Página 1 dos resultados de 4991 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Homeopatia em farmácia comunitária

Barbosa, Ana; Cardoso, António; Freitas, Franck; Santos, Tânia; Fernandes, António; Nascimento, Luís
Tipo: conferenceobject
Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
A Homeopatia é uma Medicina Complementar/Alternativa (MC/A) que se fundamenta no «Principio dos Similares» e no «Principio das Diluições Infinitesimais». Segundo o Comité Europeu, a Homeopatia baseia-se no princípio da utilização de substâncias capazes de causar perturbações na mente ou no corpo de pessoas saudáveis, sob forma diluída, actuando como medicamento para tratar distúrbios semelhantes em alguém doente, qualquer que seja a causa da doença. O pai da Homeopatia foi um médico alemão de nome Sammuel Hahnemann, que na ânsia de tratar tanto a doença como o doente e descontente com os métodos usados pela medicina na sua época, tornou-se um obstinado investigador, pois achava existir uma forma de cura por métodos naturais. Objectivos Identificar o perfil dos técnicos de farmácia comunitária do distrito de Bragança. Verificar o nível de conhecimento destes profissionais acerca das MC/A e da Homeopatia. Estudar a associação entre aconselhamento da Homeopatia e uso de medicamentos homeopáticos. Material e métodos Este estudo foi feito recorrendo a um inquérito auto-aplicativo, entre Janeiro e Fevereiro de 2012, aos profissionais que trabalham em Farmácias Comunitárias do distrito de Bragança...

Perceção dos utentes acerca da terapêutica medicamentosa prescrita após consulta médica e após dispensa na farmácia

Pinto, Isabel C.; Coelho, J.C.M.M.; Braga, Ana; Pereira, Paula; Cardoso, Tiffany
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: conferenceobject
Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
A promoção do uso racional do medicamento é fundamental para assegurar a eficácia terapêutica e minimizar os riscos. É considerável o número de utentes que não compreende o tratamento prescrito, muitas vezes por ausência de informação verbal e/ou escrita aquando da consulta médica e dispensa na Farmácia, o que resulta em grandes dificuldades para uma correta terapia medicamentosa, levando à ineficácia do tratamento. Determinar a perceção do conhecimento sobre a terapêutica medicamentosa a realizar, após consulta médica e após dispensa na Farmácia, e identificar fatores relacionados. Este estudo transversal e descritivo-correlacional, obteve-se uma amostra de 150 utentes de centros de saúde e farmácias do norte de Portugal, 64,0% do sexo feminino e 36,0% do sexo masculino, com idades entre 18 e 90 anos (média de 57,1). foi aplicado um questionário de autopreenchimento, incluindo a escala de classificação da perceção do conhecimento (Frohlich, 2010). Na análise dos dados foi utilizada estatística descritiva e o teste t-Student, com nível de significância de 5%. A perceção do conhecimento sobre a terapêutica medicamentosa dos utentes é insuficiente tanto após dispensa na farmácia (70,7%) como após a consulta médica (70...

Consumo de antigripais: perspetiva dos profissionais de farmácia e dos utentes da cidade de Guimarães

Martins, A.; Luís, Â.; Ferreira, I.; Ribeiro, M.; Pereira, Olívia R.; Nascimento, Luís
Fonte: Associação Portuguesa de Licenciados em Farmácia Publicador: Associação Portuguesa de Licenciados em Farmácia
Tipo: conferenceobject
Português
Relevância na Pesquisa
46.99%
Os antigripais caraterizam-se por serem uma associação de várias substâncias ativas, podendo ser usadas para diversas situações. Assim, e por serem Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica, a sua aquisição torna-se rápida e acessível, levando ao consumo exagerado e inadequado de antigripais. Apesar deste tipo de medicamento ser considerado por muitos profissionais de saúde, uma forma de tratamento segura, não são isentos de substâncias inócuas, pelo que o seu consumo deve ser orientado por um profissional de saúde. Deste modo, torna-se fundamental avaliar quer as perspectivas dos utentes, quer as dos profissionais, de forma a determinar o consumo de antigripais. Avaliar o consumo de Antigripais, tendo em conta a perspectiva dos utentes e dos profissionais de Farmácia na cidade de Guimarães. Trata-se de um estudo transversal, observacional e analítico que teve como base duas amostras constituídas por 263 inquiridos da cidade de Guimarães e 50 profissionais de farmácia desta cidade. A recolha de dados ocorreu no período de Dezembro de 2013 a Fevereiro de 2014, através da aplicação de dois questionários relativos a cada uma das amostras. As informações obtidas foram analisadas com recurso ao programa SPSS 20 (Statistical Package for the Social Sciences). Os profissionais consideram que o Ilvico N® é o antigripal mais vendido nas farmácias...

