Página 1 dos resultados de 4010 itens digitais encontrados em 0.026 segundos

Deficiência de alfa-1-antitripsina na doença pulmonar obstrutiva crónica

Cardoso, Patrícia Neves
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Introdução – A deficiência de alfa-1-antitripsina é uma das alterações genéticas graves encontradas por todo o mundo. Porém, permanece subdiagnosticada, apesar da forte predisposição à doença pulmonar obstrutiva crónica que condiciona. Objectivos – Os objectivos deste artigo de revisão incluem o estudo e avaliação das implicações da deficiência de alfa-1-antitripsina em indivíduos com doença pulmonar obstrutiva crónica, a apresentação dos esquemas de diagnóstico e terapêuticos mais utilizados e adequados na orientação desta patologia. Desenvolvimento – A alfa-1-antitripsina é a proteína responsável pela maior parte da protecção antiproteásica do sistema respiratório. Os fenótipos que conferem um sério aumento do risco de desenvolvimento de doença pulmonar são aqueles em que há combinação de alelos deficientes (S e Z) ou nulos. O principal factor de risco nesses indivíduos é o tabagismo. Em adição ao efeito antiproteásico da alfa-1-antitripsina, estão implicados no desenvolvimento de doença obstrutiva outros mecanismos, como o stress oxidativo e a apoptose das células epiteliais alveolares. O enfisema é o padrão clínico mais frequentemente associado à deficiência de alfa-1-antitripsina e a causa primária de morte nesses indivíduos. Estudos da função pulmonar associados a técnicas radiológicas recentes...

Interplay between Alpha-Synuclein and Oxidative Stress in Parkinson´s Disease Cell Models; Interrelação entre Alfa-Sinucleína e Stresse Oxidativo em Modelos Celulares da Doença de Parkinson Rita Catarina

Perfeito, Rita Catarina Gonçalves
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.25%
Parkinson’s disease (PD) is the most common motor and age-related neurodegenerative disorder affecting more than 1% of the population above age 65. Neurologically, PD patients present symptoms of progressive deterioration of tremor, rigidity of movements, bradykinesia and postural instability. The major neuropathological features of the disease are characterized by a progressive degeneration of dopaminergic neurons in the substantia nigra pars compacta (SN) and the formation of intracytoplasmic inclusions, called Lewy bodies (LBs), which are mainly composed by alpha-synuclein (alpha-syn). Despite the efforts over the years, the etiopathogenesis of PD is still not fully understood. 95% of cases are sporadic and result from a combination of environmental factors and genetic susceptibilities. The remaining 5% are the result of genetic mutations, including in the alpha-syn gene, which is involved in autosomal dominant inherited forms of PD. Nevertheless, sporadic and genetic forms of PD share common processes, namely oxidative stress and mitochondrial dysfunction, which have been of great interest to understand the mechanisms involved in dopaminergic neurodegeneration in PD. In this study, we modelled mitochondrial dysfunction and oxidative stress in PD...

O impacto da intervenção com suplementação de ácido alfa-lipólico e alfa-tocoferol no controle de resistência à insulina e outros componentes da síndrome metabólica em pacientes com diabetes mellitus tipo 2; The impact of alfa-lipoic acid and alfa-tocopherol supplementation in the control of insulin resistance and other metabolic syndrome components in patients with type 2 diabetes mellitus.

Oliveira, Andreia Madruga de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/05/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.11%
Introdução. Concomitantemente com as doenças infecto-contagiosas e as carências nutricionais, o diabetes mellitus tipo 2 é reconhecidamente um importante problema de Saúde Pública, se consideradas as limitações que impõem à qualidade de vida dos indivíduos e aos elevados custos sociais decorrentes dos tratamentos, perda de produtividade e abreviação da expectativa de vida. Uma das características que predispõe à doença na população é a presença da Síndrome Metabólica caracterizada, entre outros fatores, pela obesidade central, hipertrigliceridemia, hipercolesterolemia, hipertensão arterial e resistência à insulina. Além da terapia medicamentosa usual, e apesar de alguns resultados controversos, o uso dos antioxidantes tem demonstrado individualmente o seu papel na redução do estresse oxidativo e melhora da ação da insulina na utilização da glicose pelos diversos tecidos do corpo. Objetivos. Avaliar o impacto da intervenção com suplementação combinada dos antioxidantes ácido lipóico e ?-tocoferol nos componentes da Síndrome Metabólica em pacientes com diabetes mellitus tipo 2. Metodologia. Ensaio clínico duplo-cego, randomizado e controlado com placebo. Durante 16 semanas, 102 pacientes portadores de diabetes tipo 2 foram estudados. Todos eram usuários do Sistema de Saúde do Município de Jundiaí/SP. Quatro grupos foram formados...

