Página 1 dos resultados de 564 itens digitais encontrados em 0.020 segundos

Plataformas robustas e adaptáveis para a gestão e massificação de conteúdos dinâmicos : utilização em ambientes educacionais contribuindo para o sucesso educativo no ensino secundário em Portugal

Santos, Alberto Faustino Mesquita dos
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
46.31%
Dissertação de Mestrado em Comércio Electónico e Internet apresentada à Universidade Aberta; A Internet está em constante desenvolvimento. Desde o seu aparecimento como mera rede de interligação entre computadores, é agora um espaço interactivo no qual todos nós somos parte integrante. O presente trabalho sintetiza as várias etapas da evolução da Web, Web 1.0, Web 2.0, Web 3.0 e foca a sua atenção ao nível da aprendizagem à distância. Tendo sido o e-learning já experimentado ao nível do ensino universitário, encontra-se ainda numa fase embrionária ao nível do ensino secundário. É feita uma análise, tentando caracterizar a geração actual dos alunos na fase etária correspondente ao ensino secundário, e analisado a sua interacção nos aspectos comportamentais relacionados com a web 2.0. É feita uma análise das características do ensino à distância e por fim, é realizado um inquérito em escolas-piloto, para averiguar se o e-learning com portais educativos trará benefícios nas aprendizagens dos alunos desta nova geração rodeada de computadores, Internet e demais dispositivos tecnológicos. Pretende-se assim estudar a viabilidade de utilização de plataformas de aprendizagem à escala nacional que contribuam para o progresso de conteúdos científicos e em particular nas aprendizagens realizadas pelos alunos na escolaridade ao nível do ensino secundário...

Ensino e aprendizagem no contexto de um TEIP : a urgência de educar para e pela sociedade

Correia, Ana Rita
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
46.3%
Dissertação de Mestrado em Supervisão Pedagógica apresentada à Universidade Aberta; A relação entre o ensino e a aprendizagem e as características societais torna-se cada vez mais profunda e de maior interdependência, devido à democratização e expansão do acesso ao ensino, que originam a presença na escola de grande diversidade social e cultural. Dado o novo perfil dos públicos escolares, que se reflete num aumento do insucesso na sua aceção alargada (retenções, absentismo, indisciplina, violência), a escola deve assumir a sua quota-parte na redução da exclusão escolar e social, por meio de ações que atenuem aqueles problemas, designadamente pelo questionamento da “forma escolar” e da matriz pedagógica homogéneas que a caracterizam desde a sua fundação. Este estudo parte da conceção de que os Territórios Educativos de Intervenção Prioritária são locais onde os problemas sociais, económicos e culturais se concentram e de que a escola, assumindo o seu papel de promotora da igualdade social face à educação e no âmbito da sua autonomia, deve optar por estratégias de ensino e aprendizagem integradoras da pluralidade de saberes dos alunos e, simultaneamente, que impulsionem o desenvolvimento de competências necessárias à sã convivência em comunidade...

O skype como ferramenta de interacção e colaboração no ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras em teletandem

Matos, Filipa Andreia Martins
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
46.64%
Dissertação de Mestrado em Pedagogia do Elearning apresentada à Universidade Aberta; Com a revolução digital e os considerados media tradicionais (imprensa, cinema, rádio e televisão) agregaram-se os denominados new media, meios de comunicação de massa desenvolvidos posteriormente ao nascimento da informática, mas interligados com a mesma. Actualmente, vivemos numa sociedade em que a Internet tende a ser cada vez mais dominante. A informação, a curiosidade em conhecer, ensinar e aprender através da Internet têm constituído matéria de reflexão para muitos investigadores. Face a esta inquietação, nas áreas da educação surge cada vez mais a preocupação em adequar as novas tecnologias de informação e comunicação ao processo de ensino-aprendizagem, de modo a motivar e conduzir ao sucesso. No que concerne ao ensino das línguas, o teletandem, como nova opção em CALLT (Computer Assisted Learning Language and Teaching), poderá ser um modo de ensino-aprendizagem. Recorrendo a aplicativos de Instant Messaging (Msn, Skype, ...) e às suas ferramentas de escrita, leitura, áudio e vídeo, procura-se, através de actividades de interacção, fomentar a autonomia e promover o envolvimento do estudante no processo de aprendizagem. A investigação que apresentamos enquadra-se no tema dos “novos ambientes virtuais de aprendizagem?...

