Página 1 dos resultados de 530 itens digitais encontrados em 0.037 segundos

Lá e aqui: estudo das práticas de transformação da paisagem em comunidades rurais da zona da mata mineira; There and Here: Study of landscape transformation in rural communities in "Zona da Mata" in Minas Gerais.

Silveira, Catarina Faria Alves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
Essa dissertação estuda as práticas culturais que transformam a paisagem das comunidades rurais Buracada, Santa Catarina e Pedra Alta, localizadas nos municípios de Muriaé e Rosário da Limeira na Zona da Mata de Minas Gerais. Paisagem é compreendida nesse trabalho como a expressão da interação de elementos construídos e não-construídos, e entre estes, os homens. Adotamos uma abordagem cultural da paisagem e a consideramos como em constante transformação. Buscamos na antropologia contribuições metodológicas para embasar o trabalho de campo e a interpretação da paisagem estudada. Nossa pesquisa de campo criou, através do relacionamento com um núcleo familiar, uma rede de interlocutores que nos auxiliou no processo de conhecimento dessas transformações. Para construir nossa interpretação aliamos nossas descrições aos relatos dos comunitários e a experiência de campo. Identificamos elementos na paisagem e procedemos com investigações sobre os mesmos, a fim de reunir conhecimento sobre o conjunto de práticas culturais locais que consideramos determinantes na transformação da paisagem. Compreender essas práticas culturais mais determinantes abre um caminho de continuidade para outras reconstruções.; This dissertation studies the cultural practices...

Capital social, participação e cidadania no meio rural : uma perspectiva de gênero

Martinez, Rossana Vitelli
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
46.6%
Nas comunidades rurais, um número importante de organizações, associações e grupos de diferentes tipos gera uma atividade e um impacto importante sobre as interações e a vida dos seus vizinhos. Tradicionalmente, a participação das mulheres nas organizações não tem sido valorizada o suficiente, sendo pouco reconhecida a contribuição delas para os processos que promovem o desenvolvimento e a vida das localidades. Nesta tese, visa-se explorar as formas e mecanismos mediante os quais a participação das mulheres nestas organizações se transforma em uma contribuição fundamental para a geração de capital social e de recursos associativos que ajudam a alargar e produzir novas formas de cidadania. Nesse sentido, são estudadas as formas especializadas de participação feminina nos diferentes tipos de organizações, as predisposições a agrupar-se e a formar coletivos e o relacionamento dos vizinhos com o Estado. A partir do trabalho realizado para a tese, foi possível observar que nas comunidades rurais, embora homens e mulheres colaborem na produção de mecanismos de geração de cidadania ampliada, as mulheres desempenham um papel essencial no que diz respeito à transmissão e reprodução de uma série de normas e valores que conformam a base da cidadania...

O conhecimento sobre os recursos vegetais alimentares em bairros rurais no Vale do Paraíba-SP

Pilla, Milena Andrea Curitiba
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis Formato: xii, 115 f. : il. color., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
56.57%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Agronomia (Horticultura) - FCA; O objetivo deste estudo foi realizar um inventário das plantas alimentares cultivadas e coletadas da vegetação nativa e ruderal, em área de Mata Atlântica, conhecidas por dois grupos de populações rurais: um residente no Núcleo Santa Virgínia (Parque Estadual da Serra do Mar) e outro no seu limite. Os 23 entrevistados amostrados atenderam aos seguintes critérios: origem na região do Núcleo; idade superior a 45 anos; intimidade no trato com a terra. Ao todo foram levantadas 146 espécies botânicas, distribuídas em 43 famílias botânicas, sendo as famílias Solanaceae e Cucurbitaceae as mais representativas e basicamente hortícolas. Os índices de diversidade Shannon-Wiener e equidade de Pielou foram 1,98 (Base 10) e 0,91, respectivamente. Os dois grupos de bairros apresentaram uma similaridade de citação de plantas alimentares de 75,0%. A freqüência do consumo alimentar foi analisada por meio de dados obtidos pelo método retrospectivo das últimas 24 horas, revelando que os alimentos cultivados e coletados da vegetação nativa são consumidos esporadicamente De acordo com a amplitude total do nicho alimentar dada pelo índice de Levins (21...

