Página 1 dos resultados de 6456 itens digitais encontrados em 0.233 segundos

Qualidade do atendimento de creches: análise de uma escala de avaliação; Quality of day care centers: analysis of a scale of assessment

Silveira, Scheila Machado da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/08/2009 Português
Relevância na Pesquisa
105.98%
No momento em que a creche integrou o sistema educativo brasileiro, o Estado depara-se com o desafio de estabelecer parâmetros de qualidade e critérios de avaliação do atendimento oferecido às crianças de 0-6 anos. Desta maneira, uma avaliação instrumentalizada da qualidade de ambientes de creches poderia auxiliar nesta tarefa. Dada a inexistência de instrumentos brasileiros, esta pesquisa objetivou verificar a adequabilidade para o nosso contexto da versão traduzida da escala norte-americana Infant/Toddler Environment Rating Scale Revised Edition, utilizada internacionalmente para avaliar a qualidade do atendimento oferecido para crianças de 0-30 meses. Essa escala é composta por 39 itens agrupados em sete subescalas, que contemplam diversas dimensões do ambiente de creches: Espaço e mobiliário (5 itens); Rotinas de cuidado pessoal (6); Falar e compreender (3); Atividades (10); Interação (4); Estrutura do programa (4); Pais e equipe (7). Tais itens servem de guia para observações feitas nas várias áreas da creche, durante atividades rotineiras de uma turma de crianças e sua(s) educadora(s); com base nas condições observadas e nas descrições dos indicadores de qualidade da escala, o avaliador atribui pontuação de 1 (inadequado) a 7 (excelente) para cada item. Esta pesquisa englobou quatro etapas: (1)análise semântica; (2)treinamento e familiarização com a escala; (3)verificação da discriminabilidade; (4)verificação da concordância entre aplicadores treinados. Na Etapa 1...

A idéia do determinismo infantil entre estudantes de psicologia: proposta de uma escala de avaliação; The idea about infant determinism among psychology student : proposal of rating scale

Pereira, Cyntia de Almeida Leonel Ferreira Mendes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
95.82%
Este trabalho pretende avaliar, em caráter exploratório, em que medida os alunos dos primeiros e últimos anos de Psicologia de diferentes instituições de ensino tendem a aceitar ou, inversamente, rejeitar a idéia do determinismo infantil. Para tal avaliação, foi proposta uma escala do tipo Likert, denominada Escala de Determinismo Infantil - EDI, composta por quinze afirmativas, fundamentadas em diferentes concepções teóricas, frente as quais o aluno deve se posicionar, concordando ou discordando. Visando pautar as discussões e avaliações precedentes, realizou-se revisão bibliográfica, na qual são apresentados e discutidos autores e pesquisas que contribuem para a idéia do determinismo infantil e de autores e pesquisas que, contrariamente, criticam ou questionam esta mesma idéia. Além disso, acrescentou-se capítulo em que se discute se a concepção determinista em apreço corresponde a uma representação social. Buscou-se também discutir, em capítulo introdutório, o contexto sócio-histórico que marcou o estudo das primeiras experiências, favorecendo-se a crença na mencionada concepção. Após a revisão bibliográfica acima comentada, realizou-se a apresentação e discussão do método, caracterizandose os sujeitos...

Criação e análise de confiabilidade de escala de avaliação funcional da marcha para crianças com Distrofia Muscular de Duchenne; Creation and reliability of functional evaluation on gait scale for Duchenne Muscular Dystrophy

