Página 1 dos resultados de 192 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

Combination of an anaerobic process with O(3), UV and O(3)/UV for cellulose pulp bleaching effluent treatment

PIRES, Eduardo Cleto; MOMENTI, Thiago Jose
Fonte: DESALINATION PUBL Publicador: DESALINATION PUBL
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
27.08%
Recent studies have shown that partial oxidation by advanced oxidation processes (AOP) is able to transform hard-to-degrade compounds and increase their biodegradability. In this work, anaerobic treatment was followed by ozonation, UV radiation and ozonation in the presence of UV radiation, to treat bleaching effluents from a cellulose kraft Pulp plant. The anaerobic reactor (horizontal anaerobic immobilized Sludge bed, HAISB) was Used as a pretreatment to reduce the efficient organic load before applying ACIP. The ozone treatments were applied in three different pH environments (3, 8 and 10) with retention times of 10, 30, 45 and 60 min. COD and adsorbable organic halogens (AOX) removal efficiencies at the HAISB were approximately 50%, while the BOD removal efficiency reached 80%. Ozonation promoted further removal of AOX and COD so that the combined efficiency reached 96% for AOX and 70% for COD. In the oxidation process, BOD was either removed in small quantities or actually increased, as intended, so that a second biological treatment would be able to complete the treatment. The maximum increase in the BOD(5)/COD ratio (biodegradability indicator) Occurred at pH 8, reaching 104% for ozonation at a dosage of 1540 mg(O3).L(-1). Applying UV radiation alone resulted in lower values: a 34% increase ill the BOD(5)/COD ratio and a 76% AOX removal efficiency. These results indicate that the combination of anaerobic treatment with ozonation or ozonation/UV radiation improves the treatability of cellulose pulp bleaching efficients and that the resulting wastewater is suitable for further biological treatment under aerobic conditions with a low level of toxic compounds from the halogenated family.

Estudo da otimização do processo H2O2/UV para o descoramento de um efluente de indústria têxtil; Optimization study of the H2O2/UV process for decolorization of a textile industry wastewater

Franco, Maraissa Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
27.08%
Os efluentes gerados pelas indústrias têxteis possuem como características elevada DQO, alta concentração de matéria orgânica não-biodegradável e intensa coloração, já que em média 12% do total de corantes utilizados são perdidos durante a produção. Os azo-corantes são os mais utilizados por possuírem uma alta aderência ao tecido, resistência à luz solar e a processos químicos. Estes corantes possuem como agravante o fato de serem quimicamente resistentes aos métodos de tratamentos biológicos convencionais. Os Processos Oxidativos Avançados (POA) têm sido estudados como uma alternativa promissora para o tratamento de substâncias tóxicas, refratárias e não-biodegradáveis. O presente trabalho tem como objetivo tratar um efluente de uma indústria têxtil utilizando o processo H2O2/UV para o descoramento dos corantes da família Remazol presentes, otimizando o processo a fim de se obter um efluente com características que facilitem o tratamento biológico. Para tanto, elaborou-se um planejamento experimental, com a finalidade de se estimar os efeitos das variáveis independentes pH, temperatura e concentração inicial de peróxido de hidrogênio. Em seguida, foi possível ajustar-se um modelo polinomial aos dados obtidos. A condição ótima de tratamento para as variáveis independentes foi: pH=12...

Aplicação de processo oxidativo avançado (POA) como pré-tratamento de efluente de laticínio para posterior tratamento biológico; Aplication of Advanced Oxidative Process (AOP) as pretreatment of dairy wastewater for subsequent biologic treatment

Salazar, Rodrigo Fernando dos Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
27.84%
O foco deste trabalho foi desenvolver um sistema de tratamento híbrido, constituído por um pré-tratamento fotocatalítico heterogêneo (POA) e posterior tratamento biológico por lodo ativado (SLA), para a redução da carga orgânica de efluentes laticinista oriundos do processamento de lácteos líquidos, como por exemplos, cremes, iogurte e beneficiamento de leite. Para a caracterização analítica do efluente in natura e tratado empregaram-se as metodologias Standard Methods, validadas em função do tipo e da complexidade da amostra (DQO, DBO, Norgânico, N-NH4 +, PTotal, Fe2+, O&G, ST, STF, STV, SS, SD, Al, As, Ca, Fe, Mge Pb). Através de planejamentos fatoriais determinaram-se as melhores condições entre as variáveis estudadas para as etapas de tratamentos com POA e lodo ativado, tendo como fator de resposta a redução da DQO. Para a etapa de POA empregou-se a fotocatálise, utilizando como semicondutor o dióxido de titânio (TiO2) finamente distribuído e fixado com tinta poliuretânica sobre uma chapa metálica plana, onde o efluente foi percolado sobre o respectivo leito catalítico posicionado em um ângulo fixo de 23º, recebendo a radiação solar direta. O dois tipos de estrutura de TiO2 (rutilo ou anatase) foram avaliados morfologicamente (DRX...