Avaliação do efeito do bloqueio de Fator de Necrose Tumoral alfa (TNF-) na resposta imune in vitro aos antígenos de Mycobacterium tuberculosis em pacientes com psoríase; Evaluation of the effect of TNF-alpha inhibitors in the in vitro immune response to Mycobacterium tuberculosis antigens in patients with psoriasis

Silva, Léia Cristina Rodrigues da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/11/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
O Fator de Necrose Tumoral-alfa (TNF-alfa) possui um importante papel na imunopatogênese da psoríase e agentes biológicos, como os inibidores de TNF-alfa, têm apresentado bons resultados no tratamento desta. No entanto, estes agentes foram associados ao aumento de casos de reativação de tuberculose entre os pacientes que os utilizaram. Este estudo foi realizado com o intuito de avaliar a resposta imune de pacientes com psoríase grave, ativa, sem tratamento, frente a antígenos de Mycobacterium tuberculosis (Mtb), e o efeito dos inibidores de TNF-alfa nesta resposta. Estudamos 24 pacientes com psoríase grave divididos em 2 grupos: não reatores (n = 14) e reatores (n = 10) ao teste intradérmico com PPD. Como controle, utilizamos um total de 26 indivíduos sadios, também separados em 2 grupos segundo a reatividade ao PPD (PPD-, n = 13; PPD+, n = 13). Em uma segunda etapa estudamos 11 pacientes com psoríase leve a moderada, também sem tratamento, PPD (-) para avaliarmos a importância da gravidade da psoríase na resposta aos antígenos micobacterianos. Avaliamos a resposta imunológica in vitro através da linfoproliferação, quantificação da produção de IFN-gama (ELISA) e quantificação de células produtoras de IFN-gama (ELISPOT)...

Análise comparativa do processo de invasão de hepatócitos de rato por Listeria monocytogenes e Salmonella Typhimurium: caracterização morfológica, quantificação da liberação de TNF-alfa e da morte celular por apoptose; Comparative analysis of rat hepatocytes invasion process by Listeria monocytogenes and Salmonella Typhimurium: Morphological characterization, quantification of TNF-alpha release and cellular death by apoptosis

Santos, Sânia Alves dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/02/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
INTRODUÇÃO: Os hepatócitos apresentam papel potencial em iniciar e amplificar a resposta inflamatória aguda no fígado, através da liberação de citocinas pró-inflamatórias, em papel complementar ao exercido pelas células de Kupffer e endoteliais. A invasão bacteriana da célula hepática é um estímulo para que o hepatócito produza citocinas como o TNF-alfa, capaz de induzir sua própria morte por apoptose. O TNF-alfa pode ser tanto um agente citotóxico (induzindo a morte celular), quanto um agente protetor (através da ativação de NF-kB). A morte por apoptose do hepatócito libertaria as bactérias que seriam destruídas pelo sistema imunológico hepático ativado. Salmonella Typhimurium (ST) e Listeria monocytogenes (LM) são patógenos responsáveis por importantes doenças de origem alimentar. O hepatócito é o maior local de replicação bacteriana no fígado. As conseqüências da invasão bacteriana dos hepatócitos e sua repercussão na produção de TNF-alfa e na morte celular necessitam ser melhor xxix avaliadas. MÉTODOS: Nesse estudo procuramos investigar o comportamento dos hepatócitos invadidos por ST e LM sorogrupos 4a, 4b e 1/2a, analisando os seguintes parâmetros: a) morfologia = por microscopia óptica (MO) (hematoxilina e eosina) e por microscopia eletrônica (ME); b) dosagem do TNF-alfa liberado pelos hepatócitos invadidos = o TNF-alfa liberado foi detectado por técnica ELISA no sobrenadante das culturas; c) pesquisa da morte celular por apoptose = avaliada através das técnicas TUNEL e anexina (citometria de fluxo). Para todos os parâmetros foi realizada análise comparativa estatística entre os quatro tipos de bactéria. RESULTADOS: As monocamadas de hepatócitos agredidas por Listeria monocytogenes e Salmonella Typhimurium apresentam ruptura em sua distribuição...