Utilização de wikis na disciplina de matemática do 2º ciclo do ensino básico

Azevedo, Paulo Jorge Santos de
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
46.32%
Dissertação de Mestrado em Comunicação Educacional Multimédia apresentada à Universidade Aberta; As ferramentas da Web 2.0 estão cada vez mais presentes em todos os níveis do ensino. Estas ferramentas são utilizadas em diferentes disciplinas para o desenvolvimento e/ou divulgação de projetos de diferentes naturezas. Os wikis são um exemplo de ferramentas cujas potencialidades têm sido investigadas nos últimos anos, tanto no ensino a distância como no ensino presencial. A possibilidade de se desenvolverem atividades de aprendizagem colaborativa tem sido relatada como motivadora para os alunos. Mas as potencialidades dos wikis vão para além da motivação. A criação de páginas de Internet, visíveis para o público ou apenas para um determinado grupo de pessoas, editáveis por quem for autorizado para tal, que se constituem não apenas como um repositório de texto, imagem e gráficos, mas como instrumentos ou artefactos de aprendizagem, torna os wikis em recursos de aprendizagem a considerar no ensino presencial. Os alunos podem tornar-se, assim, construtores do seu conhecimento, um conhecimento em construção, fruto da colaboração e da negociação. O novo programa de Matemática do Ensino básico, homologado em 2007...

Desafios e perspetivas do ensino da matemática no ensino superior online : um estudo de caso

Gomes, Estela Maria Martins Teixeira
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
46.33%
Dissertação de Mestrado em Pedagogia do E-Learning apresentada à Universidade Aberta; A Matemática e a Estatística constituem áreas do conhecimento com um grau de complexidade elevado, com terminologia muito específica, sendo estes alguns fatores que podem potenciar a existência de obstáculos na aprendizagem dos conteúdos; estas preocupações agudizam-se quando falamos em ensino online dadas as características muito particulares deste modelo de ensino/aprendizagem. A escassa investigação sobre o ensino da Matemática/Estatística a nível académico superior suscitou um interesse acrescido em investigar questões de cariz pedagógico afetas ao ensino da Matemática e da Estatística em contexto virtual, nomeadamente no 2º ciclo de estudos da Universidade Aberta, UAb. Em termos gerais, a investigação pretende analisar a adaptação do estudante ao Modelo Pedagógico virtual definido pela UAb, bem como a importância de adaptar a metodologia de ensino a circunstâncias particulares, nomeadamente à falta de conhecimentos prévios considerados fulcrais; o estudo das interações estabelecidas entre pares e com o docente foi alvo de interesse na tentativa de entender como a aprendizagem colaborativa pode afetar a aprendizagem dos conteúdos programáticos. A metodologia assume uma abordagem mista...

Aspectos do desenvolvimento profissional dos formadores de professores de ciências no contexto de integração - Universidade, Diretorias Regionais de Ensino e Escolas; Aspects of the professional development of the teacher educators of science teachers in the integration context - University, Regional Directories of Education and Schools.

Rodrigues, Maria Inês Ribas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/08/2006 Português
Relevância na Pesquisa
36.67%
Resumo Sob o enfoque do trabalho colaborativo esta pesquisa qualitativa pretende contribuir, com seus resultados, para ampliar informações com relação ao desenvolvimento profissional do formador de professores de ciências. O interesse está em viabilizar caminhos que promovam a melhoria tanto na formação dos professores, como no próprio ensino de ciências nas séries iniciais, através da formação dos formadores de professores de ciências. Compreendemos que pouco adianta os investimentos em formação de professores se não voltarmos nossas atenções para aquele profissional que é responsável por essa formação, por exemplo, o Assistente Técnico Pedagógico, que atua nas Diretorias Regionais de Ensino. Através de uma proposta de ensino de ciências para as séries iniciais, por meio de atividades investigativas no contexto da física, surge a iniciativa de nove Assistentes Técnico Pedagógicas (ATP), formadoras de professores de ciências, em realizar um projeto de melhoria no ensino, integrando a universidade, as diretorias regionais de ensino e as escolas públicas. O projeto O conhecimento físico no ensino fundamental: dos programas de formação continuada à implementação de novas práticas em sala de aula...

