Página 1 dos resultados de 10014 itens digitais encontrados em 0.021 segundos

Percepções dos professores em relação ao sucesso escolar: o contributo do desporto e da psicologia na elaboração de estratégias de promoção e de intervenção na educação

Nóbrega, Sofia Mara Aveiro de
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.85%
O propósito deste estudo foi estudar as percepções de sucesso que os professores da RAM têm em relação ao sucesso dos alunos, e analisar estas percepções tanto a nível das medidas de combate ao abandono escolar, como ao nível dos factores de sucesso escolar. Procurou-se também averiguar a associação dessas mesmas percepções em relação aos dados biográficos (género, grau académico, experiência profissional, nível de ensino, idade). A amostra foi constituída por 1056 professores, 340 do sexo masculino e 710 do sexo feminino (os restantes 6 foram omissos). As medidas para combater ou diminuir o abandono escolar e os factores e causas de sucesso foram determinadas através de um questionário que apresenta garantias de objectividade, validade e fidelidade. O tratamento estatístico incluiu uma análise descritiva e uma análise inferencial através do Teste do qui-quadrado, de forma a se encontrarem associações significativas entre as variáveis em estudo e a poder explicar a natureza dessas relações. Algumas das principais conclusões obtidas nesta pesquisa foram: 1) É possível identificar variáveis que influenciam significativamente as percepções dos professores sobre medidas para combater ou diminuir o abandono escolar...

Dificuldades de futuros professores do 1º e 2º ciclos em estocástica

Fernandes, José António; Barros, Paula Maria
Fonte: Associação de Professores de Matemática Publicador: Associação de Professores de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
45.71%
Neste artigo relatam-se erros e dificuldades sentidas por 37 alunos do 4º ano do curso de Professores do Ensino Básico, variante de Matemática e Ciências da Natureza, de uma Escola Superior de Educação. Os dados foram recolhidos através de um questionário, incidindo em três temas: cálculo envolvendo medidas de tendência central, significado e interpretação das medidas de tendência central e acontecimentos e comparação de probabilidades. Em termos de resultados, salientam-se as elevadas percentagens de erros no cálculo e no significado e interpretação das medidas de tendência central. Nestas medidas, as dificuldades foram maiores para a mediana do que para a média, enquanto a moda se revelou muito menos difícil. No caso da comparação de probabilidades, destaca-se o recurso a raciocínios de tipo aditivo, especialmente quando conduzia à resposta correcta.

Dificuldades de alunos (futuros professores) em conceitos de estatística e probabilidades

Barros, Paula Maria; Fernandes, José António
Fonte: Associação de Professores de Matemática Publicador: Associação de Professores de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
45.71%
Neste texto apresentam-se alguns resultados de um estudo sobre dificuldades sentidas por alunos (futuros professores do 1º e 2º ciclos do ensino básico) em conceitos elementares de estatística e probabilidades. Muito embora tenham estado envolvidos no estudo alunos do ensino superior, o carácter básico das tarefas exploradas faz com que os resultados obtidos sejam igualmente pertinentes para alunos dos ensinos básico e secundário.

Mobbing: assédio moral nos professores

Almeida, Teresa Helena Henriques de
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
35.86%
A profissão docente é considerada como uma das profissões mais desgastantes, quer a nível físico quer emocional. Nos últimos anos a carreira doente tem sido sujeita a profundas modificações, sentidas como desvalorização o que leva frequentemente ao mal estar por parte dos docentes. Tendo em conta as diversas consequências deste mal estar nas relações entre os professores surgem, cada vez com mais frequência, comportamentos de mobbing no local de trabalho. Este trabalho tem como objecto de estudo o mobbing na actividade docente de professores do ensino secundário que leccionam nas escolas secundárias do concelho de Coimbra, tentando assim verificar a incidência e frequência do mobbing nos professores que leccionam o ensino secundário, bem como apreciar as relações existentes entre as características socio-demográficas e profissionais dos professores e o mobbing por eles vivenciado, avaliar quais os tipos e as causas de agressão mais sofridos pelas vítimas, avaliar quais as principais consequências do mobbing para as vítimas e investigar se existe relação entre o mobbing, a vulnerabilidade ao stresse, a patologia depressiva e o relacionamento interpessoal no trabalho. Para atingir os objectivos propostos...

