Página 1 dos resultados de 103 itens digitais encontrados em 0.033 segundos

Justiça Ambiental: uma abordagem ecossocial em saúde; Environmental Justice: an ecossocial health approach; Justicia Ambiental: un abordaje eco-social en salud

HABERMANN, Mateus; GOUVEIA, Nelson
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
46.24%
Discute-se a questão do risco das tecnologias contemporâneas em face do atual paradigma tecnológico, a sua percepção e tolerabilidade, assim como sua distribuição desigual na sociedade. A hipótese fundamental que enfatiza a Justiça Ambiental refere-se aos perigos desproporcionalmente ou injustamente distribuídos entre grupos social e economicamente mais vulneráveis, geralmente pobres e minorias, acarretados pelos riscos ambientais relativos à vida moderna. Assim, vulnerabilidade e os diversos níveis de privação agem como propulsores dos níveis diferenciais em saúde entre os grupos populacionais. Embora Justiça Ambiental tenha sido observada inicialmente como movimento popular nos Estados Unidos, seus princípios indicaram compatibilidade em escalas geográficas global e local. Desta forma, o objetivo do estudo foi compreender como os riscos da tecnologia contemporânea afetam desigualmente a população à luz da Justiça Ambiental.; The paper addresses the risk of contemporary technologies in the light of our current technological paradigm, its perception and tolerability, as well as its unequal distribution across society. The fundamental hypothesis, which emphasizes Environmental Justice, refers to hazards that are disproportionately or unjustly distributed across more socially and economically vulnerable groups...

Justiça ambiental e práticas de governança da água: (re)introduzindo questões de igualdade na agenda; Environmental justice and water resources governance practices: re-introducing issues of equality to the agenda

Fracalanza, Ana Paula; Jacob, Amanda Martins; Eça, Rodrigo Furtado
Fonte: UNICAMP/NEPAM; Campinas Publicador: UNICAMP/NEPAM; Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
25.9%
O conceito de governança vem sendo discutido enquanto uma nova forma de gestão de recursos naturais por incorporar a participação de atores sociais no planejamento de políticas ambientais. O objetivo deste texto é verificar de que modo a vulnerabilidade social associada ao saneamento ambiental relaciona-se a injustiça ambiental no Brasil. O trabalho analisa situações de desigualdade, a partir da sistematização de informações realizada por meio de revisão bibliográfica. A análise ressalta a importância de uma boa governança, considerando o papel fundamental das políticas públicas no combate às desigualdades socioambientais. Assim, é importante considerar: a integração das políticas de água com as de solo, bem como programas, agentes e instituições que desenvolvam atividades conjuntas; a prioridade de saneamento ambiental para populações pobres, além do estabelecimento de subsídios; por fim a diferenciação dos usuários na cobrança pelo uso da água, atuando no equilíbrio entre a preservação do recurso e a promoção dos usos múltiplos.; The concept of governance has been discussed as a new form of management of natural resources by incorporating the participation of social actors in environmental policy- making. The objective of this study is to examine how the social vulnerability associated to environmental sanitation relates to environmental injustice in Brazil. The paper analyses situations of inequality...

Estudo das famílias de crianças e adolescentes, vítimas de violência, que sofreram intervenção da justiça, em comarca de vara única - Estado de São Paulo - Brasil; Estudio de las familias de niños y adolescentes, víctimas de violencia, que han sufrido intervención de la justicia, en el Estado de São Paulo - Brasil