Gestão em áreas protegidas: proposição metodológica para análise de impactos socioambientais nas comunidades tradicionais da APA Chapada do Araripe

Nascimento, Paulo Sérgio Silvino do
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 202 f. : gráfs, il., mapas, tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
46.83%
Pós-graduação em Geografia - IGCE; As Áreas de Proteção Ambiental (APAs) se destacam por contemplar um baixo nível de restrições de uso e manejo ao permitirem um amplo espectro de atividades econômicas, e também por serem unidades de gestão integradas, que buscam traduzir na prática o desafio da sustentabilidade, procurando harmonizar a conservação e a recuperação ambiental com as necessidades humanas. Muitos desafios são postos à prova quando tratam da relação entre as ações da gestão desta categoria de Unidade de Conservação e as populações que vivem em seu interior, especialmente as comunidades tradicionais rurais. Entre estes desafios está o de compreender como os diversos atores ou segmentos envolvidos na APA percebem os impactos do processo de gestão. O eixo central da tese proposta se baseia na hipótese de que as estratégias de gestão, ora vigentes, não seriam capazes de atender às demandas econômicas, sociais e ambientais das comunidades tradicionais inseridas nessas áreas protegidas. Diante disso, definiu-se como objetivo principal desta tese propor uma metodologia de identificação e análise dos impactos da gestão da Área de Proteção Ambiental nas comunidades tradicionais rurais...

Desinfecção da água por pasteurização solar (SOPAS) em comunidades rurais; Water disinfection by solar pasteurization (SOPAS) in rural communities

Danielle Gonçalves Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
56.57%
A elevada incidência de doenças de veiculação hídrica, devido à ausência de um sistema de saneamento suficientemente eficaz, afeta principalmente as populações que vivem em localidades pobres e em zonas rurais. Dessa forma, busca-se desenvolver cada vez mais, meios alternativos e baratos para promover a melhoria da qualidade de vida dessa população. Neste estudo é apresentado um sistema de pasteurização solar da água (SOPAS) visando desinfecção de água para consumo humano, utilizando como insumo um equipamento de aquecedor solar comercial e dois de baixo custo. Realizou-se testes para verificação da inativação de bactérias do grupo coliformes e heterotróficas nos aquecedores utilizados, os quais ficavam expostos por 8 horas ao sol, durante o período de maio de 2009 a novembro de 2010. Para detecção do grupos coliformes, usou-se a técnica do substrato cromogênico e para a heterotróficas o plaqueamento com Plate Agar Conter. De todos os equipamentos estudados, somente o equipamento de aquecedor solar comercial atingiu a temperatura de 60 º C, necessária para promoção da SOPAS, inativando o grupo coliformes. As bactérias heterotróficas não foram inativadas por nenhum dos equipamentos estudados. Para o desenvolvimento desse estudo...

Parques e comunidades rurais são compativeis? Estudo de caso no Parque Estadual da serra do Tabuleiro

Amaral, Eduardo Antonio Ribas
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: xi, 218f.| il., mapas.+anexos
Português
Relevância na Pesquisa
56.63%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Agrarias; Esta dissertação tem por objetivo debater a questão da compatibilidade entre parques e comunidades rurais. Inicialmente investiga-se como surgiu e se consolidou o conceito de Unidades de Conservação. A seguir, discute-se as contradições que cercam as unidades de conservação restritivas, com enfoque especial para os parques. A concepção que fundamentou a criação de parques baseia-se no entendimento de que a proteção dos recursos naturais só ocorre se o homem for separado da natureza. Pelo fato de que a maioria dos parques do terceiro mundo apresentam comunidades residindo em seu interior, um intenso debate tem ocorrido questionando a pretensa incompatibilidade homem-meio ambiente. A análise da legislação ambiental permitiu demonstrar que os instrumentos legais existentes possibilitam a manutenção dentro de parques de comunidades tradicionais com posse imemorial sobre terras públicas. O estudo de caso realizado na comunidade rural de Vargem do Braço, situada dentro dos limites do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, mostrou que atualmente existe incompatibilidade entre a comunidade e o parque em função do que está disposto na legislação ambiental e na ação dos próprios agricultores. Apesar dos diversos pontos conflituosos...