Degradação do pesticida amicarbazona em meio aquoso pelo processo TiO2/UV irradiado por luz solar.; Degradation of the herbicide amicarbazone in aqueous solution by the solar irradiated TiO2-UV process.

D'Avila, Alexandre Coelho da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/08/2012 Português
Relevância na Pesquisa
27.08%
Os processos oxidativos avançados (POAs) têm sido apontados como alternativa eficiente para a degradação de poluentes recalcitrantes. Entre os POAs, a fotocatálise utilizando luz solar vem sendo muito estudada tendo em vista sua aplicação no tratamento de efluentes aquosos contendo pesticidas. No presente trabalho, estudou-se a degradação do herbicida amicarbazona (AMZ) por meio do processo TiO2/UV em um reator com coletores parabólicos compostos irradiados por luz solar. Os experimentos foram realizados segundo uma matriz Doehlert para o estudo da influência da concentração inicial de AMZ (20-100 mg L-1), da concentração de catalisador (0,1-1 g L-1) e do número de tubos expostos à luz solar (1-9). Amostras retiradas ao longo do tempo foram analisadas quanto às concentrações de AMZ e de carbono orgânico total (TOC). As medidas radiométricas realizadas indicaram que a radiação UVB-UVA correspondeu em média a ca. 4% da radiação solar total incidente entre 310-2800 nm; a actinometria de ferrioxalato indicou fluxo fotônico médio de 3,58×10-5 mol fótons m-2 s-1 para dias ensolarados típicos. O processo TiO2/UV mostrou-se eficiente para degradação do pesticida, que foi totalmente removido antes de 45 minutos de tratamento...

Estudo e otimização da degradação dos herbicidas hexazinona e diuron utilizando processos oxidativos avançados (POA): H2O2/UV e foto-Fenton; Study and optimization of the degradation of the herbicides diuron and hexazinone using advanced oxidation processes (AOP): H2O2/UV and photo-Fenton

Martins, Alysson Stefan
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2013 Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
Agrotóxicos são frequentemente relatados na literatura em contaminações de ambientes aquáticos, sendo provenientes do lixiviamento de solos, do descarte inadequado de embalagens agrícolas, dentre outros. Nesse contexto, os processos oxidativos avançados (POA) têm sido estudados como alternativa para o tratamento desses compostos em meio aquoso. Os POA consistem na oxidação de compostos orgânicos pela formação de radicais livres com alto poder oxidante. Diante desses aspectos, o presente trabalho teve como proposta o estudo da degradação dos herbicidas hexazinona e diuron, aliada ao planejamento experimental do tipo composto central, a fim de otimizar o processo de degradação. Para tanto, realizaram-se as degradações através dos processos H2O2/UV e foto-Fenton em concentrações iniciais próximas a 7 e 20 mg L-1 para a hexazinona e diuron, respectivamente. Os experimentos foram conduzidos em um reator fotoquímico (200 mL a 25 °C) com aplicação de irradiação UV, proveniente de uma lâmpada de Hg (degradação H2O2/UV) e de luz negra (degradação foto-Fenton). No processo via H2O2/UV foram avaliadas a concentração de H2O2 (0,65 a 13,34 mmol L-1) e pH (2,77 a 11,23), e para o processo foto-Feton avaliou-se a concentração de H2O2 (0...