Roque, Eliana Mendes de Souza Teixeira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2006 Português
Relevância na Pesquisa
36.08%
Neste estudo, utilizou-se referencial teórico centrado na visão do contexto ecológico do desenvolvimento humano proposto por Urie Bronfenbrenner (1996). A metodologia adotada é de natureza quantitativa e qualitativa. Caracterizamos as situações de crianças e adolescentes, vítimas de violência na família, que foram atendidos na Comarca de Jardinópolis-SP, no período de 2000 a 2005. Tipos de maus-tratos, aspectos relacionados à vítima e ao agressor, revitimizações, limites do atendimento e resolubilidade, relacionando-os com o período anterior de 1995 - 1999.. A coleta de dados constituiu-se em análise dos processos, e posterior preenchimento dos mapas censitários (adaptação ao mapa censitário de GIL 1978), cuja análise quantitativa utilizou software de planilha eletrônica. Para o qualitativo, utilizaram-se entrevista semi-estruturada, observação livre, fotografias produzidas pelos sujeitos. A estrutura da família foi ancorada no Modelo Calgary de Avaliação da Família (MCAF) e nos instrumentos genograma e ecomapa. A análise inspirouse na hermenêutica dialética, proposta por Habermas (1987) e Gadamer (1997). Os resultados desta investigação apontam que, nos anos de 2000 a 2005, houve 1.766 processos de Infância e Juventude...

Direito à permanência na escola : a lei, as políticas públicas e as práticas escolares

Lenskij, Tatiana
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
26.1%
A dissertação trata do direito à educação, destacando o direito à permanência no ensino e englobando o direito à escola, os direitos na escola e o sentimento de justiça. Na fundamentação teórica, o conceito de “direito à educação” foi abordado a partir do ordenamento jurídico-educacional brasileiro (do Direito Positivo), de autores nacionais e reconhecidos internacionalmente, bem como na perspectiva dos Direitos Humanos. As principais categorias de análise foram o conteúdo do direito à educação, a eficácia social e a justicialidade. A parte empírica foi realizada em uma escola pública de Porto Alegre, através de estudo de caso, no qual foram apresentados: caracterização institucional, análise do Regimento e do Projeto Pedagógico, com destaque para os itens “direitos e deveres” dos alunos e dos professores; análise estatística de freqüência, permanência e rendimento escolar; observações da dinâmica administrativa e pedagógica; observação e entrevistas sobre o tratamento dos alunos infreqüentes, inclusive sobre os registros na FICAI (Ficha de Comunicação de Aluno Infreqüente). Ademais, realizaram-se entrevistas com conselheiros tutelares, entrevistas com pais de alunos infreqüentes...

Dinâmicas sociais de gênero a partir da concessão do crédito pecuário a mulheres rurais do posto administrativo de Changalane em Maputo-Moçambique

Cândido, Maria Henrique
Tipo: dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.95%
A presente pesquisa analisa as dinâmicas sociais de gênero a partir da concessão do crédito pecuário a mulheres rurais, no interior da Agricultura Familiar da Comunidade do Posto Administrativo de Changalane, ao Sul de Maputo - Moçambique no período compreendido entre 1996 e 2008, sob influência da Associação Moçambicana para o Desenvolvimento da Mulher Rural - AMRU. Objetivo principal do estudo é conhecer e compreender os fatores que influenciaram essas mulheres a optarem pelo crédito pecuário e o significado social do novo papel socioeconômico por elas assumido na Comunidade. É sustentado pela teoria feminista, considerando o gênero como categoria analítica. Baseado em uma análise qualitativa e algumas quantificações sociodemográficas, configura-se na perspectiva investigativa exploratória. Centra-se nas mulheres rurais e, sobretudo, na constituição delas como sujeitos sociais com identidade própria de beneficiárias do crédito pecuário nesse espaço social. O contexto empírico da pesquisa localiza-se no Posto Administrativo de Changalane. A pesquisa baseou-se em instrumentos como: observação não participante; diário de campo; registros fotográficos e entrevistas semi-estruturadas. A análise dos dados explorou as condições materiais de vida das famílias. Revela-se que a introdução...