O modelo de cluster-alfa aplicado ao 94Mo; The alpha-cluster model applied to 94Mo

Souza, Marco Antonio de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/10/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
O modelo de cluster de partícula-alfa, o qual já foi bem-sucedido na descrição de dados espectroscópicos em núcleos leves próximos das duplas camadas fechadas no 16O e 40Ca, é aplicado ao núcleo 94Mo da região de massa dos meio-pesados. Para este propósito, vários estados deste núcleo são interpretados em termos de um sistema alfa + 90Zr onde um cluster-alfa interage com um caroço inerte de 90Zr através de um potencial fenomenológico local. São calculados os níveis de energia da banda do estado fundamental e as respectivas taxas de transição B(E2), havendo boa concordância com dados experimentais disponíveis. Os raios intercluster rms calculados para os níveis da banda do estado fundamental indicam que tal banda apresenta uma estrutura de cluster-alfa compacta. A comparação entre auto-funções de oscilador harmônico adaptadas ao sistema e as funções de onda radiais da banda do estado fundamental fornece a estimativa na qual há uma significativa contribuição do modelo de camadas na formação dos estados desta banda. O potencial de interação cluster-caroço faz prever a existência de uma banda de paridade negativa que se inicia a alguns MeV acima do limiar alfa + 90Zr, onde a aproximação de estado ligado é bastante apropriada. Da mesma forma...

Síndrome de ardência bucal: estudo duplo cego cruzado placebo-controlado da efetividade do ácido alfa-lipóico sobre a sintomatologia e avaliação da função gustatória; Burning mouth syndrome: double-blind placebo-controlled crossover trial of effectiveness of alpha lipoic acid and taste evaluation

Cavalcanti, Desirée Rosa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/06/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
A síndrome de ardência bucal (SAB) é uma condição crônica, caracterizada por sensação de ardor bucal sem alterações clinicamente detectáveis. Afeta predominantemente mulheres no período pós-menopausa e sua terapêutica ainda não está estabelecida. Pelo menos dois terços destes pacientes apresentam queixa subjetiva de disgeusia como sintoma secundário associado. O objetivo deste estudo foi avaliar a efetividade do ácido alfa lipóico, como alternativa terapêutica no controle dos sintomas da SAB, por meio de um estudo duplo-cego cruzado, placebocontrolado. Foi realizada também uma investigação da função gustatória destes pacientes, pela aplicação de teste objetivo de reconhecimento dos quatro sabores básicos. Foram incluídos trinta e cinco pacientes (31 mulheres, 4 homens, média de idade 63,1 anos, variação 36-78 anos) e 31 pacientes completaram o estudo terapêutico. Os pacientes foram randomizados para dois ciclos de tratamento um com ácido alfa lipóico e um com placebo, ambos administrados em cápsulas idênticas. Estes ciclos de tratamento foram separados por um período de washout de 20 dias. O sintoma de ardor bucal e a resposta terapêutica foram avaliadas utilizando uma escala visual de sintomatologia (EVS) numérica de 10 pontos antes do início e ao término de cada ciclo e pelo efeito global percebido (EGP)...

