Página 1 dos resultados de 561 itens digitais encontrados em 0.189 segundos

Marketing de experiências : comunicar emoções e sensações através de experiências de consumo : caso biosotis

Agostinho, Pedro Filipe Lopes
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
75.94%
A mutabilidade do mercado é uma inevitabilidade, como tal a empresa necessita de se adaptar rapidamente e, até mesmo, antever as mudanças, para se manter competitiva. A necessidade de adaptação cabe ao marketing, que necessita de se atualizar continuamente para melhor corresponder às necessidades do mercado. A atual saturação publicitária, a sua ineficácia, a redução do poder de compra e a omnipresença da informação são alguns dos fatores que tornam o consumidor cada vez mais inerte às promessas comunicacionais, uma vez que cada compra tende a ser exaustivamente analisada. Encontra-se no Marketing de Experiências uma alternativa à comunicação tradicional e massificada, sendo esta direta, sensorial e, sobretudo, emocional, servindo como plataforma relacional para a retenção de consumidores e preferência em momentos de indecisão futuros. A comunicação emocional tem por objetivo a criação de uma expectativa fantasiosa e hedónica que deverá ser ultrapassada pelas empresas que têm no cerne do seu negócio o consumidor e a oferta de experiências de consumo. O objetivo deste trabalho de projeto é determinar se as práticas experienciais representam de facto uma mudança de paradigma na comunicação, para tal serão estudadas temáticas de marketing de experiências...

Vigilância de fatores de risco para doenças não transmissíveis entre adolescentes: a experiência da cidade do Rio de Janeiro, Brasil; Surveillance of risk factors for non-communicable diseases among adolescents: the experience in Rio de Janeiro, Brazil

CASTRO, Inês Rugani Ribeiro de; CARDOSO, Letícia Oliveira; ENGSTROM, Elyne Montenegro; LEVY, Renata Bertazzi; MONTEIRO, Carlos Augusto
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
75.8%
Este trabalho apresenta métodos e resultados da implantação de sistema de vigilância de fatores de risco para doenças não transmissíveis entre adolescentes. Uma amostra (n = 1.699) probabilística de alunos de oitava série do ensino fundamental da rede pública municipal de ensino do Rio de Janeiro, Brasil, respondeu a questionário autopreenchido anônimo sobre consumo alimentar, atividade física, atividades sedentárias de lazer e consumo de cigarro. Estimativas de prevalência dos fatores de risco foram calculadas para o total da amostra e segundo sexo. Taxas de não resposta variaram de 0,2% a 13,4%. Foram observados: baixo consumo de frutas (45,8%) e hortaliças (20% e 16,5% para saladas e legumes cozidos), consumo freqüente de refrigerantes (36,7%), balas e doces (46,7%), grande quantidade de horas alocadas em frente à TV, computador ou videogame (71,7% alocam pelo menos 4h/dia nestas atividades), baixa freqüência de prática regular de atividade física (40%) e prevalência de 6,4% de fumantes. Meninas apresentaram menores índices de atividade física e maiores de consumo de cigarro. O sistema testado mostrou-se factível e indicou prevalências relevantes de fatores de risco para doenças não transmissíveis.; This paper presents the methodology and results of the implementation of a Surveillance System for Non-Communicable Disease Risk Factors in Adolescents. A random sample of 8th-grade students (n = 1...

Monitoramento por entrevistas telefônicas de fatores de risco para doenças crônicas: experiência de Goiânia, Goiás, Brasil; Surveillance of risk factors for chronic diseases through telephone interviews: experience in Goiânia, Goiás State, Brazil