A escravidão brasileira sob a ótica da justiça de transição : o direito negro a memória, verdade, justiça e reparação

Batisti, Fabiane
Tipo: trabalho de conclusão de graduação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
25.92%
De 1530 a 1888 o Brasil conheceu o modo de produção escravagista, o que significa dizer que por mais de 300 anos a propriedade do homem pelo homem e todos os direitos inerentes a este condição permitiram que milhões de negros fossem explorados à exaustão para enriquecimento da Coroa Portuguesa, do Clero e da aristocracia agrária brasileira. Para garantir a submissão dos cativos a feitorização os senhores largaram mão de toda a espécie de terrorismo físico e psicológico. Por mais de 200 anos uma raça foi sistematicamente expatriada, separada de sua tribo e da sua família, estuprada, torturada, castigada e assassinada, sem que o Estado ou o direito intervissem em seu favor. Por muito tempo, a única oposição ao exercício da propriedade dos senhores sobre os escravos foi imposta pelos próprios negros no exercício do seu direito de resistência às sistemáticas violações de direitos humanos. Com o fim da escravidão, os planteis de negros foram expulsos das fazendas, e a mão de obra escrava substituída, sem que qualquer política de inclusão fosse implementada para que esse contigente populacional não fosse marginalizado e relegado a um destino de exclusão social. Atualmente, o mito da democracia racial e as iniciativas legislativas que visam a garanti-la...

Educação necessária para ir além movimento dos trabalhadores desempregados do Rio Grande do Sul

Machado, Rita de Cássia Fraga
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
25.92%
Educar neste trabalho assume uma característica revolucionária. Educar está ligado à emancipação humana e à superação do capital. O educar necessário é para o não trabalho explorado, uma inserção subordinada ao capital na forma de emprego alienado. O educar nesta tese é para o trabalho que liberta e se apresenta como valor de uso capaz de criativamente libertar-se do valor de troca, do mercantil simples, ou seja, do trabalho como valor de troca. O trabalho e a educação para a reprodução da vida das desempregadas a que se refere este trabalho se apresentam como enfrentamentos às formas alienantes e subordinadas do capital e, ao mesmo tempo, como projetos de superação do mesmo. Fundamentamo-nos, principalmente, nos estudos de Marx, Oliveira, Gramsci, Engels, Iasi, Manacorda, Freire e Saviani. O trabalho é fundante do ser social e no conjunto de atividades intelectuais e manuais organizadas pela espécie. Para Marx (2010), os homens, para existirem, devem ser capazes de se reproduzir enquanto seres humanos. Uma forma específica desta reprodução é dada por uma peculiar relação dos seres humanos com a natureza através do trabalho. A categoria do trabalho emerge, desta forma, como categoria central do ser social. O conceito de educação esta baseado na definição da formação humana. A questão...

Direito de família: a interface entre o Direito e o Serviço Social

Machado, Camilla Silva
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis Formato: 131 f.
Português
Relevância na Pesquisa
35.92%
Pós-graduação em Serviço Social - FCHS; O tema desta Dissertação de Mestrado é a importância da atuação interdisciplinar entre o Direito e o Serviço Social no Direito de Família. Considerando a importância que esta exerce na sociedade e constatando, pelos dados levantados com a pesquisa, que a família é a maior demanda atendida no universo pesquisado, o Escritório Escola Jurídico-Social, concluímos que a interdisciplinaridade é fundamental no atendimento que envolve conflitos familiares. A interdisciplinaridade consiste na interlocução de áreas diversas com estímulo à reciprocidade, à complementaridade, à integração, ao diálogo, à troca, à cooperação, enfim, à coordenação dessas áreas em função de um fim comum, que no objeto de estudo da presente pesquisa é a prestação de assistência sócio-jurídica às pessoas necessitadas. Diante da complexidade das questões familiares e do próprio ser humano, postula-se que os profissionais envolvidos estejam capacitados para o enfrentamento dessas questões, para isso precisam delinear adequadamente suas especificidades e encontrar sua função no corpo, contrariando a atuação isolada e fragmentada, para alcançar a dimensão da totalidade e a superação da prática isolada...