Análise do Programa Arca das Letras em comunidades rurais do Estado de Santa Catarina

Rodrigues, Michele de Britto
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: tcc (graduação em biblioteconomia)
Português
Relevância na Pesquisa
46.84%
TCC (graduação em Biblioteconomia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis; Estudo que teve por finalidade verificar o funcionamento do Programa Arca das Letras em comunidades rurais do Estado de Santa Catarina. As comunidades escolhidas foram Morro do Fortunato, no Município de Garopaba e Bom Retiro, Laranjal e Penha, no Município de Paulo Lopes, pertencentes à região metropolitana de Florianópolis. O Programa de bibliotecas rurais Arca das Letras, da Secretaria de Reordenamento Agrário (SRA) do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), com mais de oito mil bibliotecas rurais instaladas e dois milhões de livros distribuídos, beneficia mais de 920 mil famílias residentes no campo em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal (DF). Incentiva a leitura em comunidades de agricultura familiar, remanescentes de quilombos e em assentamentos de reforma agrária. Une parcerias para que essas populações, que não contam com uma biblioteca, possam ter acesso aos livros por meio de bibliotecas que vão ao alcance do leitor. Os agentes de leitura voluntários realizam os empréstimos de livros e promovem leituras comunitárias, que são realizadas de maneira prazerosa. O público-alvo são as crianças...

Os liames de solidariedade entre o Estado e as organizações de economia solidária na luta contra pobreza nas comunidades rurais em Cabo Verde

Carvalho, José Maria Coelho de
Tipo: tese / thesis
Português
Relevância na Pesquisa
46.66%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, Programa de Pós-Graduação em Sociologia, 2012.; A tese tem como objetivo compreender, à luz do paradigma do dom e da perspectiva teórica da economia solidária, a natureza das relações de cooperação entre o Estado e as Associações Comunitárias de Desenvolvimento, no âmbito da luta contra a pobreza nas comunidades rurais em Cabo Verde. O principal foco do estudo é o Programa Nacional de Luta Contra a Pobreza e, particularmente, o seu (Sub)Programa de Luta contra a Pobreza no Meio Rural. O PLPR, pela sua concepção de pobreza, metodologia e estratégia de intervenção descentralizada nas Associações Comunitárias de Desenvolvimento e respetivas comunidades, revelou-se como o modelo que melhor demonstra como as duas modalidades de solidariedade democrática, reciprocidade e redistribuição, interagem e participam de um processo dinâmico de geração, construção e multiplicação de iniciativas e experiências de economia solidária; de ampliação e aprofundamento do processo de democratização do Estado e de aproximação da gestão pública das comunidades rurais pobres. Subsidiariamente, o paradigma do dom...

Concepções de resíduos sólidos em áreas rurais de Nova Friburgo (RJ, Brasil): do consumo ao manejo

Alcantara, Patrícia Fontinha de
Tipo: dissertation
Português
Relevância na Pesquisa
56.6%
Este estudo busca avaliar as representações de comunidades rurais do 7o. distrito do Município de Nova friburgo sobre a concepção de lixo, suas práticas no manejo e descarte de seus resíduos, e entender as modificações descritas pelas comunidades em relação a essas práticas no passado, e sua relação com saúde e ambiente.

Avaliação dos benefícios à população de comunidades rurais abastecidas por sistema adutor: um estudo de caso

Carlos, Alexandre Araújo Godeiro
Tipo: dissertation
Português
Relevância na Pesquisa
46.66%
O presente estudo insere-se na temática Vigilância a Saúde, Saneamento e Recursos Hídricos . Mostra a percepção do usuário sobre os benefícios à saúde e à vida de uma comunidade que uma intervenção de Saneamento pode trazer. Descreve as questões ligadas à água: seu uso, importância, disponibilidade, questões do acesso, doenças de veiculação hídrica e o arcabouço legal que trata desse assunto. Aborda o Financiamento no Setor de Saneamento, a Política de Recursos Hídricos, Saneamento e Saúde, o Plano Estadual de Recursos Hídricos e o Programa das Adutoras. Detalha, ainda, o Sistema Adutor Agreste/Trairi/Potengi, denominado Monsenhor Expedito . Objetiva estudar a problemática das questões de acesso à água potável sob o ponto de vista da percepção de três comunidades rurais do Nordeste Brasileiro. Versa sobre a Avaliação dos Benefícios proporcionados a populações (universo pesquisado de 142 moradores) de comunidades rurais de São Paulo do Potengi (Sítios Cabaço , Bela Vista e Boa Vista dos Lopes ), que se abastecem do citado Sistema Adutor, com base em respostas dos entrevistados para auxiliar na tomada de decisão do Gestor Público quanto à implantação de um Programa de Saneamento. É um Estudo Descritivo...

