Página 1 dos resultados de 20863 itens digitais encontrados em 0.026 segundos

Compreensão de aplicações web: o processo e as ferramentas

Oliveira, Eva; Pereira, Maria João; Henriques, Pedro
Fonte: Associação Portuguesa de Sistemas de Informação Publicador: Associação Portuguesa de Sistemas de Informação
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.6%
Já ninguém duvida que a compreensão de programas (CP) é uma área cada vez mais importante, e a sua aplicação cada vez mais abrangente na engenharia da programação, constituindo-se como um desafio permanente e actual para as ciências de computação. A compreensão de programas nasce da tentativa de melhorar os processos de manutenção de sistemas aplicacionais, mas de facto está também francamente associada ao processo de aprendizagem de linguagens de programação. Por isso, nesta linha de preocupações têm sido desenvolvidas inúmeras ferramentas de auxílio à compreensão de software para manutenção (alteração ou actualização de código), reverse-engineering/re-engineering, ou ensino de programação. A complexidade do processo de compreensão requer a existência de modelos de aprendizagem e representação de conhecimento. Uma questão que então se coloca muitas vezes, é saber se as ferramentas obedecem aos modelos cognitivos existentes; importa também saber como medir o seu real impacto na compreensão. Este artigo tem como objectivo a descrição de um conjunto de critérios a adoptar no sentido de avaliar se uma ferramenta pode efectivamente ajudar na compreensão de programas, apresentando-se uma aplicação prática. Dada a importância cada vez maior das aplicações que correm sobre a Web...

Avaliação da compreensão de leitura de legendas de filmes em escolares de Ensino Fundamental; Evaluation of the movie subtitle reading comprehension in Elementary School children

Minucci, Michele Viana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.64%
A compreensão da leitura de textos fixos em escolares é um tema amplamente conhecido; no entanto, na revisão de literatura não foi localizado um perfil da leitura de textos móveis nessa população, fato que demonstra a relevância deste estudo. O objetivo desta pesquisa foi avaliar a compreensão da leitura de legendas de filmes em escolares de Ensino Fundamental (EF). Participaram deste estudo 60 escolares, sendo 30 de 2ª série e 30 de 4ª série, pareados quanto ao gênero e idade e constituindo o Grupo-Pesquisa (GP); e mais 20 escolares, sendo 10 de 2ª série e 10 de 4ª série, pareados quanto ao gênero e idade e constituindo o Grupo-Controle (GC). Esta pesquisa foi dividida em dois estudos. No Estudo I, buscou-se traçar um perfil da compreensão da leitura de legenda de filmes dos escolares de 2ª e 4ª séries do GP, por meio da análise do nível e habilidades de Leitura de Legenda de Filmes na recontagem de um trecho de filme visto, de forma individual, sem som e com legenda; e também se analisou a recontagem do mesmo trecho de filme visto, de forma individual, sem som e sem legenda pelo GC com o intuito de averiguar a influência do conhecimento prévio do filme na compreensão da leitura. Os resultados indicaram correlação positiva entre o desempenho em compreensão da leitura e o grau de escolaridade no GP...

Compreensão literal e inferencial em crianças com distúrbio específico de linguagem; Literal and inferential comprehension in children with specific language impairment

Toba, Joyce Raquel
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/07/2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.66%
O diagnóstico precoce das alterações de compreensão oral é imprescindível para a intervenção efetiva. Porém, avaliar a compreensão é uma tarefa difícil, pois estratégias compensatórias podem mascarar dificuldades. Dada a importância de instrumentos apropriados para a avaliação de habilidades receptivas, o estudo comparou crianças com Distúrbio Específico de Linguagem (DEL) com um Grupo Controle quanto à compreensão de discurso. Participaram do estudo 47 sujeitos, distribuídos em dois grupos: Pesquisa e Controle. No Grupo Pesquisa, havia 21 sujeitos com DEL entre 8:0 e 8:9 anos, frequentadores do Laboratório de Investigação Fonoaudiológica em Desenvolvimento da Linguagem e suas Alterações da Universidade de São Paulo. No Controle, 26 sujeitos com desenvolvimento normal de linguagem entre 7:10 e 8:11 anos, frequentadores de duas escolas públicas de São Paulo. Ambos os grupos responderam a perguntas literais e inferenciais sobre duas narrativas gravadas digitalmente. Os materiais e os procedimentos basearam-se nos critérios de Bishop e Adams (1992), Norbury e Bishop (2002). Havia três formas de resposta: espontânea, com incentivo e por múltipla escolha. Priorizou-se a primeira. Ausente a resposta, forneceu-se auxílio na forma de encorajamento ou de alternativas. Utilizou-se um sistema de três pontos para a análise quantitativa das respostas. As completamente corretas receberam dois pontos. As parcialmente corretas...

