Página 1 dos resultados de 37 itens digitais encontrados em 0.089 segundos

A educação de pessoas com deficiência visual: inclusão escolar e preconceito; The education of people with visual impairment: school inclusion and prejudice.

Oliva, Diana Villac
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/05/2011 Português
Relevância na Pesquisa
56.02%
O debate sobre a inclusão escolar se fortaleceu no Brasil e no mundo em meados da década de 1990. Segundo o Censo Escolar da Educação Básica de 2009, 61% das matrículas na educação especial foram realizadas em classes comuns de escolas regulares ou na educação de jovens e adultos, contra 39% de matrículas em escolas especializadas e classes especiais. Com isto, há, hoje, mais alunos matriculados em classes regulares do que em segregadas. A ausência de concordância em estudos dos últimos anos sobre o tema da inclusão escolar, além de expressar as contradições da própria sociedade, revela a importância de novas pesquisas para que, em conjunto, apontem os caminhos a serem seguidos. Neste sentido, esta pesquisa, que consiste em um estudo de caso, tem como objetivo geral: compreender o cotidiano escolar de um aluno com deficiência visual (DV) que frequenta classe regular, assim como preconceitos e atitudes em relação a ele dentro da escola. O referencial teórico adotado foi a teoria crítica da sociedade. Os dados foram coletados em uma escola regular particular de uma cidade de médio porte do interior paulista. Foram realizadas observações em sala e no recreio, entrevista com uma aluna com DV, entrevistas com professores e coordenação da escola...

O impacto na ponderação do peso da Prova Brasil e do indicador de rendimento no perfil das escolas municipais do ensino fundamental consideradas eficientes pela técnica DEA em transformar investimento financeiro em desempenho no IDEB em 2011; The impact on the weighting given Prova Brasil and the performance indicator in the profile of the municipal elementary schools considered efficient by the DEA technique to transform financial investment in performance IDEB in 2011

Colucci, Lucas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.21%
Este estudo tem como objetivo apresentar as alterações que ocorrem nos perfis das escolas públicas municipais do ensino fundamental classificadas como eficientes por meio da aplicação da técnica de Análise Envoltória de Dados (DEA), conforme se modificam as proporções dos valores percentuais da nota média na Prova Brasil e do indicador de rendimento no cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Para isso, foram coletados dados sobre as notas na Prova Brasil e sobre os indicadores de rendimento de 2011 a partir da base de dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), o número de alunos por escola pública municipal por meio da base de dados do Censo Escolar de 2011, que também é disponibilizado pelo INEP e finalmente, os dados sobre os recursos públicos destinados para a educação nos municípios em 2011 obtidos no Finanças do Brasil (FINBRA). Desta maneira, identificou-se as escolas mais eficientes por meio da técnica DEA que tem a finalidade de mensurar a eficiência relativa de unidades consideradas homogêneas e comparáveis, em um universo de pesquisa composto por 17.124 escolas públicas municipais do ensino fundamental. Em seguida, foram estabelecidos cinco padrões de ponderação em relação à nota média da Prova Brasil e à média do indicador de rendimento...

Educação básica do campo no Brasil: organização federativa, perfil socioeconômico e desempenho; Fundamental education in rural areas in Brazil: federative organization, socio-economic profile and performance

Lopes, Jose Eduardo Ferreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
76.13%
A educação como catalizadora do desenvolvimento humano e econômico é uma ideia já enraizada na maioria das culturas contemporâneas. Todavia, compreender como ela influencia esse desenvolvimento e identificar os fatores influenciadores desse processo ainda é um desafio para os pesquisadores das mais distintas áreas que se interessam pelo tema, sobretudo quando se trata da educação direcionada às minorias. Neste contexto, no Brasil, destaca-se a população do campo que, por muito tempo, não recebeu os devidos olhares. Contudo, avanços são observados, sobretudo, a partir da Constituição de 1988, que possibilitou o surgimento e a evolução das políticas públicas e gestão da educação, incluindo a Educação do Campo. Como forma de contribuir com a evolução dessas políticas, este trabalho tem como objetivo analisar o perfil socioeconômico e o desempenho das escolas públicas brasileiras que ofertam a educação fundamental (5º e 9º anos) em zonas rurais, ao compará-las com escolas localizadas em zonas urbanas, considerando as Unidades da Federação (UF) e a dependência administrativa (estadual e municipal) como fatores de análise. Os dados utilizados nesta pesquisa são provenientes das bases de dados do INEP: dados da Prova Brasil...