Degradação da resina de troca iônica utilizando o reagente de Fenton; Degradation of ion spent resin using the Fentons reagent

Araujo, Leandro Goulart de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/08/2013 Português
Relevância na Pesquisa
27.08%
O método mais comum de tratamento da resina de troca iônica radioativa é a imobilização em cimento, que reduz a liberação de radionuclídeos para o meio ambiente. Apesar de eficiente, esse método é custoso, pois a quantidade final de rejeito gerada é elevada, já que a capacidade de carga de imobilização é baixa. Este trabalho tem como objetivo desenvolver um método de degradação das resinas provenientes do reator de pesquisa nuclear do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, utilizando o Processo Oxidativo Avançado (POA) com reagentes de Fenton. Isso permitiria uma incorporação maior no cimento. Três formas da resina foram avaliadas: catiônica, aniônica, e uma mistura de ambas as resinas. As reações foram realizadas variando a concentração do catalisador (25, 50, 100 e 150 mM), do volume de peróxido de hidrogênio (320 a 460 mL), e de três temperaturas diferentes, 50, 60 e 70 °C. A solução de catalisador mais eficiente foi a de concentração de 50 mM e volume de 330 mL de peróxido, degradando aproximadamente 98% da quantidade de resina. A temperatura mais eficiente foi a de 60 º C.; The most common method for spent radioactive ion exchange resin treatment is its immobilization in cement, which reduces the radionuclides release into the environment. Although this method is efficient...

Desenvolvimento e estudo de um sistema para tratamento de fenol e poluentes orgânicos emergentes (POE) por processos oxidativos avançados (POA) utilizando ozônio, peróxido de hidrogênio e radiação ultravioleta; Development and study of a system for the treatment of phenol and emerging organic pollutants (EOP) by advanced oxidation processes (AOP) using ozone, hydrogen peroxide and ultraviolet radiation

Nolasco, Felipe Rufine
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
27.08%
O estudo avaliou a efetividade de um sistema para tratamento de soluções aquosas contendo poluentes orgânicos emergentes (POE), denominados interferentes endócrinos (IE). Baseado nos processos oxidativos avançados (POA), empregando ozônio, radiação UV, peróxido de hidrogênio e variação de pH, o estudo possibilitou determinar a relação ideal oxidante/poluentes e o custo/benefício dos tratamentos com melhores desempenhos, de degradação do padrão contendo hormônios 17?-estradiol (E2) e 17?-etinilestradiol (EE2), e outra contendo atrazina (ATZ). Para os estudos, foi utilizado um planejamento fatorial 23, para identificar as melhores opções de degradação. Os tratamentos iniciaram com soluções em concentrações de 600 ?g L-1 de ATZ, em quadruplicatas, por períodos de até 10 minutos. Posteriormente a avaliação dos melhores tratamentos, foi estudada a cinética de mineralização de soluções a 5 mg L-1 de ATZ, em até 90 min. A concentração de estudo adotada para os hormônios foi de 1 mg L-1. A determinação da ATZ e dos hormônios (E2 e EE2) foi realizada por cromatografia em fase líquida (CLAE), utilizando a extração em fase sólida (EFS) quando necessário. Para o estudo foram construídos dois sistemas de tratamento paralelamente acoplados (S1 - escala laboratorial e S2 - escala piloto)...

Acoplamento das micro-ondas ao processo oxidativo avançado UV/H2O2 para a degradação de corantes ácidos; Coupling microwave to the UV/H2O2 advanced oxidative process for acide dyes degradation

Fracca, Mônica Paquese
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
Os efluentes corados ainda são um problema em estações de tratamento de esgoto. Os corantes normalmente apresentam estruturas complexas e difíceis de serem degradadas por processos convencionais, entrando no meio ambiente aquático e causando impacto visual, mudanças nas características físico-químicas da água, prejudicam a fotossíntese do meio e podem apresentar efeitos ecotóxicos. Para o tratamento de vários tipos de efluentes, os Processos Oxidativos Avançados (POAs) são eficientes, rápidos e promovem uma oxidação não seletiva. Os POAs podem se tornar mais eficazes com o acoplamento de outras tecnologias, como as micro-ondas. As micro-ondas não possuem energia suficiente para quebrar as ligações intermoleculares, mas quando somadas ao processo UV/H2O2 pode haver um efeito sinérgico melhorando o desempenho do POA. Neste trabalho, buscou-se a otimização do processo UV/H2O2 acoplado às micro-ondas utilizando-se uma lâmpada de descarga sem eletrodo (LDE) de Hg e Fe. Utilizou-se um planejamento experimental para estudar a degradação de uma mistura de três corantes ácidos de classes diferentes: Acid Blue 9 (C.I. 42090, triarilmetano), Acid Red 92 (C.I. 45410, xanteno) e Acid Yellow 23 (C.I. 19140, monoazo). A variável-resposta observada foi a concentração residual dos corantes medida por CLAE. As condições ótimas para o tratamento foram: concentração inicial de peróxido de hidrogênio = 125 mg L-1...