Hábitos de leitura de alunos dos 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e impacto na aprendizagem : concepções de alunos, professores e professores bibliotecários

Menezes, Isilda Maria Santos Leitão Menezes
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.88%
Dissertação de Mestrado em Gestão de Informação em Bibliotecas Escolares apresentada à Universidade Aberta; Este estudo tem como principal objectivo conhecer os hábitos de leitura dos alunos dos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e as concepções que estes alunos, os seus professores e professores bibliotecários têm acerca da importância de hábitos de leitura na aprendizagem. Assim, formulámos um conjunto de questões específicas às quais procurámos dar resposta: (i) Que concepções têm alunos, professores e professores bibliotecários sobre a leitura? (ii) Como evoluem, segundo alunos, professores e professores bibliotecários, os hábitos de leitura dos alunos? (iii) Que actividades da sala de aula e da biblioteca escolar mais contribuem para essa evolução? (iv) Qual o impacto da leitura na aprendizagem, segundo alunos, professores e professores bibliotecários? (v) Que importância têm as actividades de promoção e animação da leitura, dinamizadas pela equipa da biblioteca escolar, na aprendizagem dos alunos? O enquadramento teórico deste estudo está organizado em quatro partes: a primeira aborda a leitura como uma competência fundamental; a segunda foca hábitos de leitura e respectivo impacto na aprendizagem; a terceira diz respeito à promoção e animação da leitura; e...

Perfil dos professores do ensino fundamental de Itaporanga-Estado da Paraíba

Sousa, Suedy Maria Antas de
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
35.85%
 ; A educação necessita de providências, por parte do Governo, no intuito de favorecer os professores, dando-lhes condições propícias de desenvolver bem o trabalho docente e proporcionar, aos discentes, sucesso em seus estudos e em suas profissões. A pesquisa procurou responder à seguinte questão central: qual o perfil do professor do Ensino Fundamental no âmbito do público e do privado, diante da busca de uma educação de qualidade? Para responder à questão, traçou-se, como objetivo geral, identificar o perfil dos professores do Ensino Fundamental das redes pública e privada do município de Itaporanga – PB, e como objetivos específicos, conhecer o Plano Político Pedagógico que rege o ensino da escola pública e da escola privada; verificar as condições sociopolítico-econômico-culturais dos professores de Itaporanga - PB e analisar, através das narrativas dos professores, suas perspectivas, percepções e representações do aspecto didático-pedagógico. Apresenta como principal referencial teórico os seguintes autores: Nóvoa (1995), Libâneo, (1998) e Foerste, (2005). Adotou-se a metodologia quantitativa e qualitativa, através de um estudo exploratório e descritivo. Foram entregues 121 questionários aos professores que lecionam nas Escolas Públicas e Privadas de Itaporanga – PB. Os mesmos responderam a todas as questões sendo que poucos professores optaram por deixar algumas questões em branco. É importante mencionar que os questionários respondidos pelos professores subsidiaram a realização da pesquisa. Os resultados e discussões destacam que os professores das escolas pesquisadas são bem preparados...