Carvalho, Eduardo Vital de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
95.96%
A progressão da distrofia muscular de Duchenne (DMD) resulta no surgimento de múltiplas e variadas sinergias para compensar a fraqueza muscular e para lidar com as demandas de tarefas funcionais, como por exemplo, a marcha. Alguns instrumentos de avaliação funcional para pessoas com DMD permite a análise subjetiva (descrição) e objetiva (escore) sem levar em consideração os movimentos compensatórios. Por esta razão, os médicos e os fisioterapeutas enfrentam dificuldades na avaliação clínica e tomada de decisão. Este estudo teve como objetivo elaborar o domínio marcha da Escala de Avaliação Funcional para DMD / Functional Evaluation Scale (FES-DMD-D4), testar sua confiabilidade intraexaminador e interexaminadores e sua relação com a idade, escala Vignos e tempo de desempenho da marcha. Uma amostra de 120 vídeos da marcha de 30 crianças com DMD foi analisada. Os movimentos detectados foram classificados considerando suas características cinesiológicos e padrões de compensações. FES-DMD-D4 foi criada e submetida à avaliação de 10 especialistas. Após a incorporação das sugestões propostas, a escala foi utilizada no total da amostra para avaliação por três examinadores. Foi calculada a confiabilidade intraexaminador e interexaminadores utilizando ICC. As relações entre o FES-DMD-D4 e a idade...

Escala de avaliação de risco para o desenvolvimento de lesões decorrentes do posicionamento cirúrgico: construção e validação; Risk assessment scale for the development of injuries due to surgical positioning: construction and validation

Lopes, Camila Mendonça de Moraes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/02/2014 Português
Relevância na Pesquisa
115.95%
O posicionamento cirúrgico é um procedimento que deve ser realizado com todo cuidado pela equipe cirúrgica e de enfermagem, pois implica em riscos para o paciente cirúrgico. Para sua execução é necessário o conhecimento das alterações anatômicas e fisiológicas decorrentes deste procedimento no organismo do paciente, dos equipamentos e dispositivos adequados para a implementação de intervenções efetivas para a prevenção de complicações que podem ocorrer devido à permanência prolongada do paciente em posição cirúrgica. Com o propósito de nortear a prática clínica do enfermeiro perioperatório, auxiliando na tomada de decisão sobre o cuidado do paciente durante o posicionamento cirúrgico, o presente estudo teve como objetivo geral a construção e validação da Escala de Avaliação de Risco para o Desenvolvimento de Lesões Decorrentes do Posicionamento Cirúrgico (ELPO) em pacientes adultos. Trata-se de pesquisa metodológica. A construção da ELPO foi fundamentada em evidências recentes sobre as implicações fisiológicas e possíveis complicações pós-operatórias relacionadas ao posicionamento cirúrgico do paciente no período intraoperatório. A escala tem sete itens (tipo de posição cirúrgica...

Motivação para a aprendizagem escolar : adaptação de um instrumento de avaliação para o contexto português; Motivation for school learning : adaptation of an evaluation instrument for the Portuguese context; Motivation pour l’apprentissage scolaire : adaptation d’un instrument d’évaluation pour le contexte portugais; Motivación para el aprendizaje escolar : adaptación de un instrumento de evaluación para el contexto portugués

Imaginário, Susana; Jesus, Saul Neves de; Morais, Fátima; Fernandes, Catarina; Santos, Rita; Santos, Joana; Azevedo, Ivete
Fonte: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Centro de Estudos e Intervenção em Educação e Formação (CeiEF) Publicador: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Centro de Estudos e Intervenção em Educação e Formação (CeiEF)
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
95.86%
Estar motivado para a aprendizagem escolar é fundamental para que os alunos obtenham bons resultados académicos e para assegurar uma diminuição das taxas de indisciplina e de abandono escolar. Através de uma revisão da literatura procuramos identificar os instrumentos existentes que avaliem este construto e que se encontrem validados para português. Siqueira e Wechsler (2006) desenvolveram a “Escala de Motivação para a Aprendizagem Escolar”, um instrumento utilizado na população estudantil brasileira, mas que apresenta alguns fatores com baixos indicadores de consistência interna. Neste estudo procuramos adaptar esta escala para o contexto português recorrendo a uma amostra de 791 alunos de diferentes níveis de ensino. Obtivemos uma medida unidimensional constituída por 14 itens, com um coeficiente alfa de .820 e uma correlação teste-reteste de .602, constituindo-se como um bom instrumento para avaliar este conceito e ultrapassando os problemas encontrados no estudo realizado no Brasil; Being motivated for school learning is essential for students to obtain good academic results and to ensure a decrease in the rates of indiscipline and school dropout. Through a systematic literature review we tried to identify the existent instruments to assess this construct validated for the Portuguese context. Siqueira and Wechsler (2006) developed the “Motivation Scale for School Learning”...