Estudo da ecotoxicidade de efluentes da mineração de carvão e a aplicação de adsorventes alternativos em associação com fotocatálise heterogênea na remoção de metais e HPAs

Lattuada, Rafael Mello
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.56%
A concentração de Fe, Ni, Cd, Mn, Zn, Cr e Pb, determinada por TXRF, foi investigada em matrizes de água, sedimento e fígados de peixes, amostrados em rios da região mineradora de carvão de Criciúma - SC/Brasil - afetadas por descargas de drenagem ácida de mina (DAM). A relação destes metais com a toxicidade para o bioindicador Daphnia magna (24 e 48 h) foi avaliada, sendo estabelecida correlação entre [Fe]solúvel e toxicidade à D. magna nas amostras de água. Para os sedimentos, há indícios de correlação dos teores de Fe e toxicidade, e nos fígados suspeita-se de níveis de Zn alterados. Efluentes da mineração, incluindo a DAM, após o tratamento por floculação e/ou decantação e/ou flotação e alcalinização mantiveram toxicidade mesmo com os metais reduzidos para concentrações não tóxicas à D. magna. Creditou-se a toxicidade remanescente a hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPAs, determinada por CG/MS). Foram testados três adsorventes de baixo custo na retenção de metais (Fe, Ni, Cd, Mn, Zn, Cr e Pb) em soluções ácidas multimetais: casca de arroz (CA), carvão de casca de arroz (CCA) e turfa e carvão ativado comercial (CAC – adsorvente de confronto). As quantidades máximas adsorvidas dos metais (mg) por massa de sorbente (g) - qm...

Facile synthesis and characterization of ZrO2 nanoparticles prepared by the AOP/hydrothermal route

Padovini, D. S. S.; Pontes, D. S. L.; Dalmaschio, C. J.; Pontes, F. M.; Longo, E.
Fonte: Royal Soc Chemistry Publicador: Royal Soc Chemistry
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 38484-38490
Português
Relevância na Pesquisa
27.56%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Processo FAPESP: 11/20536-7; Processo FAPESP: 12/14106-2; Processo FAPESP: 13/07296-2; We report on the synthesis and characterization of ZrO2 nanoparticles prepared from zirconium(IV) butoxide in the absence of base or acid mineraliser by an advanced oxidation processes (AOP) and subsequent hydrothermal treatment which involves mixing and dissolution of the precursor for different temperatures. The structure, morphology and properties of the nanoparticles were characterized using XRD, FE-SEM, TEM, HRTEM, Raman spectroscopy, FT-IR spectroscopy, BET measurements and TGA measurements. The structural analysis by XRD and Raman spectroscopy confirms the ZrO2 specimens synthesized at 100 degrees C for 1 hour are amorphous and those treated at 150 degrees C and 200 degrees C for 1 hour were crystalline. Structural analysis by Raman spectroscopy confirms tetragonal ZrO2 specimens obtained at temperatures higher than 100 degrees C as a majority phase. From FE-SEM images, the AOP/hydrothermal route mainly produced microspheres comprised of primary nanoparticles. HRTEM images of ZrO2 microspheres, after treatment at 100 degrees C...

A Lua-based AOP Infrastructure

Cacho,Nélio; Batista,Thaís; Fernandes,Fabrício
Fonte: Sociedade Brasileira de Computação Publicador: Sociedade Brasileira de Computação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2006 Português
Relevância na Pesquisa
37.68%
In this paper we describe an aspect-oriented infrastructure to handle dynamic AOP based on the Lua language. This infrastructure is composed of AspectLua, a Lua extension that allows the declaration of aspects, and a meta-object protocol, LuaMOP, that unifies the introspective and reflective mechanisms provided by Lua. Aspects are defined in isolation using AspectLua and then they are weaved through LuaMOP. An important feature of AspectLua is to allow the association of aspects with undeclared elements of the application code (anticipated join points). Furthermore, it combines a range of features to make AOP easier and powerful.