Avaliações psicométricas de qualidade de vida e voz em professores da rede municipal de Bauru; Psychometric evaluations of Voice Disordered Quality of Life (VQOL) in teachers with the municipal system in Bauru, SP, Brazil

Martinello, Janaína Gheissa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/07/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.84%
Os professores são profissionais da voz que vêm sendo amplamente estudados por pesquisadores nacionais e internacionais. Pesquisas apontam alta prevalência de alterações vocais dentre os docentes. Um dos critérios para o estabelecimento da prevalência de alteração vocal baseia-se na auto-percepção do professor, denominado de disfonia auto-referida. Conhecer o quanto a alteração vocal pode trazer conseqüências para a vida do professor e para o exercício de sua profissão está de acordo com o proposto pela Organização Mundial da Saúde que sugere avaliar o impacto de uma doença sob o ponto de vista do paciente e não do avaliador. O objetivo desta pesquisa foi comparar medidas de qualidade de vida e voz entre grupo de professores que referiu alteração vocal e grupo de professores que não referiu alteração vocal. Participaram deste estudo 97 professores de 11 escolas da rede municipal de Bauru. Todos os professores responderam a três protocolos psicométricos de qualidade de vida e voz (IDV, QVV, PPAV) além de um questionário para caracterização da amostra. Os resultados demonstraram que 39,8% dos professores reportaram alterações vocais no momento da realização da pesquisa. Quando se compararam medidas de qualidade de vida e voz...

Qualidade de vida e condições de trabalho de professores de educação básica do município de Florianópolis - SC

Pereira, Érico Felden
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: xii, 86 f.| grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
35.84%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos. Programa de Pós-Graduação em Educação Física; Os professores formam uma categoria profissional exposta a grandes riscos psicossociais, sendo que as condições de trabalho docente têm sido associadas a perdas na saúde e na qualidade de vida. Diante disso, este estudo objetivou identificar e analisar a percepção de qualidade de vida, condições de trabalho e estresse relacionado ao trabalho de professores de educação básica no município de Florianópolis # SC. A amostra foi formada por 349 professores da rede pública (estadual e municipal) de ensino. Os educadores responderam a um questionário formado por quatro seções: a) dados socioeconômicos e características do trabalho; b) qualidade de vida, por meio do instrumento de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde #Whoqol-bref#, c) percepção sobre as condições de trabalho, utilizando-se o questionário #Perfil de Ambiente e Condições de Trabalho# e d) percepção de estresse relacionado ao trabalho, por meio da #Job Stress Scale#. Os questionários foram avaliados conforme as normas específicas dos instrumentos; a análise de regressão linear foi utilizada para verificar a importância dos domínios da qualidade de vida para a qualidade de vida geral; a análise fatorial foi empregada para identificar qual o conjunto de questões melhor representa a qualidade de vida dos professores e a regressão de Poisson foi utilizada para identificar as variáveis associadas à baixa qualidade de vida. A média de qualidade de vida geral na avaliação do Whoqol-bref foi de 63 pontos (escala de zero a 100). O domínio meio ambiente foi o que apresentou menor escore médio (53 pontos) e junto com o domínio físico (65 pontos) foi o que mais explicou a qualidade de vida geral. O domínio meio ambiente que abarca questões como segurança física e proteção...

Cargas psíquicas no trabalho e processos de saúde em professores universitários

Lemos, Jadir Camargo
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 1 v.| tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
35.84%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; As condições de saúde dos professores, assim como dos trabalhadores de uma forma geral, dependem fundamentalmente das relações entre as exigências e condições de realização do trabalho, denominadas genericamente de cargas de trabalho, derivadas do contexto e das características da organização do trabalho, nesse caso, da atividade de docência. A avaliação das cargas de trabalho, a partir das suas dimensões físicas e psicológicas permite ampliar o grau de compreensão acerca da percepção das condições de trabalho, dos riscos e evidências de processos de adoecimento. O presente estudo tem como objetivo caracterizar as cargas psíquicas no trabalho de professores universitários e sua influência nos processos de saúde. A pesquisa, iniciada com base em uma análise documental dos afastamentos para tratamento de saúde dos professores do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Santa Maria (CCS-UFSM-RS), foi realizada em duas etapas: a) observação das atividades dos professores em aulas teóricas e práticas, com o intuito de organizar um check-list das condições de trabalho dos professores que atuam nos cursos do CCS-UFSM...

