Página 1 dos resultados de 11838 itens digitais encontrados em 0.046 segundos

A língua inglesa no ensino básico: processo de identificação no contexto de uma escola pública; English language in basic school: an identification process in a context of a public school

Carvalho, Valceli Ferreira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/11/2010 Português
Relevância na Pesquisa
66.1%
Este trabalho busca analisar as representações construídas no discurso de alunos do Ensino Médio em uma escola pública. O objetivo é o de verificar os diferentes efeitos de sentido produzidos por discursos além do pedagógico e investigar sua eventual interferência no processo de identificação, tendo em vista as condições de produção do discurso da Escola Pública. Adotou-se uma abordagem transdisciplinar, à luz da Análise de Discurso (AD), Psicanálise, Filosofia e de Estudos Culturais, por meio do levantamento de alguns conceitos da AD e da conceituação de noções tais como as de identidade, representação e identificação. Partiu-se da hipótese central de que o sujeito, interpelado por diferentes discursos, a partir de um processo de identificação com relação ao falante de inglês, toma o idioma como um instrumento que lhe possibilitará ocupar o lugar desse falante. As condições de produção dos discursos trabalhados foram apontadas através de breves históricos da instrução pública no Brasil, da instituição da Língua Inglesa no currículo escolar e da sua posterior solidificação entre nós por meio de uma aliança cultural entre Brasil e Estados Unidos da América. O corpus foi formado por entrevistas gravadas em áudio...

A escola pública e o lazer: um estudo de caso do programa parceiros do futuro - SEE/SP; Public schools and leisure: a case study of the Parceiros do Futuro Program SEE/SP

Pacheco, Reinaldo Tadeu Boscolo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2004 Português
Relevância na Pesquisa
66%
Os grandes aglomerados urbanos ressentem-se da falta de espaços públicos para o usufruto do lazer. As políticas públicas nesse setor não são priorizadas. Na tentativa de suprir tais carências, acontecem intervenções estatais usando o único espaço público disponível em muitas regiões: a escola. Promovendo sua abertura aos finais de semana para diversas atividades, o Estado busca responder a uma demanda social por lazer, fazendo uso de um discurso de contenção de violência escolar e urbana por intermédio da ocupação social dos jovens das classes populares. Essa forma de intervenção revela uma idéia de controle social por meio do lazer, descaracterizando-o como direito social para qualquer cidadão. Além disso, as escolas que são objeto de intervenção não conseguem desenvolver um projeto autônomo, articulado com seu projeto pedagógico e sua realidade cotidiana. Dessa forma, não há articulação entre os processos de educação formal e não-formal. A falta de autonomia da unidade escolar e o precário processo de democratização das relações internas impedem a participação e o controle por parte da população do que é realizado na escola pública, que se torna refém de processos alheios à realidade local. A estrutura material e profissional precária impede que o programa possa qualificar as atividades desenvolvidas e os educadores...

Razões e realidades no modo como as professoras de inglês como língua estrangeira de escola pública avaliam seus alunos

Lucena, Maria Inêz Probst
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66%
Este estudo investiga as razões e realidades presentes no modo como as professoras de Inglês como Língua Estrangeira (LE) de uma escola pública avaliam seus alunos. Desenvolvido numa perspectiva etnográfica, o objetivo deste estudo qualitativo e interpretativo é aumentar o conhecimento sobre a avaliação em LE, com base na análise de dados, gerados em observações de aulas, entrevistas, notas de campo e documentos. Fundamentada em estudos que tratam da questão das pedagogias implícitas, da avaliação educacional e das práticas avaliativas dos professores de Língua Estrangeira, esta pesquisa está situada na área da Lingüística Aplicada, conduzida com base em uma perspectiva crítica e política de ensino de LE. Além disso, o estudo busca uma explicação sociológica através do conceito de habitus, de Bourdieu (1990, 2003, 2004, entre outros), no sentido de explicar as práticas individuais e coletivas. A análise mostra que as professoras apresentam um padrão coletivo em relação à avaliação da aprendizagem. Esse padrão revela que as práticas avaliativas das participantes deste estudo são dissonantes das diretrizes do colégio e que há uma seletividade do conteúdo e atividades que vão ser ensinadas, de acordo com o que é e não é considerado avaliável pelas professoras. Nota-se também que o livro-texto guia a organização das tarefas...