A necessidade do pensamento filosófico para a compreensão da física: um estudo inspirado em Wittgenstein no contexto da mecânica newtoniana; The need for philosophical thought to the understanding of physics: a study inspired by Wittgenstein in the context of newtonian mechanics.

Rocha, Maristela do Nascimento
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
36.62%
Nas pesquisas que buscam a inserção da História e Filosofia da Ciência no Ensino de Física aparecem dois papeis principais para a Filosofia, a saber, o de atuar como estratégia didática para a compreensão conceitual e o de ser necessária para a compreensão da Natureza da Ciência. Com respeito ao primeiro, investigamos se a Filosofia pode ser mais do que apenas uma estratégia e passar a contribuir de maneira essencial, uma vez que identificamos nas propostas mencionadas que elas não trouxeram um modo de compreensão diferente dos que antes se criticava. Começamos analisando as relações entre Física e Filosofia e encontramos que o pensamento físico possui intersecções constitutivas com o pensamento filosófico, tanto na atribuição de significações, ao conectar as teorias formalizadas com o mundo físico, quanto na crítica de suas próprias teorias. Em seguida, exploramos a concepção de compreensão na Filosofia da Linguagem tardia de Wittgenstein. Para ele, a compreensão de um conceito não está em processos ou estados mentais, mas sim nos usos que fazemos das palavras em diferentes contextos, fundamentadas em uma normatividade presente na própria linguagem. O pensamento filosófico, como parte desta normatividade é também condição para a compreensão e formação de conceitos físicos em um grau suficiente para permitir a autonomia do sujeito. Exemplificamos nossa defesa a partir de um estudo teórico da mecânica newtoniana...

A compreensão de metáforas primárias e de expressões idiomáticas por aprendizes de inglês como língua estrangeira

Jacques, Aline Freitas
Tipo: trabalho de conclusão de graduação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.68%
Este trabalho visa a verificar a compreensão de metáforas primárias e de expressões idiomáticas por aprendizes de inglês em três níveis de proficiência distintos: básico, intermediário e avançado. A partir desse objetivo geral, surgem os seguintes objetivos específicos: 1) verificar a diferença na compreensão de metáforas primárias entre os níveis de proficiência; 2) verificar a diferença na compreensão de expressões idiomáticas entre os níveis de proficiência; 3) comparar a diferença entre a compreensão de metáforas primárias e de expressões idiomáticas dentro de cada nível de proficiência e entre os níveis de proficiência. A fim de atingir esses objetivos, foi desenvolvido, à luz das perspectivas da Teoria da Metáfora Conceitual (LAKOFF e JOHNSON, 1980) e da Teoria das Metáforas Primárias (GRADY, 1997), um instrumento de compreensão verbal (adaptado de SIQUEIRA, 2004) com seis atualizações linguísticas de metáforas primárias e seis expressões idiomáticas, todas com alta frequência na língua inglesa. A amostra foi composta por 114 adultos, aprendizes de inglês. Após realizada a análise estatística dos dados, verificou-se que a compreensão de metáforas primárias foi maior que a compreensão de expressões idiomáticas em todos os níveis...

Compreensão leitora : fatores neuropsicológicos e ambientais no desenvolvimento da habilidade e nas dificuldades específicas em compreensão; Reading comprehension – neuropsychological and environmental factors on the development of the skill and on reading comprehension difficulties