IX Congresso da associação portuguesa de licenciados em farmácia, XXVII encontro nacional de técnicos de farmácia, IV encontro nacional de estudantes de farmácia

Nascimento, Luís (Ed.); Pinto, Isabel C. (Ed.); Pereira, Olívia R. (Ed.)
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Saúde Publicador: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Saúde
Tipo: book
Português
Relevância na Pesquisa
37.11%
O IX Congresso da Associação Portuguesa de Licenciados em Farmácia (APLF) e XXVII Encontro Nacional de Técnicos de Farmácia surge no ano de 2014 da colaboração da APLF com a Escola Superior de Saúde, do Instituto Politécnico de Bragança. Com o tema “Investir no conhecimento é inovar em Farmácia” este encontro científico proporcionou um momento de aprendizagem, discussão e partilha de temáticas relacionadas com a área da Farmácia. O presente livro de resumos reflete a síntese das comunicações orais e em painel apresentadas ao longo do congresso, com temas muito relacionados com a área em central do congresso. O congresso termina com o IV Encontro Nacional de Estudantes de Farmácia, propiciando assim um espaço de discussão acerca dos atuais e futuros desafios da profissão de Técnico de Farmácia. Como síntese, destaca-se a elevada participação de estudantes e profissionais da área da Farmácia, o que demonstra a preocupação com a atualização e partilha de conhecimento e a consciência de que os Técnicos de Farmácia pertencem a um grupo de profissionais fundamental para a manutenção da saúde, com um papel fulcral na qualidade de vida das populações.

Conocimientos y practicas sobre el consumo de tabaco en estudiantes de pregrado de farmacia, Lima, Perú; Conhecimentos e práticas sobre o consumo de tabaco entre estudantes de farmácia em Lima, Peru; Knowledge and practice regarding tobacco use among pharmacy undergraduate students in Lima, Peru

DANJOY LEÓN, Delia; FERREIRA, Paulo Sérgio; PILLON, Sandra Cristina
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.99%
El objetivo del estudio fue determinar los conocimientos y prácticas del consumo de tabaco en estudiantes de farmacia, según aspectos demográficos y académicos. Participaron 276 (55.2%) estudiantes de farmacia de una universidad privada Peruana. Fue utilizada la Encuesta Global de Tabaco (GYTS) para jóvenes. Se identificó una prevalencia de vida del tabaco de 93,7% en los hombres y en las mujeres de 77,6%. La prevalencia de vida para el alcohol fue de 70,8% y para las drogas ilegales de 14,1% (marihuana). Existe un elevado porcentaje de prevalencia de vida y de consumo actual de tabaco en esta muestra. La mayoría de los estudiantes inicio el uso a los 16 años. Existe una fuerte asociación entre el consumo de tabaco y el uso de esta droga por, al menos, uno de los padres; también está asociado a la exposición al humo dentro de la casa.; O objetivo do estudo foi determinar os conhecimentos e as práticas do uso de tabaco entre estudantes de farmácia, segundo os aspectos sociodemográficos e acadêmicos. Participaram 276 (55,2%) estudantes de farmácia de uma universidade privada peruana. Foi utilizada a Encuesta Global de Tabaco para jovens - GYTS. Identificou-se a prevalência do uso na vida de tabaco em 93,7% dos homens e 77...

Desenvolvimento de um modelo de construção e aplicação de um conjunto de indicadores de desempenho na farmácia hospitalar com foco na comparabilidade; Development of a construction model and application of a set of performance indicators in the Hospital Pharmacy with focus on the comparability.

