Página 1 dos resultados de 5841 itens digitais encontrados em 0.042 segundos

A constituição e o funcionamento de uma comunidade de prática de professores em educação para o desenvolvimento sustentável

Leitão, Mafalda Maria Gaudêncio Franco
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.49%
Tese de Doutoramento em Ciências da Educação na especialidade em Metodologias de Ensino/Aprendizagem apresentada à Universidade Aberta; Os conceitos de desenvolvimento sustentável e de educação para o desenvolvimento sustentável estão ainda em evolução o que torna pertinente, hoje, a tentativa de uma clarificação conceptual e sua posterior operacionalização. Além de promover a definição e uso correto dos termos, compete também ao ensino criar e desenvolver as competências necessárias para a sua operacionalidade. Esta investigação pretende contribuir para a autoformação de professores, nomeadamente de professores de Física e Química, em educação para o desenvolvimento sustentável. Pretende que os professores, e aqueles que beneficiam da sua ação, possam ser cidadãos críticos e responsáveis, numa sociedade local e simultaneamente global, que vive num tempo concreto mas, cada vez mais, consciente das repercussões futuras das suas ações e decisões. Tendo por base este objetivo criou-se uma comunidade de prática virtual constituída por professores de Física e Química de Portugal e de países africanos de língua oficial portuguesa. A formação em educação para o desenvolvimento sustentável constituiu o domínio da comunidade de prática. A água foi o tema motivador e aglutinador...

Sistema de indicadores de desenvolvimento sustentável local : estudo de caso no concelho de Abrantes

Lopes, Carlos
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.52%
Trabalho de projecto em Cidadania Ambiental e Participação apresentadado à Universidade Aberta; Os municípios possuem competências para atuar na promoção de políticas e ações que favoreçam o desenvolvimento local de forma sustentada e equilibrada. O desenvolvimento local não se centra unicamente no desenvolvimento económico, mas também na qualidade de vida dos munícipes, na preservação do ambiente, na diversidade cultural e na equidade social O desenvolvimento sustentável a nível local deve ser assumido por decisores políticos, organizações e cidadãos. O trabalho apresentado tem como objetivo a construção de um Sistema de Indicadores de Desenvolvimento Sustentável a aplicar num estudo de caso, o concelho de Abrantes. Os indicadores selecionados distribuem-se pelas dimensões do desenvolvimento sustentável, ambiental, social, económica e institucional. A primeira parte deste trabalho centra-se num enquadramento teórico sobre Sistemas de Indicadores de Desenvolvimento Sustentável utilizados internacionalmente e nacionalmente e na caracterização do concelho de Abrantes. A metodologia usada para a realização deste projeto apresenta um conjunto de Indicadores de Desenvolvimento Sustentável, distribuídos pelas dimensões do Desenvolvimento Sustentável. A seleção dos indicadores...

Investimento direto estrangeiro e desenvolvimento sustentável: uma proposta multivariada de correlação e comparação nos setores nacionais brasileiros; Foreign direct investment and sustainable development: a multivariate correlation and comparison approach in Brazilian sectors

Rodrigues, Jonny Mateus
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
A presente proposta correlaciona como o investimento direto estrangeiro pode, e deve, promover o desenvolvimento sustentável no país que o acolhe. O investimento direto estrangeiro é capaz de promover uma série de vantagens competitivas quando aplicado de forma coerente como: ganhos de tecnologia, geração de empregos, capacitação de mão de obra e outros benefícios que vão além do econômico. No entanto, há a necessidade de uma mensuração para que a promoção do desenvolvimento gerado se dê de forma sustentável, para que os benefícios obtidos para a nação sejam maiores do que a degradação ambiental, emissão de poluentes e os impactos sociais causados. Utilizando um referencial sobre o investimento direto estrangeiro e desenvolvimento sustentável, o trabalho consiste em verificar se o investimento direto estrangeiro promove o desenvolvimento sustentável. Para isso, uma construção foi feita a partir de dados secundários que pudessem verificar a latência dos constructos de sustentabilidade e assim relacioná-los com o investimento direto estrangeiro com a divisão em setor primário, secundário e terciário. Com essas correlações foi possível verificar como o investimento tem impactado não apenas na economia nacional mas também qual impacto ambiental e social ele trouxe. Posteriormente...