A construção de material didático contextualizado como subsídio para as aulas de Ciências do ensino fundamental (II): uma experiência colaborativa em Cubatão, SP; Contextualized didactic materials as subsidiary elements for Science classes at the elementary level (2nd cycle): a collaborative experience in Cubatão, Sao Paulo State, Brazil

Santos, Fernando Santiago dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.75%
Este trabalho de pesquisa qualitativa aplicada, calcada em uma análise primariamente exploratória e descritiva, relata a trajetória de um grupo de trabalho colaborativo que confeccionou materiais didáticos subsidiários ao livro didático de Ciências no Ensino Fundamental II (6º ao 9º anos). Os docentes que participaram do trabalho colaborativo pertenciam, à época da pesquisa, à rede municipal da prefeitura de Cubatão (SP). A pesquisa, inédita na área de Ciências na referida rede municipal, desenvolveu-se com um grupo inicial de oito docentes, dos quais apenas cinco mantiveram-se até o término do projeto de pesquisa. Levantamentos de cunho bibliográfico e documental foram utilizados para a confecção dos materiais pelo grupo de docentes, ao passo que levantamentos da realidade socioeconômica e ambiental foram realizados em nove unidades municipais de ensino do município. Questionários com perguntas abertas e fechadas e entrevistas semi-estruturadas foram aplicados a docentes e alunos, em momentos diversos da pesquisa. Além disso, todo o processo de trabalho colaborativo foi extensamente documentado e analisado de forma sistemática, durante as reuniões ordinárias com o grupo de professores, de forma individual e coletiva. A pesquisa baseia-se em um tripé norteador...

O trabalho em grupo colaborativo na aula de língua estrangeira numa escola pública de ensino médio

Burmeister, Anelise Teixeira
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.73%
As aulas de ensino de língua estrangeira na escola pública são, historicamente, consideradas ineficientes. Entretanto, poucos estudos têm investigado diretamente as ações e interações nessas aulas a partir do ponto de vista dos próprios participantes. Este estudo tem por objetivo investigar o que fazem os alunos do ensino médio noturno em uma escola pública ao lhes ser proposto o trabalho colaborativo em grupos para a realização de tarefas de seu interesse. Estudos lingüísticos a partir de uma abordagem sócio-histórico-cultural têm demonstrado que é no uso da linguagem para participar de eventos relevantes que se dá a aprendizagem de outra língua, e o trabalho em grupo colaborativo tem sido defendido como lócus privilegiado para essa aprendizagem. Dados gerados por gravações em áudio e vídeo das atividades de grupos de alunos em duas turmas de primeiro ano de ensino médio noturno foram analisados de acordo com os princípios da abordagem sócio-histórico-cultural da aprendizagem e da Análise da Conversa Etnometodológica Aplicada para a identificação das ações realizadas na fala-em-interação e discussão do que fazem os participantes durante o trabalho em grupo colaborativo. Os dados da pesquisa sugerem que os participantes têm práticas próprias e eficientes de organização e participação no trabalho em grupo...