Cipriano, Sonia Lucena
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 27/05/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
A Farmácia Hospitalar tem por finalidade promover o uso racional do medicamento, pesquisando e gerenciando produtos com qualidade, desenvolvendo profissionais e prestando assistência integrada ao paciente e à equipe da saúde, com responsabilidade socioambiental. Dessa forma, o desenvolvimento de um modelo de construção e aplicação de um conjunto de indicadores de desempenho na Farmácia Hospitalar com foco na comparabilidade é imprescindível para o monitoramento dos resultados e o estabelecimento da melhoria contínua dos serviços prestados aos pacientes e à equipe da saúde, de forma alinhada às diretrizes institucionais. Objetivo: Desenvolver um modelo de construção e aplicação de um conjunto de indicadores de desempenho na Farmácia Hospitalar com foco na comparabilidade. Método: Utilizou-se do método qualitativo Pesquisa-ação, sendo que na fase exploratória se fez o diagnóstico da amostra do estudo; na realização dos seminários se fez a sensibilização dos sujeitos da pesquisa, análise, seleção, construção, aplicação em campo e validação da ficha técnica e especificações para construção, e do conjunto de indicadores de desempenho. Realizou-se 22 seminários presenciais de forma estruturada. A amostra foi intencional de seis hospitais (3 públicos e 3 privados) e os sujeitos da pesquisa os farmacêuticos especialistas tomadores de decisão na Farmácia Hospitalar. A coleta de dados foi realizada no período de setembro de 2006 a abril de 2008...

Avaliação da legibilidade de prescrições médicas para medicamentos controlados da Farmácia Popular do Brasil da cidade de Porto Alegre - Farmácia-Escola/UFRGS

Thurow, Eduardo Andrade; Vian, Débora
Tipo: trabalho de conclusão de graduação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Erros de prescrição podem gerar sérios problemas aos pacientes e aos profissionais de saúde. Estes podem resultar de infinitas causas, dentre elas a dificuldade de leitura da prescrição médica. Realizou-se um estudo para avaliar a dificuldade de leitura de receitas médicas para os medicamentos sujeitos a Portaria 344/98, da Farmácia Popular do Brasil da cidade de Porto Alegre - Farmácia-escola/ UFRGS. Analisaram-se 428 prescrições, retrospectivamente, por um aluno do terceiro e outro do nono semestre da graduação do curso de farmácia da UFRGS. Cada prescrição foi classificada em: legível, difícil leitura e ilegível. Verificou-se também a origem de cada receita se proveniente do sistema público ou privado de saúde. O aluno do terceiro semestre encontrou um percentual de 51,63% de prescrições legíveis, 43,22% de receitas difíceis de leitura e 5,14% ilegíveis. Já o aluno do nono semestre obteve percentual de 71,5% receitas legível, 28,03% de prescrições com dificuldade de leitura e 0,47% de receitas ilegíveis. Quanto à origem das prescrições ambos os alunos apontaram o sistema público com o melhor percentual de legibilidade. Os dados sugerem que a legibilidade das prescrições dos medicamentos controlados da Farmácia Popular do Brasil de Porto Alegre – Farmácia-escola/UFRGS é boa...

Ações voltadas para questões de saúde na região de Londrina Realizadas por estudantes do curso de farmácia da UEL e o Conselho Regional de Farmácia Júnior (CRF-JR)

Duarte, José Carlos; Pala, Danilo; Souza, Clara; Ortigossa, Amanda; Sfeir, Natalia; Fonseca, Caroline; Takashina, Fabiana; Borges, Gabriela; Silva, Leticia; Okina, Vivian; Lima, Bruna; Kimura, Angela; Carnier, Ana Paula
Português
Relevância na Pesquisa
36.99%
Trabalho apresentado no 31º SEURS - Seminário de Extensão Universitária da Região Sul, realizado em Florianópolis, SC, no período de 04 a 07 de agosto de 2013 - Universidade Federal de Santa Catarina.; Com o propósito de promover a inter-relação entre o Conselho Regional de Farmácia (CRF-PR) e os estudantes do curso de graduação de Farmácia do Estado do Paraná, o CRF Júnior- UEL foi criado para incentivar os futuros profissionais à prática do exercício profissional responsável e ao desenvolvimento de programas voltados a comunidade. Entre os programas visados estão, a promoção de palestras, seminários em escolas, empresas, associações de bairros e outras entidades com objetivo de mostrar a importância do profissional farmacêutico no nosso dia a dia. Estímulo a discussões sobre temas como ética e o papel social dos futuros profissionais da área farmacêutica e afins e assessoria aos estudantes recém-formados em suas relações com o mercado de trabalho com apoio aos movimentos empreendedores estudantis. Assim, o presente trabalho tem como objetivo mostrar a instalação e aceitação do projeto CRF Júnior na Universidade Estadual de Londrina (UEL) no ano de 2013, a participação dos estudantes do curso de Farmácia e as ações voltadas à comunidade externa de Londrina e região. Entre essas ações realizadas nesse ano de implantação do projeto podemos citar: a organização do “I Curso de Práticas Farmacêuticas (PRAFAR) Aplicação de Injetáveis”...