O (Des)controle social do capital

Martins, Carla Benitez
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: dissertação (mestrado)
Português
Relevância na Pesquisa
36.09%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Jurídicas, Programa de Pós-Graduação em Direito, Florianópolis, 2011; Este trabalho busca realizar uma análise criminológica crítica-dialética a fim de que sejam captados os papéis da Justiça Juvenil e sua relação com o processo de criminalização da juventude popular brasileira. Considerando-se a criminologia crítica como uma das frentes de uma Teoria Crítica do Controle Social, intencionou-se, primeiramente, adjetivar o controle social como atual "controle social do capital" para compreender as reconfigurações produtivas do capital e, especialmente, os fatores que induzem ao entendimento de que se alcançou um patamar de crise estrutural do sistema. Diante disso, buscou-se analisar a fase neoliberal e suas nuances mais evidentes de deslocamentos do controle social do capital a fim de viabilizar sua expansão. Isso tudo com o fim de se investigar o recrudescimento do controle sociopenal nessa etapa histórica, considerando-o um dos sintomas desse quadro mais geral de crise e tentativas insuficientes de expansão e hegemonia do capital. Por fim, com esse acúmulo, buscou-se captar as diferentes formas de controle social de crianças e jovens pobres na história brasileira...

Globalização e europeização : questões teórico-conceptuais para debater e investigar a redefinição do mandato para a educação de adultos hodierna; Globalización y europeización : questiones teórico-conceptuales para debatir y investigar la redefinición del mandato para la educación de adultos actual

Barros, Rosanna
Fonte: Associação para a Investigação e Desenvolvimento Sócio-cultural (AGIR) Publicador: Associação para a Investigação e Desenvolvimento Sócio-cultural (AGIR)
Tipo: info:eu-repo/semantics/conferenceobject
Publicado em /09/2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.92%
Pensamos que o desafio actual, nesta área de investigação, consiste em procurar compreender as novas formas de regulação transnaclonal no campo das politicas educacionais, interrelacionando escalas e padrões de governação da educação, na medida em que é hoje manifesto, que a significativa criação de um vasto sistema de organizações internacionais de natureza intergovernamental, interagindo, também, com diversos actores supranacionais com interesses no mercado da educação, deu um forte impulso à Internacionalização das problemáticas educacionais, que já não podem ser, como de resto eram até relativamente pouco tempo atrás, equacionadas apenas a um nível nacional e subnaclonal. O texto considera complexamente os efeitos da globalização na governação pluriescalar da educação, de que nos fala Roger Dale, atendendo à posição de cada pais no moderno sistema-mundo capitalista, de que nos fala Immanuel Wallerstein, e adopta a perspectiva que toma a nova ordem educacional emergente como uma construção supranacional em que os Estados-nação desempenham um importante papel de mediação. Resulta daqui que os efeitos da globalização nas políticas educativas nacionais se apresentam muito mais diversos e multiformes do que homogéneos e uniformes. Isso mesmo se nota quer ao Intentar uma análise diacrónica deste fenómeno...

Bioética e saúde global : cuidados primários como instrumento de justiça social; Bioética y salud mundial : la atención primaria como un instrumento de justicia social; Bioethics and global health : basic health care as an instrument of social justice