Gestão democrática na escola pública na perspectiva da educação popular do campo : um estudo de caso na E.M.E.F. Dr. Jaime de Faria

Bierhals, Patricia Rutz
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.07%
Este trabalho tem como proposição de pesquisa investigar o que condiciona e o que potencializa a gestão democrática no cotidiano da E.M.E.F. Dr. Jaime de Faria na perspectiva da Educação Popular do Campo, a partir da vivência camponesa e experiência enquanto educadora neste espaço escolar, objetivando evidenciar junto à comunidade que constitui a Escola Dr. Jaime de Faria a importância da gestão democrática no cotidiano de uma escola comprometida com a educação do povo, contribuindo através da pesquisa para o aprimoramento do processo de desenvolvimento da gestão democrática no cotidiano da escola tendo como base estrutural a Educação Popular do Campo. Também desafia-se a mostrar os limites e condicionamentos presentes no cotidiano da comunidade escolar, bem como anunciar as potencialidades presentes nas relações estabelecidas com vistas a promover a gestão democrática na escola pública do campo. O aprofundamento da investigação sustenta-se no estudo teórico e levantamento bibliográfico do processo histórico da gestão democrática, da escola pública e da Educação Popular do Campo, evidenciando as diferentes perspectivas no decorrer da história anunciando um projeto educativo e societário na lógica das classes trabalhadoras ou na lógica do capital...

Gestão da escola pública ludovicence: democratização, forma de provimento e participação

Resende, Fernanda Motta de Paula
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 120 f. : il. color.
Português
Relevância na Pesquisa
66.08%
Pós-graduação em Educação - FFC; O presente estudo faz parte da Linha de Pesquisa sobre Política Educacional, Gestão de Sistemas Educativos e Unidades Escolares do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual Paulista ?Julio de Mesquita Filho? e insere-se no campo de investigação sobre as questões referentes à gestão democrática da escola pública brasileira e às políticas educacionais implantadas no contexto da reconfiguração do Estado brasileiro ao longo dos anos de 1990. Seu objetivo é analisar a relação existente entre gestão democrática, forma de provimento do cargo de gestor escolar e participação na gestão da escola pública ludovicense. Tal objetivo foi perseguido devido à necessidade de aprofundamento e proliferação dos estudos em torno da gestão democrática da escola pública maranhense e a necessidade intrínseca de mudança na forma de provimento do cargo de gestor escolar na Rede Estadual de Ensino. Para tanto, buscou-se especificamente, demarcar os fundamentos teóricos acerca da temática em questão; delinear os limites e possibilidades das formas de provimento do cargo de gestor escolar; e diagnosticar a percepção dos gestores escolares da Rede Estadual de Ensino de São Luís sobre a gestão da escola pública ludovicense. A pesquisa se baseou em dois tipos de levantamento. Para o primeiro...

O adoecimento do trabalhador docente do Ciclo Básico II da Escola Pública Municipal de Belém do Pará no Distrito Administrativo do Entroncamento

Trindade, Nilma; Bonito, Jorge
Tipo: lecture
Português
Relevância na Pesquisa
66.02%
Este estudo baseia-se em pesquisa bibliográfica e de campo, com abordagem qualitativa e descritiva, o qual investiga os fatores que contribuem para o adoecimento do docente do Ciclo Básico I e II da escola pública municipal, em Belém do Pará (Brasil), no distrito administrativo do Entroncamento, assim como analisa a escola pública como lócus de desenvolvimento do trabalho docente, buscando identificar a participação docente nas tomadas de decisão na escola e os procedimentos didático-pedagógicos desenvolvidos, suas relações de trabalho, educação e saúde. Os resultados encontrados revelaram que o conceito de saúde apresentado pelos docentes compreende o equilíbrio entre as dimensões biopsicossocial do indivíduo e os fatores como a organização e as condições de trabalho que contribuem no processo de adoecimento dos docentes. O trabalho pedagógico e os recursos disponíveis são limitados pela falta de infraestrutura da escola, como a falta de climatização das salas de aulas, comprometendo a voz, assim como o ritmo de trabalho é sentido como fator estressante, considerando as várias atividades desenvolvidas nas unidades de ensino.

