Página 1 dos resultados de 304 itens digitais encontrados em 0.226 segundos

Remoção de DQO e de nitrogênio, e estudo dos consórcios microbianos em sistema com três reatores sobrepostos, em série, alimentado com esgoto sanitário; COD and nitrogen removal, and microbial associations study on a three superposed, in series, reactors system, fed with domestic wastewater

Santos, Pedro Ivo de Almeida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2004 Português
Relevância na Pesquisa
96.02%
Esta pesquisa enfoca a avaliação do desempenho de nova configuração de unidade para tratamento biológico de esgoto sanitário por processo combinado, visando à remoção de nutrientes, especialmente nitrogênio. O sistema construído em escala piloto tem volume útil igual a 71,48 litros. Nesta nova configuração de reatores para tratamento terciário de esgoto sanitário, utilizaram-se três reatores sobrepostos, sendo: um reator UASB - ?Upflow Anaerobic Sludge Blanket?; um reator de leito móvel e filme fixo aeróbio (com aplicação de oxigênio puro); e, um reator de leito móvel e filme fixo com ambiente anóxico. O material suporte utilizado nos reatores de leito móvel e filme fixo constituiu alternativa inédita no tratamento de efluentes líquidos. Foram utilizadas cavilhas ?ranhuradas? de madeira, de dimensões aproximadas de 8,0 mm de diâmetro por 8,0 mm de comprimento. O desempenho geral do sistema quanto à remoção de matéria carbonácea e compostos nitrogenados, e as associações microbianas formadas nos três reatores são objetos principais de estudo deste trabalho. Foram obtidos resultados de remoção de DQO e de nitrogênio bastante satisfatórios, sobretudo quando o tempo de detenção hidráulica total esteve próximo a 20 horas...

Reator com leito de biomassa aderida aerado parcialmente aplicado ao tratamento de esgoto sanitário; Partially aerated attached biomass bed reactor applied to treatment sanitary sewage treatment

Almeida, Aurélia de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
86.14%
Este trabalho se propôs a avaliar o desempenho de um reator com leito de biomassa aderida de fluxo ascensional em escala plena (159 'M POT.3') e com aeração contínua a 7 m acima da base do reator para o tratamento do esgoto sanitário. O leito do reator era formado por carvão ativado granular, carvão antracitoso e areia. O trabalho foi dividido em duas etapas. Na primeira etapa foram feitos ensaios hidrodinâmicos que consistiram da curva de expansão/fluidificação para as biopartículas do leito do reator em escala plena e do ensaio de estímulo-resposta com o traçador 'NA'CL'. Na segunda etapa monitorou-se o comportamento do reator com leito de biomassa aderida operado com setor 1 (sem aeração) e setor 2 (com aeração) sobrepostos e foi utilizada a recirculação para expandir o leito. As curvas de expansão/fluidificação das biopartículas constituintes do leito do reator mostraram que o leito do reator no setor 1 encontrava-se sem expansão e no setor 2 estava expandido, sob as condições de operação determinadas para esse trabalho. Do ensaio com o traçador 'NA'CL', obtiverem-se tempo de detenção hidráulica médio (TDHM) de 18,45 h para o ensaio sem recirculação e com compressor desligado; e de 16,90 h para o ensaio com recirculação e compressor ligado. Os TDHM obtidos foram maiores que o TDH teórico (igual a 12 h)...

Estudo dos mecanismos de detoxificação e tolerância aos metais cromo e cobre em Pseudokirchneriella subcapitata e Pistia stratiotes e o uso das macrófitas Typha sp e Phragmites sp na remoção de nutrientes em wetlands construídos; Study of tolerance and detoxification mechanisms to metals chromium and copper in Pseudokirchneriella subcapitata and Pistia stratiotes, and the use of macrophytes Typha sp. and Phragmites sp. in the nutrients removal in constructed wetlands

Lima, Patrícia Carla Giloni de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/07/2010 Português
Relevância na Pesquisa
86.2%
A presente pesquisa teve por objetivos principais: (1) estudar a bioacumulação do metal cromo (40-50 'mü'g/L) na Clorophyceae Pseudokirchneriella subcapitata (Korshikov) Hindak 1990 e dos metais cobre (2-10 'mü'g/L) e cromo (1-6 mg/L) na macrófita Pistia stratiotes L.; (2) avaliar os mecanismos de detoxificação, as estratégias de defesa e tolerância de Pistia stratiotes L., visando recomendar seu uso na fitorremediação; ambos através do uso do Delineamento Composto Central (DCC) e Metodologia de Superficie de Resposta (MSR), e (3) estudar a dinâmica de remoção de nutrientes em wetlands construídos, plantados e não plantados com as macrófitas Typha sp. e Phragmites sp., submetidos a diferentes regimes de fluxo e condições hidráulicas de operação. A bioacumulação de cromo em P. subcapitata e sua relação com o biovolume demonstraram uma possível estratégia de detoxificação. P. stratiotes desenvolve uma bioacumulação mais intensa nas raízes, resultados que são confirmados pela peroxidação de lipídios e a indução do estresse oxidativo causado pelo cromo. As enzimas catalase e glutationa redutase, induzidas pelo cobre em P. stratiotes, também apresentaram atividade mais intensa nas raízes. O teor de clorofila...