Using AOP to bring a project back in shape: the ourgrid case

Dantas,Ayla; Cirne,Walfredo; Saikoski,Katia
Fonte: Sociedade Brasileira de Computação Publicador: Sociedade Brasileira de Computação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2006 Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
The design and development of distributed software is a complex task. This was not different in OurGrid, a project whose objective was to develop a free-to-join grid. After two years of development, it was necessary to redesign OurGrid in order to cope with the integration problems that emerged. This paper reports our experience in using Aspect-Oriented Programming (AOP) in the process of redesigning the OurGrid middleware. The essential direction of our approach was to get the project (and the software) back in shape. We discuss how the lack of separation of concerns created difficulties in the project design and development and how AOP has been introduced to overcome these problems. In particular, we present the event-based pattern designed to better isolate the middleware concerns and the threads. Besides, we also present the aspects designed for managing the threads and for aiding the testing of multithreaded code. We also highlight the lessons learned in the process of regaining control of the software.

Activation of human macrophages by allogeneic islets preparations: inhibition by AOP-RANTES and heparinoids

Sigrist, Séverine; Oberholzer, José; Bohbot, Alain; Esposito, Guy; Mandes, Karim; Lamartine, Roger; Toso, Christian; Bucher, Pascal; Pinget, Michel; Kessler, Laurence
Fonte: Blackwell Science Inc Publicador: Blackwell Science Inc
Tipo: text
Publicado em /04/2004 Português
Relevância na Pesquisa
27.56%
During transplantation, pancreatic islets release chemokines which promote macrophage attraction, hampering engraftment of islets. The aim of this study was to modulate chemotaxis and the immune response of human macrophages induced by islets. Human monocyte-derived macrophages of healthy subjects were exposed to supernatants of human islets. Chemotaxis, tumour necrosis factor-? (TNF-?) and interleukin-1? (IL-1?) release were evaluated. To modulate migration, human macrophages were incubated in the presence of aminooxypentane-regulated on activation, normal, T-cell expressed, and secreted (AOP-RANTES), a potent antagonist of CCR5. Chemotactic activity of islets supernatant was modulated by the addition of heparin or heparinoids [pentosan and calix[8S]arene (C8S)]. AOP-RANTES significantly reduced, in a dose-dependent manner, macrophage chemotaxis and cytokine release induced by islets supernatant. The chemotactic index was reduced from 3·05 ± 0·27 to 0·71 ± 12, TNF-? from 1205 ± 52 to 202 ± 12 pg/ml, and IL-1? from 234 ± 12 to 10 ± 6 pg/ml. The trapping of chemokines by heparinoids reduced the chemotactic activity of islets supernatant from 3·05 ± 0·27 to 1·2 ± 0·1 with heparin or pentosan and to 1·72 ± 0·22 with C8S...

Similarities and Differences in RANTES- and (AOP)-RANTES–triggered Signals: Implications for Chemotaxis

Rodríguez-Frade, José M.; Vila-Coro, Antonio J.; Martín, Ana; Nieto, Marta; Sánchez-Madrid, Francisco; Proudfoot, Amanda E.I.; Wells, Timothy N.C.; Martínez-A, Carlos; Mellado, Mario
Fonte: The Rockefeller University Press Publicador: The Rockefeller University Press
Tipo: text
Publicado em 22/02/1999 Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
Chemokines are a family of proinflammatory cytokines that attract and activate specific types of leukocytes. Chemokines mediate their effects via interaction with seven transmembrane G protein–coupled receptors (GPCR). Using CCR5-transfected HEK-293 cells, we show that both the CCR5 ligand, RANTES, as well as its derivative, aminooxypentane (AOP)- RANTES, trigger immediate responses such as Ca2+ influx, receptor dimerization, tyrosine phosphorylation, and G?i as well as JAK/STAT association to the receptor. In contrast to RANTES, (AOP)-RANTES is unable to trigger late responses, as measured by the association of focal adhesion kinase (FAK) to the chemokine receptor complex, impaired cell polarization required for migration, or chemotaxis. The results are discussed in the context of the dissociation of the late signals, provoked by the chemokines required for cell migration, from early signals.

Bilateral thalamic infarction and DSA demonstrated AOP after thrombosis

Cao, Wenjie; Dong, Qiang; Li, Linxin; Dong, Yi
Fonte: SAGE Publications Publicador: SAGE Publications
Tipo: text
Publicado em 06/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
Bilateral paramedian thalamic stroke is a special ischemic pattern that results from occlusion of the artery of Percheron (AOP), a rare anatomic variant of the paramedian arteries. We report a case of bilateral thalamic infarctions, with a dramatic improvement after thrombolysis. DSA demonstrated recanalization of AOP with possible unreported variation.