O adoecimento do trabalhador docente do ciclo básico I e II da escola pública municipal de Belém (Pará, Brasil) no distrito administrativo do entroncamento

Trindade, Nilma; Bonito, Jorge
Fonte: Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: bookpart
Português
Relevância na Pesquisa
76.04%
Este estudo baseia-se em pesquisa bibliográfica e de campo, com abordagem qualitativa e descritiva, o qual investiga os fatores que contribuem para o adoecimento do docente do Ciclo Básico I e II da escola pública municipal, em Belém do Pará (Brasil), no distrito administrativo do Entroncamento, assim como analisa a escola pública como lócus de desenvolvimento do trabalho docente, buscando identificar a participação docente nas tomadas de decisão na escola e os procedimentos didático-pedagógicos desenvolvidos, suas relações de trabalho, educação e saúde. Os resultados encontrados revelaram que o conceito de saúde apresentado pelos docentes compreende o equilíbrio entre as dimensões biopsicossocial do indivíduo e os fatores como a organização e as condições de trabalho que contribuem no processo de adoecimento dos docentes. O trabalho pedagógico e os recursos disponíveis são limitados pela falta de infraestrutura da escola, como a falta de climatização das salas de aulas, comprometendo a voz, assim como o ritmo de trabalho é sentido como fator estressante, considerando as várias atividades desenvolvidas nas unidades de ensino.

A educação de qualidade e os critérios para uma gestão democrática na escola pública em Macapá, Amapá-Brasil

Sousa, Benedita do Socorro Sousa de
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
66.01%
O estudo desta Dissertação trata da educação de qualidade e os critérios para uma gestão democrática na escola pública em Macapá, Amapá-Brasil. Tem como objetivo desvendar os critérios que permeiam para que a gestão da escola campo de pesquisa seja de fato democrática. A pesquisa se fundamenta em estudo de caso, de abordagens quantitativa e qualitativa com enfoque dialético, na qual foi envolvida para investigação a Escola Estadual Raimunda Virgolino, do Município de Macapá, Estado do Amapá, Brasil, como foco para o conhecimento do processo de gestão democrática adquirida por prêmio em Referência de Gestão Escolar Nacional em 2008. A coleta de dados envolveu: alunos, professores, equipe gestora, pais e equipe de apoio, realizada mediante a aplicação de questionários e observação in loco com a finalidade de desvelar a mais abrangente situação sobre o tema abordado. Foram utilizados como suporte à pesquisa estudos bibliográficos de diferentes autores que abordam a temática em questão. Traz como resultado a busca incessante da escola em sustentar a referida premiação, tendo como visão o que dizem os autores a respeito de gestão democrática. O que se espera é uma maior aplicação de estudos que visem a promover realmente a gestão democrática...

A “Escola a Tempo Inteiro” – monopolização de um serviço público de educação pela escola pública e formas de privatização

Pires, Carlos
Tipo: info:eu-repo/semantics/conferenceobject
Publicado em /04/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.09%
O “modelo” de operacionalização da política de “Escola a Tempo Inteiro” (ETI) preconiza uma nova tendência para uma perspectiva escolocêntrica que se traduz na monopolização da prestação de serviços educativos pela escola pública, entrando, assim, em rutura com outros “modelos” e práticas inspiradas no não escolar. Uma tendência que concorre para o resgate duma perspectiva globalizada da ação educativa sob a responsabilidade do Estado (através da escola pública) que delega a prestação daqueles serviços públicos no Estado Local, preterindo (ou relegando para segundo plano) outras agências locais de caráter privado. Daqui decorrem dois fenómenos a ter em consideração: por um lado, a concentração da educação na escola pública, tornando-a “transbordante”; por outro lado, o “esvaziamento” de outras organizações locais, pela alteração das lógicas do princípio da subsidariedade, pela inibição da “liberdade de escolha” pelas famílias e pela oposição a formas de privatização da educação. A esta lógica recentralizadora parece estar subjacente a ideia de necessidade de vinculação e de reintegração das ofertas educativas no quadro organizativo e curricular da escola pública...

A autoridade partilhada na Escola Pública Democrática

Silva, Cristina Gomes
Fonte: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal Publicador: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Setúbal
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
75.97%
A discussão sobre a escola pública na atual sociedade democrática inscreve-se em várias frentes e os discursos que vão sendo produzidos descrevem-na mais facilmente pelo que não é, comparada com a escola do passado, do que pelo que é, registando-se alguma dificuldade na atualização do seu perfil de acordo com as novas exigências a que tem sido submetida. Um dos pontos de discussão tem a ver com a suposta perda de autoridade dos professores que surge associada à desvalorização da instituição escolar nas sociedades atuais. Tradicionalmente associada a ideologias de direita e a sociedades fechadas e/ou pouco democráticas, o conceito tem tido uma difícil atualização. Aquilo que aqui propomos é relançar a discussão e equacionar a autoridade numa associação feliz entre exercício da cidadania em contexto democrático, autonomia dos agen-tes sociais em sede escolar, articulação solidária entre o conceito de autoridade e o de autoria e autoridade partilhada e responsável.; The discussion about public school in the current democratic society inserts itself in several fronts and the speeches being produced describe it more easily by what it is not, compared to the school of the past, rather than by what it actually is...