Ensino colaborativo de eletrônica em ambiente síncrono e assíncrono usando software livre; Collaborative distance teaching of electronics in synchronous and asynchronous environments using free software

Luis Rogério Gomes de Almeida
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
46.52%
Nesta pesquisa foi desenvolvida uma abordagem para o ensino remoto de eletrônica para nível médio. A abordagem, que previu experimentos colaborativos online em tempo real, foi testada com a realização de um curso piloto: Amplificadores Operacionais. O objetivo desta nova abordagem é diversificar a oferta de capacitação profissional em eletrônica, através do ensino a distância - EAD, com atividades síncronas e assíncronas. Foram escolhidos os modelos de aprendizagem, de projeto instrucional, de processo de produção e de processo de avaliação. A composição da infra-estrutura privilegiou as ferramentas livres e de código aberto, para atender às demandas do mercado com custo competitivo e possibilitar a maior dispersão geográfica possível. Neste trabalho, foi introduzida, de forma pioneira, a realização de experimentos através de simulações eletrônicas em um ambiente colaborativo, mudando a dinâmica do aprendizado e criando uma nova perspectiva de interação entre os alunos e o professor em um ambiente de ensino eficiente de eletrônica a distância. Com a realização desta pesquisa verificou-se que é viável o ensino remoto de eletrônica com atividades práticas interativas e colaborativas; This research was developed an approach of an electronic remote learning. The approach...

Ambiente colaborativo para ensino de estatística com o SESTAT

Noal, Renato Bica
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: ii, [63] f.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
36.7%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação.; O termo Trabalho Colaborativo Suportado por Computador (CSCW) designa a modalidade de ensino - aprendizagem que procura, através da formação de grupos, promover a troca de conhecimentos e valorizar a interação entre alunos e entre alunos e educadores através do desenvolvimento de um trabalho conjunto que visa alcançar objetivos pré-definidos. Em torno dessa idéia surge o objetivo do trabalho que é a modelagem e implementação de um ambiente colaborativo para Ensino à Distância Suportado por Computador, utilizando o SEstat (Sistema Especialista para Apoio ao Ensino de Estatística) como ambiente de aprendizagem. O ambiente explora a tecnologia de Sistemas Distribuídos como elementos essenciais na arquitetura de uma aplicação para suporte ao trabalho colaborativo sobre o protocolo TCP/IP (Transfer Control Protocol / Internet Protocol).

Videoaula: Interação e o ensino-aprendizagem de língua estrangeira (parte 1)

Gil, Gloria
Tipo: video
Português
Relevância na Pesquisa
46.25%
Videoaula sobre a interação e ensino, ensino tradicional e ensino colaborativo, as ideias de Vygosky, a teoria sociocultural ou sociointeracionista e a aprendizagem de uma LE a partir da perspectiva Vygotskiana.

Videoaula: Interação e o ensino-aprendizagem de língua estrangeira (parte 2)

Gil, Gloria
Tipo: video
Português
Relevância na Pesquisa
46.25%
Videoaula sobre a interação e ensino, ensino tradicional e ensino colaborativo, as ideias de Vygosky, a teoria sociocultural ou sociointeracionista e a aprendizagem de uma LE a partir da perspectiva Vygotskiana.

Videoaula: Interação e o ensino-aprendizagem de língua estrangeira (parte 3)

Gil, Gloria
Tipo: video
Português
Relevância na Pesquisa
46.25%
Videoaula sobre a interação e ensino, ensino tradicional e ensino colaborativo, as ideias de Vygosky, a teoria sociocultural ou sociointeracionista e a aprendizagem de uma LE a partir da perspectiva Vygotskiana.

Ensino colaborativo : clima de partilha

Frade, Carla Manuela Lemos Silva
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em 13/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
66.78%
O Presente estudo analisa o modelo de ensino colaborativo praticado nas escolas do 1ºciclo do Agrupamento de Escolas de Pevidém, no Concelho de Guimarães no ano lectivo 2010/2011. A educação inclusiva é hoje muito falada e o atendimento a crianças com necessidades educativas especiais é uma realidade. Para que a escola seja efectivamente inclusiva passa por desenvolver as estratégias e a qualidade do apoio educativo em educação especial. Este apoio só será de qualidade se articulado com o ensino regular. A acção simultânea entre os dois docentes na sala de aula, é essencial para que a escola seja verdadeiramente inclusiva. O objectivo principal desta investigação é o de caracterizar o modelo colaborativo entre docente de educação especial e docente do ensino regular, no atendimento a crianças com necessidades educativas especiais. Numa primeira fase, é feita uma análise conceptual sobre o conceito de educação especial, escola inclusiva e ensino colaborativo. A metodologia de investigação utilizada é de natureza qualitativa, e a amostragem é de conveniência, com 19 professores do ensino regular e 5 do ensino especial. Os resultados obtidos demonstram que é grande a motivação para a docência e que existe colaboração em muitos aspectos neste modelo...