Pós-tratamento de efluente de lagoa facultativa fotossintética em filtros biológicos percoladores visando remoção de nitrogênio amoniacal.; Post-treatment of photosynthetic facultative pond effluent on trickling filters in order to remove ammonia.

Medeiros, Mônica
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2011 Português
Relevância na Pesquisa
96.18%
Neste trabalho, estudou-se a utilização de filtros percoladores como tratamento complementar de efluente de lagoa de estabilização visando a remoção de nitrogênio, principal causador de problemas como a eutrofização de corpos hídricos em conjunto com o fósforo. A motivação principal para o desenvolvimento desta pesquisa foi a dificuldade encontrada para o atendimento ao padrão definido pela Resolução CONAMA 357/05, a qual define concentração máxima de nitrogênio para lançamento de efluentes em corpos hídricos receptores de 20 mg/l. Em 2008 foi promulgada a Resolução CONAMA nº 397 a qual estabeleceu, em seu Artigo 34, que o padrão de emissão de nitrogênio amoniacal seria suspenso temporariamente para efluentes de estação de tratamento de esgoto sanitário, continuando a valer a concentração máxima nos corpos receptores estabelecidas na Resolução CONAMA 357/05. Sendo assim, a questão sobre a remoção de nutrientes constitui uma preocupação diretamente relacionada ao emprego dos sistemas de lagoas de estabilização. Para esta pesquisa, utilizou-se os efluentes tratados por lagoas facultativas provenientes da Estação de Tratamento de Esgoto do município de Lins/SP e, para o experimento em questão...

Tratamento de águas residuárias utilizando emissários submarinos: avaliação do nível de tratamento para uma disposição oceânica ambientalmente segura.; Wastewater treatment using submarine outfalls: evaluation on the treatmente level for environmentally safe ocean disposal.

Subtil, Eduardo Lucas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
86.14%
Tendo em vista as questões ambientais relacionadas com a disposição oceânica de esgotos sanitários, muito tem sido debatido sobre qual nível de tratamento deve ser adotado ou quais constituintes presentes nos esgotos devem ser removidos antes do lançamento em regiões costeiras. Dentro deste contexto, este estudo teve como objetivo principal fornecer subsídios para uma tomada de decisão quanto à necessidade de remoção de nutrientes para lançamento de esgotos sanitários por meio de emissários submarinos, de maneira a garantir um nível de tratamento mínimo sem que haja um comprometimento do corpo receptor em termos de potencial de eutrofização. Para isso, foram utilizados dois sistemas de disposição oceânica de esgotos sanitários: Santos/São Vicente e Praia Grande 2. O impacto ambiental do lançamento de esgotos pelos emissários submarinos foi avaliado por um modelo numérico de eutrofização, sendo as características da pluma de esgoto no campo próximo determinada pelo software CORMIX e acoplado no modelo de campo distante. A necessidade de remoção de nitrogênio e fósforo foi estimada com base na metodologia do Plano Oceânico da Califórnia. Os resultados demonstraram que tanto para o caso do emissário submarino de Santos quanto para o de Praia Grande haveria necessidade de remover amônia e fosfato para atender a legislação CONAMA 357/2005 quando operados com vazões de 3...

Remoção de matéria orgânica, de nutrientes e de coliformes no processo anaeróbio em dois estágios (reator compartimentado seguido de reator UASB) para o tratamento de águas residuárias de suinocultura