Qualidade de vida no trabalho e suas relações com estresse, nível de atividade física e risco coronariano de professores universitários

Petroski, Elio Carlos
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: ix, 163 f.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
35.86%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção; Há evidências de que a forma como o indivíduo percebe sua vida no trabalho (satisfação/insatisfação) pode afetar tanto o seu desempenho laboral quanto sua saúde física e mental. Na Universidade Federal de Santa Catarina os professores têm manifestado de forma enfática seu descontentamento com as condições de trabalho a que estão submetidos, todavia, pouco se sabe sobre a realidade desta situação. Assim, o propósito deste estudo foi, dentre outros, analisar a qualidade de vida no trabalho (QVT) percebida pelos professores da UFSC. Com este intuito, realizou-se um levantamento, junto a 366 professores permanentes ativos, de ambos os sexos, com regime de dedicação exclusiva e que estavam efetivamente atuando no ensino de graduação e/ou pós-graduação no segundo semestre de 2003. Os instrumentos utilizados foram: a escala de avaliação da qualidade de vida no trabalho percebida por professores; escala de percepção de estresse; questionário internacional de atividade física (IPAQ) - versão curta; e a tabela de escores de risco de Framingham. Foram avaliados também os parâmetros bioquímicos do sangue (CT...

Transformações geométricas : conhecimentos e dificuldades de futuros professores

Gomes, Alexandra
Fonte: Associação de Professores de Matemática Publicador: Associação de Professores de Matemática
Tipo: info:eu-repo/semantics/conferenceobject
Publicado em /10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
45.77%
Ninguém questiona o facto de que o conhecimento matemático dos professores desempenha um papel crucial no seu ensino. Em Portugal, o novo programa de matemática para o ensino básico introduz as transformações geométricas a partir do 1.º ano de escolaridade. Sendo este um tema novo no currículo elementar, parece importante compreender que conhecimento detêm os futuros professores sobre o assunto. Neste artigo são apresentados alguns resultados de um estudo realizado com futuros professores do ensino elementar que tem por objectivo avaliar os seus conhecimentos sobre transformações geométricas.; Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) - SFRH/BSAB/1099/2010, CIEC - Centro de Investigação em Estudos da Criança, UM (UI 317)

Das concepções às práticas de professores mestres de ciências: um estudo de avaliação de impacte

Veríssimo, Dulce de Jesus Gomes
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
35.88%
O número de professores mestres em ensino, em particular de Geologia e de Biologia, nas escolas dos ensinos básico e secundário portuguesas tem vindo a aumentar na última década. Na medida em que um dos objectivos principais dos Cursos de Mestrado (CM) é contribuir para a melhoria da qualidade do ensino, importa avaliar e conhecer a influência destes cursos na prática profissional dos professores mestres. A influência da frequência do CM pode ter efeito na prática lectiva dos professores mestres (nível micro de impacte), estender-se à prática entre pares dos professores (nível meso de impacte) e/ou prolongar-se ao Sistema Educativo (nível macro de impacte). A presente investigação desenvolveu-se procurando partir de concepções de Professores Mestres (PM) até à caracterização da prática de um PM. A dimensão empírica do trabalho de investigação contemplou os seguintes momentos: 1. Concepção e administração de um inquérito por questionário a 4 professores mestres, com o objectivo de traçar os respectivos perfis pessoais, académicos, profissionais e ainda caracterizar as suas dissertações. 2. Condução de entrevistas semi-estruturadas aos professores que possibilitou a recolha de informação sobre as motivações e expectativas que levaram os professores a realizarem o CM...