Avaliação da estrutura populacional do Schistosoma mansoni emduas comunidades rurais e em uma localidade urbana

Barbosa, Lúcio Macedo
Fonte: Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz Publicador: Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz
Tipo: thesis
Português
Relevância na Pesquisa
46.66%
Os esforços para o controle da esquistossomose no Brasil foram iniciados na década. de 70, no entanto, a doença permanece como um problema de saúde pública no país,. com prevalência aproximada de 5%. As atuais estratégias de controle são focalizadas. no tratamento dos indivíduos infectados e obtiveram redução considerável na. prevalência, morbidade e mortalidade da esquistossomose. O praziquantel é o. medicamento utilizado atualmente no Brasil e apresenta uma eficácia de 80 a 90%.. Apesar da redução da prevalência e das formas graves da doença, a sucessiva. repetição do tratamento quimioterápico levanta questionamentos sobre a eficácia do. mesmo ao longo do tempo e a respeito do surgimento de resistência ao medicamento.. Com o objetivo de estudar o efeito do tratamento quimioterápico repetido nas. populações de Schistosoma mansoni foram selecionadas duas localidades rurais e. uma urbana do estado da Bahia. Foi utilizada uma estratégia de amostragem robusta e. um número de marcadores polimórficos neutros suficientes para demonstrar diferenças. entre microrregiões em momentos de equilíbrio entre deriva genética e migração, nas. comunidades da zona rural e urbana, e em momentos de estresse evolutivo póstratamento...

Funções da terra e da água para as comunidades rurais de Timor-Leste

Henriques, Pedro Damião; Narciso, Vanda
Fonte: Asociación Española de Economía Agraria Publicador: Asociación Española de Economía Agraria
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
46.66%
A terra é um recurso indispensável para as populações rurais de Timor-Leste. Os objectivos desta comunicação são: 1) para as diferentes funções da água e da terra - regulação, habitat, produção, informação e suporte – analisar os bens e serviços que fornecem, a sua natureza e o seu valor económico; 2) relacionar a produção de bens e serviços com o bem-estar das comunidades rurais; 3) descrever os principais mecanismos de obtenção e de transmissão da terra e reflectir sobre as causas que levam às desigualdades de género; e 4) identificar possíveis mecanismos indutores de mudança na posse e gestão da terra. Para as comunidades rurais de Timor, a principal função desempenhada pela terra é de produção. Nessa função a terra tem uma natureza privada ou comunitária e o sistema de transmissão da terra privada é maioritariamente a herança patrilinear. A função informação está muito presente nos rituais religiosos e culturais através da terra sagrada. A compreensão das funções desempenhadas pela terra e a qualificação e quantificação do seu valor permitirá valorizar e melhorar os mecanismos de gestão destes recursos de modo a privilegiar um acesso equitativo e um uso sustentável.

O Concílio Vaticano II, o MOBON e as comunidades rurais: um estudo sobre a práxis comunicativa entre missionários e grupos católicos leigos

Oliveira,Fabrício Roberto Costa
Fonte: Instituto de Estudos da Religião Publicador: Instituto de Estudos da Religião
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 Português
Relevância na Pesquisa
56.56%
O Mobon é um movimento católico, formado sob a influência do Concílio Vaticano II (1962-1965), que teve atuação destacada em comunidades rurais da Zona da Zona da Mata Mineira. O ideal de maior corresponsabilidade entre o clero e os leigos ocupou lugar de relevo no movimento, que promoveu cursos para a organização de comunidades e lideranças leigas, com o objetivo de que essas se tornassem menos dependentes da atuação dos párocos locais. Nos cursos eram utilizadas metáforas e representações simbólicas do mundo rural com propósitos de promover uma maior compreensão, visando a maior participação leiga. O texto tem como propósito apresentar uma análise desse processo de atuação comunitária da Igreja Católico e do papel relevante adquirido pela práxis comunicativa no processo relacional entre missionários e grupos católicos leigos.