Processo de formação de estratégias de desenvolvimento sustentável de grupos multinacionais

Cruz, Luciano Barin
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.53%
Em um contexto de explicitação dos problemas ambientais e sociais que assolam o planeta, causando enormes disparidades entre países, as empresas, e mais fortemente as Multinacionais, se vêem diante da cobrança pela adoção de uma postura de responsabilidade ampliada, ou seja, de incorporação das 3 dimensões do desenvolvimento sustentável (econômica, social e ambiental) em suas estratégias. Esta responsabilização das empresas, traz à tona o problema da gestão dos trade offs envolvidos com estas 3 dimensões e, para as Multinacionais, a gestão destes trade offs na relação entre Matriz e suas Filiais. Tendo por objetivo, justamente, a proposição de um framework baseado em um conjunto de proposições para a concepção do processo de formação da estratégia de desenvolvimento sustentável, na relação entre Matriz e Filial, de Multinacionais, a presente pesquisa foi conduzida em 3 fases. Adotou-se uma postura epistemo-metodológica de concepção, aceitando a interação entre sujeito e objeto e a intencionalidade do sujeito/pesquisador ao longo da pesquisa, buscando-se explicitamente, a geração de conhecimento aplicável aos gestores dos Grupos estudados. Adotou-se também uma lógica abdutiva, ou seja, permitindo constantes “idas e vindas” entre teoria e campo empírico...

Desenvolvimento sustentável e sojicultura em Roraima : trajetórias antagônicas ou conciliáveis?

Gianluppi, Luciana Dal Forno
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.51%
Quando se entende que crescimento e desenvolvimento são sinônimos, acaba-se por prezar uma dimensão em detrimento de outras. Assim, surgem problemas de ordem social e também ambiental. O desenvolvimento sustentável surge para enfatizar a multidimensionalidade do processo, incorporando no seu conceito a dimensão ambiental, já que a social está presente no desenvolvimento. Assim, para um processo ser sustentável ele deve atender às necessidades das gerações atuais sem comprometer as necessidades das gerações futuras. Baseado nesse entendimento que surgiu o problema de pesquisa dessa dissertação: a expansão da sojicultura em Roraima é sustentável? A produção de soja tem papel importante no processo de desenvolvimento sustentável do Brasil através da geração de emprego e renda para a população principalmente ao longo da sua cadeia produtiva e como participante da construção de outras cadeias agroindustriais. Contudo, a expansão da sojicultura pelo país não trouxe apenas benefícios, problemas ambientais e sociais também surgiram: nos anos 1970 na região sul, nas décadas de 1980 e 1990 no Centro-Oeste e durante os anos 1990 na Amazônia. A partir de 2000, a sojicultura cresce em importância no estado de Roraima. Para alcançar o objetivo geral da pesquisa foram utilizados dados qualitativos...

A contribuição do MDL à promoção do desenvolvimento sustentável

Rosa, André Luiz Montagna da
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: 163 f.| il., tabs., grafs.
Português
Relevância na Pesquisa
66.52%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Administração.; A mudança do clima causada pela emissão antrópica de gases de efeito é uma das maiores ameaças à humanidade no século XXI. Para tratar do problema foi adotada em 1992 a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas. Com a terceira Conferência das Partes da Convenção, realizada em Quioto, em 1997, foi estabelecido um acordo internacional, onde se encontram definidas metas de redução de emissões de GEE para os Países industrializados, além de critérios e diretrizes para a utilização de mecanismos de mercado. Destes mecanismos, o único que permite a participação de Países em desenvolvimento é o Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL), que busca também a promoção do desenvolvimento sustentável nestes Países. Entretanto, a determinação da contribuição do MDL ao desenvolvimento sustentável nem sempre é possível, visto não haver um padrão internacional para avaliar os projetos quanto a este critério. Diante da necessidade prática de medir o desenvolvimento sustentável, surgiu o objetivo geral desta pesquisa, analisar a contribuição dos projetos de MDL ao desenvolvimento sustentável no Brasil...