Meireles, Ana Catarina Peixoto Rego; Oliveira, Clara Costa
Fonte: Conselho Federal de Medicina (Brasil) Publicador: Conselho Federal de Medicina (Brasil)
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
56.08%
Este artigo reflete acerca das desigualdades em saúde em escala global. Para tanto, descreve o percurso da bioética desde seu surgimento até constituir-se como campo do saber, apresenta os múltiplos desafios encontrados, e enfoca nas iniquidades em saúde como exemplo flagrante de injustiça social no domínio da saúde global. É considerado como base de reflexão o modelo utilitarista, que visa o máximo bem para o maior número (a população em escala global), pois é o que mais se aproxima dos objetivos da Organização Mundial da Saúde (OMS). À luz do utilitarismo é também discutida a estratégia da Declaração de Alma-Ata para a implementação universal de cuidados primários de saúde, considerada resposta bioética válida que poderá contribuir para minimizar a injustiça social global. Conclui considerando ser urgente a reflexão bioética sobre esta ameaça à dignidade humana tornando necessárias rápidas intervenções para travar o crescente abismo entre os povos com diferentes níveis de desenvolvimento.; Este articulo discute las desigualdades en salud en escala mundial. Para ello, describe el recorrido de la bioética desde su surgimiento hasta constituirse como campo de la sabiduría, presenta los múltiples desafíos encontrados y muestra énfasis en las inequidades en salud como ejemplo flagrante de injusticia social en el dominio de la salud mundial. Es considerado como base de la reflexión el modelo utilitarista...

Desigualdades globais

Costa, António Firmino da
Fonte: Mundos Sociais Publicador: Mundos Sociais
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
46.06%
As desigualdades sociais voltaram a estar sob forte atenção pública e analítica. As perspetivas teóricas atuais das ciências sociais e a disponibilização de indicadores institucionais têm vindo a colocar em evidência o caráter global das desigualdades contemporâneas. O presente artigo examina vários aspetos das desigualdades globais. Partindo de algumas questões teóricas preliminares, aborda de seguida tópicos como as desigualdades de desenvolvimento humano, as relações entre desigualdades nacionais e globais, as novas classes globais, as desigualdades objetivas e subjetivas no mundo atual e, a concluir, a questão da justiça social e das políticas públicas à escala global.; Social inequalities have again become a strong focus of interest and analysis. The current theoretical perspectives in social sciences and the availability of institutional indicators have drawn attention to the global nature of contemporary inequalities. This article examines the various aspects of global inequalities. Following some preliminary theoretical questions, the topics addressed include the inequalities of human development, the relation between national and global inequalities, the new global classes, the objective and subjective inequalities in the world today and...

La investigación sobre apoyo social en salud: situación actual y nuevos desafíos

Castro,Roberto; Campero,Lourdes; Hernández,Bernardo
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/1997 Português
Relevância na Pesquisa
45.93%
La categoría de "apoyo social" ha permitido desarrollar toda una corriente de investigación que busca explicar algunas de las diferencias existentes en la distribución de ciertas enfermedades tanto físicas como mentales. El concepto de apoyo social presenta varios problemas que es preciso resolver. Este artículo discute algunos de estos problemas, y mostra la posibilidad de enriquecer el tema desde una perspectiva sociológica. Se discute el origen conceptual del término y se analizan diversas definiciones del mismo. Se analizar las formas en que la investigación reciente ha tratado de vincular la disponibilidad de apoyo social con la existencia de ciertos niveles de salud y enfermedad. Se discuten las diferencias entre el modelo del efecto directo y el modelo del efecto amortiguador. Se muestra la necesidad de estudiar al apoyo social no sólo como posible determinante de ciertas formas de enfermedad, sino también como una variable dependiente. Se subraya la importancia de buscar las determinantes del apoyo social en todos los niveles de la realidad social, dando especial importancia a las variables de clase social y género. Se presenta una discusión sobre los avances logrados en el estudio de los factores que se asocian a la disponibilidad de apoyo social por parte de los individuos. Se muestra que el apoyo social es a su vez producto de ciertos ordenamientos sociales que pueden ser identificados con claridad a través de un análisis sociológico del fenómeno. Para ilustrar este argumento...