O conhecimento sobre os recursos vegetais alimentares em bairros rurais no Vale do Paraíba, SP, Brasil

Pilla,Milena Andrea Curitiba; Amorozo,Maria Christina de Mello
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
56.6%
O objetivo deste estudo foi realizar um inventário das plantas alimentares cultivadas e coletadas da vegetação nativa e ruderal, em região de Mata Atlântica, conhecidas pela população rural residente dentro da área do Núcleo Santa Virgínia, Parque Estadual da Serra do Mar (bairros Puruba e Guaricanga) e nos arredores (bairro Vargem Grande). Os 23 entrevistados amostrados atenderam aos seguintes critérios: origem na área rural dos municípios onde se localiza o Núcleo; idade superior a 45 anos; intimidade no trato com a terra. Ao todo, foram levantadas 146 espécies botânicas, distribuídas em 43 famílias botânicas, sendo as famílias Solanaceae e Cucurbitaceae as mais representativas e basicamente hortícolas. Os índices de diversidade de Shannon-Wiener e equidade de Pielou foram 1,90 (Base 10) e 0,95, respectivamente, para o grupo residente no Núcleo; e 1,97 e 0,92 para a população que se localiza nos arredores do Núcleo. Os dois grupos de bairros apresentaram uma similaridade de citação de plantas alimentares de 75%. Cerca de 17% das plantas citadas são nativas da Mata Atlântica e há uma significante riqueza de espécies e de variedades cultivadas nos quintais e nas roças que complementam a dieta, cujos itens principais são adquiridos no comércio local. As comunidades rurais estudadas se revelaram como um importante sistema de conservação de germoplasma de plantas cultivadas...

Etnoecologia e etnobotânica da palmeira juçara (Euterpe edulis Martius) em comunidades quilombolas do Vale do Ribeira, São Paulo

Barroso,Renata Moreira; Reis,Ademir; Hanazaki,Natalia
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 Português
Relevância na Pesquisa
46.67%
As comunidades quilombolas são consideradas comunidades negras rurais formadas por descendentes de africanos escravizados. No Vale do Ribeira, uma das regiões mais pobres do estado de São Paulo, estas comunidades vivem da agricultura de subsistência e principalmente da coleta do palmito juçara para complemento da renda familiar. A palmeira juçara possui importante papel ecológico e econômico para a Floresta Atlântica e para as comunidades rurais locais. O objetivo geral deste trabalho foi investigar aspectos etnoecológicos e etnobotânicos da palmeira juçara (Euterpe edulis Martius) em comunidades quilombolas do Vale do Ribeira, SP. A investigação se deu em sete comunidades quilombolas através da aplicação de 25 entrevistas semi-estruturadas e da realização de uma oficina de identificação dos animais consumidores de frutos da palmeira. Também foram realizadas coletas e identificação de visitantes florais. Os quilombolas entrevistados demonstraram um detalhado conhecimento ecológico local sobre a palmeira juçara, principalmente a relação da biodiversidade animal associada à espécie. Neste trabalho a etnoecologia e a etnobotânica mostram-se ferramentas importantes no levantamento participativo do conhecimento ecológico local do E. edulis que pode ser considerado no manejo e na conservação da espécie na Floresta Atlântica.

Bem comum e normas costumeiras: a ética das águas em comunidades rurais de Minas Gerais

Galizoni,Flávia Maria; Ribeiro,Eduardo Magalhães
Fonte: ANPPAS - Revista Ambiente e Sociedade Publicador: ANPPAS - Revista Ambiente e Sociedade
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
56.5%
É na tensão entre o "costume de repartir a água comum" e a idéia de que a água pode ser privatizada que se definem os objetivos desse artigo. Ele analisa a noção da água como bem comum construída por populações rurais de Minas Gerais, investigando em que bases se fundamenta essa concepção e, por fim, analisa a plasticidade de culturas locais ao gerir comunitariamente recursos hídricos.

Experiência brasileira sobre captação, armazenamento, gestão e qualidade da água de chuva para consumo humano em comunidades rurais do Haiti.