PEIXOTO, Maria do Rosário Gondim; MONEGO, Estelamaris Tronco; ALEXANDRE, Veruska Prado; SOUZA, Rávila Graziany Machado de; MOURA, Erly Catarina de
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
75.78%
Este estudo descreve alguns resultados do sistema de monitoramento de fatores de risco para doenças crônicas por entrevistas telefônicas no Município de Goiânia, Goiás, Brasil, 2005. Foi estudada amostra probabilística (n = 2.002) da população adulta servida por linhas telefônicas residenciais fixas. Foram analisadas variáveis comportamentais (consumo alimentar, atividade física, tabagismo e consumo de bebida alcoólica), peso e altura referidos e referência a diagnóstico médico de doenças crônicas. Foram calculadas estimativas de prevalência e valores de qui-quadrado. Observou-se baixo consumo de frutas e hortaliças (47,1%), alta freqüência de inatividade física ocupacional (86,6%), no deslocamento para o trabalho (92,6%) e lazer (61,9%), consumo excessivo de bebidas alcoólicas (23,2%), excesso de peso (36,5%), obesidade (10,6%), hipertensão arterial (22,4%), dislipidemias (18,4%) e diabetes (4,4%). A maioria dos fatores de risco apresentou associação inversa com escolaridade e direta com idade, com diferenças significativas entre sexos (p < 0,05). Observou-se alta prevalência dos fatores de risco de doenças crônicas não transmissíveis e de auto-referidas. Aspectos positivos do sistema: baixo custo operacional...

Gerenciamento de custos de material de consumo em um hospital de ensino; Cost consuption material management in a teaching hospital.

Dallora, Maria Eulália Lessa do Valle
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/06/2007 Português
Relevância na Pesquisa
75.85%
O aumento dos gastos e custos na saúde é acompanhado com preocupação pelos gestores. O conhecimento dos custos é passo fundamental para a gestão dos hospitais. Na composição dos custos hospitalares, o item material de consumo representa parcela significativa. Nos hospitais de ensino, organizações complexas, a gestão dos custos de materiais de consumo vem assumindo grande importância. Este trabalho foi desenvolvido no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Os objetivos foram: caracterizar os gerentes dos centros de custos auxiliares e produtivos; verificar o gerenciamento de custos de material de consumo, nas dimensões direção, planejamento e controle; verificar a utilização das informações disponibilizadas pela instituição sobre custos de material de consumo; identificar o conhecimento dos gerentes sobre conceitos elementares de custos e acerca dos materiais de consumo com maior impacto financeiro na programação dos centros de custos. A população do estudo constituiu-se dos gerentes dos centros de custos auxiliares e produtivos. Participaram da pesquisa 40 responsáveis aos quais foi aplicado um questionário que incluía uma escala tipo Likert com 29 afirmativas. Dos gerentes participantes há predominância do sexo feminino (70%); 65% são profissionais da área da saúde; 80% têm mais de 15 anos de formado; 87...

Experiências de consumo e satisfação dos clientes no setor supermercadista: um estudo no interior do Estado de São Paulo; Consumer experience and customer satisfaction in supermarkets: a study in the interior of São Paulo

Ceribeli, Harrison Bachion
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/04/2011 Português
Relevância na Pesquisa
85.8%
Esta pesquisa teve como objetivo identificar quais são os elementos das experiências de consumo mais importantes para a formação da satisfação dos clientes supermercadistas residentes no interior do Estado de São Paulo. Para atingir o objetivo proposto, optou-se pela realização de um levantamento de campo com uma amostra de 750 indivíduos escolhidos por conveniência e de forma estratificada, sendo que o critério adotado para dividir os estratos foi o nível de educação dos consumidores. O questionário utilizado para coleta de dados foi desenvolvido pelo autor do presente trabalho com base nas variáveis supermercadistas identificadas em referencial teórico previamente pesquisado, e a escala adotada foi a de sete pontos de Likert. A análise de dados foi dividida em três etapas: primeiramente, as variáveis presentes no questionário foram agrupadas utilizando-se a técnica estatística Análise Fatorial; em segundo lugar, os fatores resultantes da aplicação da Análise Fatorial foram utilizados em uma Análise de Regressão, cujo intuito foi desenvolver uma equação de regressão que contivesse as variáveis supermercadistas mais importantes para a satisfação dos consumidores supermercadistas; finalmente, com base no referencial teórico levantado...