Abreu Neto, Mário S. de; Oliveira, Roberto A. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA) Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 148-161
Português
Relevância na Pesquisa
86.09%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Neste trabalho, avaliou-se o efeito das águas residuárias de suinocultura, com concentrações médias de sólidos suspensos totais variando de 4.591 a 13.001 mg L-1, no desempenho de processo anaeróbio, em dois estágios, compostos por reator compartimentado (ABR) e reator de fluxo ascendente com manta de lodo (UASB), instalados em série, em escala- -piloto (volumes de 530 e 120 L, respectivamente), submetidos a tempos de detenção hidráulica (TDH) de 60; 36 e 24 h no primeiro reator, e de 13,6; 8,2 e 5,4 h no segundo reator. As eficiências médias de remoção de DQOtotal variaram de 69 a 84% no reator ABR e de 39 a 58% no reator UASB, resultando em valores médios de 87 a 94% para o sistema de tratamento anaeróbio em dois estágios, com carga orgânica volumétrica (COV) na faixa de 11,5 a 18,0 g DQOtotal (L d)-1 no reator ABR, e de 4,2 a 13,4 g DQOtotal (L d)-1 no reator UASB. A produção volumétrica máxima de metano de 0,227 m³ CH4 (m³ reator d)-1 ocorreu no reator UASB, com COV de 10,6 g DQOtotal (L d)-1 e TDH de 5,4 h. As maiores eficiências de remoção de coliformes totais e termotolerantes (99...

Reatores anaeróbios operados em batelada sequencial seguidos de lagoas de polimento para o tratamento de águas residuárias de suinocultura. Parte II: remoção de nutrientes e coliformes

Duda, Rose M.; Oliveira, Roberto A. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA) Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 135-147
Português
Relevância na Pesquisa
95.97%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Neste trabalho, avaliou-se o desempenho de dois reatores anaeróbios operados em batelada sequencial (ASBR), instalados em série, em escala-piloto (volumes de 280 L e 140 L, respectivamente), no tratamento de águas residuárias de suinocultura, com concentrações de sólidos suspensos totais (SST) em torno de 10.000 mg L-1. Para o pós-tratamento do efluente do sistema de tratamento com os ASBR, utilizou-se de duas lagoas de polimento (volume de 1.000 L, cada) em série. As cargas orgânicas volumétricas (COV) aplicadas no primeiro ASBR variaram de 4,43 a 12,75 g DQOtotal (L d)-1. As eficiências médias de remoção de nitrogênio total Kjeldahl (NTK) e fósforo total (P-total) variaram de 30 a 82% e de 42 a 100%, respectivamente, no sistema de tratamento anaeróbio composto pelos ASBR seguidos das lagoas de polimento. A utilização das lagoas de polimento em série permitiu manter eficiências médias de remoção acima de 80% para o Fe, Mn e Zn e de 76% para o Cu. O número de coliformes termotolerantes foi reduzido a 8x10³ NMP/100 mL.; On this study the performance of two anaerobic sequencing batch reactors (ASBR) installed in series was evaluated...

Tratamento de águas residuárias de suinocultura em reatores anaeróbios de fluxo ascendente com manta de lodo (uasb) em dois estágios seguidos de reator operado em batelada sequencial (RBS)

Oliveira, Roberto A. de; Santana, Adriana M. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA) Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 178-192
Português
Relevância na Pesquisa
85.93%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Neste trabalho, avaliou-se o desempenho de dois reatores anaeróbios de fluxo ascendente com manta de lodo (UASB), em série, seguidos de um reator operado em batelada sequencial (RBS) com etapa aeróbia, no tratamento de águas residuárias de suinocultura. O sistema de tratamento anaeróbio em dois estágios foi alimentado com águas residuárias de suinocultura com concentrações médias de sólidos suspensos totais (SST), de 4.427 a 16.425 mg L-1 . As cargas orgânicas volumétricas (COV) aplicadas no reator UASB do primeiro estágio variaram de 14,8 a 24,4 g DQO (L d)-1. Os tempos de detenção hidráulica (TDH) foram de 28 e 11 h e de 14 e 6 h no primeiro e segundo reatores UASB, respectivamente. O RBS foi operado com 1 e 2 ciclos diários de alimentação e com concentrações de SST do afluente, de 1.348 a 2.036 mg L-1 . As maiores eficiências de remoção de DQOtotal ocorreram com os maiores TDH, com valores médios de 78 a 88% nos reatores UASB, em dois estágios. Com o tratamento do efluente dos reatores UASB no RBS, as eficiências médias de remoção aumentaram para 93 a 97%, 92 a 98%, 57 a 78%, 71 a 88% e 68 a 85% para a DQO total, SST, P-total, nitrogênio total Kjeldahl (NTK) e nitrogênio total (NT)...