Atitudes dos Professores face a Si-mesmo: Estudo Confirmatório da “Escala de Avaliação do Autoconceito Profissional de Professores” (EAPP)

Veiga, Feliciano; Gonçalves, Virgílio
Fonte: CIEFCUL Publicador: CIEFCUL
Tipo: info:eu-repo/semantics/conferenceobject
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
95.98%
Este artigo baseia-se, em parte, no estudo empírico realizado para a obtenção do grau de Mestre do segundo autor, cuja dissertação, com o título “Autoconceito profissional dos professores”, foi orientada pelo primeiro autor.; Este estudo dá conta de elementos confirmatórios das qualidades psicométricas da “Escala de Avaliação do Autoconceito Profissional dos Professores” (EAPP), previamente elaborada em contexto português (Veiga et al, 2003). O presente estudo retomou a aplicação da escala EAPP, com 36 itens, a uma amostra de 251 professores, de diferentes grupos e de diferentes níveis de educação. No estudo psicométrico da escala, fez-se a análise factorial de componentes principais com rotação varimax — que confirmou os quatro factores esperados; procedeu-se, ainda, à determinação dos coeficientes de fiabilidade, para diferentes grupos, sendo a variância total explicada de 42,93%. No que respeita ao estudo da validade externa, considerou-se a relação entre os resultados na escala EAPP e os resultados na escala “Teacher Self-concept Evaluation Scale” (TSCES) — outra escala de avaliação do autoconceito profissional dos professores, de Villa e Calvete (2001), recentemente adaptada para Portugal (Veiga et al...

Envolvimento dos alunos na escola: Elaboração de uma nova escala de avaliação

Veiga, Feliciano
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
95.9%
Apresentam-se as fases seguidas na elaboração de uma nova escala de avaliação do envolvimento dos alunos na escola. Após a recolha e o estudo piloto dos itens, procedeu-se à aplicação da versão da escala intitulada “Envolvimento dos alunos na escola: Uma escala quadri-dimensional”(EAE-E4D). A amostra incluiu alunos do sexo masculino (291) e feminino (388), de escolas de variadas regiões do país e de diferentes anos de escolaridade: 6º (138), 7º (170), 9º (197) e 10º (180). Procedeu-se ao estudo da fidelidade e da validade de construto e externa. Uma análise fatorial de componentes principais com rotação varimax revelou a existência de quatro dimensões do envolvimento dos alunos na escola: cognitiva, afetiva, comportamental e agenciativa. A variância total explicada por tais fatores apresentou-se bastante elevada (57.91%), bem como os coeficientes de consistência interna (índices alpha), a variarem entre 0.87 e 0.70, para diferentes grupos. No estudo da validade externa, as correlações foram altamente significativas e mostraram-se muito consistentes. Os resultados salientam as boas qualidades da escala EAE-E4D, assim construída e disponibilizada para futuras investigações acerca do envolvimento dos alunos na escola.; We present the steps followed in the development of a new scale for assessment of students’engagement in school. After collecting the items and their pilot study...