Análise de convergência dos parâmetros estabelecidos por meio das ferramentas de gestão do padrão ISO à indução do desenvolvimento sustentável nas organizações

Merlin, Fabrício Kurman
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: 241 p.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
66.49%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Florianópolis, 2011; Tratar sobre o desenvolvimento sustentável, consiste em abranger um conjunto de questões provenientes da manifestação de demandas, de diversos segmentos da sociedade. As organizações fazem parte de um ambiente, no qual estão sendo, cada vez mais, pressionadas para o atendimento dessas demandas sociais e, conseqüentemente cobradas que o seu desenvolvimento seja realizado de forma sustentável. No intuito de tentar atendê-las, as organizações se valem de diversas ferramentas de gestão, dentre as quais, umas das mais utilizadas são as normas do padrão ISO. Apesar de existirem evidências, na literatura especializada, de contribuições proporcionadas por essas normas para a organização, devido às suas características e as implicações do seu uso nos elementos da organização, questiona-se se os seus parâmetros possibilitam uma convergência para uma possível indução do desenvolvimento sustentável nas organizações. A presente dissertação apresenta um estudo teórico, concebido na base estruturalista, de caráter descritivo e método dedutivo...

Um estudo de caso sobre as alterações cognitivas de um gestor de MPE sob influência do desenvolvimento sustentável

Otte, Henrique
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: 128 p.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
66.51%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2013; O uso dos recursos naturais além da capacidade de regeneração do planeta tem levado a humanidade a pensar em opões para garantir sua sobrevivência e o bem estar das gerações futuras. O desenvolvimento sustentável, buscando um equilíbrio entre as dimensões econômica, social e ambiental surgiu como uma orientação de como tratar este dilema, tornando-se uma tendência mundial. Contudo, em contextos mais locais este equilíbrio constitui-se em desafio. Isto pode ser verificado, por exemplo, nas micro e pequenas empresas, pois estas não possuem o suporte adequado para tratar desta questão. Em um cenário de acirrada competição onde se encontram estas empresas, não estar de acordo com a tendência mundial prejudica sua competitividade e sua sobrevivência. Neste sentido, este trabalho busca verificar as alterações na cognição do gestor e tomador de decisão de uma micro e pequena empresa quando confrontado com os princípios do desenvolvimento sustentável. Deste modo, são construídos dois mapas cognitivos, sendo que durante a construção do segundo mapa...

Formação em educação para o desenvolvimento sustentável

Santos, Lucimara da Cunha
Tipo: tese (doutotado) Formato: 347 p.| tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
66.57%
Tese (doutotado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica, Florianópolis, 2014; Em decorrência dos debates ocorridos na década de 1970 sobre as relações entre ciência, tecnologia e sociedade, assim como com o surgimento do movimento ambientalista e da educação ambiental, especialistas de diferentes áreas destacam a importância de uma educação científica de qualidade para todos os cidadãos, com vistas a uma sociedade mais sustentável. Nesse sentido, este trabalho se fundamenta na ideia de que a formação orientada para a Educação para o Desenvolvimento Sustentável contribui para o desenvolvimento profissional de professores de Ciências que atuam na Educação Básica, pois assim preparados podem advogar em favor de uma educação científica de qualidade para todos os cidadãos, com vistas a uma sociedade mais sustentável. Dessa forma, tem como objetivo geral investigar as contribuições e limitações de processos formativos orientados para a Educação para o Desenvolvimento Sustentável, na formação profissional de professores de Ciências que atuam na Educação Básica. Para tanto, tem como objeto de estudo e reflexão...