Corso, Helena Vellinho
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.72%
Esta pesquisa propôs-se a examinar a compreensão leitora de crianças, estabelecendo os seguintes objetivos: 1) discutir os modelos teóricos e experimentais da compreensão leitora; 2) elaborar um instrumento de avaliação de compreensão de texto; 3) investigar o desenvolvimento da habilidade entre a quarta e a sexta séries do Ensino Fundamental, analisando também o impacto de variáveis externas (nível socioeconômico e tipo de escola) sobre aquele desenvolvimento; 4) investigar na amostra as associações e dissociações entre o desempenho em leitura de palavras e em compreensão de textos; 5) verificar que funções neuropsicológicas relacionam-se à compreensão leitora; 6) e, finalmente, investigar a forma como aquelas funções neuropsicológicas se relacionam com o nível socioeconômico e a inteligência, em seus efeitos sobre a compreensão leitora. Para os estudos empíricos, alunos de quarta a sexta séries (n= 110; escolas públicas e privadas) foram avaliados em tarefas de leitura, tarefas neuropsicológicas, e quanto à inteligência. Testou-se a significância estatística da diferença entre os grupos em função da série e do tipo de escola. Da amostra total, apenas o grupo de maus compreendedores (leitura de palavra preservada/compreensão textual deficitária) e o de bons leitores (leitura de palavras e de texto adequadas)...

Desempenho de escolares do segundo ano do ensino fundamental em provas de compreensão de leitura: elaboração de procedimento avaliativo

Oliveira, Adriana Marques de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis Formato: 176 f. : il. color.
Português
Relevância na Pesquisa
36.64%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Educação - FFC; A leitura na vida escolar e social do sujeito apresenta-se como um dos maiores e mais importantes desafios da escola. O bom desempenho de leitura é o mais valorizado e exigido pela sociedade. A leitura implica um processo de decodificação e de compreensão; a decodificação se refere ao reconhecimento da palavra escrita, enquanto que a compreensão é definida como o processo pelo qual as palavras, sentenças ou textos são interpretados. A hipótese deste estudo foi elaborada com base na identificação de desempenho similar dos escolares do 2º ano, independente do tipo de escola, particular ou pública. Teve por objetivo geral elaborar provas para avaliação da compreensão da leitura de palavras e frases para escolares do 2º ano do ensino fundamental. Os objetivos específicos incluem a caracterização e a comparação do desempenho dos escolares de escola pública e particular nas provas de avaliação da compreensão da palavra, de frase e frases a partir de figuras. Este estudo foi dividido em duas fases, sendo a fase 1 dedicada à Elaboração das Provas para Avaliação da Compreensão de Palavras e Frases, com o intuito de criar um instrumento que possa ser aplicado tanto pelo professor como pelo fonoaudiólogo escolar de forma rápida...

Os modos de compreensão e a leitura na escola

Maria do Pilar Cunha e Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/02/1998 Português
Relevância na Pesquisa
36.64%
O presente trabalho tem como objetivo compreender os modos de compreensão dos alunos em atividade de leitura na escola. Sob a perspectiva interacionista da linguagem, enfocada por Vygotsky e Bakhtin apresenta algumas reflexões a respeito dos modos de compreensão demonstrados pelos alunos em situações de leitura de textos narrativos. A interação social foi considerada condição básica desencadeadora de processos de compreensão sendo que as concepções bakhtinianas de enunciação e de compreensão nortearam o desenvolvimento da pesquisa. Em contraposição a uma concepção de compreensão que ressalta a literalidade do texto e a univocidade do sentido, este trabalho entende a compreensão como um processo dialógico, que pode ser compartilhado, produzindo, criando e completando sentidos. O trabalho empírico foi realizado em uma 38. série do 10. grau de uma escola da rede pública de ensino. Foram propostas diferentes situações de leitura com as crianças seguidas de discussão, que foram registradas em diários de campo e vídeo gravadas. Os dados foram construídos a partir desse material empírico e analisados com base em princípios da análise etnográfica, da análise microgenética e do paradigma indiciário. A análise mostra como a compreensão de leitura em crianças já alfabetizadas não parte simplesmente do reconhecimento das caracteristicas internas do texto e das palavras...

