ADMINISTRATION ON GROWTH AND BODY-COMPOSITION OF JUVENILE TAMBACU (A PIARACTUS-MESOPOTAMICUS X COLOSSOMA-MACROPOMUM CROSS)

Macari, Marcos; Carneiro, D. J.; Larson, M. L.; Machado, C. R.
Fonte: Elsevier B.V. Publicador: Elsevier B.V.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 363-369
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
This experiment was undertaken to study the interaction between level of dietary protein and recombinant human somatotropin (rhGH) administration on performance and body composition of juvenile tambacu (a crossbred Brazilian fish). A total of 72 juvenile tambacu, initially weighing and measuring (mean +/- s.e.m.) 23 +/- 2 g and 9 +/- 0.5 cm, respectively, were randomly divided into 18 groups of 4 fish each. Water temperature was 28 degrees C. Triplicate groups received one of two levels of dietary protein (15 and 30% as fed basis) and one of 3 doses of rhGH (0, 2 and 4 mu g/g) via intraperitoneal injection twice a week for 6 weeks, using a randomized complete block design. Somatotropin was noted to stimulate linear and body weight gain. The higher protein level supported increased growth in weight and length, but there was no interaction between protein level and rhGH dose for either parameter. Protein efficiency ratio and percentage protein deposited showed higher values on diets containing 15% protein. Somatotropin treatment did not significantly affect body composition, but there was a trend towards improved protein retention and reduced carcass lipid. In conclusion, the results of this experiment suggest that rhGH is able to stimulate linear gain in tambacu.

Protein deficiency and nutritional recovery modulate insulin secretion and the early steps of insulin action in rats

Latorraca, Márcia Q.; Reis, Marise A. B.; Carneiro, Everardo M.; Mello, Maria A. R.; Velloso, Licio A.; Saad, Mario J. A.; Boschero, A. Carlos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1643-1649
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Maternal malnutrition was shown to affect early growth and leads to permanent alterations in insulin secretion and sensitivity of offspring. In addition, epidemiological studies showed an association between low birth weight and glucose intolerance in adult life. To understand these interactions better, we investigated the insulin secretion by isolated islets and the early events related to insulin action in the hind-limb muscle of adult rats fed a diet of 17% protein (control) or 6% protein [low (LP) protein] during fetal life, suckling and after weaning, and in rats receiving 6% protein during fetal life and suckling followed by a 17% protein diet after weaning (recovered). The basal and maximal insulin secretion by islets from rats fed LP diet and the basal release by islets from recovered rats were significantly lower than that of control rats. The dose-response curves to glucose of islets from LP and recovered groups were shifted to the right compared to control islets, with the half-maximal response (EC 50) occurring at 16.9 ± 1.3, 12.4 ± 0.5 and 8.4 ± 0.1 mmol/L, respectively. The levels of insulin receptor, as well as insulin receptor substrate-1 and phosphorylation and the association between insulin receptor substrate-1 and phosphatidylinositol 3-kinase were greater in rats fed a LP diet than in control rats. In recovered rats...

Protein levels for heat-exposed broilers: Performance, nutrients digestibility, and energy and protein metabolism

Faria Filho, Daniel Emygdio de; Campos, Daniel Mendes Borges; Alfonso-Torres, Karoll Andrea; Vieira, Bruno Serpa; Rosa, Paulo Sérgio; Vaz, Aiani Maria; Macari, Marcos; Furlan, Renato Luis
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 187-194
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Heat stress causes significant economic losses on broilers production due to poorer performance and carcass quality. Considering that protein has the highest heat increment among nutrients, it has been suggested that protein levels should be reduced in diets for heat-exposed broilers. Nevertheless, there are no conclusive results on the benefits of such practice, and further studies should be performed to elucidate some reported discrepancies. Thus, a trial was carried out to evaluate the effects of dietary protein levels (17, 20 and 23%) and environmental temperature (22 and 32°C) on the performance, nutrients digestibility, and energy and protein metabolism of broiler chickens from 21 to 42 days of age. Nutrients digestibility was determined by total excreta collection, and energy and protein metabolism was evaluated by comparative slaughter method. It was concluded that (1) heat exposure impairs broilers performance and increases nitrogen excretion, but do not change nutrients digestibility; (2) high-protein diets are technically feasible and promotes lower heat production for broilers reared under thermoneutral or hot environments, however, high-protein diets increases nitrogen excretion. © Asian Network for Scientific Information...