"Se meu jipe falasse" : a experiência de consumo dos usuários de veículos off road

Zilles, Fernanda Pagliarini
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
76.04%
Este estudo adota a perspectiva experiencial, trazendo a noção de consumo hedônico e de experiência de consumo para o âmbito do marketing e do comportamento do consumidor. Partese do pressuposto de que entender o consumo exige ir além do processo de decisão de compra e admitir que aquilo que os consumidores fazem e a forma como utilizam os bens adquiridos também influencia seus comportamentos. Mas, acima de tudo, exige a visão do consumidor como um indivíduo emocionalmente envolvido com o consumo, processo pelo qual estímulos sensoriais, a imaginação e aspectos emotivos são procurados e apreciados. A investigação teve por objetivo compreender a experiência dos consumidores em situações de uso e consumo dos produtos através da análise dos elementos que a compõem: o contexto, os estímulos sensoriais, os processos cognitivos, as respostas afetivas, as atividades e o processo de avaliação do produto e da experiência em si. A categoria de produtos escolhida foi a de veículos fora-de-estrada, em função do potencial multiuso e da possibilidade de proporcionar desde simples viagens a grandes aventuras. Para atingir os objetivos propostos foi utilizada a Técnica de Elicitação Fotográfica (PET), que permitiu à pesquisadora se aproximar da experiência real vivenciada pelos consumidores através das imagens visuais que os mesmos foram solicitados a trazer para as entrevistas. Os resultados encontrados apontam não apenas para a riqueza e o profundo entendimento a respeito dos consumidores possibilitado pela análise de suas experiências...

Experiência gastronômica de consumo : um estudo sobre a experiência de consumo dos clientes do restaurante Sharin

Mallmann, Ana Pereira
Tipo: trabalho de conclusão de graduação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
76.01%
A experiência de consumo é uma abordagem do marketing que trata o consumidor como alguém que não é totalmente racional e admite que algumas atitudes de compra são geradas por questões emotivas e não racionais. É uma perspectiva voltada para que o consumidor obtenha satisfação não somente após o consumo, mas durante todos os pontos de contato entre empresa e cliente durante a obtenção do produto ou serviço. A vertente experiencial explora as características dos bens ou serviços que extrapolam o tangível e o racional, por isso valorizam o simbólico, o fantasioso, os sentimento e emoções associadas. O consumo de alimentos em restaurantes inicialmente podem ser avaliados como utilitaristas, porém jantar em um restaurante apresenta muitos significados simbólicos, emocionais, subjetivos, imaginários e fantasiosos. Por meio da aplicação do método da Zaltman Metaphor Elicitation Technique (ZMET) buscou-se identificar junto aos clientes do restaurante Sharin, quais são esses elementos que compõem a experiência gastronômica de consumo, e avaliar se esses elementos são encontrados quando o restaurante em questão é o Sharin. Os resultados mostram que a janta em restaurantes está associada, principalmente, a sair da rotina...

Apple - ter ou não ter, eis a questão : a experiência de consumo dos usuários de Iphone

Bellora, Fernanda
Tipo: trabalho de conclusão de graduação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
75.97%
A Apple é uma empresa que vem ganhando grande representatividade há alguns anos, sendo reconhecida pelo alto nível de inovação e pela rápida valorização de sua marca. O mercado de tecnologias está em ascensão e, dentro dele, destacam-se os dispositivos móveis, como smartphones e tablets, que estão se popularizando no Brasil. Este estudo adota a perspectiva experiencial, trazendo a noção de consumo hedônico e de experiência de consumo para o âmbito do marketing e do comportamento do consumidor. Parte-se do pressuposto de que entender o consumo exige ir além do processo de compra e admitir que aquilo que os consumidores fazem e a forma como utilizam os bens adquiridos também influencia seus comportamentos. Mas, acima de tudo, exige a visão do consumidor como um indivíduo emocionalmente envolvido com o consumo, processo pelo qual estímulos sensoriais, a imaginação e aspectos emotivos são procurados e apreciados. Para atingir os objetivos propostos a metodologia de pesquisa foi qualitativa, através de entrevistas em profundidade com consumidores do iPhone, além de ter sido utilizada a Técnica de Elicitação Fotográfica (PET), que permitiu à pesquisadora se aproximar da experiência real vivenciada pelos consumidores através das imagens visuais que os mesmos foram solicitados a trazer para as entrevistas. Percebeu-se que a marca Apple possui prestígio com os consumidores...