Mobilization Protocols for Hybrid Sensors for Environmental AOP Sampling (HySEAS) Observations

Hooker, Stanford B.
Tipo: nasa/tp-2014-217518; gsfc-e-daa-tn13427 Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
The protocols presented here enable the proper mobilization of the latest-generation instruments for measuring the apparent optical properties (AOPs) of aquatic ecosystems. The protocols are designed for the Hybrid Sensors for Environmental AOP Sampling (HySEAS) class of instruments, but are applicable to the community of practice for AOP measurements. The protocols are organized into eleven sections beyond an introductory overview: a) cables and connectors, b) HySEAS instruments, c) platform preparation, d) instrument installation, e) cable installation, f) test deployment, g) test recovery, h) maintenance, i) shipping, j) storage, and k) smallboat operations. Each section concentrates on documenting how to prevent the most likely faults, remedy them should they occur, and accomplishing both with the proper application of a modest set of useful tools. Within the twelve sections, there are Socratic exercises to stimulate thought, and the answers to these exercises appear in Appendix A. Frequently asked questions (FAQs) are summarized in a separate section after the answers to the exercises in Appendix B. For practitioners unfamiliar with the nautical terms used throughout this document plus others likely encountered at sea, an abbreviated dictionary of nautical terms appears in Appendix C. An abbreviated dictionary of radiotelephone terms is presented in Appendix D. To ensure familiarity with many of the tools that are presented...

The 2010 AOP Workshop Summary Report

Firestone, Elaine R.; Hooker, Stanford B.; Brown, James W.; Morrow, John H.
Tipo: nasa/tm-2011-215871 Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
The rationale behind the current workshop, which was hosted by Biospherical Instruments Inc. (BSI), was to update the community and get community input with respect to the following: topics not addressed during the first workshop, specifically the processing of above-water apparent optical property (AOP data) within the Processing of Radiometric Observations of Seawater using Information Technologies (PROSIT) architecture; PROSIT data processing issues that have developed or tasks that have been completed, since the first workshop; and NASA instrumentation developments, both above- and in-water, that are relevant to both workshops and next generation mission planning. The workshop emphasized presentations on new AOP instrumentation, desired and required features for processing above-water measurements of the AOPs of seawater, working group discussions, and a community update for the in-water data processing already present in PROSIT. The six working groups were organized as follows: a) data ingest and data products; b) required and desired features for optically shallow and optically deep waters; c) contamination rejection (clouds), corrections, and data filtering; d) sun photometry and polarimetry; e) instrumentation networks; and f) hyperspectral versus fixed-wavelength sensors. The instrumentation networks working group was intended to provide more detailed information about desired and required features of autonomous sampling systems. Plenary discussions produced a number of recommendations for evolving and documenting PROSIT.

Advanced On-Board Processor (AOP)

Tipo: nasa-cr-132851 Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.56%
Advanced On-board Processor the (AOP) uses large scale integration throughout and is the most advanced space qualified computer of its class in existence today. It was designed to satisfy most spacecraft requirements which are anticipated over the next several years. The AOP design utilizes custom metallized multigate arrays (CMMA) which have been designed specifically for this computer. This approach provides the most efficient use of circuits, reduces volume, weight, assembly costs and provides for a significant increase in reliability by the significant reduction in conventional circuit interconnections. The required 69 CMMA packages are assembled on a single multilayer printed circuit board which together with associated connectors constitutes the complete AOP. This approach also reduces conventional interconnections thus further reducing weight, volume and assembly costs.

The Advanced On-board Processor (AOP)

Stewart, W. N.; Hartenstein, R. G.; Trevathan, C. E.
Tipo: nasa-tm-x-65785; x-715-71-451 Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.37%
The goal of the Advanced On-Board Processor (AOP) development program is to design, build, and flight qualify a highly reliable, moderately priced, digital computer for application on a variety of spacecraft. Included in this development program is the preparation of a complete support software package which consists of an assembler, simulator, loader, system diagnostic, operational executive, and many useful subroutines. The AOP hardware/software system is an extension of the On-Board Processor (OBP) which was developed for general purpose use on earth orbiting spacecraft with its initial application being on-board the fourth Orbiting Astronomical Observatory (OAO-C). Although the OBP possesses the significant features that are required for space application, however, when operating at 100% duty cycle the OBP is too power-consuming for use on many smaller spacecraft. Computer volume will be minimized by implementing the processor and input/output portions of the machine with large scale integrated circuits. Power consumption will be reduced through the use of plated wire and, in some cases, semiconductor memory elements.