Modulation of insulin secretion by physical training during recovery from protein malnutrition in rats

Moreira, Veridiana Mota; Botezelli, José Diego; Carniero, Everardo Magalhãesc; Latorraca, Márcia Queiroz; Lamp, César Ricardo; de Mello, Maria Alice Rostom
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 258-268
Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Objective: The purpose of the present study was to examine insulin secretion in rats submitted to protein restriction and nutritional recovery associated or not to physical training. Methods: The experiment was designed in two sets of five weeks each. In the first set the rats were fed a nonnal-protein diet(17%-control group) or a low-protein diet (6%-malnourished group) for five weeks. After this, all animals were fed the 17% protein diet and separated into four groups: sedentary control(SC); trained eontrol(TC); sedentary recovered(SR) and trained recovered(TR). TC and TR rats performed swimming exercise. Results: The results indicated efficiency of the 6% protein diet in producing signs of malnutrition, as reduction in body weight gain and serum albumin levels, as well as liver fat. Serum insulin in the fed state and insulin secretion by isolated pancreatic islets in response to glucose were Keduced,but peripheral sensitivity to insulin was increased and glucose tolerance was not changed in the protein deficient rats, indicating adaptation to malnutrition. Diet protocol for nutritional recovery was efficient in repairing body weight gain, serum albumin and liver fat levels of the previously malnourished rats. Glucose induced insulin release by pancreatic islets remained low after nutritional recovery. Insulin secretion by the islets isolated from rats submitted to exercise training during nutritional recovery was improved when compared with the sedentary animals. Conclusion: This indicates that exercise training may be useful in the treatment of protein calorie malnutrition...

Caracterização de proteínas de Citrus sinensis que interagem com a proteína efetora PthA, indutora do cancro cítrico; Characterization of Citrus sinensis proteins that interact with the PthA effector protein, inducer citrus canker

Mariane Noronha Domingues
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
O cancro cítrico, causado pelo fitopatógeno Xanthomonas axonopodis pv. citri (Xac), constitui uma doença que afeta a maioria das espécies do gênero Citrus ocorrendo praticamente em todos os continentes e se destaca como uma ameaça à citricultura brasileira. A bactéria utiliza a proteína efetora do tipo III PthA para modular a transcrição na planta hospedeira e promover o desenvolvimento dos sintomas da doença. PthA pertence a família AvrBs3/PthA e contém um domínio central de repetições de 34 aminoácidos que media interações proteína-proteína e proteína-DNA. Elucidar como a PthA ativa a transcrição é de grande importância para o esclarecimento do seu modo de ação e da patogenicidade de Xac. Este trabalho teve como principal objetivo confirmar in vivo e in vitro interações entre PthA de Xac e proteínas de laranja doce selecionadas num screening de duplo-híbrido em leveduras. Além da interação com a proteína ?-importina, conhecida por mediar a importação nuclear de AvrBs3, são descritas neste trabalho interações de PthA com proteínas de citros envolvidas no enovelamento e ubiquitinação do tipo K63. PthAs 2 e 3 interagem preferencialmente com uma ciclofilina (Cyp) de citros e com TDX, uma proteína que contém um domínio tetratricopeptídeo (TPR) e um domínio tiorredoxina (TRX). Constatou-se que PthAs 2 e 3...

Quantificação nefelométrica da proteína beta-trace para o diagnóstico da fístula liquórica da base anterior do crânio : determinação do valor de corte em fluídos nasais utilizando dois grupos controles; Predictability of quantification of beta-trace protein for diagnosis of cerebrospinal fluid leak : cut off determination in nasal fluids with two control groups

Marcelo Hamilton Sampaio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.79%
Introdução: A Fístula liquórica da base anterior do crânio é a comunicação anormal entre a cavidade nasal ou os seios paranasais e o espaço subaracnóideo. Sua presença aumenta a incidência de complicações, como principalmente a meningite, com riscos de morte ou de seqüelas, como surdez, déficits motores e cognitivos. O diagnóstico precoce e correto da fistula liquórica é importante para que o tratamento cirúrgico seja realizado o mais brevemente possível. A detecção de liquor em fluidos nasais é realizada como método diagnóstico da fistula liquórica e baseia-se na pesquisa de proteínas específicas do líquor em secreções nasais, e pode ser feita através da pesquisa da ?2-transferrina, um teste imunológico caro e pouco disponível no Brasil. Recentemente foi descrita a quantificação nefelométrica da proteína ?-trace para a identificação da fístula liquórica, uma proteína específica do cérebro e presente em altas concentrações no líquor. Os dados da literatura sugerem a mesma sensibilidade e especificidade que a ?2-transferrina. Grande parte dos laboratórios de análises clínicas possuem o equipamento nefelômetro para a quantificação da proteína ?-trace. Objetivo: Determinar o valor de corte para a medida da concentração da proteína ?-trace e a previsibilidade do teste em confirmar ou não a presença de fístula liquórica em secreções nasais no dois lados da cavidade nasal. Métodos: Secreção nasal foi coletada de pacientes com suspeita de fístula liquórica e de voluntários saudáveis. Amostras de liquor puro foram usadas. O teste nefelométrico foi utilizado para determinar a concentração da proteína ?-trace nas amostras. Os achados durante a cirurgia endonasal endoscópica foram o padrão ouro para o diagnóstico da fístula liquórica. RESULTADOS: Foi encontrado um valor de corte entre 0...