O impacto de estímulos emocionais na recuperação do processo de saciação de consumo

Marques, Thiago Rafael Ferreira
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: 128 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
75.83%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Administração, Florianópolis, 2013; É fato que os consumidores tendem a ter menos prazer associado a experiências à medida que elas são repetidas, ou seja, eles saciam. A recorrência dessas situações de consumo faz com que tenhamos menos felicidade associada a um bem ou situação que anteriormente era de alguma forma especial (GALAK et al, 2009). Pouco se sabe sobre como podemos reduzir o impacto do processo de saciação, ou seja, como podemos contornar este fenômeno e sermos mais felizes com o que já possuímos (REDDEN, 2008).Buscando preencher uma clara lacuna existente no corpo teórico atual relacionado ao processo de saciação, esta pesquisa oferece evidências da interação entre estímulos emocionais positivos e a recuperação da queda da satisfação associada ao processo de saciação. Em uma série de três estudos empíricos, foi demonstrado que, após indivíduos serem expostos a estímulos emocionais positivos, estes apresentam uma recuperação dos efeitos da saciação quando são expostos novamente a um estímulo previamente saciado devido à repetição de consumo. De forma a consolidar este achado...

Consumo colaborativo : uma abordagem fenomenológica; Collaborative consuption : a phenomenological approach

Fonseca, Isabel Maria Duarte da
Fonte: Universidade de Aveiro Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Aveiro
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
85.87%
O presente trabalho visa explorar e descrever uma nova abordagem ao consumo, denominada de consumo colaborativo. Este é um tema pouco estudado, mas que tende afirmar-se como uma nova tendência de consumo. Esta forma de consumir sugere um regresso às origens, proporcionando o bem-estar social e contribuindo para um consumo mais sustentável. À revisão dos principais contributos sobre o tema presentes na literatura, seguiu-se um estudo empírico de natureza qualitativa. Foi utilizada uma combinação de dois métodos qualitativos, a fim de obter uma compreensão mais aprofundada do fenómeno consumo colaborativo. Assim, foram realizadas entrevistas fenomenológicas para analisar o tema sob uma perspetiva individual, baseada na descrição da experiência de consumo. A relevância desta abordagem fenomenológica da pesquisa refere-se particularmente à possibilidade de revelar a natureza do fenómeno baseado no detalhe e na espontaneidade. Ainda com o intuito de aprofundar e validar os dados obtidos, foi realizada uma discussão de grupo. Dos resultados destaca-se a demonstração de que o consumo colaborativo é marcado pelas relações sociais e pelo atual cenário económico. A crise económica contribuiu para alteração de hábitos de consumo...

A experiência de visita ao museu: visitas aos museus: expectativas e percepções, a experiência de consumo e factores críticos de satisfação

Matos, Joana Isabel Barreiro Alves de
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
75.8%
Mestrado em Marketing; Este estudo vem analisar a necessidade de aplicação do marketing aos museus, analisando e identificando um conjunto de factores críticos de satisfação e de experiência de visita. A experiência de visita aos museus analisada de acordo com as expectativas e percepções dos visitantes revela algumas oportunidades de gestão dos museus do ponto de vista da aplicação do marketing. Numa época em que as actividades de marketing cada vez mais condicionam e influenciam a resposta dos consumidores, é de extrema relevância que também instituições que habitualmente não seguem uma óptica puramente comercial comecem a utilizar estratégias de marketing para captarem o interesse dos consumidores. Neste estudo foram analisados um conjunto de factores tipicamente considerados críticos em serviços, como a tangibilidade, a fiabilidade, a compreensibilidade, a confiança e a empatia, bem como novos factores inovadores, dos quais se destacam as políticas de preços, as novas tecnologias, factores ambientais (infra-estrutura, o tamanho do museu), e actividades culturais e sociais. Através da análise de impacto na visita foi possível verificar que a empatia é o factor que mais contribui para a satisfação dos visitantes embora curiosamente não seja o mais importante em termos de expectativas. Os visitantes esperam poder confiar no serviço do museu...