Estrutura de Cluster-alfa em Núcleos da Região do Molibdênio; Alpha-cluster structure in nuclei of the Molybdenum region

Souza, Marco Antonio de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/11/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.16%
O modelo de cluster-alfa é aplicado aos núcleos de massa intermediária 90Sr, 92Zr, 94Mo, 96Ru e 98Pd com a Abordagem de Potencial Local. As bandas do estado fundamental dos respectivos sistemas alfa + caroço são calculadas com um único parâmetro variável, fornecendo uma boa descrição geral dos níveis experimentais. Mostra-se que o potencial alfa + caroço é fracamente dependente do momento angular L, e que tal dependência pode ser descrita de forma simples e padronizada para os cinco núcleos. O comportamento do parâmetro radial R do potencial alfa + caroço é discutido em relação ao raio do núcleo total e a soma dos raios do cluster-alfa e do caroço. As taxas de transição B(E2) reproduzem corretamente as ordens de grandeza de quase todos os dados experimentais sem o uso de cargas efetivas. A análise das separações intercluster rms e das larguras-alfa reduzidas nas bandas do estado fundamental sugere que há uma redução da intensidade de aglomeração-alfa com o aumento do spin. Uma análise complementar das bandas de estado fundamental dos núcleos 20Ne, 44Ti e 212Po aponta uma diminuição da intensidade de aglomeração-alfa com o aumento da massa nuclear, e mostra uma condição mais fraca de aglomeração-alfa para os núcleos da região do Mo em comparação com os núcleos leves. Bandas de paridade negativa são calculadas para os núcleos 92Zr...

Avaliação do efeito anti-inflamatório do hormônio alfa estimulador de melanócito (Alfa MSH) em modelo experimental de lúpus; alfa-MSH, Lúpus eritematoso sistêmico, Citocinas, Nefropatias, Modelos animais, Artrite

Botte, Domingos Alexandre Ciccone
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.21%
O hormônio alfa estimulador de melanócito (alfa-MSH) é um neuropeptídeo com atividade anti-inflamatória que apresenta efeitos benéficos em modelos experimentais de doenças autoimunes. Entretanto pouca atenção tem sido dada a seus efeitos no lúpus eritematoso sistêmico (LES). No presente estudo utilizou-se o tratamento com o super análogo NDP-MSH em modelo experimental de LES induzido por pristane. Grupos de camundongos fêmeas foram tratados diariamente com 1,25 mg/Kg de NDP-MSH ou solução salina por 180 dias. Foram avaliados os seguintes parâmetros séricos: isotipos de IgG, anticorpos antinucleares (FAN) e citocinas. A intensidade da artrite foi mensurada por graduação de edema e eritema. A função renal foi estimada por proteinúria e escore histopatológico. A expressão de IgG, alfa-SMA, iNOS, C3, CD3, MC1R, CRF e alfa-MSH glomerular foi quantificada por imunohistoquímica. Camundongos com LES apresentaram aumento de IgG, FAN, IL-6, IL-10 e TNFalfa, escore de artrite, disfunção renal e celularidade mesangial quando comparados aos animais controle normais. O tratamento dos animais LES com NDP-MSH reduziu os títulos de IgG1 e IgG2a (p < 0,05 e p < 0,001 respectivamente), bem como a incidência de FAN+ (p < 0...

Programa alfa e beto : aquisição da leitura e da escrita

Machado, Maria Lúcia de Mello
Tipo: trabalho de conclusão de graduação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
O processo de aquisição da leitura e da escrita está vinculado ao desenvolvimento da criança e sua interação com o mundo. São preocupantes os índices de reprovação e os resultados obtidos em avaliações de competências. A turma onde ocorreu o estágio de docência estava desenvolvendo o Programa de Alfabetização do Instituto Alfa e Beto que utiliza a Psicologia Cognitiva da Leitura e do método fônico para o desenvolvimento das competências da leitura e da escrita. Também verificamos que a proposta pedagógica do Programa Alfa e Beto abrange o desenvolvimento de outras competências, além da leitura e da escrita, evidenciando o compromisso com a aprendizagem do aluno, propiciando avaliações periódicas e períodos de recuperação com observância no domínio das competências de alfabetização trabalhadas com as crianças. Neste programa, a criança aprende o código alfabético e o valor sonoro correspondente e, a partir daí, se apropria da leitura de diversos vocábulos, frases e textos. Para fazer uma análise do Programa Alfa e Beto, trouxemos a contribuição dos estudos de Emilia Ferreiro e Ana Teberosky, que nos ajudarão a compreender como ocorre a aquisição da leitura e da escrita, abordando os níveis de conhecimento que estão caracterizados na Psicogênese da Língua Escrita. Esses estudos servirão como aportes teóricos ajudando a compreender a forma como as crianças interagem no ambiente escolar e adquirem as competências da leitura e da escrita...