A intercompreensão e competência de compreensão oral no pré-escolar

Rosa, Cláudia Evangelho da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
36.62%
No âmbito da Unidade Curricular de Seminário de Investigação Educacional em articulação com a Unidade Curricular de Prática Pedagógica Supervisionada, apresenta-se o seguinte estudo que consistiu no desenvolvimento de um projeto de intervenção em contexto de Educação Pré-escolar, através do qual se pretendeu compreender o contributo da intercompreensão para o desenvolvimento da competência de compreensão oral numa perspetiva plurilingue das crianças. Estudo este entendido como qualitativo do tipo investigação-ação (Sousa & Baptista, 2011: 65). Perante um mundo cada vez mais globalizado, pautado pela diversidade linguística e cultural, surge a necessidade de se fomentar uma educação plurilingue que se prevê fundamental na formação de uma sociedade mais aberta ao diálogo intercultural e à criação de relações de cooperação e tolerância entre os povos (Conselho da Europa, 2008). Desta forma, a educação plurilingue será aliada de uma educação para a paz, uma vez que esta última pretende consciencializar as pessoas para a importância do respeito pela dignidade humana e pelos direitos humanos, bem como pelos direitos culturais e linguísticos. Neste quadro, a Intercompreensão surge como uma das abordagens didáticas possíveis no desenvolvimento da competência plurilingue e de modos de comunicação mais justos e equitativos (Andrade & Pinho...

Os textos de literatura para a infãncia como estratégia para o desenvolvimento da compreensão da leitura

Grilo, Marta Valério
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /12/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.66%
A leitura é a base de quase todas as atividades que se realizam na escola, apresentando-se como uma ferramenta que suporta um grande número de atividades. A compreensão da leitura entende-se como a atribuição de significado ao que se lê, possibilitando localizar a informação desejada. Esta inclui quatro componentes (literal, de reorganização, inferencial e crítica), que se interligam entre si e que diferenciam o nível de compreensão. O ensino da compreensão da leitura envolve também estratégias na abordagem do texto, proporcionando aos alunos a utilização de ferramentas que os ajudem a compreender o que leem, devendo ocorrer antes, durante e após a leitura dos textos. É nesta temática que se insere o meu projeto de investigação. A abordagem qualitativa, numa perspetiva próxima da Investigação-Ação, procurando apresentar e interpretar todo o processo desenvolvido em torno da compreensão da leitura nas suas diferentes vertentes, foi a metodologia seguida. A intervenção decorreu numa turma de 2º ano de escolaridade, do Ensino Básico, composta por um total de 19 alunos, da qual foram selecionados, com ajuda da professora cooperante, 8 alunos com nível de aprendizagem intermédio, para construir a amostra e para realizar a análise comparativa entre as diversas atividades. A pergunta de partida foi: “Que estratégias para o desenvolvimento da compreensão da leitura?”...

Produção e Compreensão de Interrogativas Parciais em Crianças com Português Língua Não Materna

Vieira, Vanda Lúcia Rosa
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa ; Escola Superior de Saúde, Instituto Politécnico de Setúbal Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa ; Escola Superior de Saúde, Instituto Politécnico de Setúbal
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.62%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Desenvolvimento e Perturbações da Linguagem na Criança – Área de Especialização em Educação e Ensino da Língua; Este estudo tem como principal objetivo analisar a produção e a compreensão de interrogativas parciais de sujeito (IS) e de objeto (IO) em crianças com Português Língua Não Materna (PLNM). Neste estudo participaram dois grupos de controlo: grupo de controlo 1 – resultados de Cerejeira (2009) - composto por 60 crianças aprendentes de Português L1, com idades compreendidas entre 3;2 e 5;11 anos; grupo de controlo 2 - composto por 20 crianças aprendentes de Português L1 com idades compreendidas entre 6;7 e 10;8 anos. O grupo de estudo foi composto por 5 crianças com Mandarim L1; uma criança com Neerlandês L1 e uma criança com Russo L1. O grupo PLNM revelou uma média de idade igual a 8,3 anos. Para testar a produção e compreensão de interrogativas parciais utilizaram-se testes adaptados por Cerejeira (2009), partindo de vários testes desenvolvidos por Naama Friedmann e Maria Teresa Guasti. A produção de interrogativas parciais foi testada através de um teste de elicitação de interrogativas de sujeito e de objeto Q-leve (com verbos semanticamente reversíveis e irreversíveis). Para a compreensão de interrogativas parciais foram aplicados dois testes de identificação de imagens. Foi utilizado um teste para avaliar a compreensão de interrogativas de sujeito e de objeto Q-leve (com verbos semanticamente reversíveis e irreversíveis) e utilizou-se outro teste para avaliar a compreensão de interrogativas de sujeito e de objeto D-linked (com verbos semanticamente reversíveis). Os resultados dos testes de produção sugerem existir assimetrias entre IS e IO...