Educação do campo e desenvolvimento sustentável na Região do Sertão Mineiro Goiano : a contribuição do curso técnico em agropecuária e desenvolvimento sustentável da Escola Agrícola de Unaí-MG para jovens assentados de reforma agrária

Dansa, Cláudia Valéria Assis
Tipo: tese / thesis
Português
Relevância na Pesquisa
66.52%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2008.; A partir do Estudo do Caso do Curso Técnico em Agropecuária e Desenvolvimento Sustentável de Assentados da Reforma Agrária (CTADS), realizado na Escola Estadual Juvêncio Martins Ferreira (Escola Agrícola) de Unaí – MG, buscou-se refletir sobre o papel da Educação do Campo na construção do Desenvolvimento Sustentável, enfatizando a produção da identidade de jovens assentados da Reforma Agrária na região do Sertão Mineiro Goiano. O curso foi construído em parceria com o Grupo de Trabalho de Apoio à Reforma Agrária (GTRA) da Universidade de Brasília, Embrapa Cerrados e Superintendência Regional 28 (SR28) do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e financiado pelo Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (PRONERA) e Secretaria de Agricultura Familiar (SAF) do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Ofertado para 60 jovens de 35 assentamentos localizados em 16 municípios da área, de abrangência de SR28 que compreende o Nordeste Goiano, DF e Entorno e Noroeste Mineiro, região por nós denominada Sertão Mineiro Goiano. Correspondeu à formação profissionalizantes em nível pós-médio de técnicos em agropecuária e desenvolvimento sustentável realizada no período de janeiro de 2003 a fevereiro de 2006 em regime de alternância...

Hortas urbanas : espaços para o desenvolvimento sustentável de Braga

Pinto, Rute Sofia Borlido Fiúza Fernandes
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em 10/12/2007 Português
Relevância na Pesquisa
66.49%
Dissertação de Mestrado Em Engenharia Municipal - Área de Especialização em Planeamento Urbanístico; O desenvolvimento sustentável enfatiza a impossibilidade de um crescimento contínuo num planeta finito e a necessidade de preservar os recursos naturais e ambientais de modo a que as gerações futuras disponham do máximo de opções para maximizar o seu bem-estar e qualidade de vida. Assim, criar uma cidade sustentável deve passar por incorporar a dimensão do ambiente no desenvolvimento denso e complexo da urbe, procurando deste modo alcançar uma maior justiça social, um modelo económico sustentável e sustentabilidade ambiental. Estes constituem os três aspectos chave do desenvolvimento sustentável, fundamentais considerar no desenvolvimento urbano. Considera-se que os espaços de agricultura urbana, tais como as hortas urbanas, enquanto espaços verdes, devem ser integrados no modelo de desenvolvimento da cidade. As hortas urbanas devem portanto integrar a estrutura verde urbana principal ou a estrutura ecológica urbana. O objectivo deste estudo é demonstrar a viabilidade ambiental das hortas urbanas para usos múltiplos, isto é, enquanto: espaço verdes, que permitem descongestionar o ambiente da cidade; espaços de alimentação...

Educação para o desenvolvimento sustentável no 1º CEB : contributos da formação de professores