Apresentação da versão portuguesa de uma escala de avaliação da susceptibilidade hipnótica

Carvalho, Cláudia Maria Constante Ferreira de; Mazzoni, Giuliana; Kirsch, Irving; Leal, Isabel Pereira
Fonte: Sociedade Portuguesa de Psicologia da Saúde Publicador: Sociedade Portuguesa de Psicologia da Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
95.85%
A hipnose é um procedimento pouco habitual em investigação em Portugal pelo que são inexistentes instrumentos de avaliação do comportamento hipnótico devidamente adaptados à língua portuguesa, que permitam ao investigador estabelecer parâmetros de avaliação válidos e fiáveis. Neste artigo apresentamos a versão Portuguesa da escala de avaliação da susceptibilidade hipnótica Waterloo-Stanford Group C (WSGC) Scale of Hypnotic Susceptibility (Bowers, 1993, 1998). A versão original do instrumento constituída por uma indução hipnótica de cerca de 20m seguida da apresentação de 12 sugestões hipnóticas foi sujeita a um processo de tradução e retroversão e a versão portuguesa resultante foi administrada a uma amostra de 707 estudantes universitários voluntários, de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 17 e os 49 anos. Os resultados mostram valores médios da distribuição semelhantes aos da amostra de referência, correlações com as amostras de referência altamente significativas e um valor de Alpha de Cronbach (0,62) que embora inferior ao das amostras de referência encontra-se numa zona de aceitabilidade para este tipo de instrumento. A versão portuguesa da WSGC:C proposta revela ser um instrumento com boas qualidades psicométricas passível de ser utilizado pelos investigadores interessados em avaliar a susceptibilidade hipnótica de grupos de indivíduos. ------ ABSTRACT ------ Hypnosis is an unusual procedure in Portuguese research. Therefore reliable and valid scales in Portuguese language suitable to assess hypnotic behaviour are inexistent. In this article a Portuguese version of the Waterloo-Stanford Group C (WSGC) Scale of Hypnotic Susceptibility (Bowers...

Parental concerns in general parenting: The development of a scale to assess parental concerns = Preocupações parentais na parentalidade genérica: Desenvolvimento de uma escala de avaliação de preocupações parentais

Castro, Susana Isabel Miranda Algarvio de
Fonte: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
95.98%
Tese submetida como requisito parcial para obtenção do grau de Doutoramento em Psicologia, área de especialidade Psicologia da Saúde; Objetivo: Este estudo teve como objetivo desenvolver um instrumento de medida das preocupações parentais genéricas, e avaliar a prevalência das preocupações em pais Portugueses de crianças entre os 3 e os 10 anos. Metodologia: Participaram 3842 pais de crianças a frequentar o ensino público pré-escolar e o 1º ciclo do ensino básico. Tendo por objetivo o estudo representativo da população portuguesa, realizou-se uma amostragem estratificada que selecionou 820 escolas dos 18 Distritos de Portugal Continental. Foi realizada uma pesquisa em bases de dados relevantes para o tema, tendo como palavra-chave preocupações parentais, e como critérios de inclusão serem peer-reviewed, focarem a avaliação das preocupações parentais e serem pertinentes para a parentalidade genérica. Os pais preencheram um questionário sociodemográfico, a Escala de Preocupações Parentais, a Escala de Stress Parental e duas subescalas do Inventário de Comportamento da Criança para Pais. Resultados: Foram selecionadas 128 publicações que preencheram os critérios definidos. Os temas foram agrupados segundo as seguintes categorias: Definição de preocupação parental...

Construção de uma escala de avaliação de estratégias de conciliação da vida familiar e profissional