Clima e cultura organizacional: implicações na gestão democrática no contexto da escola pública

Silva, Maria José de Ribamar Nascimento
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
66.02%
Dissertação de Mestrado em Gestão; O Clima e a Cultura Organizacional fazem parte do contexto de qualquer organização escolar, sendo afetados pelo tipo de gestão realizada. A presente dissertação objetiva analisar as implicações da gestão democrática para o clima e a cultura organizacional no contexto da escola pública. Especificamente, intenciona: a) verificar as possibilidades de construção da gestão democrática no contexto da escola pública; b) analisar a relação entre clima, cultura organizacional e gestão democrática; c) identificar o papel da comunidade escolar na construção da gestão democrática. A metodologia partiu da abordagem quantitativa-qualitativa, com amostra composta por 2 gestoras escolares; 2 técnicas pedagógicas, 10 docentes, 90 alunos do Ensino Fundamental e Médio, 5 pais e 2 funcionários. O lócus da pesquisa foi a Escola Estadual de E.F.M., em Belém do Pará, no Brasil. A coleta de dados e informação ocorreu por meio de entrevista dialogada e aplicação de questionários (professores e alunos). O conteúdo abrangeu questões referentes à Cultura e ao Clima Organizacional, à gestão democrática e qualidade na escola e ao Projeto Político Pedagógico (P.P.P.). Os resultados mostraram que a gestão democrática favorece melhorias no Clima e Cultura Organizacional.; The Organizational Climate and Culture are part of the context of any school organization and they are affected by the type of management performed. This dissertation aims to analyze the implications of democratic management climate and organizational culture within the public school. Specifically...

Cidadania e autoridade na escola pública democrática

Silva, Cristina Gomes da
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.09%
Tese especialmente elaborada para obtenção do grau de Doutor em Sociologia; A discussão sobre a escola pública na atual sociedade democrática inscreve-se em várias frentes e os discursos que vão sendo produzidos descrevem-na mais facilmente pelo que não é, comparada com a escola do passado, do que pelo que é, registando-se alguma dificuldade na atualização do seu perfil de acordo com as novas exigências a que tem sido submetida. Ela assume quase tantos rostos quantos os agentes que a procuram, buscando-lhe sentidos e atribuindo-lhe mandatos – o Estado, os políticos, os professores, os alunos, as famílias, o mercado de emprego, os media. A sua missão já não se resume à tríade do ler, escrever e contar, nem a um conjunto de aprendizagens profissionais diretamente relacionadas com o mundo do trabalho. Supõe-se também que ela forme cidadãos participativos, informados, competentes, solidários e responsáveis. A inquietação, ditada pelo registo de alguns discursos sobre a “suposta” falta de rigor da escola democrática, levou-nos a requestionar o lugar da escola pública na sociedade democrática e a querer conhecer as opiniões de um dos grupos diretamente envolvidos no processo de ensino-aprendizagem: os diretores de turma. Várias foram as questões que se nos colocaram: qual é o papel da escola pública numa sociedade democrática...

A assimetria na relação entre família e escola pública

Ribeiro,Daniela de Figueiredo; Andrade,Antonio dos Santos
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 Português
Relevância na Pesquisa
66.07%
A relação entre família e escola vem sendo incentivada pelas políticas públicas, apontada como fundamental para uma escolarização bem sucedida. O atual estudo buscou compreender esta relação, tal como vem sendo vivenciada por pais de uma escola pública. Os participantes da pesquisa foram os agentes escolares e 22 responsáveis por alunos de 3ª e 4ª séries do ensino fundamental. Inicialmente foi realizada observação participante na escola e, em seguida, entrevistas semi-estruturadas com os responsáveis pelos alunos, em suas residências, tendo sido abordados três tópicos: a escola, a professora e a escolaridade. Buscou-se ainda resgatar a história das famílias, verificando as diferentes posturas dos pais diante da escola. Os dados foram analisados por meio de uma análise de conteúdo tradicional. Observou-se uma assimetria na relação família-escola, que parece contribuir para a perpetuação da dinâmica de exclusão de parte das camadas populares da escola pública.