O programa Mais Educação, uma proposta de educação em tempo integral?; The program Mais Educação (more education), a proposal of full-time education?

Santos, Alessandra Rodrigues dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
56.06%
Esta dissertação teve por objetivo identificar se o Programa Mais Educação (PME), programa do governo federal apresentado pelo MEC em abril de 2007 que se destina à educação básica é uma possibilidade de estimular e qualificar às iniciativas de educação pública para uma educação em tempo integral. Delimitou-se em focar no Programa Mais Educação para o ensino fundamental nos períodos de 2008 a 2013. Sua análise foi realizada a partir de estudo teórico sobre educação integral e educação em tempo integral, bem como pesquisa de documentos disponibilizados pelo próprio Ministério da Educação (MEC) em sites e diretrizes gerais, em especial foram analisados os relatórios do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e do Censo Escolar (INEP) sobre o Programa Mais Educação e a Educação em Tempo Integral no Brasil de 2008 a 2013. Na perspectiva de compreender e identificar a concepção de educação subentendida nas propostas de ampliação do tempo de escolarização foram estudados alguns autores clássicos e contemporâneos que conceituam educação e educação integral. Foram abordados os preceitos legais das Constituições Nacionais e legislação da educação brasileira a partir da década de 1930. Dentre várias experiências de educação em tempo integral foram selecionadas algumas implantadas no Brasil a partir dos anos de 1950: o Centro Educacional Carneiro Ribeiro...

Sobre a construção do Sistema Municipal de Educação de Joaçaba : um diagnóstico a partir de sua instituição

Nascimento, Mercedes Luiza
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.28%
O Município de Joaçaba, localizado no Vale do Rio do Peixe, Região Oeste do Estado de Santa Catarina, instituiu o seu sistema próprio de ensino, em 22 de novembro de 1996, intencionando beneficiar sua população no que tange os níveis de ensino próprios da sua autonomia e competência, a par da assistência técnica e financeira do Estado de Santa Catarina e da União, em seus papéis redistributivos. O estudo caracteriza-se como um diagnóstico deste sistema, com o objetivo de oferecer à comunidade dados e informações sistematizadas para que a construção do projeto democrático de educação, de Joaçaba, possa evoluir e corresponder às expectativas geradas com a sua criação legal. Os dados analisados referem-se ao período de 1997 a 2002, após a instituição do Sistema Municipal de Educação de Joaçaba. A pesquisa considerou diferentes segmentos ou escalas, conforme o aspecto focalizado. No caso da estimativa da demanda e da oferta escolar, considerou-se toda a população do Município e as instituições de ensino, a partir das estatísticas do IBGE, do SME e do Censo Escolar/2002. Buscou-se a opinião de uma amostra de lideranças e dirigentes, mais diretamente implicados na definição das políticas de educação no âmbito do Município. A opinião foi coletada através de entrevistas e de um questionário com 24 (vinte e quatro) questões fechadas e abertas cujas respostas deveriam ser dadas pela escolha de alternativas com espaço aberto para comentários ou justificativas...

A Inclusão de educandos com necessidades especiais nas escolas da rede pública municipal de Camaquã

Westphal, Cândida Clenir da Costa Peres
Tipo: trabalho de conclusão de especialização Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
55.99%
De acordo com o Censo/Inep/MEC/2008, nos encontramos num momento que revela o aumento das matrículas na Educação Básica, com aumento das matrículas na escola pública e do atendimento aos educandos com NEE. O texto apresenta uma pesquisa qualitativa realizada com a intenção de coletar informações sobre o processo de inclusão de educandos com necessidades educativas especiais no ensino comum das escolas regulares da Rede Municipal de Educação do município de Camaquã no estado do Rio Grande do Sul. Apresenta dados e informações fornecidas pela Secretaria Municipal de Educação - SME - e relato da visita a uma das escolas da rede. Procede à análise de aspectos do processo de inclusão de educandos com necessidades especiais no ensino comum da rede pública municipal de Camaquã, priorizando para análise os aspectos referentes à matrícula, à distribuição de alunos com NEE na rede, quantidade e tipologia informada, processo de identificação desses alunos, formação dos professores, organização de redes de apoio, os espaços físicos das escolas e recursos didático-pedagógicos. Faz referência às percepções das diferentes instâncias sobre o processo de inclusão, em fase de implementação progressiva de recursos para o atendimento de educandos com NEE na referida rede municipal de ensino.