Endotoxemia por lipopolissacarídeo de Escherichia coli, em eqüinos: efeitos de antiinflamatórios nas concentrações sérica e peritoneal do fator de necrose tumoral alfa (TNF-alfa)

Campebell, R. C.; Peiró, J. R.; Rosa, P. C. S.; Valadão, C. A. A.; Bechara, Gervasio Henrique
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 837-843
Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Avaliou-se a inibição da produção do fator de necrose tumoral alfa (TNF-alfa) devido ao pré-tratamento com antiinflamatório esteroidal (dexametasona) e não esteroidal (diclofenaco sódico) em eqüinos com endotoxemia induzida experimentalmente. Foram utilizados 15 cavalos machos não castrados, distribuídos em três grupos de cinco animais: controle (C), diclofenaco sódico (DS) e dexametasona (DM). A endotoxemia subletal foi induzida pela infusão intravenosa (IV) de 0,1mg/kg/pv de lipopolissacarídeo (LPS) de Escherichia coli 055:B5, administrado em 250ml de solução estéril de cloreto de sódio a 0,9%, durante 15min. Os cavalos do grupo-controle foram tratados com solução de cloreto de sódio a 9% IV. Nos animais do grupo DS, administraram-se, por via oral, 2,2mg/kg de diclofenaco sódico e, nos do grupo DM, 1,1mg/kg de dexametasona IV, respectivamente, 60 e 30min antes da infusão da endotoxina. Mensurou-se, por meio de ensaio de toxicidade com células da linhagem L929, a concentração de TNF-alfa no soro e no líquido peritoneal às 0, 1¼, 3 e 6 horas após injeção do LPS. No grupo-controle, observou-se aumento significativo de TNF-alfa sérico, em relação ao valor basal e aos grupos DS e DM, 1,15 horas após a indução da endotoxemia. No líquido peritoneal...

Avaliação do perfil hematológico de portadores de talassemia alfa provenientes das regiões Sudeste e Nordeste do Brasil

Oliveira, Gislane L. V.; Mendiburu, Carlos F.; Bonini-Domingos, Claudia R.
Fonte: Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e daSociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea Publicador: Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e daSociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 105-109
Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
A talassemia alfa é uma anemia hereditária resultante da síntese deficiente de cadeias alfa, provocando um excesso relativo de cadeias beta, que vão formar tetrâmeros identificados como hemoglobina H (Hb H) no indivíduo adulto. Para direcionar o diagnóstico laboratorial desta anemia, a análise dos índices eritrocitários, a eletroforese em acetato de celulose em pH neutro e a pesquisa de corpos de inclusão de Hb H são essenciais. O objetivo deste estudo foi traçar o perfil hematológico, por meio dos índices eritrocitários, dos portadores de talassemia alfa das regiões Sudeste e Nordeste do Brasil. Foram analisadas 1.010 amostras de sangue periférico após consentimento informado. Os índices eritrocitários como contagem de glóbulos vermelhos (RBC), dosagem de hemoglobina (HGB), hematócrito (HCT), volume corpuscular médio (VCM), hemoglobina corpuscular média (HCM) e concentração de hemoglobina corpuscular média (CHCM) foram fornecidos por aparelhos automatizados com controle de qualidade interno e externo. Para o diagnóstico de talassemia alfa foram utilizados testes de triagem e complementares para talassemias, como eletroforese em pH neutro e pesquisa de corpos de inclusão de Hb H com coloração de azul cresil brilhante. Comparando-se os valores hematológicos observados nos dois grupos...