mlSynapse : uso de m-learning no ensino superior

Rodrigues, José Luís Sousa
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
46.25%
A mudança de paradigma da educação e a evolução dos dispositivos móveis permitiu criar condições para o surgimento do conceito de Mobile Learning ou m-Learning. Este recorre ao uso de tecnologias móveis para melhorar a experiência de aprendizagem. O presente trabalho propõe-se demonstrar, concretizar e avaliar o valor da mobilidade na educação, através das potencialidades do m-learning no ensino superior. A demonstração é feita por via da construção de um sistema, baseado na arquitectura cliente/servidor (sobre http) optimizado para dispositivos móveis, nomeadamente PDAs Este sistema é constituído por dois módulos: MyWorkspace e FormManager. O módulo MyWorkspace disponibiliza on-line todos os recursos existentes nas áreas de trabalho de cada utilizador da plataforma de ensino colaborativo Sakai, da Universidade Fernando Pessoa (UFP), esta interligação é feita através de um Web service disponibilizado para o efeito. O FormManager possibilita ao docente construir formulários de interacção (testes ou inquéritos) para disponibilizar em contexto de sala de aula. Estes são realizados através dos dispositivos móveis, o docente obtém os resultados de forma contínua e em tempo real através do seu PDA ou Pocket PC. Após os testes do protótipo a avaliação foi efectuada por um grupo de dezanove alunos e de três docentes. Dos resultados destaca-se o módulo MyWorkspaces por ser útil ou mesmo bastante útil...

Interagir com o mundo do trabalho – o ensino colaborativo e o voluntariado

Marques dos Santos, Paula; Bonito, Álvaro
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /02/2010 Português
Relevância na Pesquisa
66.64%
Apesar das diversas políticas de cooperação e parcerias europeias (comunitárias e extra-comunitárias), a falta de empregabilidade constitui um dos principais desafios aos quais é urgente responder eficientemente. Para isso, as instituições de ensino superior têm um papel fundamental, quer na oferta de formações de qualidade e adequadas às necessidades do mercado e envolvente onde se inserem, quer na preparação de profissionais que consigam responder às necessidades reais das organizações, empresas e instituições, públicas ou privadas, nacionais ou internacionais. O nosso artigo pretende apresentar uma abordagem acerca de metodologias de ensino e de interacção das instituições de ensino com a sua envolvente socioeconómica, que promovam as suas formações e a empregabilidade dos alunos, aliando o saber-saber ao saber-ser/estar e ao saber-fazer, em termos de eficiência, eficácia e qualidade. Assim, pretendemos apresentar o nosso projecto de escola onde se favorece o contacto directo durante a formação com o mercado de trabalho, através do ensino colaborativo e voluntariado.

Ensinar para a compreensão da leitura do texto informativo em língua portuguesa : um trabalho colaborativo de duas professoras numa turma do 6º ano de escolaridade