O edifício escolar nas políticas públicas de educação : Rio Grande do Sul, 1999-2006

Sastre, João Róger de Souza
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
56.33%
Esta investigação focaliza os edifícios escolares nas políticas públicas do estado do Rio Grande do Sul no período 1999-2006. Foram consideradas duas categorias de análise, as Políticas de Governo e a Infra-Estrutura, especificamente no atinente ao Edifício Escolar. Para cada uma das categorias de análise, foram observadas diversas fontes de informação. Para as Políticas de Governo, foram utilizadas as Propostas de Governo das coligações vencedoras das eleições para governador do Estado em 1998 e 2002, os Planos Plurianuais 2000-2003 e 2004-2007, os Relatórios de Gestão, compreendendo as Mensagens do Governador à Assembléia Legislativa, os Relatórios Parciais, os Relatórios Finais e os Relatórios Financeiros, este último abrangendo os Balanços Gerais, todos referentes ao período 1999-2006. Para a Infra-Estrutura, foram utilizados os Questionários do Censo Escolar e os Microdados do Censo Escolar do período 1999-2007 e o Ordenamento Normativo do Conselho Estadual de Educação do Rio Grande do Sul, vigente em igual momento. Para a análise do reflexo das políticas públicas de educação incidentes sobre os Edifícios Escolares da Rede Estadual de Educação Básica no Rio Grande do Sul, foi utilizado o Dispositivo para Mapear as Decisões em Educação de Cortesão...

Políticas de formação continuada docente das redes municipais de ensino da região do Vale do Rio Caí/RS

Lutz, Diego
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.02%
A presente dissertação buscou conhecer as políticas públicas de formação continuada dos docentes das redes municipais de ensino da região gaúcha do Vale do Rio Caí. Trata-se de uma região situada entre a região metropolitana de Porto Alegre e a Serra Gaúcha, composta por vinte Municípios, no Rio Grande do Sul. Para a realização deste estudo, buscou-se o acesso à legislação brasileira que trata das políticas de formação dos docentes, bem como das políticas municipais da região em estudo. O aprofundamento bibliográfico da literatura acerca da formação continuada e desenvolvimento profissional docente constituiu-se como suporte para as discussões realizadas na dissertação. Buscou-se também conhecer as particularidades dos Municípios que compõem esta região, bem como aspectos da Educação Municipal, acessados por meio do Censo Escolar da Educação Básica e de outros dados fornecidos pelos órgãos de pesquisa do país e do Estado. Também foram realizadas entrevistas estruturadas com os Dirigentes Municipais de Educação. A análise dos Planos de Carreira do Magistério Municipal (PCM) também se fez necessária, com a finalidade de conhecer a normatização das políticas municipais para a formação docente. Além dos PCM...

O FUNDEB e seus impactos na oferta da educação infantil conveniada: um estudo em municípios paulistas de grande porte

Espasiano, Raquel de Proença
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: info:eu-repo/semantics/bachelorthesis Formato: 62 f.
Português
Relevância na Pesquisa
86.18%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); O presente estudo tem como objetivo identificar possíveis alterações no atendimento da educação infantil via conveniamento a partir da implantação do FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica). O Fundo possibilita o repasse de recursos públicos para instituições privadas sem fins lucrativos que mantenham convênios com o Poder Público para a oferta da primeira etapa da educação básica. O conjunto dos municípios aqui pesquisados são os municípios do Estado de São Paulo considerados grandes, cuja população está compreendida entre 100.001 a 500.000 habitantes conforme resultado do censo demográfico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE (2010). O período considerado é de 2007 a 2012. Para a realização deste trabalho foi utilizado como procedimento teórico – metodológico leituras bibliográficas, contatos telefônicos e/ou via emails com as Secretaria da Educação dos Municípios para a coleta de informação sobre os convênios. Conclui-se que a partir da implantação do FUNDEB houve avanço no numero de municípios que implementaram as parcerias público-privado, uma vez que o recurso para a implantação/manutenção do convenio é provido pelo fundo