Estudo das talassemias do tipo alfa em dois estados das regiões nordeste e sudeste do Brasil

Mendiburu, Carlos Fabián
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis Formato: 88 f. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Pós-graduação em Genética - IBILCE; As talassemias alfa constituem um dos mais prevalentes distúrbios de hemoglobinas no mundo. No Brasil, as talassemias alfa tem sido observadas em alta freqüência nos grupos analisados. A expressão fenotípica variável desta alteração dificulta seu diagnóstico laboratorial e clínico. Em virtude da dificuldade diagnóstica e da elevada freqüência das talassemias alfa; analisou-se amostras de indivíduos adultos de dois estados do Brasil, com o objetivo de caracteriza-as laboratorialmente por procedimentos de rotina, incluindo HPLC, e biologia molecular. Todas a amostras apresentaram resultados laboratoriais sugestivos de talassemia alfa, sendo identificados molecularmente 50 (14%) heterozigotos e 11 (3%) homozigotos para a deleção -?3.7. ?s freqüências genotípicas não apresentaram diferencias nos grupos analisados. Não observou-se correlação entre os resultados obtidos na triagem e os da análise molecular. O nível médio da Hb A2 foi significativamente menor no grupo homozigoto quando comparado aos grupos normal e heterozigoto. Porem, não foram observadas diferenças nos níveis de Hb F entre os grupos genotípicos. Os valores médios de HCM e VCM foram significativamente diferentes entre os grupos genótipos. Os resultadas deste trabalho confirmam a freqüência da talassemia alfa pela deleção -?3.7 e...

An improved approach for the synthesis of alfa,alfa-dialkyl glycine derivatives by the Ugi-Passerini reaction

Lima, Sílvia M. M. A. Pereira; Costa, Susana P. G.; Maia, Hernâni L. S.
Fonte: The Royal Society of Chemistry Publicador: The Royal Society of Chemistry
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2003 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
A general and simple strategy for routine peptide synthesis with alfa,alfa-dialkyl glycines taking advantage of the four-component Ugi-Passerini reaction is presented. The isonitrile required for the reaction can be relatively simple and its selection based on cost, as the group it generates is easily removed under acidic conditions; in addition, this removal is not visibly affected by the bulkiness of the alfa-alkyl groups. Being a good leaving group from the N-terminal amino group of the amino acid, 4-methoxybenzyl was the choice for the amine component of the reaction. The method is illustrated with the synthesis of a series of acyl derivatives of several alfa,alfa-dialkyl glycines. The preparation of the latter compounds is also reported.; Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Ga[NO2A-N-(alfa-amino)propionate] chelates : synthesis and evaluation as potential tracers for 68Ga3+ PET

Ferreira, Miguel F.; Pereira, Goretti; André, João P.; Prata, M. I. M.; Ferreira, Paula M. T.; Martins, José A.; Geraldes, Carlos F. G. C.
Fonte: Royal Society of Chemistry Publicador: Royal Society of Chemistry
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 09/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
The availability of commercial 68Ge/68Ga cyclotron-independent 68Ga3+ generators is making Positron Emission Tomography (PET) accessible to most hospitals, which is generating a surge of interest in the design and synthesis of bi-functional chelators for Ga3+. In this work we introduce the NO2A-N-(alfa-amino)propionic acid family of chelators based on the triazacyclononane scaffold. Complexation of the parent NO2A-N-(alfa-amino)propionic acid chelator and of a low molecular weight (model) amide conjugate with Ga3+ was studied by 1H and 71Ga NMR. The Ga3+ chelate of the amide conjugate shows pH-independent N3O3 coordination in the pH range 3-10 involving the carboxylate group of the pendant propionate arm in a 6 member chelate. For the Ga[NO2A-N-(alfa-amino)propionate] chelate, a reversible pH-triggered switch from Ga3+ coordination to the carboxylate group to coordination to the amine group of the propionate arm, was observed upon pH increase/decrease in the pH range 4-6. This phenomenon can conceivably constitute the basis of a physiological pH sensor. Both complexes are stable in the physiological range. The [67Ga][NO2A-N-(alfa-benzoylamido)propionate] chelate was found to be stable in human serum. Biodistribution studies of the 67Ga3+-labeled pyrene butyric acid conjugate NO2A-N-(alfa-pyrenebutanamido)propionic acid revealed that...