Andrade, Cláudia; Fontaine, Anne Marie
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
95.85%
O objectivo deste estudo foi realizar a validação factorial de uma escala que avalia as estratégias antecipadas de conciliação da vida familiar e profissional. No estudo participaram 746 estudantes universitários e jovens licenciados a exercer uma actividade profissional. Com o objectivo de validar a estrutura factorial das medidas, vários modelos foram testados recorrendo a Análises Factoriais Exploratórias e Confirmatórias. Os resultados obtidos confirmam a estrutura factorial da Escala de Avaliação de Estratégias de Conciliação da Vida Familiar e Profissional composta por dois factores correlacionados: o primeiro corresponde ao nível conceptual a estratégias para conciliar a vida familiar e profissional que se baseiam na necessidade de efectuar concessões ao nível pessoal, familiar e profissional. Já no segundo saturam itens que apontam para uma estratégia de conciliação de papéis baseada na necessidade de negociação no casal e partilha de papéis. O estudo preliminar com recurso ao instrumento foi efectuado junto de 101 tríades familiares (pai, mãe e jovem adulto com formação universitária). Os resultados obtidos permitem evidenciar a importância do instrumento para a avaliação de estratégias antecipadas e concretizadas de conciliação de papéis em diferentes gerações.; ABSTRACT: The goal of this study was to validate a measure for the anticipated strategies to reconcile family and work roles. Sample was composed of 746 college students and young professional with an university degree. Several exploratory and confirmatory factorial analyses were performed in order to check the scales structure. Results have shown a bi-factorial structure for the Family and Work Reconciling Strategies Scale: first factor is conceptually based on a personal...

Escala de avaliação de traços autísticos (ATA): validade e confiabilidade de uma escala para a detecção de condutas artísticas

ASSUMPÇÃO JR.,FRANCISCO B.; KUCZYNSKI,EVELYN; GABRIEL,MARCIA REGO; ROCCA,CRISTIANE CASTANHO
Fonte: Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO Publicador: Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/1999 Português
Relevância na Pesquisa
95.86%
O objetivo deste estudo foi, a partir da análise de uma população de 31 pacientes portadores de deficiência mental e de 30 pacientes diagnosticados como portadores de autismo, conforme os critérios diagnósticos do DSM-IV, traduzir, adaptar e validar a escala de traços autísticos, construída em Barcelona por Ballabriga e colaboradores. O ponto de corte encontrado foi 15 (p= 0,05); o coeficiente de variação (confiabilidade), 0,27; a validade externa mostrou baixa concordância (kappa= 0,04) e a validade interna foi 100%, mostrando que, em todos os pacientes avaliados, os diagnósticos clínicos concordaram com os realizados através da escala. O índice de correlação foi 0,42, mostrando-se específico para os quadros autísticos. Apresentou ainda, capacidade de discriminação e consistência interna, com alfa de Cronbach 0,71 . Consideramos, assim, que a escala mostra-se confiável para a sua utilização em nosso meio.

Versão brasileira da Escala de Avaliação da Cognição em Esquizofrenia (SCoRS-Br): validação em contextos clínicos sem informantes

Ferreira Junior,Breno de Castro; Barbosa,Marilourdes do Amaral; Barbosa,Izabela Guimarães; Borges,Adaise; Hara,Cláudia; Rocha,Fábio Lopes
Fonte: Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro Publicador: Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 Português
Relevância na Pesquisa
105.77%
OBJETIVO: A SCoRS é uma medida coprimária de avaliação da cognição na esquizofrenia, baseada em entrevista, relacionada à performance cognitiva e ao funcionamento no mundo real. Em sua versão original, envolve entrevistas com pacientes e informantes. O objetivo do presente trabalho foi buscar evidências de validade de construto convergente e de fidedignidade da versão brasileira da SCoRS (SCoRS-Br) em contextos sem disponibilidade de informantes qualificados. MÉTODO: Foram incluídos 49 pacientes com diagnóstico de esquizofrenia, segundo o DSM-IV. A validação de construto convergente foi realizada utilizando-se o teste R1 e o Miniexame do Estado Mental (MEEM) como instrumentos-padrão. Estimativas de correlação foram avaliadas pelo método de Pearson. Avaliou-se, ainda, a consistência interna da SCoRS. RESULTADOS: A correlação de Pearson entre os resultados da SCoRS sob a perspectiva do entrevistador e os resultados do teste R1 mostrou-se baixa, mas significativa. O coeficiente de Cronbach foi de 0,8829 para a SCoRS examinador e 0,8468 para a SCoRS paciente e o split-half foi de 0,811 e 0,806, respectivamente. CONCLUSÕES: Os resultados evidenciam a validade convergente e fidedignidade da SCoRS, mesmo empregada sem a utilização de informantes. Estudos são necessários para a investigação dos demais critérios de validação.