Estudo sobre a inserção das TIC na educação básica na rede pública de ensino

Benthien, Antônio Boeira
Tipo: tccgrad Formato: 135 f.
Português
Relevância na Pesquisa
56.13%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Campus Araranguá. Curso de Tecnologias da Informação e Comunicação.; O presente trabalho foi desenvolvido com o intuito de apresentar estudo sobre a inserção das TICs na Educação Básica na rede pública de ensino. Para tanto, procedeu-sede pesquisa bibliográfica para compreender conceitos e verificar histórico das TICs no processo de ensino das escolas públicas; efetuou-seanálise e tratamento dos dados da pesquisa TIC Educação -Pesquisa sobre o Uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação no Brasil realizada em 2012 pelo Centro de Estudos sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação (CETIC.br); analisou-se o censo de 2013 e a pesquisa local da AMESC(microrregião) para comparar dados, identificou-sea inserção das TIC nas escolas de Educação Básica da rede pública de ensino, por meio de análise de pesquisa de campo anteriormente informada, verificou-sea percepção dos professores com base nos dados da pesquisas; e esclareceu-sea percepção dos alunos com base nos dados das pesquisas. Manteve-se foco no esclarecimento do tema selecionado, com uma abordagem exploratória, que permite a aproximação do pesquisador com as teorias já existentes...

Mudanças do marco institucional da educação profissional : uma leitura a partir dos dados do censo escolar; Mudanças no marco legal da educação profissional; Changes of the institutional framework of professional education : a look based on the data of the School Census; Les changements du référentiel institutionnel de l’éducation professionnelle : une lecture à partir des données du Recensement Éducationnel; Cambios del marco institucional de la educación profesional : una lectura a partir de los datos del censo escolar

Castioni, Remi; Andrade, Maria Célia Costa
Tipo: artigo / article
Português
Relevância na Pesquisa
66.36%
Este trabalho discute o impacto das mudanças introduzidas no marco legal da educação profissional, particularmente com o advento do Decreto nº 5.154/2004, em termos de oferta de vagas pelas redes federal, estadual e particular. O objetivo é seguir o comportamento dos dados do Censo Escolar e analisar se estaria havendo um aumento na oferta dessa modalidade de ensino ou se isso é mero efeito de acomodação das redes, em observância ao que preceitua o marco legal. Infere-se também que uma possível ampliação de ofertas pode estar ocorrendo por mero efeito estatístico por conta da melhor remuneração das matrículas do ensino médio integrado à educação profissional na conta do Fundeb – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação. Por fim, se discutem os rumos do ensino médio, elo frágil entre o final do ensino fundamental e o ensino superior. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT; This article discusses the impact of the changes introduced in the legal framework of professional education, particularly with the advent of the Decree no. 5.154/2004 in terms of place offerings by the federal schools...

O que dizem os números sobre as crianças matriculadas nas creches brasileiras (2007/2011)

Antônio, Cíntia Moura de Almeida
Tipo: dissertação / dissertation
Português
Relevância na Pesquisa
46.25%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Mestrado Profissional em Educação, 2013.; No Brasil, creches e pré-escolas constituem a Educação Infantil e, juntas, compõem a primeira etapa da Educação Básica. De acordo com a legislação vigente, creches devem ser frequentadas por crianças de 0 a 3 anos, enquanto pré-escolas são voltadas às crianças de 4 e 5 anos, sendo esta última obrigatória. O presente trabalho analisa os dados sobre as crianças brasileiras que frequentam creches nas 27 unidades federativas, incluindo as zonas urbana e rural e as instituições públicas e privadas, nos anos de 2007 e 2011. A pesquisa aplica o método estatístico para analisar dados extraídos do Censo Escolar (Inep, 2007, 2011), da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (IBGE, 2007, 2011) e do Censo Demográfico (IBGE, 2010). A creche é a etapa de educação que mais cresce no Brasil, sendo garantida em grande parte pelos municípios, entretanto, a oferta e a abrangência é muito menor para as crianças na zona rural. A análise mostra que 12,8% das crianças brasileiras de 0 a 3 anos encontram-se atendidas em creches e que quanto maior é a renda familiar per capita maior é a chance de a criança frequentar tal instituição. Das crianças brancas...