Marca: a estética e o gosto na experiência de consumo

Azevedo, Diogo Mário Castro Sampaio
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em /09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
85.88%
Tese apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Doutor em Ciências da Comunicação, na especialidade de Comunicação e Ciências Sociais; O conceito de Marca traduz processos de institucionalização do sentido, afectivo e cognitivo, que articulam diversos aspectos da experiência e que o revelam como categoria matriz nos mercados. A sistematização das dimensões envolvidas, para efeitos de uma caracterização alargada, sugere-nos que a conjugação dos saberes a mobilizar, provenientes de vários campos disciplinares, se processe a partir dos pressupostos e mecanismos ligados ao seu uso corrente. Assim e após uma abordagem estruturante do que tal uso corrente pode aqui envolver, revemos a partir daí tendências importantes da literatura aplicável, cujas raízes têm por vezes mais de um século e que contribuíram, de diversas formas, para o que hoje em dia entendemos por marca. Assinalamos em especial a clivagem sucessivamente mais nítida no tempo, e actualmente determinante, entre marca registada (trademark) e marca (brand), bem como o permanente ‘deslize da referência’ que é em geral mobilizada e por sua vez conducente, respectivamente, à materialização ou desmaterialização associadas...

O significado do consumo de serviços de restaurante a partir da experiência de compra

Barbosa, Maria de Lourdes de Azevedo
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
106.02%
A presente investigação teve como objetivo conhecer o significado do consumo de serviços a partir da natureza (ordinária/extraordinária) da experiência vivida pelo consumidor. A tese enfatiza a participação do consumidor na produção de experiências de consumo em restaurantes, pois é ele que irá interpretar os serviços disponibilizados pelo mercado, embora o sistema de oferta proposto pelas empresas influencie a sua interpretação sobre os produtos e serviços consumidos. A pesquisa teve um caráter fenomenológico-hermêutico e como método optou-se pelo estudo de casos. Foram selecionadas duas empresas com posicionamentos diferenciados: um restaurante fast food (comida rápida e padronizada), com características utilitárias e outro à la carte (serviço de refeição mais elaborado e personalizado), com características hedônicas. Para a coleta de dados foram empregadas as técnicas do grupo focal, observação direta e entrevistas em profundidade. Os resultados demonstraram que as características predominantemente utilitárias do restaurante A, influenciam os consumidores a interpretarem suas experiências como ordinárias, e que o restaurante B, com seus produtos e serviços que valorizam os componentes mais hedônicos...

A experiência de consumo e técnicas corporais : uma reflexão antropológica e política em Paul Virilio

Christianni Coutinho Marçal, Maria; Carvalho Benício de Mello, Sérgio (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
96%
Este trabalho investiga a experiência de consumo da malhação feminina, que toma corpo por meio do uso de tecnologias avançadas, e a pressupõe como sendo uma técnica corporal praticada pelas mulheres contemporâneas. Isso é fruto das imagens da tecnocultura, que fornece e dissemina valores para a sociedade de consumo que é fonte geradora de corpos próprios e acelerados. A experiência mostrou-se como sendo um consumo alienado, que alimenta o narcisismo e repercute na morte simbólica do sujeito que a pratica, a malhadora. Sendo assim, um ritual de sacrifício exercido em nome da saúde-perfeita , e por isso paradoxal. Utilizamos a abordagem etnográfica cujo campo foi uma academia de ginástica. Elaboramos uma descrição densa sobre o cotidiano do sujeito embebido no ato de malhar, a fim de iluminar as relações que o mesmo constrói com o mundo [i]material e que ajudam-no a significar esta experiência que culmina na aquiescência social.

Elementos sensoriais da atmosfera de serviços gastronômicos centrados na experiência e seus significados para o consumidor

Aguiar, Edvan Cruz
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
76.01%
A concepção de experiência assume papel de destaque quando se trata do entendimento sobre o comportamento de consumo. Os elementos sensoriais presentes na atmosfera de serviços são considerados relevantes, já que podem influenciar a percepção, a atitude e o comportamento dos clientes. Este foi o aspecto que interessou esta dissertação. Apesar dos esforços dos gestores em fazer uso das dimensões sensoriais da atmosfera de loja para a oferta de experiências de consumo, quem atribui o significado a elas são os próprios clientes, posto que estas são únicas para cada um e que sua própria concepção pressupõe um estado essencialmente subjetivo e intrínseco ao indivíduo. Portanto, esta dissertação se propôs a identificar os significados atribuídos pelos consumidores aos elementos sensoriais presentes em uma atmosfera de serviços gastronômicos centrados na experiência. O estudo investigou o fenômeno por meio de uma perspectiva diferente, fazendo uso de um método alternativo ao preponderante na literatura revisada, seguindo uma orientação paradigmática construtivista. Fez-se uso de estudo de caso alinhado à abordagem fenomenológica, bem como entrevistas e observações para a coleta de dados. As técnicas de análise de conteúdo e de discurso também foram utilizadas. Os resultados mostram que os consumidores interpretam os elementos sensoriais de forma holística. Os significados são atribuídos aos elementos e...