Contribution to construction and performance tests of the ALFA/ATLAS/LHC

Seabra, Luís Filipe Oleiro Vivaldo
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.22%
Tese de mestrado em Engenharia Física, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2011; ATLAS é um dos quatro detectores principais de partículas instalados no acelarador LHC. Foi projetado e construído para estudar colisões protão-protão e colisões entre iões pesados. É um detector de partículas que tem como objectivo geral a procura de novas partículas relacionadas com o mecanismo de quebra espontânea de simetria e investigar teorias para além do Modelo Padrão. Uma peça essencial para as medidas do programa de física de ATLAS é a determinação precisa da luminosidade integrada, ? Ldt, onde L é a luminosidade instantânea. O trabalho apresentado nesta tese foi realizado no âmbito do Grupo Português de ATLAS e dentro da colaboração com o Grupo de Trabalho de ALFA. Esta tese descreve o trabalho realizado para projetar, construir e testar um sistema de oito detectores para medir a dispersão elástica de protões a ângulos muito pequenos (3:5 µrad), atingindo a região de interferência coulombiana e, desta forma, permitir a medição da luminosidade absoluta utilizando a secção eficaz eletromagnética. Com este sistema de detectores, chamado ALFA, a sigla para Luminosity Absolute For ATLAS...

Tratamento de reposição na deficiência de alfa-1-antitripsina em doentes com enfisema pulmonar

Pinho, Crisbety Marlene Soares de
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /05/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.13%
A doença pulmonar obstrutiva crónica é uma das principais causas de incapacidade respiratória e a quarta causa de morte em todo o Mundo, sendo mais frequente no sexo masculino. A exposição ao fumo do tabaco é considerada o principal fator de risco ambiental, no entanto, existem outros fatores igualmente importantes como, por exemplo, a deficiência de alfa-1-antitripsina, a única desordem genética conhecida associada a esta patologia até aos dias de hoje. Esta enzima é maioritariamente produzida e sintetizada pelos hepatócitos sendo posteriormente distribuída através do sangue para os tecidos com especial importância fisiológica nos pulmões. É uma proteína de fase aguda e apresenta ação inibidora das proteases com particular afinidade para a elastase dos neutrófilos limitando a lesão dos tecidos por elastases em locais com inflamação. O fenótipo deficiente mais comum associado à doença é o PiZZ com grande diminuição dos níveis de alfa-1-antitripsina e elevado risco de desenvolver enfisema pulmonar e cirrose hepática, entre outras. Estudos epidemiológicos indicam que um valor limiar de 11umol (50mg/dL) ou aproximadamente 35% do nível médio normal é suficiente para proteger os pulmões. A abordagem mais específica para tratar a deficiência de alfa-1-antitripsina é a reposição intravenosa dos níveis desta proteína na sua forma purificada de forma a obter níveis sanguíneos acima de 50mg/dL...

Níveis de interleucina-6 e fator de necrose tumoral-alfa no liquor de recém-nascidos a termo com encefalopatia hipóxico-isquêmica

Silveira,Rita de Cássia; Procianoy,Renato S.
Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria Publicador: Sociedade Brasileira de Pediatria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
OBJETIVO: avaliar os níveis liquóricos de IL-6 e TNF-alfa em recém-nascidos a termo com encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI), comparando-os com os de recém-nascidos controles. METODOLOGIA: estudo caso-controle realizado no período de julho de 1999 a outubro de 2001, incluindo dois grupos de recém-nascidos a termo: controle, com 20 recém-nascidos sem sepse e/ou meningite e com escore de Apgar > 9 no primeiro e quinto minutos de vida; e casos, com 15 recém-nascidos asfixiados, caracterizados pelo escore de Apgar < 4 e < 6 no primeiro e quinto minutos de vida, respectivamente, pH umbilical < 7,20 e/ou lactato arterial umbilical > 3,0 mmol/l e necessidade de ventilação com pressão positiva pelo menos durante 2 minutos após o nascimento. Foram coletadas amostras de liquor nas primeiras 48 horas de vida, para determinação dos níveis de IL-6 e TNF-alfa pelo método de enzimoimunoensaio. RESULTADOS: os grupos não diferiram quanto ao peso de nascimento, idade gestacional, classificação quanto ao peso e idade gestacional, tipo de parto e tempo médio de obtenção do liquor; seus exames foram obtidos em média com 17 horas de vida. Nos recém-nascidos asfixiados, as medianas dos níveis liquóricos foram: 157,5 pg/ml para IL-6 e 14...