Los Determinantes Sociales de Salud y la lucha por la equidad en salud: desafíos para el estado y la sociedad civil

Villar,Eugenio
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 Português
Relevância na Pesquisa
45.97%
La OMS ha creado una Comisión de los Determinantes Sociales de la Salud que producirá su reporte en el 2008. Aunque el tema de los determinantes sociales (DSS) de la salud no es nuevo, la nueva visibilidad global en el tema refleja el agotamiento del modelo de desarrollo neoliberal que ha agudizado la inequidad y consecuentemente hace resurgir el tema de la justicia social. Nuevos enfoques y evidencia ubican la inequidad en salud como resultado de la inequitativa distribución de los DSS. Procesos en curso como la globalización de signo neoliberal y el cambio climático agudizan las inequidades así como la exclusión en salud al actuar directa y desigualmente sobre los DSS. Algunos ejemplos de políticas publicas exitosas: Suecia, dado su particular contexto político-institucional ha desarrollado una política (intersectorial) de salud publica cuyo objetivo es disminuir la inequidad diseñando estrategias participativas sobre sus DSS. Chile viene también construyendo inclusivamente un sistema de protección social infantil (Chile Crece Contigo) a partir de una integración de programas bajo un norte de derechos y de DSS. La meta es la cobertura universal con un enfoque de ciclo de vida. Finalmente, la Sociedad Civil de las Américas viene desarrollando un debate hacia una agenda común en el tema de los DSS...

Nuevas formas de resolución de conflictos: transformación, empoderamiento y reconocimiento

Martínez Guzmán,Vicent; París Albert,Sonia
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 Português
Relevância na Pesquisa
46.05%
En el presente trabajo, se da cuenta de la perspectiva filosófica que se adopta en el campo científico del Estudio de los Conflictos dentro del marco de la Investigación para la Paz. Se parte de una concepción filosófica de la "condición humana" y se toma como hilo conductor el empoderamiento y el reconocimiento como instrumentos adecuados para una transformación pacífica de los conflictos. Se profundiza, además, en la relación que tiene la doctrina del reconocimiento con el problema de las desigualdades y la filosofía política de la justicia. Se defiende que no se pueden desvincular las políticas del reconocimiento, más ligadas a la identidad y la cultura, de las políticas de la justicia, más atentas a la transformación pacifica de las desigualdades humanas, la pobreza, la miseria, la marginación y exclusión. Como ejemplo de esta propuesta, se hace uso del último informe del Programa de Naciones Unidas para el Desarrollo Humano.

Hacia una concepción del Trabajo Social contemporáneo en México: su condición profesional

Flores Cisneros,Carmen; Martínez León,Gudelia
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 Português
Relevância na Pesquisa
45.88%
El artículo ubica como puntos de partida el surgimiento del Trabajo Social en el contexto histórico beneficial del Estado nación constitucionalista (1917) y la situación profesional tradicional en el referente socio-político de México en tiempos de globalización. En este sentido plantea una nueva concepción del Trabajo Social contemporáneo para proyectar una postura ético-política en la vida profesional que incluya la perspectiva del actor. Concebido desde una idea de bienvivir, reinterpreta los principios filosóficos de la disciplina y toma elementos teóricos de las Ciencias Sociales contemporáneas para establecer un diálogo de saberes en el ejercicio de los derechos sociales, civiles y humanos, en un contexto de libertad y justicia, incluyente de los pueblos y sectores excluidos de la sociedad.

La política social como instrumento para la producción de información

Straschnoy,Mora; Kantor,Mora
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.85%
El artículo tiene dos objetivos. El primero es analizar los déficits del Estado argentino en materia de producción de información técnica ambiental. El segundo, es estudiar la utilización del andamiaje de una política de transferencia de ingresos como la Asignación Universal por Hijo, para producir información e implementar controles sanitarios en una población determinada. Para estos fines se analiza un convenio de colaboración entre la Administración Nacional de la Seguridad Social (Anses) y la Autoridad de Cuenca Matanza Riachuelo (Acumar) realizado en el marco de lo ordenado por la Corte Suprema de Justicia de la Nación en la Causa Mendoza.