Inventário de Depressão de Beck (BDI) e Escala de Avaliação de Depressão de Hamilton (HAM-D) em pacientes com epilepsia

Oliveira,Guilherme Nogueira M. de; Araujo Filho,Gerardo Maria de; Kummer,Arthur; Salgado,João Vinícius; Portela,Eduardo Jardel; Sousa-Pereira,Sílvio Roberto; Teixeira,Antônio Lucio
Fonte: Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro Publicador: Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 Português
Relevância na Pesquisa
115.85%
OBJETIVO: Determinar os pontos de melhor sensibilidade e especificidade do Inventário de Depressão de Beck (BDI) e da Escala de Avaliação de Depressão de Hamilton (HAM-D) no diagnóstico de depressão associada à epilepsia. MÉTODOS: Setenta e três pacientes de um centro de referência no tratamento da epilepsia foram submetidos à avaliação neuropsiquiátrica. Foram colhidos dados clínicos e sociodemográficos, sendo utilizados os seguintes instrumentos: entrevista clínica estruturada (MINI-PLUS) para diagnóstico psiquiátrico conforme o DSM-IV, HAM-D e BDI. RESULTADOS: No momento da entrevista, 27,4% dos pacientes estavam deprimidos e 37% preenchiam critérios para diagnóstico de depressão maior ao longo da vida. A análise da curva ROC indicou que o ponto de corte em 16 (> 16) para o BDI (sensibilidade de 94,4%, especificidade de 90,6%) e em 16 (> 16) para a HAM-D (sensibilidade de 95%, especificidade de 75,5%) representou dicotomização ótima entre deprimidos e não deprimidos. Ambos os instrumentos apresentaram um valor preditivo negativo superior a 95%. CONCLUSÃO: A frequência de depressão maior é elevada em pacientes com epilepsia. BDI e a HAM-D podem auxiliar o clínico na identificação da depressão associada à epilepsia...

Validação transcultural da Escala de Avaliação de Limitações no Comportamento Social - SBS-BR

Lima,Lúcia Abelha; Gonçalves,Sylvia; Lovisi,Giovanni; Pereira,Basílio de Bragança
Fonte: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2003 Português
Relevância na Pesquisa
95.96%
Este trabalho apresenta os resultados referentes à validação da versão brasileira daSocial Behaviour Schedule - SBS, escala que avalia as limitações no comportamento social de pacientes psiquiátricos. O estudo de tradução e adaptação transcultural do instrumento foi realizado pelo Núcleo de Pesquisa do Instituto Municipal de Assistência à Saúde Juliano Moreira (IMASJM), RJ, e a coleta de dados foi feita nas Unidades Assistenciais do IMASJM. Análise das propriedades psicométricas da escala foi feita no Núcleo de Ensino e Saúde Coletiva (NESC) da UFRJ. A Escala de Avaliação do Comportamento Social foi submetida a uma backtranslation, assim como a um estudo piloto sendo avaliada por uma comissão de especialistas, para que fosse feita sua adaptação ao nosso contexto. A SBS-BR mostrou-se uma escala com qualidades psicométricas de validade e fidedignidade satisfatórias, no que se refere à consistência interna da escala, bem como à sua validade discriminante e de construto. A análise da estrutura fatorial da escala nos permitiu a identificação de quatro síndromes comportamentais bem definidas. Estudos futuros deverão aprofundar a investigação das qualidades psicométricas da presente escala, no que se refere à sua confiabilidade com relação a interentrevistados e interentrevistadores. A Escala SBS-BR tem muito a contribuir na avaliação do impacto dos novos programas de saúde mental...