A matemática e o ensino da matemática na universidade: conceções de professores do ensino superior

Rosa, Susana Maria Torrado da
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
35.86%
A investigação realizada visava compreender o fenómeno do ensino da Matemática nos primeiros anos do Ensino Superior, tendo por objetivo estudar em profundidade o modo como os professores de Matemática do Ensino Superior concebem a Matemática e o ensino da Matemática. Procurou-se igualmente investigar os fatores que, do ponto de vista destes professores, poderão estar na origem do insucesso dos alunos na aprendizagem da Matemática nos primeiros anos do Ensino Superior, assim como identificar e descrever as medidas que poderão contribuir para que os alunos sejam melhor sucedidos na aprendizagem da Matemática no Ensino Superior. Neste âmbito, formalizaram-se para esta investigação quatro grandes objetivos: 1) Identificar, descrever e analisar as conceções de professores do Ensino Superior acerca da Matemática. 2) Identificar, descrever e analisar as conceções de professores do Ensino Superior acerca do ensino da Matemática. 3) Identificar e descrever os fatores que, do ponto de vista dos professores, poderão explicar o insucesso dos alunos na aprendizagem da Matemática no Ensino Superior. 4) Identificar e descrever as medidas que, do ponto de vista dos professores, poderão contribuir para que os alunos sejam melhor sucedidos na aprendizagem da Matemática no Ensino Superior. Com vista à obtenção de respostas para as questões de investigação foram realizados estudos de caso qualitativos a dois professores de uma Universidade da Grande Lisboa. As técnicas de recolha de dados utilizadas foram a entrevista semi-estruturada...

Associativismo docente e construção da identidade profissional no contexto do Estado Novo. O exemplo do «Sindicato Nacional de Professores» entre o final dos anos 50 e o início dos anos 70

Pintassilgo, Joaquim
Fonte: Associação de Professores de Sintra Publicador: Associação de Professores de Sintra
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
45.79%
Este texto tem como objectivo central estudar o papel do associativismo docente e da respectiva imprensa no que diz respeito à produção de representações sobre a profissão docente e respectiva identidade. Escolhemos como objecto de estudo, tendo em vista a consecução da finalidade indicada, o percurso histórico, actividades e discurso profissional da única associação sindical docente cuja existência foi permitida pelo poder político durante o Estado Novo - o Sindicato Nacional dos Professores -, que agregava os profissionais ligados ao ensino particular. Utilizaremos como fontes principais do presente trabalho as seguintes: o Boletim do Sindicato Nacional dos Professores (1958-1966), os Relatórios da Direcção correspondentes ao período entre 1961 e 1973, os Estatutos do Sindicato Nacional dos Professores (1939, 1952 e 1962), em particular a última versão, o Boletim Informativo (1970-1971) e os Contratos Colectivos de Trabalho entre o Grémio Nacional dos Proprietários de Estabelecimentos de Ensino Particular e o Sindicato Nacional dos Professores (1957, 1961 e 1973). O período em destaque será, tendo em conta a documentação seleccionada, o que tem como intervalos os anos de 1958 e 1973.

Satisfação profissional e auto-estima em professores dos 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico

Pedro, Neuza; Peixoto, Francisco
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
35.85%
A relevância e o interesse acerca da satisfação profissional dos professores surge pelo facto de a ela aparecerem associadas variáveis tão importantes como a auto-estima, o bem-estar físico e mental, a motivação, o empenho, o envolvimento, o stresse, absentismo/abandono, o sucesso, a realização profissional dos professores. De igual modo, sabemos também que sentimentos de insatisfação e mal-estar afectam não só professores mas também os alunos, pois o desinvestimento e a falta de motivação dos professores contribui directamente para o desinteresse dos alunos na sala de aula e consequentemente, para a menor qualidade do processo de ensino-aprendizagem. O objectivo deste trabalho é tentar perceber quais os níveis de satisfação profissional evidenciado pelo professores portugueses, bem como os factores que estão por detrás da verdadeira satisfação profissional, analisando também os efeitos que poderão ter variáveis como o grupo disciplinar a que pertencem os professores e os anos de docência que possuem. Visamos ainda perceber se a satisfação/insatisfação na dimensão profissional do sujeito se repercute na sua auto--estima. Para tal foram utilizados dois instrumentos, a Rosenberg self-esteem scale e o Questionário de Satisfação no Trabalho para Professores. Participaram no presente estudo 79 professores de cinco escolas dos 2.º e 3.º ciclos da região de Vale do Tejo. A partir dos resultados encontrados concluiu-se que os professores apresentavam baixos níveis de satisfação profissional...