Sá, Patrícia Alexandra Pacheco de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
66.49%
A proclamação da Década da Educação para o Desenvolvimento Sustentável (2005-2014), em Dezembro de 2002 pelas Nações Unidas, eleva ao nível internacional o reconhecimento da educação como uma ferramenta essencial na promoção de formas de desenvolvimento mais sustentáveis. No contexto actual, onde se vivem profundas assimetrias num planeta limitado e finito em espaço e em recursos, é fundamental a compreensão das problemáticas que enfrentamos, a consciencialização da responsabilidade do ser humano na situação planetária actual e a importância do exercício de uma cidadania activa e responsável no sentido da mudança. Para que tal desiderato se concretize é fundamental que a Educação para o Desenvolvimento Sustentável (EDS) seja implementada numa perspectiva de educação ao longo da vida, que se estenda aos vários contextos de ensinoaprendizagem e que considere vários conteúdos, contextos, estratégias, capacidades e competências numa perspectiva multi, inter e transdisciplinar. Sabendo que as percepções dos professores são fundamentais na regulação das suas práticas didáctico-pedagógicas e que, no que diz respeito à situação planetária actual, estas têm sido fragmentadas e superficiais indicando a falta de consciência das problemáticas enquanto globais...

Responsabilidade Social e Desenvolvimento Regional: Estudos de Caso no Alentejo

Silva, Maria Luísa; Jorge, Fátima; Moura, Estevão
Fonte: Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Regional Publicador: Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Regional
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
76.21%
A partir da análise teórica dos conceitos de desenvolvimento sustentável, responsabilidade social e sustentabilidade empresarial, é destacada a relação entre desenvolvimento regional e estratégias de sustentabilidade empresarial que integrem práticas de responsabilidade social. Abordadas também à luz da estratégia de desenvolvimento regional - Alentejo 2015, para evidenciar tal relação reflectimos, neste artigo, sobre as práticas de responsabilidade social adoptadas por quatro organizações escolhidas: a EDIA, S.A., uma sociedade anónima de capitais exclusivamente públicos; a Sociedade Agrícola Freixo do Meio, S.A., uma pequena empresa privada pertencente à sociedade que estrutura o grupo Sousa Cunhal - Investimento, SGPS S.A., a Delta Cafés SGPS, S.A., uma sociedade holding portuguesa de capitais inteiramente privados e o grupo de empresas Esporão, S.A.. Embora com características diferenciadas, estas organizações apresentam alguns aspectos comuns nas práticas de responsabilidade social adoptadas, até ao nível dos factores que influenciam a sua implementação.

A educação para o desenvolvimento sustentável e os contratos de autonomia: contributo para o estudo da implementação da educação para o desenvolvimento sustentável nas organizações escolares com contrato de autonomia

Oliveira, Inácia Maria Gonçalves de
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em 05/04/2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.51%
Este trabalho é um estudo exploratório sobre a implementação da educação para o desenvolvimento sustentável nas organizações escolares com contrato de autonomia. Tem como objetivo conhecer as potencialidades destes contratos na promoção e implementação de princípios e valores no domínio do desenvolvimento sustentável nas organizações escolares e nas comunidades envolventes. Apoia-se num quadro documental diversificado e nas perceções de diretores sobre os valores, comportamentos e atitudes favoráveis à implementação da educação para o desenvolvimento sustentável no contexto das organizações escolares. O corpo teórico revela a importância que as organizações escolares podem ter para a integração da educação para o desenvolvimento sustentável na sociedade e releva o papel de entidades internacionais na elaboração de recomendações que influenciam as políticas dos Estados-membros da Organização das Nações Unidas. A abordagem metodológica baseia-se no paradigma qualitativo exprimindo-se através da interpretação do quadro teórico confrontada com os dados empíricos da investigação. Analisam-se quinze contratos de autonomia, selecionados aleatoriamente, e envolvem-se, mediante a realização de entrevistas semidiretivas...