El contrato social de la pax capitalis: la necesidad de un juicio educativo en red

Riádigos Mosquera,Carlos
Fonte: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Publicador: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 Português
Relevância na Pesquisa
46%
El Contrato Social es el concepto filosófico empleado durante siglos para encuadrar las relaciones de convivencia entre los seres humanos en diferentes sociedades, una vez "superado" el prepolítico Estado de Naturaleza. En los sistemas capitalistas contemporáneos, estamos reproduciendo sociedades asimétricas en relación al poder a través de contratos sociales que habitualmente abrigan un estado de paz ficticia y forzada, mediante la naturalización de las desigualdades y la imposición de los dogmas del capital. Esa es la pax capitalis, similar a la pax romana que el imperio imponía en sus territorios a todos los pueblos conquistados. Mediante esta reflexión teórica, apoyada en análisis documental de autores de la teoría contractual, se pretende contribuir a mostrar caminos que, desde la educación, puedan dar respuesta a esta forma hegemónica de concebir la sociedad como un contrato entre partes desiguales y además diferentes. Las conclusiones obtenidas del trabajo apuntan que esa respuesta tiene que pasar por una forma de entender la educación orientada a la democracia participativa y por lo tanto a la justicia social, con la utilización de la estructuración en red como vehículo que dé coherencia interna al sistema...

O papel da litigância para a justiça social no sistema interamericano

Cavallaro, James L.; Brewer, Stephanie Erin
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
45.87%
Publicado em português, espanhol e inglês.; Título em espanhol: La función del litigio interamericano en la promoción de la justicia social. -- Título em inglês: The virtue of following: the role of inter-american litigation in campaigns for social justice.; Defende que os esforços para expandir a justiciabilidade dos direitos econômicos, sociais e culturais (ESC), perante tribunais supranacionais, possivelmente não venha a ser sempre a melhor forma para aumentar concretamente o respeito a esses direitos. Assevera que, no Sistema Interamericano, os advogados de direitos humanos serão mais capazes de promover a justiça social e os direitos ESC quando usarem a litigância supranacional como uma ferramenta subsidiária, destinada a apoiar esforços de mobilização já promovidos por movimentos sociais internos. Esse papel coadjuvante pode com freqüência implicar, como uma medida estratégica, a litigância de casos relacionados a direitos ESC dentro da estrutura própria das violações a direitos civis e políticos.

Espa??o de a????o-reflex??o-a????o com usu??rios acerca do controle social no SUS

Soares, Jos?? Francisco Pereira
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
45.95%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Enfermagem, Escola de Enfermagem, 2010.; O SUS necessita do envolvimento dos usu??rios nas a????es de controle social com vistas a minimizar as fragilidades do sistema. Trabalhadores e gestores partilham da responsabilidade de fortalecer esses sujeitos para o exerc??cio de seus direitos em sa??de. Assim, este estudo teve como objetivo construir um espa??o de a????o-reflex??oa????o com os usu??rios da rede b??sica, que permitisse refletir sua condi????o de autonomia e participa????o no controle social. Desenvolveu-se um estudo de car??ter qualitativo, apoiada nos preceitos metodol??gicos de Paulo Freire, fundamentados na percep????o cr??tica da realidade. Os sujeitos envolvidos foram usu??rios atendidos por uma Estrat??gia de Sa??de da Fam??lia do Bairro Subuski na Cidade de Santo ??ngelo, interior do Estado do Rio Grande do Sul. Os participantes foram sete usu??rios do SUS com idades variando entre 17 e 72 anos. O C??rculo de Cultura foi desenvolvido entre os meses de fevereiro a abril de 2010. Esta pesquisa foi submetida ao Comit?? de ??tica em Pesquisa na ??rea da Sa??de da Universidade Federal do Rio Grande-(CEPAS ??? FURG), sob o parecer n?? 129/2009...