A lógica do capital e do estado na provisão dos meios de consumo coletivo: uma experiência de responsabilidade social no campo da assistência à criança

Maria Saraiva, Joseana; Regia Fernandes Gehlen, Victoria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: other
Português
Relevância na Pesquisa
75.88%
Trata-se de um estudo que tem por objetivo apreender o significado e as tendências assumidas pelas iniciativas de responsabilidade social empresarial. Para compreensão dessa temática buscou-se uma explicação à luz da teoria da racionalidade econômica apontada por Lojkine, segundo a qual os serviços de assistência social se inserem entre as despesas que não tem retorno, na medida em que não criam valor, mas ao contrário, efetivam despesas de consumo supérfluas e, portanto, sem valor para o capital. Como não são criadores de valor, não interferem diretamente na produção de mais valia, embora estejam relacionados com processos indispensáveis à acumulação do capital. Utilizou-se na análise um enfoque qualitativo, privilegiando o estudo de caso, tendo como referência a experiência do Programa Florescer, exercício de responsabilidade social da Alimentos do Brasil, executada em parceria com a Universidade Federal Rural de Pernambuco e a Prefeitura Municipal, junto à rede de Educação Infantil. A partir da hipótese de trabalho e dos objetivos delimitados no estudo constituíram indicadores expressivos na análise do discurso o sentido político das ações e sua conseqüência para missão empresarial...

Viajando pela experiência do FIG – Festival de Inverno de Garanhuns: um estudo sob a perspectiva da Fenomenologia de Maurice Merleau-Ponty

Souza Júnior, Jalmir Pinheiro de; Barbosa, Maria de Lourdes Azevedo (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: dissertacao
Português
Relevância na Pesquisa
96.04%
O fenômeno experiência de consumo, moderado pelo significado da vivência do produto turístico, é analisado neste estudo a partir da compreensão dos turistas que estiveram no Festival de Inverno de Garanhuns, no estado de Pernambuco. Para isto, os mesmos resgataram experimentações memorizadas pelas respectivas subjetividades. A fenomenologia da percepção, de Merleau-Ponty, propiciou análise existencial da ação do turista a partir de suas relações dialógicas e reflexivas no contexto dos espaços onde a experiência de consumo se realizou. O fenômeno, tanto quanto a metodologia escolhida para estudá-lo, ainda são incipientes nas ciências sociais aplicadas, no que se refere ao comportamento do consumidor. Destarte, a problemática de pesquisa se resume na questão: Considerando os aspectos que compõem um produto turístico, qual o significado para o consumidor de uma experiência de consumo memorável? Pela redução fenomenológica das unidades de significado, temas emergentes foram integrados em categorias universalizantes que revestem o pensamento e a ação do turista: as associações como expectativas; o espaço da vivência e a centralidade do sujeito; a interatividade pela intersubjetividade; e a temporalidade. A interação reflexiva dialógica impulsiona o turista a descobrir o significado que a experiência possui no contexto de sua existência no mundo. Ele se descobre enquanto corpo coexistente num espaço habitado por outros tantos turistas que compartilham ou não da sua percepção em relação aos elementos emocionais emergentes do consumo. Pela intersubjetividade relacional com o outro...

Influências do Pessoal de Linha de Frente na Experiência de consumo: um Estudo a Partir do Encontro de Serviços em um Restaurante Gastronômico de Olinda, Pernambuco