Contribuição das organizações sem fins lucrativos para o desenvolvimento sustentável em meio rural no continente africano: uma experiência em S. Vicente, Cabo verde

Falcão, Sara Isabel Valente
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.52%
Relatório de Estágio apresentado para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Ecologia Humana e Problemas Sociais Contemporâneos; Enfrentamos actualmente uma série de complexos desafios sociais, ecológicos, culturais e económicos que comprometem a sustentabilidade do planeta e consequentemente o nosso bem-estar e sobrevivência. O conceito de Desenvolvimento Sustentável, “o desenvolvimento que satisfaz as necessidades presentes sem comprometer a satisfação das necessidades das gerações futuras”, surge como resposta a esses desafios e é hoje um imperativo global. A pobreza extrema, os conflitos armados, o acesso insuficiente à educação, a disseminação de pandemias, a degradação ambiental, a sobre-exploração de recursos naturais e as alterações climáticas são apenas alguns dos factores que comprometem os esforços do continente africano e principalmente do seu meio rural para alcançar o Desenvolvimento Sustentável. As Organizações Sem Fins Lucrativos, vistas como representantes da sociedade civil, são por isso agentes fundamentais da transição para o Desenvolvimento Sustentável e a sua acção tem-se revelado essencial no que diz respeito aos progressos verificados em áreas como a redução de pobreza...

As acessibilidades na região da Beira Interior como factor de desenvolvimento sustentável

Quaresma, Ana
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
66.5%
O desenvolvimento das acessibilidades em Portugal está a ocorrer de acordo com o previsto nas políticas europeias de transportes e em particular de acordo com o plano rodoviário nacional em vigor. Com o desenvolvimento das acessibilidades cria-se a expectativa de que as regiões por elas abrangidas registem impactos ao nível do desenvolvimento dessas mesmas regiões, principalmente nas zonas interiores, zonas que normalmente são caracterizadas por um menor desenvolvimento regional. Em simultâneo ao desenvolvimento das acessibilidades, a questão do desenvolvimento sustentável tem vindo a tomar cada vez mais uma maior importância, principalmente devido à deterioração das condições ambientais mundiais e da qualidade de vida das populações. Em Portugal, a atenção dada ao desenvolvimento sustentável está presente na legislação que tem vindo a ser publicada, onde se apresentam os principais objectivos e metas de desenvolvimento sustentável. Assim, através da escolha e do estudo da evolução de um conjunto de indicadores de acessibilidade e desenvolvimento sustentável (nas suas diferentes vertentes), disponibilizados por entidades oficiais para a região da Beira Interior, estudou-se a influência da melhoria das condições de acessibilidades como factor de desenvolvimento sustentável na região.

Agenda 21 nacional e indicadores de desenvolvimento sustentável: contexto brasileiro

Malheiros,Tadeu Fabricio; Phlippi Jr.,Arlindo; Coutinho,Sonia Maria Viggiani
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
66.51%
Respondendo às crescentes pressões da sociedade civil organizada para implementação de diretrizes estabelecidas nos instrumentos de comprometimento internacionais voltadas à promoção do desenvolvimento sustentável, estados nacionais vêm elaborando suas estratégias e planos de desenvolvimento sustentável. Esforços também vêm sendo dispensados na proposição de indicadores para acompanhar resultados e impactos na implementação de políticas. Em 2002, o Brasil aprovou sua Agenda 21, elaborada por meio de processo participativo, que é uma experiência significativa num contexto de grande diversidade social, ambiental e econômica, embora o Governo brasileiro não tenha ainda um sistema consolidado de monitoramento e avaliação da Agenda 21 brasileira. Seguindo orientação e incentivo da Comissão de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) publicou em 2002 os Indicadores de Desenvolvimento Sustentável - Brasil 2002. Apesar de ambos os esforços terem se desenvolvido em momentos concomitantes e possuírem como foco a mesma temática - desenvolvimento sustentável do Brasil - a não priorização da integração desses processos gerou lacunas no conjunto de indicadores...