Estudo sobre a satisfação dos utentes com os serviços de farmácia comunitária : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação

Fernandes, Marta Rossana Monteiro
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.16%
O Capítulo 1 refere-se à componente de estágio em Farmácia Comunitária. Aborda as atividades realizadas durante o estágio na Farmácia Silva Tavares, com a duração de 400 horas, sob orientação da Dra. Paula Oliveira. Neste estágio, criou-se a oportunidade de contactar com as mais diversas áreas da atividade do farmacêutico na Farmácia Comunitária. O presente relatório inicia-se com uma descrição dos espaços físicos e dos recursos humanos da farmácia, respetivas funções e responsabilidades. Em seguida abordam-se aspetos relacionados com a informação e documentação científica necessária à atividade farmacêutica, aprovisionamento e armazenamento de medicamentos e outros produtos de saúde e legislação que regula toda a prática farmacêutica em Farmácia Comunitária. Seguem-se os tópicos de dispensa de medicamentos, automedicação, aconselhamento e dispensa de produtos de saúde e preparação de medicamentos, tendo sempre em conta a vertente da interação do farmacêutico com o utente e destes com o medicamento. Por fim, abordam-se alguns aspetos relacionados com os vários cuidados de saúde prestados na farmácia e descreve-se a aplicação da contabilidade e da gestão à Farmácia Comunitária. O Capítulo 2 refere-se à componente de investigação. Durante o último século...

Perfil das intoxicações em crianças e jovens num serviço de urgência hospitalar : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação

Marques, Andreia Juliana da Silva
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.07%
O documento apresentado é o culminar de um percurso académico de 5 anos, e que pretende descrever a experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação. Assim, este trabalho encontra-se dividido em dois capítulos. No capítulo I encontra-se descrita toda a experiência profissional e humana vivida durante o estágio na farmácia comunitária. O capítulo II descreve o trabalho de investigação desenvolvido em parceria com o Centro Hospitalar Cova da Beira. A farmácia comunitária é uma das áreas onde o farmacêutico pode desenvolver a sua atividade e, por excelência, é a área onde este tem um maior contacto com o público. Hoje em dia, e cada vez mais, assiste-se à crescente vocação das farmácias como espaço de saúde moderno, que permite um contacto facilitado, personalizado e disponível com um profissional de saúde, que tem uma obrigatoriedade de permanente atualização de conhecimentos. Neste capítulo são abordados diversos temas, nomeadamente, a organização da farmácia, a informação e documentação científica nela existente, os medicamentos e produtos de saúde, o seu aprovisionamento e armazenamento, a interação farmacêutico-utente-medicamento, a dispensa e aconselhamento de medicamentos e outros produtos de saúde...

Consumo de antiepilépticos : estudo populacional na Ilha do Pico : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação

Jorge, Joana Filipa Rodrigues
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.99%
Após os conhecimentos científicos adquiridos durante os cinco anos na faculdade torna-se fundamental a aplicação dos mesmos na prática diária. Como tal, na primeira parte deste trabalho realizou-se um estágio na Farmácia Melo que teve como objectivo observar todas as vertentes existentes neste ramo. Assim, foram adquiridos conhecimentos no âmbito da organização da farmácia, informação e documentação científica e na área da contabilidade e gestão. Foram também abordadas todas as informações respeitantes aos medicamentos e outros produtos de saúde. Num campo mais direccionado para o utente, aprendeu-se a dominar os princípios e as técnicas que permitem a recolha e transmissão da informação necessária para conciliar as necessidades e expectativas do utente com a promoção do uso racional do medicamento. Foram adquiridos conhecimentos acerca de outros cuidados de saúde prestados na farmácia, como foi o caso das medições de diferentes parâmetros bioquímicos. No entanto, e uma vez que não devemos estagnar o nosso conhecimento, outra vertente não menos importante, que constituiu a segunda parte deste trabalho, foi a realização da parte de investigação. A abordagem do doente epiléptico requer uma atenção especial...