Metodologias de ensino no voleibol: comparação entre professores experientes e estagiários nas aulas de Educação Física

Silva, Ricardo Filipe Ribeiro da
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
35.86%
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física, nos Ensinos Básico e Secundário; Durante o percurso académico sempre foi transmitida uma ideia, mais ou menos generalizada, de que apenas se trabalha com qualidade o ensino dos Jogos Desportivos Coletivos (JDC) no treino, sendo a abordagem na escola feita de uma forma aparentemente mais simplista e mais centrada no jogo formal, em detrimento da utilização de jogos reduzidos (JR) e formas jogadas. O presente estudo pretende determinar as principais diferenças evidenciadas na forma de lecionar entre dois tipos de professores (experiente vs estagiário), ou seja, perceber qual dos grupos recorre mais ao aquecimento específico da modalidade em causa e se centram mais as suas aulas no modelo de ensino analítico, ou se, num modelo mais centrado nas formas jogadas e nos jogos reduzidos e/ou condicionados. A amostra do estudo é composta por n=40 professores de Educação Física, sendo que destes, 20 são professores experientes e os restantes são professores estagiários. Dentro dos professores experientes, 11 são do sexo masculino e 9 do sexo feminino, sendo que o professor com menos tempo de experiência leciona há 6 anos e o mais experiente há 16 anos. A amostra contempla professores dos distritos de Vila Real e do Porto. Por sua vez...

Satisfação profissional e auto-estima em professores dos 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico

Pedro, Neuza Sofia Guerreiro; Peixoto, Francisco José Brito
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
35.85%
A relevância e o interesse acerca da satisfação profissional dos professores surge pelo facto de a ela aparecerem associadas variáveis tão importantes como a auto-estima, o bem-estar físico e mental, a motivação, o empenho, o envolvimento, o stresse, absentismo/abandono, o sucesso, a realização profissional dos professores. De igual modo, sabemos também que sentimentos de insatisfação e mal-estar afectam não só professores mas também os alunos, pois o desinvestimento e a falta de motivação dos professores contribui directamente para o desinteresse dos alunos na sala de aula e consequentemente, para a menor qualidade do processo de ensino-aprendizagem. O objectivo deste trabalho é tentar perceber quais os níveis de satisfação profissional evidenciado pelo professores portugueses, bem como os factores que estão por detrás da verdadeira satisfação profissional, analisando também os efeitos que poderão ter variáveis como o grupo disciplinar a que pertencem os professores e os anos de docência que possuem. Visamos ainda perceber se a satisfação/insatisfação na dimensão profissional do sujeito se repercute na sua auto--estima. Para tal foram utilizados dois instrumentos, a Rosenberg self-esteem scale e o Questionário de Satisfação no Trabalho para Professores. Participaram no presente estudo 79 professores de cinco escolas dos 2.º e 3.º ciclos da região de Vale do Tejo. A partir dos resultados encontrados concluiu-se que os professores apresentavam baixos níveis de satisfação profissional...