Compreensão do desenvolvimento sustentável em contextos organizacionais a partir do estabelecimento de tipos ideais

Munck,Luciano; Borim-de-Souza,Rafael
Fonte: Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia Publicador: Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.51%
Por meio das discussões e reflexões teóricas desenvolvidas neste artigo almeja-se atender ao objetivo de propor tipos ideais para orientar o desenvolvimento sustentável. Tal intento é justificado pelo entendimento de que as organizações têm suas respectivas racionalidades de gestão influenciadas pelos diferentes territórios a que pertencem. Isso torna o conhecimento das especificidades sociais, culturais, ambientais e econômicas destas localidades uma necessidade para a abordagem e a coerente gestão das múltiplas facetas do desenvolvimento sustentável. A proposição de tipos ideais visa a suprir o processo decisório organizacional com informações substanciais precedentes às decisões pontuais que se alinhem a um desenvolvimento sustentável. Sua elaboração passou por uma contextualização teórica oriunda das características dos Modelos Heurísticos propostos por Ramos (1983), as quais foram complementadas por contribuições pontuais extraídas da Sociologia Weberiana (WEBER, 1964, 1968) e enriquecidas pela indicação dos níveis de existência dos seres humanos (GRAVES, 1970, 1974) e dos níveis de representatividade das organizações (BECK ;COWAN, 1996) predominantes em cada uma das configurações teóricas estabelecidas. Ao longo do artigo essas bases teóricas foram relacionadas e sintetizadas em três tipos ideais de desenvolvimento sustentável: o modelo arcaico de desenvolvimento sustentável...

Avaliação do planejamento de desenvolvimento sustentável de municípios em Pernambuco : um estudo de caso, avaliação do Projeto Cabo 2010

Ulisses Carneiro de Arcanjo, Ivan; Policarpo Rodrigues Lima, João (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
66.5%
Este trabalho tem como finalidade avaliar os resultados decorrentes da implementação do Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável do Município do Cabo de Santo Agostinho - Projeto Cabo 2010, no período de 1998 a 2004, com base em indicadores de desenvolvimento sustentável. O referido Plano, inédito no Estado de Pernambuco, constitui uma iniciativa inovadora do Poder Executivo daquele Município, um dos integrantes da Região Metropolitana do Recife. O referencial teórico apresenta um breve histórico das teorias de desenvolvimento surgidas a partir do início do século passado; destaca os conhecimentos atualmente disponíveis a respeito dos conceitos de: desenvolvimento sustentável, planejamento estratégico municipal do desenvolvimento sustentável, avaliação de planos ou programas públicos, indicadores e, mais especificamente, indicadores de desenvolvimento sustentável. Os indicadores utilizados são aqueles disponibilizados pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e a Rede Interagencial de Informações para a Saúde. Os indicadores selecionados alinham-se com a proposta da Comissão de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, e estão organizados nas seguintes dimensões: social...

Indicadores de desenvolvimento sustentável : uma proposta para o Estado de Pernambuco

de Souza Leão Pereira, Albertina; Raimundo Oliveira Vergolino, Jose (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
66.56%
Este trabalho tem por objetivo pesquisar, selecionar e elaborar um conjunto de indicadores, que contribuam para ampliar o leque de instrumentos destinados a mensurar os resultados alcançados por programas/projetos que adotam a abordagem do Desenvolvimento Sustentável. Apresentamos, no trabalho, uma análise comparativa dos modelos de indicadores de desenvolvimento sustentável pesquisados na literatura, avaliando-se os conceitos, critérios de seleção e as variáveis utilizadas, bem como os suportes teóricos considerados para validação dos modelos. Assumimos como suportes teóricos a concepção de desenvolvimento sustentável e a teoria de sistemas. Adotamos o Desenvolvimento Sustentável porque este novo conceito de desenvolvimento, segundo Buarque (1996, p.55), se apóia numa visão holística da realidade que conduz a uma abordagem sistêmica, portanto alia-se à teoria de sistemas principalmente quando tratamos de sistemas abertos. E a abordagem sistêmica com ênfase no conceito de orientadores de viabilidade de sistemas aplicados para validação de indicadores de desenvolvimento sustentável (BOSSEL, 1999) foi nosso suporte teórico para a seleção dos indicadores. O teste empírico foi realizado através da aplicação dos indicadores para os municípios do Estado de Pernambuco...