Varanda, Maria Cecília de Sousa, 1962-
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.68%
Tese de mestrado, Educação (Supervisão e Orientação da Prática Profissional), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2011; Este trabalho centra-se na concepção, desenvolvimento, aplicação e avaliação de uma intervenção de ensino explícito de estratégias de compreensão de textos informativos, consideradas fundamentais para a aprendizagem e para o sucesso escolar, para alunos do sexto ano de escolaridade, em aulas regulares da disciplina de Língua Portuguesa. A intervenção é desenvolvida tendo como referentes o Currículo Nacional do Ensino Básico de 2001 e o Programa de Português do Ensino Básico de 2009, o qual entra em vigor no ano lectivo 2011/2012, em articulação, com o Projecto “Metas de Aprendizagem”, de 2010, considerando-se que o desenvolvimento cognitivo e linguístico constitui o eixo em torno do qual se processa toda a aprendizagem, ganhando a língua materna uma dimensão transversal. Desenvolvida em trabalho colaborativo por duas professoras de uma escola de província do 2º ciclo, num processo de hetero-formação assente na prática reflexiva, a intervenção é aplicada a uma turma de vinte alunos do sexto ano de escolaridade, semanalmente, durante o segundo período do ano lectivo de 2010-2011. Os efeitos da intervenção nos alunos no domínio da compreensão da leitura de textos informativos são descritos e avaliados tendo por base os instrumentos utilizados: reflexões dos alunos...

A utilização do facebook como ferramenta de ensino colaborativo numa turma de 11º ano do ensino profissional

Oliveira, Vânia Cândido de, 1989-
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
56.68%
Relatório da Prática de Ensino Supervisionada, Educação (Mestrado em Ensino da Economia e da Contabilidade), Universidade de Lisboa, 2014; O presente Relatório da Prática de Ensino Supervisionada corresponde à análise e conclusões apresentadas da experiência pedagógica concretizada de lecionação da disciplina de Economia numa turma de 11.º ano de escolaridade, numa Escola Profissional, e tem como temática principal a utilização do Facebook como ferramenta para a promoção do ensino colaborativo. A utilização das redes sociais pode permitir uma aprendizagem colaborativa pela partilha de informações, com base numa abordagem socio construtivista, surgindo como instrumentos adequados a uma metodologia ativa de apoio face à metodologia tradicional. Inicialmente, reflito sobre a pesquisa bibliográfica que efetuei, de forma a fundamentar a possibilidade da utilização desta ferramenta no Ensino, tendo por base a questão central do estudo: “Como pode a utilização do Facebook permitir a aprendizagem colaborativa entre os alunos e facilitar o ensino presencial?” Para poder desenvolver a análise do trabalho colaborativo, criei uma página para a turma no Facebook. Os alunos apresentaram informações diversificadas...

Metodologias coletivas para o ensino de projeto em engenharia e arquitetura

Aravena-Reyes,José A.
Fonte: Escola de Minas Publicador: Escola de Minas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2001 Português
Relevância na Pesquisa
46.41%
Os problemas e desafios de uma sociedade a cada dia mais complexa e global têm motivado o Departamento de Fundamentos de Projeto da UFJF a desenvolver diversas abordagens para ensinar conceitos-chave de projeto dentro de disciplinas que objetivam a manipulação de imagens e representações de projeto. Tais abordagens são baseadas no uso de metodologias de aprendizagem colaborativa e ferramentas CAD. A união dos conteúdos novos e tradicionais das disciplinas é construída através de dinâmicas coletivas aplicadas em grupos de alunos. Essas dinâmicas começam na sala de aula e são completadas em casa através do acesso a uma página na Web. Esse trabalho apresenta os fundamentos que sustentam nossa abordagem de ensino colaborativo e uma breve descrição das ferramentas, resultados e projeções dessa pesquisa.

Ensino colaborativo para o apoio à inclusão escolar: práticas colaborativas entre os professores

Vilaronga,Carla Ariela Rios; Mendes,Enicéia Gonçalves
Fonte: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Publicador: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.65%
Para uma educação que atenda às demandas de todos os alunos, é necessário pensar em estratégias que busquem o sucesso na aprendizagem, entre elas o modelo de ensino colaborativo, quando o professor da sala comum trabalha em colaboração com o docente de educação especial. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho consiste em analisar as experiências práticas de ensino colaborativo dos professores de educação especial do município de São Carlos-SP, que participaram de uma formação na temática em 2011. O estudo é baseado na pesquisa-ação colaborativa. Os dados analisados trazem exemplos de coensino em diferentes estágios e reflexões sobre os fatores que podem contribuir para essa realidade na escola.