Concepção dos professores do ensino regular sobre os apoios educativos e praticas pedagógicas diferenciadas

Duarte, Andreia
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.86%
Dissertação de mestrado em Psicologia Educacional; O presente estudo acentua a importância de investigar, no âmbito de uma educação inclusiva, as concepções dos professores do 1º, 2º e 3º ciclo face aos apoios educativos e a práticas pedagógicas. Procedeu-se a uma revisão de literatura que abrange a evolução histórica da educação especial, o papel dos professores de ensino regular e dos professores dos apoios educativos, as estratégias metodológicas do ensino e, por fim, as práticas educativas que conduzem a uma escola que promove a diferenciação pedagógica, o que conduz à qualidade educativa. Delineámos três objectivos, sendo que o primeiro se prende com o facto de comprendermos quais as concepções dos professores do ensino regular sobre os apoios educativos, o segundo com a caracterização do nível de importância atribuído pelos mesmos a um conjunto de práticas pegógicas, reconhecidas na literatura como promotoras de qualidade e inclusão e, o terceiro com a identificação do nível de dificuldade atribuída pelos professores à utilização em sala de aula das diferentes práticas pedagógicas referidas. Em concordância com os nossos objectivos, desenvolvemos o estudo com 116 professores do ensino regular...

Auto-eficácia e satisfação profissional dos professores

Pedro, Neuza Sofia Guerreiro
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada, Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada,
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.86%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Educacional; A relevância e o interesse pela análise do sentido de auto-efícácia e da satisfação profissional vivenviada pelos professores associa-se ao facto de ambas determinarem substancialmente, as atitudes e os comportamentos assumidos pelos docentes, quer para com o ensino quer para com os vários elementos que o constituem. De igual modo, contata-se que essas atitudes e comportamentos exercem influência directa sobre a qualidade da actuação diária dos professores, o seu grau de investimento, envolvimento, dedicação e preserverança. A eleição dos docentes como objecto de estudo, ligou-se ao facto de se considerar que para implantar as imprescindíveis acções reformistas e levar à modernização do sistema educativo, terá que ser considerado, prioritariamente, o envolvimento dos professores. Todas as mudanças que se desejam implementar são sempre efectivadas por estes. Desta forma, a educação necessita dispor de professores profissionalmente empenhados (professores motivados, satisfeitos, competentes, eficazes). Desta forma, pretendeu-se analisar os índices de auto-eficácia evidenciados pelos professores, considerando distintamente os vários domínios de actuação que compõem a actividade docente. Ambicionou-se ainda avaliar o nível de satisfação profissional por estes experienciado...

Satisfação profissional e auto-estima em professores dos 2.º e 3.º ciclos do Ensino Básico

Pedro, Neuza; Peixoto, Francisco; ISPA-IU
Fonte: ISPA - Instituto Universitário Publicador: ISPA - Instituto Universitário
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedversion Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2012 Português
Relevância na Pesquisa
35.85%
A relevância e o interesse acerca da satisfação profissional dos professores surge pelo facto de a ela aparecerem associadas variáveis tão importantes como a auto-estima, o bem-estar físico e mental, a motivação, o empenho, o envolvimento, o stresse, absentismo/abandono, o sucesso, a realização profissional dos professores. De igual modo, sabemos também que sentimentos de insatisfação e mal-estar afectam não só professores mas também os alunos, pois o desinvestimento e a falta de motivação dos professores contribui directamente para o desinteresse dos alunos na sala de aula e consequentemente, para a menor qualidade do processo de ensino-aprendizagem. O objectivo deste trabalho é tentar perceber quais os níveis de satisfação profissional evidenciado pelo professores portugueses, bem como os factores que estão por detrás da verdadeira satisfação profissional, analisando também os efeitos que poderão ter variáveis como o grupo disciplinar a que pertencem os professores e os anos de docência que possuem. Visamos ainda perceber se a satisfação/insatisfação na dimensão profissional do sujeito se repercute na sua auto-estima. Para tal foram utilizados dois instrumentos, a Rosenberg self-esteem scale e o Questionário de Satisfação no Trabalho para Professores. Participaram no presente estudo 79 professores de cinco escolas dos 2.º e 3.º ciclos da região de Vale do Tejo. A partir dos resultados encontrados concluiu-se que os professores apresentavam baixos níveis de satisfação profissional...