INDICADORES EDUCACIONAIS SOBRE A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL

Meletti,Silvia Márcia Ferreira; Ribeiro,Karen
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2014 Português
Relevância na Pesquisa
76.14%
O objetivo do trabalho é analisar a escolarização de alunos com necessidades educacionais especiais, por meio dos dados oficiais do poder público sobre o acesso e permanência desta população na educação básica. Para tanto, são utilizados microdados do Censo da Educação Básica brasileira. As análises apontam, a despeito da implantação da política de educação inclusiva: o baixo número de matrículas de alunos com necessidades educacionais especiais na educação básica; o fato de que a concentração de matrículas ocorre nas primeiras séries do ensino fundamental, com ampla defasagem idade/série.

Estratificação das oportunidades educacionais no Brasil: contextos e desafios para a oferta de ensino em condições de qualidade para todos

Alves,Thiago; Silva,Rejane Moreira da
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
56.03%
O artigo visa descrever alguns aspectos da desigualdade nas oportunidades educacionais no Brasil. A análise descritiva e quantitativa utilizou microdados do Censo, PNAD e Censo Escolar. Verificou-se que 3,8 milhões de crianças e jovens de 4 a 17 anos não frequentavam a escola em 2010, majoritariamente os mais pobres, negros e que vivem no campo. Estimou-se um aporte de R$ 11,8 bilhões anuais para inseri-los no sistema. A análise no nível municipal sugere uma associação positiva entre melhor nível socioeconômico da população e os contextos com melhores condições de oferta e resultados educacionais. Igualmente, verificou-se que o uso de medidas estatísticas que retratam as realidades educacionais em nível nacional ou estadual, muitas vezes, encobre severas desigualdades existentes no nível municipal.

Força de trabalho e gestão do trabalho em saúde: revelações da Avaliação Externa do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica no Paraná

Rizzotto,Maria Lucia Frizon; Gil,Célia Regina Rodrigues; Carvalho,Manoela de; Fonseca,Ana Lucia Nascimento; Santos,Marieta Fernandes
Fonte: Centro Brasileiro de Estudos de Saúde Publicador: Centro Brasileiro de Estudos de Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2014 Português
Relevância na Pesquisa
46.16%
Trata-se de estudo sobre a composição e gestão da força de trabalho na Atenção Básica no Paraná. Os dados foram coletados do Censo de Atenção Básica e da Avaliação Externa do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica, realizados entre julho e setembro de 2012. Destaca-se, no censo, a predominância (59,9%) de trabalhadores, cuja exigência de formação é o ensino fundamental ou médio. Entre os profissionais de nível superior que participaram da avaliação externa, 76% atuam há cinco anos ou menos; 82,7% ingressaram por concurso público; é quase nula a participação/utilização de mecanismos de ensino/atualização a distância, evidenciando a necessidade de ações voltadas ao fortalecimento de políticas de gestão do trabalho e da educação em saúde no estado.

Políticas de formação de professores na universidade pública: uma análise de necessidades, entre o local e o global

Zainko,Maria Amélia S.
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2010 Português
Relevância na Pesquisa
56.04%
O presente texto busca trazer para o debate aspectos das políticas de formação em desenvolvimento nas universidades, bem como a influência significativa no fazer acadêmico, trazidas pelas tendências internacionais. Destaca que o século XXI acentuou enormemente a importância do contexto mundial e as consequências da "mundialização" sobre os processos de formação na educação superior, que não podem mais ser pensados nos limites das fronteiras nacionais. Analisa a política de expansão da educação superior colocada em prática no Governo do Presidente Luis Inácio Lula da Silva a partir de um conjunto de dados disponíveis no Observatório da Educação, mais especificamente no projeto Políticas de Formação do Professor e a Qualidade da Educação Básica, em desenvolvimento no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Os dados permitem a constatação de que ainda estamos longe de cumprir as metas preconizadas pelo Plano Nacional de Educação. Os dados do Censo da Educação Superior de 2007 apontam uma taxa de escolarização bruta de 21,6% de alunos na faixa etária de 18 a 24 anos e uma taxa liquida de 12,9%, quando a meta seria atingir a 30% de escolarização até o ano de 2011. O texto apresenta ainda as ações estratégicas que vem sendo desenvolvidas para minimizar os déficits e traz para o debate os desafios apresentados por estudiosos e dirigentes na Conferência Mundial de Educação Superior com especial ênfase no papel que a formação dos professores assume no momento em que o paradigma de educação superior aponta para a necessidade de ir além das palavras.