Resultados preliminares do estudo da compreensão em sujeitos disatricos

Santos,Michele Devido dos; Mac-Kay,Ana Paula Machado Goyano
Fonte: CEFAC Saúde e Educação Publicador: CEFAC Saúde e Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.66%
OBJETIVO: apresentar estudo sobre a compreensão de linguagem em sujeitos disártricos. MÉTODO: estudo retrospectivo, descritivo, de caráter qualitativo e quantitativo com 60 sujeitos com idade entre 40 a 70 anos. Foi realizado o cruzamento das tarefas de compreensão do protocolo Montreal Toulouse (versão alfa): compreensão de palavras orais (CPO) e escritas (CPE); frases simples orais (CFSO) e escritas(CFSE); frases complexas orais (CFCO) e escritas (CFCE). RESULTADOS: com respeito à comparação entre a compreensão oral e a escrita, quanto maior a CPO maior a CPE; quanto maior a CFSO, maior CFSE e vice-versa; relativamente à compreensão oral e escrita, quanto maior a CP, maior CF; quanto maior a CFS, maior CFC e vice-versa; em relação à comparação de idade, gênero, e CFCO e CFCE, não se observa relações significativas. CONCLUSÃO: nos pacientes deste estudo, verificou-se que a compreensão das estruturas mais simples favorece a compreensão das mais complexas; a dificuldade de compreensão de estruturas simples apresenta relação direta com a dificuldade de compreensão de estruturas complexas.

Resultados preliminares do estudo da compreensão em sujeitos disatricos

Santos,Michele Devido dos; Mac-Kay,Ana Paula Machado Goyano
Fonte: CEFAC Saúde e Educação Publicador: CEFAC Saúde e Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.66%
OBJETIVO: apresentar estudo sobre a compreensão de linguagem em sujeitos disártricos. MÉTODO: estudo retrospectivo, descritivo, de caráter qualitativo e quantitativo com 60 sujeitos com idade entre 40 a 70 anos. Foi realizado o cruzamento das tarefas de compreensão do protocolo Montreal Toulouse (versão alfa): compreensão de palavras orais (CPO) e escritas (CPE); frases simples orais (CFSO) e escritas(CFSE); frases complexas orais (CFCO) e escritas (CFCE). RESULTADOS: com respeito à comparação entre a compreensão oral e a escrita, quanto maior a CPO maior a CPE; quanto maior a CFSO, maior CFSE e vice-versa; relativamente à compreensão oral e escrita, quanto maior a CP, maior CF; quanto maior a CFS, maior CFC e vice-versa; em relação à comparação de idade, gênero, e CFCO e CFCE, não se observa relações significativas. CONCLUSÃO: nos pacientes deste estudo, verificou-se que a compreensão das estruturas mais simples favorece a compreensão das mais complexas; a dificuldade de compreensão de estruturas simples apresenta relação direta com a dificuldade de compreensão de estruturas complexas.

Fluência e compreensão leitora em escolares com dificuldades de leitura

Nascimento,Tânia Augusto; Carvalho,Carolina Alves Ferreira de; Kida,Adriana de Souza Batista; Ávila,Clara Regina Brandão de
Fonte: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.67%
OBJETIVO: Caracterizar o desempenho de escolares com dificuldade de leitura, em tarefas de decodificação e compreensão leitora e buscar correlações entre ambas. MÉTODOS: Foram avaliados 60 escolares (29 meninas) que cursavam do 3º ao 5º ano do Ensino Fundamental na rede pública do município de São Paulo. Trinta escolares (Grupo Pesquisa - GP), dez de cada ano, foram indicados por seus professores por apresentarem queixas ou indícios de dificuldades de leitura. Outros trinta, indicados como bons leitores, pareados por gênero, idade e escolaridade ao GP, compuseram o Grupo de Comparação (GC). Todos os escolares foram avaliados quanto aos parâmetros de fluência de leitura de itens isolados (palavras e pseudopalavras) e texto, e de compreensão leitora de texto narrativo (nível de leitura, número e tipo de ideias identificadas, acertos às questões de múltipla escolha). RESULTADOS: O GP apresentou valores de fluência e compreensão leitoras mais baixos que o GC. Diferentes padrões de correlações positivas e negativas, de fracas a ótimas, entre os parâmetros de decodificação e compreensão foram encontradas nos dois grupos. No GP foram observados baixos valores de taxa e acurácia de leitura correlacionados a baixos valores de compreensão e melhora da decodificação...