SANTOS, E. de O. C.; SANTOS, D. N. dos; BRITO, L. T. de L.; SILVA, A. de S.
Fonte: In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE CAPTAÇÃO E MANEJO DE ÁGUA DE CHUVA, 6., 2007, Belo Horizonte. Água de chuva: pesquisas, políticas e desenvolvimento sustentável: anais. Belo Horizonte: UFMG, 2007. 1 CD-ROM. Publicador: In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE CAPTAÇÃO E MANEJO DE ÁGUA DE CHUVA, 6., 2007, Belo Horizonte. Água de chuva: pesquisas, políticas e desenvolvimento sustentável: anais. Belo Horizonte: UFMG, 2007. 1 CD-ROM.
Tipo: artigo em anais de congresso (alice)
Português
Relevância na Pesquisa
46.77%
O Haiti está entre os países considerados prioritários para a cooperação externa do governo brasileiro. É um dos mais pobres do mundo, enfrenta graves problemas com a falta de água potável, alto índice de contaminação tanto nas áreas urbanas como rurais, falta de coleta de lixo e de serviços elementares, como saúde e educação, inclusive sua capital Porto Príncipe. Por isso o governo e instituições brasileiras firmaram parcerias com instituições haitianas com o intuito de desenvolver juntos programas de captação e armazenamento de água de chuva, para tentar minimizar a intensa problemática que o país enfrenta neste setor. A partir de intercâmbios de técnicos Argentinos ao Brasil e posteriormente técnicos brasileiros no Haiti, foi idealizada a realização de uma Missão Tripartite (Argentina/Brasil/Haiti), com o objetivo de cooperar com o desenvolvimento de comunidades rurais do Haiti, na área de produção de alimentos e abastecimento de água potável. Desse modo, foi constituído um grupo de técnicos brasileiros, da Embrapa Hortaliças (Brasília-DF), Embrapa Semi-árido (Petrolina-PE) e o Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada, IRPAA (Juazeiro-BA) que assumiram a responsabilidade de capacitar uma equipe de técnicos Haitianos no Brasil...

As tendências ao desenvolvimento sustentável no manejo do babaçu pelas comunidades rurais do Estado do Maranhão

Linhares Cavalcante Barbieri, Ana; José de Arroxelas Galvão, Olímpio (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
46.72%
A palmeira de babaçu está no contexto das florestas do estado do Maranhão e faz parte do processo de geração de renda e sobrevivência das comunidades rurais do Estado. O objetivo do presente trabalho foi analisar o manejo sustentável da palmeira de babaçu pelas comunidades rurais do Maranhão, no qual foram consideradas as questões peculiares do extrativismo do local, desde os problemas de concentração de terras, conflitos, antagonismos e desorganizações sociais e econômicas assim como o processo de articulação e mobilização dos grupos de agroextrativistas na reestruturação das suas bases sociais e econômicas cujas iniciativas inovadoras e transformadoras permitiram ganhos nos segmentos sociais e econômicos sem o comprometimento das condições ambientais e viceversa. O trabalho fez o levantamento da importância do babaçu na história da economia do estado do Maranhão, seu apogeu econômico até a desaceleração da economia com o fechamento da maioria das indústrias de processamento do babaçu restando somente cinco firmas no cenário maranhense e as implicações deste processo em relação às comunidades rurais

Interação de comunidades rurais com recursos vegetais: o caso dos remanescentes de floresta estacional do Município de Junqueiro (AL-Brasil)

Luiz da Silva Santos, André; Cristina Gonçalves Pereira, Eugênia (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
66.81%
Este trabalho procurou destacar a importância sócio-ambiental dos remanescentes da Floresta Estacional Decidual do município de Junqueiro/AL. Levando em consideração o papel central da população local no conhecimento da utilização e na conservação dos recursos vegetais, a pesquisa teve por objetivos: realizar um levantamento das espécies de plantas utilizadas pela população; destacar a importância dessas espécies para as comunidades rurais; apontar alternativas para a conservação dos fitorecursos. Para atender os objetivos propostos o trabalho foi estruturado em cinco capítulos. No capítulo I, que trata da construção da paisagem através do manejo dos recursos naturais e a valorização do etnoconhecimento, foram abordadas as relações humanas com os recursos naturais sob a perspectiva do manejo. Discutiu-se o uso do solos/degradação ambiental; a produção do espaço geográfico e a perda do conhecimento tradicional e, por fim, a valorização do espaço através da etnoecologia. No capítulo II, que trata da expansão da cana-de-açúcar no espaço alagoano e suas conseqüências sobre o meio ambiente e a identidade cultural, foram conhecidos os fatores responsáveis pela expansão da cultura, o papel do condicionante natural e a conjuntura internacional propícia à expansão do setor sucroalcooleiro. O domínio da monocultura açucareira...