O professor da educação básica no Brasil: identidade e trabalho

Souza,Ângelo Ricardo de
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
96.11%
Este artigo apresenta um conjunto de leituras a partir de dados de bases secundárias com o intuito de analisar o perfil dos trabalhadores docentes na educação básica brasileira, sua identidade e suas relações com o trabalho. Utilizando informações do Censo dos Profissionais do Magistério de 2003 e do Questionário do Professor aplicado pela Prova Brasil 2011, ambas bases produzidas pelo INEP/MEC, o estudo produz um mapeamento das principais características dos profissionais docentes e coteja tal leitura com demais trabalhos que o campo de investigação vem produzindo. O texto conclui evidenciando características da população docente, bem como mostrando como os professores mais experientes e mais bem formados são recompensados salarialmente; ademais mostra aspectos das condições de trabalho e do perfil cultural, sendo que, nesse último item, evidencia um nível cultural fragilizado entre os docentes.

Mapeamento de alunos surdos matriculados na rede de ensino pública de um município de médio porte do Estado de São Paulo: dissonâncias

Resende,Alice Almeida Chaves de; Lacerda,Cristina Broglia Feitosa de
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
56.15%
A educação de surdos se coloca como um campo de estudos em destaque, principalmente porque a construção da escola inclusiva para um grupo de pessoas que possui uma língua diferenciada e própria não parece ser uma tarefa simples. Considerando que o governo brasileiro tem se mobilizado para incluir a todos, sem distinção, entende-se que estudar a surdez no contexto educacional brasileiro significa, inescapavelmente, estudar a proposta de educação inclusiva e, nesse sentido, indagar sobre os desafios e perspectivas advindos dessa proposta. O presente estudo se desenvolveu por meio da abordagem quantitativa e tem como objetivo mapear e quantificar os alunos surdos inseridos no Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA) das escolas estaduais e municipais de um município de médio porte do interior do Estado de São Paulo, segundo registros da Secretaria Municipal de Educação e da Diretoria de Ensino Estadual que abrangem o referido município, contrastando com o levantamento dos mesmos dados apresentados pelos Microdados do Censo Escolar da Educação Básica, disponibilizados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), referentes a 2010. Defende-se que para uma adequada política de atendimento aos alunos surdos é relevante conhecer onde eles estão matriculados e quantos são. A atenção a esses dados - no nível municipal...

Atos de ler a educação especial na educação infantil: reordenações políticas e os serviços educacionais especializados

Bridi,Fabiane Romano de Souza; Meirelles,Melina Chassot Benincasa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Faculdade de Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Faculdade de Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
106.32%
O presente artigo objetiva produzir uma leitura sobre a oferta dos serviços de Educação Especial na Educação Infantil e seus modos de organização no contexto da Rede Municipal de Ensino de Santa Maria (RME/SM). Como questões norteadoras, indagamos de que forma as reordenações políticas no campo educacional incidem sobre a oferta da Educação Especial na Educação Infantil? Como a leitura de um contexto específico, no caso a RME/SM, sinaliza tais mudanças na oferta da Educação Especial na Educação Infantil? Para fins de análise, foram utilizadas informações do Censo da Educação Básica. Como possíveis leituras, destacamos a necessidade de ampliação das matrículas dos alunos da Educação Especial na Educação Infantil e a oferta dos serviços especializados a essas crianças; um olhar atento para os processos de identificação e diagnóstico e para as ações de preenchimento do Censo Escolar.

Indicadores Educacionais sobre a Educação Especial no Brasil e no Paraná

Meletti,Silvia Márcia Ferreira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Faculdade de Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Faculdade de Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
76.09%
O objetivo do trabalho é analisar a escolarização de alunos com necessidades educacionais especiais por meio dos dados oficiais do poder público sobre o acesso e permanência desta população na Educação Básica. Para tanto, são utilizados microdados do Censo da Educação Básica brasileira e do Paraná no ano de 2012. As análises apontam, a despeito da implantação da política de educação inclusiva, que: formas de atendimento segregado ainda estão marcadamente presentes no Paraná; a concentração de matrículas ocorre nas primeiras séries do ensino fundamental, com ampla defasagem idade/série e o baixo número de matrículas no atendimento educacional especializado.