Práticas de ensino de compreensão de leitura e conhecimentos de alunos do último ano do ensino fundamental

Cybelle Rodrigues Fernandes Porto, Cynthia; Gomes de Morais, Artur (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
36.64%
O presente estudo se propôs a analisar práticas de ensino de compreensão de leitura e sua possível relação com o desenvolvimento de habilidades de compreensão de leitura nos alunos. Adotamos, em nosso marco teórico, uma perspectiva interacionista de língua, no que concerne aos conceitos de língua, texto, leitor, modalidades e estratégias de leitura, ensino de compreensão e aspectos cognitivos da leitura, tomando por base os estudos da Lingüística Textual e da Psicologia Cognitiva. A pesquisa foi desenvolvida em duas turmas do último ano do Ensino Fundamental I da Rede Municipal de Recife. Como procedimentos metodológicos, adotamos o paradigma de estudo de caso coletivo, para dar suporte à variação da abordagem de ensino de compreensão de leitura em contextos diferentes (Turma 1 e Turma 2), e fizemos uso de observações (12 dias letivos em cada turma), além da aplicação de atividades diagnósticas de leitura, no início e no final do ano escolar, nas quais usamos os quinze itens de avaliação de compreensão de leitura que integram a Prova Brasil. A análise dos dados demonstrou que as práticas das duas professoras eram bastante distintas, de modo que na turma 1 encontramos um ensino mais planejado...

A compreensão de texto em provas de Língua Portuguesa em concursos públicos

Jacinto de Freitas, Cleidson; Carlos dos Santos Xavier, Antonio (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
36.62%
Este trabalho tem o objetivo de caracterizar as atividades de compreensão em provas de concursos públicos na sua relação com os gêneros textuais e com as tipologias de questões. Para tanto, o corpus selecionado foram as provas de quatro bancas de concursos ESAF, FCC, Cesgranrio e CESPE, realizadas no período de 2009 e 2010. Pretendemos fornecer indícios para se observar se os exercícios de compreensão textual nos concursos se constituem efetivamente em atividade de compreensão ou realizam outras atividades como cópia, decodificação lexical e sintática ou outros exercícios tradicionalmente intitulados de compreensão, mas que, na verdade, com ela, têm pouca relação. Nossa análise nos permitiu identificar os conceitos de língua, texto e compreensão subjacentes às bancas e vimos que o tradicionalismo ainda é muito presente. Diversos exemplos de questões, nas quatro bancas observadas, evidenciaram uma postura estruturalista, tomando a língua como um código, consequentemente considerando o texto um depósito e interpretando que o processo de compreensão se dá por meio de uma decodificação. Nas quatro bancas também identificamos questões que exigem do candidato atitudes frente ao texto que demandavam esforços cognitivos complexos e que deixavam claro que o conceito de língua...

Um estudo sobre a influência da metodologia on-line em compreensão de textos

Vasconcelos dos Santos Dantas Hodges, Luciana; Galvao Spinllo, Alina (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
36.69%
As pesquisas sobre compreensão de textos adotam a metodologia off-line, que consiste em avaliar a compreensão após a leitura, e a metodologia on-line, que consiste em avaliá-la durante a leitura, sendo a off-line a mais tradicionalmente adotada. Pesquisas mostram que a metodologia on-line é eficaz na investigação de determinados aspectos da compreensão de textos, por exemplo, as inferências de previsão. No entanto, sua possível contribuição para o desenvolvimento da habilidade de estabelecer inferências parece ainda não ter sido explorada. O presente estudo objetivou examinar se a metodologia on-line contribuiria para a compreensão de textos, especificamente no que se refere ao estabelecimento de inferências em crianças com dificuldades nesta área. A escolha das inferências como objeto de investigação deve-se ao fato de sua reconhecida relevância no processo de compreensão textual, como mostra a literatura. Participaram do estudo 80 crianças de ambos os sexos com média e muita dificuldade de compreensão, porém sem dificuldade de decodificação na leitura, alunas do 3º e 4º anos do ensino fundamental em escolas públicas do Recife. Os participantes foram igualmente divididos em quatro grupos: Grupo G1 (on-line apenas)...