Análise, caracterização e estudo da toxicidade de um hidrogel depilatório com tioglicolato de cálcio : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação

Amoroso, Tânia Cristina Nogueira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.99%
O presente documento pretende descrever a experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação e encontra-se dividido em dois capítulos. O capítulo 1 descreve as actividades realizadas ao longo do meu estágio curricular na Farmácia Comunitária Reis em Castelo Branco. Este capítulo consta de uma breve descrição desta farmácia bem como do funcionamento da mesma, das actividades desenvolvidas, e dos conhecimentos adquiridos e postos em prática ao longo do estágio. São também abordados vários temas, tais como, a interacção farmacêutico-doente-medicamento e os cuidados de saúde prestados na farmácia, a dispensa de medicamentos sujeitos e não sujeitos a receita médica e organismos comparticipadores, a atitude do farmacêutico no acto da dispensa, a indicação farmacêutica nos casos de automedicação, etc., componentes que são essenciais à boa prática da profissão farmacêutica cumprindo sempre os princípios deontológicos e éticos da mesma. A elaboração deste capítulo teve como base o documento de Boas Práticas Farmacêuticas para a Farmácia Comunitária elaborado pela Ordem dos Farmacêuticos. O capítulo 2 descreve a componente de investigação realizada no Centro de Investigação em Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior (CICS-UBI) e no Centro de Estudos Farmacêuticos da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra (CEF). Neste capítulo realizou-se uma avaliação e caracterização de várias formulações preparada no desenvolvimento de um hidrogel depilatório. Para tal desenvolveu-se e validou-se uma metodologia para o doseamento de tioglicolato de cálcio (analito em estudo) por cromatografia líquida acoplada a um detector de diode array (UPLC/DAD). Os parâmetros estudados foram a selectividade...

Estudo da permeação cutânea do sulfato de glucosamina, em modelo ex vivo, induzida por iontoforese : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária, hospitalar e investigação

Gaspar, Andreia Cruz
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
Este relatório encontra-se dividido em três capítulos. Cada capítulo corresponde à experiência profissionalizante adquirida nas diferentes componentes do estágio, nomeadamente na componente de Farmácia Comunitária, Farmácia Hospitalar e Investigação. O primeiro capítulo do relatório relacionado com a vertente de Investigação pretende descrever o projeto desenvolvido na área da tecnologia farmacêutica e intitulado: “ Estudo da permeação cutânea do sulfato de glucosamina, em modelo ex vivo, induzida por iontoforese”. O principal objetivo, desta investigação, foi avaliar e estudar a permeação do sulfato de glucosamina, um precursor dos glucosaminoglicanos, em pele de origem suína. Para isso, foi utilizado o método da iontoforese com vista a comprovar a sua eficácia na libertação transdérmica do fármaco e avaliando o potencial desta via alternativa à administração da molécula. Deste modo, o fármaco foi primeiramente isolado a partir de ampolas comerciais de sulfato de glucosamina destinadas a administração intramuscular e marcado, posteriormente, com o fluorocromo FITC. Esta conjugação com FITC permitiu avaliar, através de microscopia confocal a laser, a permeação da molécula através da pele...

A funcionalização dos anéis B e D de esteróides da série pregnano na preparação de potenciais fármacos quimioterápicos : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária, hospitalar e investigação

Silva, Mafalda Cristina Valentim Maricoto
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
O meu estágio curricular de final de curso, e consequentemente a organização deste relatório, foi realizado em três vertentes, nomeadamente Farmácia Hospitalar, Farmácia Comunitária e Investigação. O estágio em Farmácia Hospitalar, realizado nos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Cova da Beira, nos meses de Março e Abril, encontra-se redigido no primeiro capítulo e descreve as atividades que acompanhei tendo por base as Boas Práticas da Farmácia Hospitalar e a legislação atualmente em vigor. No segundo capítulo encontra-se descrito o estágio em Farmácia Comunitária, realizado na Farmácia Modelar, no Teixoso, entre Abril e Junho, que segue, igualmente, toda a legislação vigente e as Boas Práticas Farmacêuticas para a Farmácia Comunitária. O terceiro capítulo aborda o trabalho de investigação desenvolvido ao longo do último ano letivo, intitulado “A funcionalização dos anéis B e D de esteroides da série pregnano na preparação de potenciais fármacos quimioterápicos.”. Os esteroides compreendem um vasto grupo de compostos largamente distribuídos na natureza, desempenhando funções vitais na fisiologia humana. Conhecendo algumas características biológicas de 7-oxo e 7,15-dioxoesteroides...