Desenvolvimento da versão em português da Escala de Avaliação de Mania de Bech-Rafaelsen (EAM-BR)

Shansis,Flávio; Berlim,Marcelo T.; Mattevi,Betina; Maldonado,Gabriela; Izquierdo,Ivan; Fleck,Marcelo
Fonte: Sociedade de Psiquiatria do Rio Grande do Sul Publicador: Sociedade de Psiquiatria do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2004 Português
Relevância na Pesquisa
95.85%
No presente artigo, é apresentado o desenvolvimento da versão em português da Bech-Rafaelsen Mania Rating Scale (BRMaS) de Bech e colaboradores intitulada: Escala de Avaliação de Mania de Bech-Rafaelsen (EAM-BR). A EAM-BR foi desenvolvida para ser aplicada na forma de uma entrevista semi-estruturada breve conduzida pelo clínico. Ela investiga a presença versus a ausência de sintomas maníacos, sua severidade e sua mudança em resposta ao tratamento. São descritas as qualidades psicométricas da escala original. Com este artigo, a comunidade científica passa a dispor em português de mais um importante instrumento para avaliação do estado maníaco.

Escala de avaliação de comportamento sexual de risco para adultos: tradução e adaptação transcultural para o português brasileiro

Pinto,Diana de Souza; Veloso Filho,Carlos Linhares; Wainberg,Milton L.; Mattos,Paulo Eduardo Luís de; Meyer-Bahlburg,Heino F. L.
Fonte: Sociedade de Psiquiatria do Rio Grande do Sul Publicador: Sociedade de Psiquiatria do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
95.79%
INTRODUÇÃO: A investigação sistemática e detalhada dos comportamentos sexuais de risco constitui um dos principais alicerces para o desenvolvimento de pesquisas que visam à criação de intervenções eficazes para a prevenção do HIV. OBJETIVO: Descrever e discutir as etapas do processo de adaptação lingüístico-cultural das versões masculina e feminina da Escala de Avaliação de Comportamento Sexual de Risco para pacientes psiquiátricos para o português brasileiro pelo Projeto Interdisciplinar em Sexualidade, Saúde Mental e AIDS. MÉTODOS: Treinamento dos investigadores brasileiros no instrumento original, comparação da tradução e da retrotradução, seguida de adaptação lingüístico-cultural à luz da fase formativa do projeto, resultando em uma versão utilizada no treinamento dos entrevistadores brasileiros em entrevistas com pacientes psiquiátricos. Verificação lingüística, confiabilidade qualitativa do instrumento e confiabilidade entre entrevistadores constituíram as etapas complementares para a versão final do questionário. RESULTADOS: Exclusão e adição de seções e itens da escala, tanto nos aspectos conceituais quanto estruturais, foram realizadas, bem como a incorporação de achados resultantes da fase formativa do piloto da pesquisa e mudanças lingüísticas relativas ao registro empregado.

Qualidade de ambientes de creches: uma escala de avaliação

Souza,Tatiana Noronha de; Campos-de-Carvalho,Mara
Fonte: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá Publicador: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2005 Português
Relevância na Pesquisa
95.73%
Este estudo apresenta a análise de conteúdo da Infant/Toddler Environment Rating Scale-ITERS. Duas especialistas brasileiras em educação infantil analisaram a pertinência de cada um dos 35 itens da ITERS para avaliar a qualidade de ambientes educacionais oferecidos para crianças de 0 a 30 meses. Considerando-se os 70 itens avaliados, verificou-se que em 69 houve indicação de permanência e apenas uma sugestão de exclusão. As indicações de permanência dos itens foram classificadas nas seguintes categorias: Permanência sem sugestões de alterações (56%); Permanência com sugestão de adequação de termos, de materiais ou de situações (19%); Permanência com sugestão de acréscimo de esclarecimentos (11%); Permanência com alterações de estrutura ou de conteúdo (10%). O alto índice de acordo obtido entre as juízas (97%) quanto à permanência de 34 itens sugere a pertinência da ITERS, representada pelos 35 itens, para avaliar a qualidade do atendimento oferecido em ambientes educacionais coletivos em nosso contexto.