Escola pública e escola particular: semelhanças de dois imbróglios educacionais

Demo,Pedro
Fonte: Fundação CESGRANRIO Publicador: Fundação CESGRANRIO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 Português
Relevância na Pesquisa
66.02%
A distância entre escola pública e particular no Brasil é considerável, em favor da escola particular. Entretanto, notam-se sinais de crise também na escola particular, cujo desempenho tem caído nos últimos anos, em especial em 2005. O que mais chama a atenção é que esta queda é maior em regiões mais desenvolvidas e em matemática. Sugere-se que a razão principal seja o instrucionismo comum aos dois sistemas, tendo em vista que se trata da mesma política educacional e dos mesmos professores. A diferença maior possivelmente é que a escola particular é gerida pela iniciativa privada com base na pressão do mercado e dos pais dos alunos, do que segue que seu desempenho, mesmo não sendo aceitável, é mais elevado. Sugere-se também que a iniciativa mais promissora para superar este imbróglio seria apostar no professor, cuidando sistematicamente de sua formação permanente, dentro da premissa de que se o professor aprender bem, o aluno também o poderá fazer.

O dualismo perverso da escola pública brasileira: escola do conhecimento para os ricos, escola do acolhimento social para os pobres

Libâneo,José Carlos
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.11%
O texto aborda o agravamento da dualidade da escola pública brasileira atual, caracterizada como uma escola do conhecimento para os ricos e como uma escola do acolhimento social para os pobres. Esse dualismo, perverso por reproduzir e manter desigualdades sociais, tem vínculos evidentes com as reformas educativas iniciadas na Inglaterra nos anos 1980, no contexto das políticas neoliberais; mais especificamente, ele está em consonância com os acordos internacionais em torno do movimento Educação para Todos, cujo marco é a Conferência Mundial sobre Educação para Todos, realizada em Jomtien, na Tailândia, em 1990, sob os auspícios do Banco Mundial, do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e da Organização das Nações Unidas para a Educação e Cultura (UNESCO). Com base em pesquisa bibliográfica, este estudo argumenta que a associação entre as políticas educacionais do Banco Mundial para os países em desenvolvimento e os traços da escola dualista representa substantivas explicações para o incessante declínio da escola pública brasileira nos últimos 30 anos. Ao final do texto, retoma-se a discussão sobre a necessidade de uma pauta comum dos educadores em torno dos objetivos e das funções da escola pública.

O dualismo perverso da escola pública brasileira: escola do conhecimento para os ricos, escola do acolhimento social para os pobres

Libâneo,José Carlos
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.11%
O texto aborda o agravamento da dualidade da escola pública brasileira atual, caracterizada como uma escola do conhecimento para os ricos e como uma escola do acolhimento social para os pobres. Esse dualismo, perverso por reproduzir e manter desigualdades sociais, tem vínculos evidentes com as reformas educativas iniciadas na Inglaterra nos anos 1980, no contexto das políticas neoliberais; mais especificamente, ele está em consonância com os acordos internacionais em torno do movimento Educação para Todos, cujo marco é a Conferência Mundial sobre Educação para Todos, realizada em Jomtien, na Tailândia, em 1990, sob os auspícios do Banco Mundial, do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e da Organização das Nações Unidas para a Educação e Cultura (UNESCO). Com base em pesquisa bibliográfica, este estudo argumenta que a associação entre as políticas educacionais do Banco Mundial para os países em desenvolvimento e os traços da escola dualista representa substantivas explicações para o incessante declínio da escola pública brasileira nos últimos 30 anos. Ao final do texto, retoma-se a discussão sobre a necessidade de uma pauta comum dos educadores em torno dos objetivos e das funções da escola pública.

As "artes do fazer" gestão na escola pública: uma proposta de estudo

Junquilho,Gelson Silva; Almeida,Roberta Alvarenga de; Silva,Alfredo Rodrigues Leite da
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
75.97%
Este artigo tem como objetivo apresentar uma proposta teórico-epistemológica de estudo das "artes do fazer" gestão na escola pública, contemplando o nível meso de análise. A ideia é compreender como se (re)constroem as "artes do fazer" gestão no cotidiano das práticas sociais do diretor escolar e sua comunidade escolar. Para tanto, é sugerida a abordagem de Certeau (2008), a partir da ideia de cotidiano, nele inseridos seus conceitos de "lugar", "espaço", "próprio", "outro", "estratégias" e "táticas". Como proposta metodológica, optou-se pela pesquisa "no/do/com o" cotidiano (ALVES e GARCIA, 2002; FERRAÇO, 2007; GARCIA, 2003), baseada nos trabalho de Certeau (2008) e que ressalta um necessário "mergulho" no cotidiano estudado pelo pesquisador. Essa concepção epistemológica busca romper com o distanciamento sujeito-objeto na relação de pesquisa, bem como contribuir para um avanço da estratégia etnográfica, para além da descrição densa "sobre" o outro, mas, sim, elaborando uma descrição "com" o outro, neste caso também sujeito e não só objeto de pesquisa. Espera-se como resultado contribuir para o avanço dos estudos sobre a gestão como prática, aqui tratada como "artes dos fazer" na vida cotidiana das organizações.