Almeida, Isabel Oliveira de; Barbosa, Maria de Lourdes de Azevedo (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: dissertacao
Português
Relevância na Pesquisa
95.93%
Os encontros de serviço têm se apresentado como oportunidade de interações sociais entre clientes e a organização. Nos restaurantes denominados gastronômicos, as dimensões sociais e ambientais que compõem a atmosfera de serviços proporcionam experiências de consumo que podem atrair ou afastar os consumidores. O objetivo geral deste trabalho foi compreender como o pessoal de contato – representado neste estudo essencialmente pelo garçom - pode interferir ou influenciar na maneira como o consumidor interpreta a sua experiência. Para isso, foram abordadas as perspectivas do marketing experiencial, encontro de serviços e teoria dramatúrgica, analisados a partir da interação entre funcionário de linha de frente e o cliente. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa, desenvolvida por meio de um estudo de caso em um restaurante considerado gastronômico, localizado na Cidade de Olinda-PE. Foram realizadas pesquisas bibliográficas, observação direta e entrevistas episódicas semiestruturadas, aplicando uma análise interpretativa fenomenológica a partir dos depoimentos dos entrevistados. Um total de vinte e quatro clientes do restaurante selecionado foi entrevistado após o serviço do jantar. As análises dos resultados apresentaram que...

Viajando pela experiência do FIG – Festival de Inverno de Garanhuns: um estudo sob a perspectiva da Fenomenologia de Maurice Merleau-Ponty

Souza Júnior, Jalmir Pinheiro de; Barbosa, Maria de Lourdes Azevedo (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: dissertacao
Português
Relevância na Pesquisa
96.05%
O fenômeno experiência de consumo, moderado pelo significado da vivência do produto turístico, é analisado neste estudo a partir da compreensão dos turistas que estiveram no Festival de Inverno de Garanhuns, no estado de Pernambuco. Para isto, os mesmos resgataram experimentações memorizadas pelas respectivas subjetividades. A fenomenologia da percepção, de Merleau-Ponty, propiciou análise existencial da ação do turista a partir de suas relações dialógicas e reflexivas no contexto dos espaços onde a experiência de consumo se realizou. O fenômeno, tanto quanto a metodologia escolhida para estudá-lo, ainda são incipientes nas ciências sociais aplicadas, no que se refere ao comportamento do consumidor. Destarte, a problemática de pesquisa se resume na questão: Considerando os aspectos que compõem um produto turístico, qual o significado para o consumidor de uma experiência de consumo memorável? Pela redução fenomenológica das unidades de significado, temas emergentes foram integrados em categorias universalizantes que revestem o pensamento e a ação do turista: as associações como expectativas; o espaço da vivência e a centralidade do sujeito; a interatividade pela intersubjetividade; e a temporalidade. A interação reflexiva dialógica impulsiona o turista a descobrir o significado que a experiência possui no contexto de sua existência no mundo. Ele se descobre enquanto corpo coexistente num espaço habitado por outros tantos turistas que compartilham ou não da sua percepção em relação aos elementos emocionais emergentes do consumo. Pela intersubjetividade relacional com o outro...

Estímulos táteis no ambiente de varejo: investigando a experiência de consumo de indivíduos com deficiência visual na perspectiva transformativa do consumidor

Barbosa, Ohana Trajano; Farias, Salomão Alencar (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: dissertacao
Português
Relevância na Pesquisa
106.03%
O interesse em entender a influência que a atmosfera de loja e os estímulos sensoriais exercem no comportamento e na experiência do consumidor tem se mostrado cada vez mais crescente na literatura. A ênfase desta dissertação incide particularmente na dimensão tátil do ambiente de varejo e nos consumidores que não se encontram no mainstream das pesquisas. Sendo assim, este estudo buscou compreender como os estímulos táteis da atmosfera de varejo atuam na experiência de consumo dos indivíduos com deficiência visual? Os aspectos que motivaram a escolha do tema estão diretamente relacionados à carência de estudos no que se refere à dimensão tátil da atmosfera de loja e à necessidade de estudar pessoas com deficiência visual. A pesquisa caracteriza-se por ser qualitativa de inspiração fenomenológica com caráter descritivo. Na coleta de dados utilizou-se uma combinação de observações e entrevistas individuais. As entrevistas individuais episódicas e semiestruturadas foram realizadas com 16 informantes com deficiência visual do Instituto de Educação e Assistência aos Cegos do Nordeste, na cidade de Campina Grande – PB, Brasil. As observações foram do tipo participante e ocorreram por meio da compra acompanhada. Os dados coletados foram analisados de acordo com a técnica da análise de discurso. Os resultados mostram que o contato com os produtos é o estímulo tátil que mais exerce influência na experiência de consumo dos informantes. Embora a literatura destaque o caráter hedônico da experiência de consumo...