Escala de Avaliação dos Estilos de Ensino: qualidades psicométricas dos dados

Cruz,Orlanda; Aguiar,Cecília; Barros,Sílvia
Fonte: Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia Publicador: Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 Português
Relevância na Pesquisa
105.89%
Este trabalho apresenta uma escala de avaliação da qualidade dos comportamentos interactivos maternos. Embora este instrumento tenha sido utilizado no contexto de um projecto mais amplo que visa estudar os determinantes maternos da qualidade do envolvimento da criança, este artigo centra-se especificamente nas decisões metodológicas relativas à observação dos comportamentos interactivos maternos. A Escala de Avaliação dos Estilos de Ensino (EAEE) foi utilizada para observar os comportamentos interactivos de 120 mães de crianças em idade de creche, numa situação de jogo livre, seguida de arrumação dos brinquedos. Cada díade foi observada em três momentos diferentes. A análise das dimensões subjacentes, dos coeficientes de consistência interna e de acordo inter-observadores, bem como da consistência temporal dos dados, permite concluir que a EAEE é uma medida útil e adequada dos comportamentos interactivos de mães portuguesas em situações diádicas de jogo.

Estudo de fidedignidade e validade da Escala de Avaliação de Dor Psicológica

Fensterseifer,Liza; Werlang,Blanca Susana Guevara
Fonte: Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia Publicador: Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
105.88%
Na área da suicidologia, Shneidman propôs a Escala de Avaliação de Dor Psicológica - PPAS. O objetivo deste estudo foi identificar as propriedades psicométricas da PPAS, em adolescentes da população geral, com e sem ideação suicida. A amostra foi de 525 adolescentes, com idade entre 15 e 19 anos, de escolas públicas e privadas de Porto Alegre. Utilizou-se o Inventário de Depressão de Beck, a Escala de Desesperança de Beck, a Escala de Ideação Suicida de Beck e a PPAS. Quanto à fidedignidade, verificou-se um coeficiente de consistência interna de 0,55 (p

Estudo psicométrico da Escala de Avaliação de Demência e sua aplicabilidade em instituições de longa permanência no Brasil

Jacinto,Alessandro Ferrari; Aguiar,Ana Cristina Procópio de Oliveira; Franco,Fabio Gazelato de Melo; Ribeiro,Miriam Ikeda; Citero,Vanessa de Albuquerque
Fonte: Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein Publicador: Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
96.01%
OBJETIVO: Avaliar a sensibilidade e a especificidade diagnósticas, e a concordância da Escala de Avaliação de Demência, com diagnóstico clínico de comprometimento cognitivo, e compará-las com as do Miniexame do Estado Mental. MÉTODOS: Oitenta e seis idosos de uma instituição de longa permanência foram convidados a participar do estudo e, destes, 58 concordaram em fazê-lo. A avaliação continha Miniexame do Estado Mental e Escala de Avaliação de Demência. O diagnóstico clínico de comprometimento cognitivo foi realizado por especialistas que utilizaram os critérios do DSM-IV. Escores da Escala de Avaliação de Demência e do Miniexame do Estado Mental foram correlacionados e suas sensibilidade e especificidade, obtidas. RESULTADOS: Vinte e dois (37,9%) idosos tinham comprometimento cognitivo (8,6% apresentaram comprometimento cognitivo leve e 29,3% demência). O Miniexame do Estado Mental e a Escala de Avaliação de Demência classificaram 31% e 55,2% como apresentando comprometimento cognitivo. Os escores da Escala de Avaliação de Demência e do Miniexame do Estado Mental tiveram uma forte correlação. A Escala de Avaliação de Demência teve uma sensibilidade maior do que o Miniexame do Estado Mental (86,4% versus 61...