Hemoglobinas AS/alfa talassemia: importância diagnóstica

Tomé-Alves,Renata; Marchi-Salvador,Daniela P.; Orlando,Giselda M.; Palharini,Luciana A.; Imperial,Rodrigo E.; Naoum,Paulo C.; Bonini-Domingos,Claudia R.
Fonte: Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e Terapia Celular Publicador: Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e Terapia Celular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2000 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Portadores de traço falciforme (hemoglobina AS) associados a talassemia alfa apresentam alterações na morfologia dos eritrócitos, normalmente ausentes nos heterozigotos para esta variante de hemoglobina. A interação entre hemoglobina S e talassemia alfa tem sido descrita como um dos fatores responsáveis pela melhora no quadro clínico de portadores homozigotos de hemoglobina S (anemia falciforme), diminuindo os episódios de crises de falcização. Os mecanismos genéticos desta influência são avaliados em análises moleculares dos genes da globina humana. Com o objetivo de verificar a presença de talassemia alfa em portadores de hemoglobina S em heterozigose, com presença de anemia, encaminhados ao Laboratório de Hemoglobinas do Departamento de Biologia da UNESP, de São José do Rio Preto, analisamos 1.002 amostras de sangue com traço falciforme, no período de 1990 a 1998. As amostras foram colhidas com EDTA como anticoagulante, após prévia autorização dos portadores. Para o diagnóstico laboratorial as amostras de sangue foram submetidas a procedimentos eletroforéticos em pH alcalino e ácido e pesquisa citológica de hemoglobina H. Os procedimentos eletroforéticos confirmaram a presença de hemoglobina AS. A pesquisa citológica evidenciou a presença de talassemia alfa. Deste total analisado...

Dificuldades na identificação laboratorial da talassemia alfa

Dias-Penna,Karlla Greick Batista; Melo-Reis,Paulo Roberto de; Mesquita,Mauro Meira de; Silva,Jairo Batista da; Bataus,Luiz Artur Mendes
Fonte: Sociedade Brasileira de Patologia Clínica; Sociedade Brasileira de Patologia; Sociedade Brasileira de Citopatologia Publicador: Sociedade Brasileira de Patologia Clínica; Sociedade Brasileira de Patologia; Sociedade Brasileira de Citopatologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
Introdução: Talassemia alfa é uma síndrome associada à redução da síntese de cadeias de globina do tipo alfa. A gravidade das manifestações clínicas está relacionada com a quantidade de globinas produzida e a estabilidade das cadeias beta presentes em excesso. A talassemia alfa mínima resulta da deleção de apenas um dos quatro genes a (-?/??). Clinicamente apresenta anemia leve com microcitose ou ausência de anemia, sendo o diagnóstico realizado por meio de visualização da hemoglobina (Hb) H por eletroforese alcalina em acetato de celulose ou por identificação de inclusões celulares de Hb H coradas pelo azul de crezil brilhante. Objetivo: Avaliar portadores de talassemia alfa e seus respectivos progenitores, correlacionando perfil hematológico e presença de Hb H, utilizando procedimentos laboratoriais clássicos em três diferentes amostragens. Discussão e conclusão: Os dados obtidos mostram que a presença de Hb H, indicativo de talassemia alfa, pode não ser confirmada em uma análise posterior. Entre os fatores que podem influenciar no não aparecimento de Hb H em pessoa comprovadamente com talassemia alfa está a deficiência de ferro. A talassemia alfa está associada a defeitos envolvendo os genes codificadores da cadeia alfa...