Estudo da relação entre as classes médica e farmacêutica com a indústria farmacêutica : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária, hospitalar e investigação

Cunha, Ana Sofia Fernandes
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
O presente trabalho encontra-se divido em 3 Capítulos. O Capítulo 1 introduz uma visão muito sintética sobre a relação entre a Indústria Farmacêutica e o Profissional de Saúde. Descreve as iniquidades ainda existentes e em especial o facto das empresas da Indústria Farmacêutica despenderem elevadas somas em Marketing. Após uma breve caracterização do Mercado Farmacêutico Nacional, examina-se a orientação comercial das empresas farmacêuticas e as suas estratégias para promover a demanda dos seus produtos, sendo também abordadas práticas impróprias e medidas que procuram limitar os seus efeitos negativos. Finalmente explora o papel desempenhado pelos Médicos e Farmacêuticos como investigadores e guardiões do medicamento, considerando como o conhecimento médico e as suas práticas contribuem, ao invés de diminuir, para a expansão da Indústria Farmacêutica. A investigação empírica foi posta em prática através do preenchimento de um inquérito pelos Médicos e Farmacêuticos Comunitários, do Centro de Saúde de Mogadouro e Covilhã, respectivamente. O inquérito é composto por várias questões, apresentadas sob a forma de escala de Likert, escala dicotómica e escolha múltipla, esperando assim obter evidências que permitam a resposta aos objectivos colocados. Os dados foram analisados através de análises estatísticas...

Avaliação da interação de fármacos com a amiodarona em células HepaRG : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária, hospitalar e investigação

Ferreira, Ana Filipa da Silva
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
O período de estágio final, inserido no Plano de Estudos do Mestrado em Ciências Farmacêuticas da Universidade da Beira Interior, surge como o culminar da formação técnicocientífica adquirida ao longo dos 5 anos de estudo, permitindo desenvolver competências técnicas, clínicas e deontológicas necessárias ao exercício da profissão. O estágio é um elo de ligação fundamental entre os conhecimentos adquiridos e a prática profissional e proporciona ao estudante o contacto com as tarefas e atividades que poderá vir a desempenhar no futuro. Este relatório de estágio é constituído por três partes diferentes, uma referente ao trabalho de Investigação Laboratorial, outra relativa ao estágio em Farmácia Comunitária e, por último, uma parte alusiva ao estágio em Farmácia Hospitalar. As partes respeitantes à Farmácia Comunitária e à Farmácia Hospitalar foram estruturadas de forma a descrever e resumir objetivamente a experiência vivida nestes ambientes. O projeto de dissertação de mestrado tem como objetivo avaliar o potencial de interação de fármacos de ampla utilização clínica no metabolismo da amiodarona utilizando, para isso, células HepaRG diferenciadas, um modelo in vitro de metabolismo. A amiodarona é um fármaco de margem terapêutica estreita e de ampla utilização clínica...

Desenvolvimento de um hidrogel depilatório facial masculino contendo tioglicolato de cálcio : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária e investigação

Rodrigues, Sónia Cristina Spínola
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Este documento está dividido em dois capítulos, sendo que o primeiro é referente ao estágio curricular realizado em Farmácia Comunitária, na Farmácia Diamantino e aos conhecimentos técnico-científicos aí adquiridos, e o segundo referente à investigação no âmbito da elaboração da tese de mestrado realizada no Departamento de Tecnologia Farmacêutica da FFUC e na Faculdade de Ciências da Saúde da UBI. O estágio curricular em farmácia comunitária tem como principal objectivo a integração da aprendizagem teórica na prática profissional. Como tal, este relatório, está subdividido em 13 pontos, descreve o trabalho realizado em farmácia comunitária pelo farmacêutico e a importância do mesmo para a comunidade. Para além das actividades relacionadas com a gestão, organização da farmácia e com o medicamento, como o aprovisionamento, armazenamento, preparação e dispensa do mesmo, pretendeu-se demonstrar a importância do farmacêutico enquanto prestador de cuidados de saúde, conselheiro efectivo no acto da dispensa do medicamento e no acompanhamento próximo dos utentes da farmácia comunitária, promovendo o uso racional dos medicamentos, a adesão à terapêutica e a farmacovigilância. O segundo capítulo refere-se à investigação realizada...