Voluntariado na escola pública : lendas e lições do caminho

Gabriela Austregesilo Nepomuceno, Ana; Cristina Loureiro Alves Jurema, Ana (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
66.07%
A pesquisa que desenvolvi e que apresento neste trabalho trata das repercussões do voluntariado na escola pública e sua relação com a comunidade escolar. O objetivo geral do estudo é a compreensão da ação voluntária na educação pública, bem como a reflexão crítica acerca do fenômeno enquanto prática educativa. Com a metáfora de uma caminhada, desenvolvo este trabalho que se inscreve na abordagem qualitativa de base fenomenológica. Todavia, a proposição teórico-metodológica final se constitui numa fenomenologia dialógica. Parto, nos capítulos iniciais, da contextualização histórica do voluntariado na educação, situando-o na discussão que envolve Estado, mercado e sociedade civil; da contextualização do voluntariado na escola campo de pesquisa para, então, desenvolver a análise dos dados. Os resultados deste estudo apresentam um fenômeno complexo, na medida em que revelam a existência de uma relação conflituosa e contraditória entre escola e sociedade. Foco das atenções na atualidade, o voluntariado aponta a necessidade de análises mais aprofundadas quando se pretende mudanças efetivas e consistentes no cotidiano escolar. Por isso, afirmar que o voluntariado modifica ou não algo na escola pública...

Representações sociais do professor de matemática sobre o aluno da escola pública

Isabel Ramos da Silva, Maria; de Souza Leão Maia, Lícia (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
66.07%
O objetivo deste trabalho é analisar as representações sociais dos professores de matemática sobre o aluno da escola pública. Partimos da hipótese de que estas representações são guias de ação e de comunicação entre os sujeitos e que esta relação não é a mesma se o aluno freqüenta a escola privada. A identificação das representações sociais do professor sobre o aluno da escola privada permitiu uma análise comparativa entre as representações. Tomamos como referências principais de análise, a Teoria das Representações Sociais desenvolvida por Serge Moscovici, a Teoria do Núcleo Central de Jean-Claude Abric e alguns trabalhos desenvolvidos na área da Educação Matemática. Participaram da pesquisa 121 sujeitos, todos professores de matemática das redes pública ou privada de ensino, da região metropolitana do Recife. Utilizamos no levantamento dos dados um questionário de associação livre e na análise dos dados um software estatístico, o Trideux. Nas categorias que resultaram da análise das representações sociais sobre o aluno da escola pública, percebemos a existência de duas representações distintas: uma centrada no aluno e outra no contexto no qual o indivíduo está inserido. Quando comparamos com as representações sobre o aluno da escola privada...

Gestão escolar democrática na escola pública em Pernambuco: uma experiência da década de 80

Correia, Maria Zélia de Sousa
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
66.05%
A pesquisa Gestão Escolar Democrática na Escola Pública em Pernambuco: uma experiência da década de 80 teve como objetivo geral registrar a memória de uma experiência de gestão, supostamente democrática, no sistema escolar público de Pernambuco na década de 80, numa escola localizada na zona norte da cidade do Recife. À luz desse objetivo geral buscou-se identificar a concepção de gestão escolar veiculada no discurso oficial na referida década, em Pernambuco, nos Planos Estaduais de Educação assim como as formas de materialização na prática escolar, detectando, em memórias de educadores, as formas como a escola reagia às orientações da Secretaria de Educação, analisando as formas de participação da comunidade interna e externa na gestão da escola estudada, como forma de apreender fatores favoráveis à mudança na gestão escolar e analisar o papel do gestor na implantação de práticas democráticas.O fato de ter como objeto de estudo uma experiência singular vivenciada num passado recente apontou o estudo de caso como caminho metodológico adequado, utilizando a história oral temática que privilegia a coleta de depoimentos por meio de entrevistas orais, objetivando esclarecer o fenômeno estudado...