As relações entre consciência metatextual, produção e compreensão de textos

Paula Pereira, Ana; Galvao Spinllo, Alina (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
36.64%
Este estudo examinou as relações entre produção, compreensão de textos e consciência metatextual com crianças de diferentes níveis de escolaridade. A literatura aponta que as relações entre compreensão e produção textuais foram exploradas em algumas pesquisas, existindo resultados controversos sobre eles. Alguns estudos encontraram relação entre produzir e compreender um texto e outros não encontraram relação entre estas habilidades. Investigações que se propõem a examinar as relações entre consciência metatextual e compreensão são raras, e mesmo assim também apresentam controvérsias. Por um lado, há um estudo que encontrou correlação entre essas habilidades, e por outro, há um estudo que não detectou correlação entre elas. Também poucos são os estudos sobre as relações entre consciência metatextual e produção de textos, os quais se caracterizam por situações de intervenção que têm repercussões favoráveis sobre a produção textual. Assim, no intuito de avançar na discussão sobre as interações dessas habilidades, esta pesquisa buscou investigar as três habilidades (produção, Compreensão de textos e consciência metatextual) de forma conjunta, em um mesmo grupo de participantes...

Compreensão oral de crianças com e sem desvio fonológico: uma abordagem de diferentes dimensões lingüísticas

Alves Lucena, Jonia; da Graça Bompastor Borges Dias, Maria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
36.69%
O desvio fonológico consiste em uma dificuldade de fala caracterizada pelo uso inadequado dos sons, de acordo com a idade e variações regionais. Tal distúrbio pode envolver erros de produção, percepção ou organização dos sons capazes de prejudicar a criança nos âmbitos educacional, social e emocional. Considerando que a dimensão fonológica está afetada, é comum, em terapia fonoaudiológica para os desvios de fala, que a atenção do terapeuta esteja voltada, apenas, para o trabalho com os diversos sons da fala. Entretanto, na prática clínica fonoaudiológica, muitas vezes de forma empírica, é possível observar crianças que apresentam desvios fonológicos, demonstrando, também, dificuldades em outras dimensões lingüísticas. Este estudo teve por objetivo, portanto, analisar a compreensão oral de crianças com desvio fonológico, comparando-as com crianças que não apresentam tal dificuldade de fala. Foram abordados, especificamente, aspectos da compreensão semântica e da sintaxe, bem como a compreensão textual. Participaram do estudo 36 crianças, distribuídas entre a Alfabetização, 1ª e 2ª séries, pertencentes a escolas da rede pública de ensino. Desse grupo, 18 crianças tinham diagnósticos clínicos de desvio fonológico...

A influência das relações de apego entre pais e filhos na compreensão das emoções pelos filhos

Vasconcelos, Thais Sampaio Furtado de; Roazzi, Antonio (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: dissertacao
Português
Relevância na Pesquisa
36.64%
A Compreensão das Emoções é um campo de estudo que cresce no interesse dos pesquisadores, dado sua capacidade de influenciar a interação social dos indivíduos. É na infância que a Compreensão das Emoções se desenvolve, atingindo seu auge por volta dos 11 anos de idade. O construto engloba o reconhecimento, o controle e a compreensão das emoções em si mesmo e nos outros. Muitos são os pesquisadores que investigam tal construto, muitas vezes estudando sua relação com outros. Neste caso, é possível se citar o Apego como um possível construto que influencia a Compreensão das Emoções pelas crianças, dado que o Apego é a primeira forma de interação do indivíduo, quando ele começará a compreender como suas ações e reações influenciam em suas relações com seu cuidador. O Apego foi estudado primeiramente por John Bowlby (1907-1990) em suas pesquisas na díade mãe-filho. O Apego se constitui como uma disposição em buscar proximidade e contato com uma figura específica, sendo o senso de segurança o aspecto central do Apego. Uma vez que o Apego se manifesta como a primeira forma de interação social do indivíduo, esta pesquisa teve por objetivo compreender como as relações de Apego dos pais com os filhos influenciam na Compreensão das Emoções dos filhos. Como participantes do estudo...