Avaliação do impacto do ensino da técnica inalatória no controlo da asma : experiência profissionalizante na vertente de farmácia comunitária, farmácia hospitalar e investigação

Timóteo, Tânia Andreia Pereira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Este relatório está dividido em três capítulos: o Capítulo I refere-se à Investigação (Avaliação do Impacto do Ensino da Técnica Inalatória no Controlo da Asma), o Capítulo II fala sobre o Estágio em Farmácia Hospitalar e por fim o Capítulo III descreve o Estágio realizado em Farmácia Comunitária. A asma tanto a nível nacional como a nível mundial é um problema de saúde pública. Grande parte dos doentes asmáticos têm a asma não controlada. São vários os estudos que mostram que a técnica inalatória dos doentes asmáticos é incorreta. Este estudo teve como principal objetivo avaliar o impacto do ensino da técnica inalatória no controlo da asma. Doentes com diagnóstico (reportado pelo doente) de asma, com idade entre os 18-65 anos e com terapêutica instituída para a asma, foram convidados pelas farmácias a realizarem educação para a doença. A intervenção farmacêutica incluiu, ensino da técnica inalatória, aumento da adesão à terapêutica, evicção alérgica e explicação da função do tratamento de alívio. Os doentes realizaram um questionário da técnica inalatória e um Teste ACT antes e após a intervenção farmacêutica. Foram avaliados 22 doentes asmáticos, sendo que 63.6% são do sexo feminino...

Aplicabilidade de métodos quantitativos de previsão da procura ao consumo de benzodiazepinas de uma farmácia comunitária

Cardoso, André Filipe
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
Este relatório resulta da agregação das atividades desenvolvidas na Unidade Curricular de Estágio, a última do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas da Universidade da Beira Interior, que constituiu uma verdadeira experiência profissionalizante repartida entre as vertentes de Farmácia Hospitalar, Farmácia Comunitária e Investigação. Consequentemente, o primeiro capítulo descreve as atividades desenvolvidas ao longo do meu estágio em Farmácia Hospitalar e todas as bases e procedimentos estruturais do funcionamento desta área, tendo o mesmo sido realizado nos Serviços Farmacêuticos da Unidade Local de Saúde de Castelo Branco, entre setembro e novembro de 2012. Já o segundo capítulo incide sobre os fundamentos e práticas comuns da Farmácia Comunitária, relatando igualmente a minha ação enquanto estagiário na Farmácia Lima da Silva, onde estagiei entre novembro de 2012 e março de 2013. Por fim, o terceiro capítulo incide sobre um trabalho de investigação desenvolvido sob orientação da Professora Doutora Anabela Almeida, a partir do qual se intitula este documento. Os atuais constrangimentos económicos nacionais e internacionais transversais a todos os sectores estão a atingir também em larga escala o sector farmacêutico...

Análise de correspondência múltipla na avaliação de serviços de farmácia hospitalar no Brasil

Nascimento,Aline do; Almeida,Renan Moritz V. R.; Castilho,Selma Rodrigues de; Infantosi,Antonio Fernando Catelli
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
O estudo objetivou avaliar a existência de associações entre variáveis de serviços de farmácia hospitalar. Foram utilizadas 30 variáveis do projeto Diagnóstico da Farmácia Hospitalar no Brasil relativas à caracterização geral do hospital, caracterização geral do serviço de farmácia hospitalar e etapas da assistência farmacêutica. A análise de correspondência múltipla e a análise de agrupamentos foram utilizadas. A dimensão 1 da análise de correspondência múltipla explicou 90,6% da variabilidade, diferenciando os serviços de farmácia hospitalar conforme a presença de atividades, sugerindo assim um eixo de caracterização da estrutura dos serviços de farmácia hospitalar. Os resultados indicam relação direta entre cumprimento das atividades e tipo de hospital e farmacêuticos com especialização. A análise de agrupamentos identificou seis grupos relativos ao porte do hospital, tendo maior cumprimento de atividades os serviços de farmácia hospitalar em unidades de grande porte e com farmacêutico (maior tempo dedicado ao serviço de farmácia hospitalar e maior nível de treinamento). Conclui-se que as técnicas foram capazes de identificar as associações e um elenco conciso de variáveis para uma avaliação abrangente dos serviços de farmácia hospitalar no país.