Tratamento de águas residuárias de suinocultura em reatores anaeróbios horizontais seguidos de reator aeróbio em batelada sequencial

Santos, Ariane C. dos; Oliveira, Roberto A. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA) Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 781-794
Português
Relevância na Pesquisa
85.93%
Avaliou-se o desempenho de um sistema combinado anaeróbio-aeróbio para o tratamento de águas residuárias de suinocultura, com concentrações médias de sólidos suspensos totais (SST) de 18.624 e 11.395 mg L-1. Foram utilizados quatro reatores anaeróbios horizontais com volume total de 49,5 L cada, um com manta de lodo (RAHML) e três de leito fixo (RAHLF), instalados em série e seguidos de um reator aeróbio operado em batelada sequencial (RBS) com volume total de 339 L e com alimentação contínua. Nos RAHLF, foram utilizados como meios suporte de anéis de bambu, anéis plásticos de eletroduto corrugado e anéis de bucha (Luffa cillyndrica), respectivamente. Os tempos de detenção hidráulica (TDH) e as cargas orgânicas volumétricas (COV) aplicadas no RAHML foram de 12 e 10 h e 53 e 61 g DQO (L d)-1, respectivamente. O RBS foi operado com ciclo de 24 h e COV de 0,34 e 0,50 g DQO (L d)-1. As eficiências médias de remoção de DQOtotal e SST para o conjunto de reatores anaeróbios horizontais, em série, foram de 96 e 99%, e de 96 e 95%, respectivamente. As maiores produções volumétricas de metano ocorreram nos RAHLF, com valores médios de até 0,744 m³ CH4 (m³ reator d)-1. A inclusão do RBS permitiu melhorar a qualidade do efluente e a estabilidade do sistema de tratamento...

Avaliação do crescimento de três microalgas para a remoção de nutrientes de efluentes de estação de tratamento de dejetos de suínos

Delabary, Gabriela Scholante
Tipo: dissertação (mestrado) Formato: 163 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
86.25%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-graduação em Engenharia Química, Florianópolis, 2013; A suinocultura é uma importante atividade social e econômica para todo o país, mas principalmente para o oeste do estado de Santa Catarina, já que é um dos maiores produtores nacionais. Entretanto, esta atividade é reconhecida por causar problemas ambientais significativos, quando não há um tratamento adequado dos resíduos gerados durante a produção, o que pode comprometer os recursos hídricos através do processo de eutrofização. Uma das alternativas que vem sendo desenvolvida e estudada para o tratamento destes resíduos é uso de microalgas, que promove benefícios na purificação dos efluentes, além de gerar biomassa de interesse comercial, agregando valor econômico ao processo de tratamento. Este trabalho avaliou o crescimento das microalgas Chlorella vulgaris, Scenedesmus quadricauda e Haematococcus pluvialis aplicadas na remoção de nutrientes de efluentes da criação de suínos. Foram avaliados os crescimentos das algas em meio sintético estéril e em amostras de efluente real. Todos os ensaios foram realizados em frascos erlenmayer, com volumes de 250 e 500 ml em triplicata...

Remoção de nutrientes de efluentes líquidos através de lagoas de lemnas com chicanas

Vieira, Branda
Fonte: Florianópolis, SC. Publicador: Florianópolis, SC.
Tipo: tccgrad Formato: 58 f.
Português
Relevância na Pesquisa
106.27%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnológico. Engenharia Sanitária e Ambiental.; O despejo de esgotos in natura ou tratados indevidamente pode comprometer o equilíbrio dos ecossistemas e a qualidade da água para abastecimento. A introdução de nutrientes (nitrogênio e fósforo) em corpos hídricos pode originar processos de eutrofização, muitas vezes irreversíveis. Neste contexto, as lagoas de lemnas se apresentam como uma alternativa economicamente viável para a remoção de N e P de esgotos. Também ocorre em lagoas de lemnas a produção de uma biomassa de alto valor nutricional e energético. O presente trabalho avaliou a eficiência de remoção desses nutrientes e a produção de biomassa em uma lagoa de lemnas (Landoltia punctata) com chicanas. Esta lagoa com dimensões de 3,0 x 1,0 x 0,3 m (volume de 1 m³ e área de 3 m²) recebeu efluente sintético com uma vazão de 72 l.d-1. Foram realizadas coletas e análises do efluente em três pontos de amostragem: efluente bruto, centro da lagoa e saída da lagoa. Os parâmetros de qualidade avaliados foram NTK, amônia, nitrato e fosfato pH, temperatura e OD. Após 39 dias de operação obteve-se uma remoção média de 33...

Remoção de nutrientes de efluentes líquidos através de lagoas de lemnas com chicanas

Vieira, Branda
Fonte: Florianópolis, SC. Publicador: Florianópolis, SC.
Tipo: tccgrad Formato: 58 f.
Português
Relevância na Pesquisa
106.27%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnológico. Engenharia Sanitária e Ambiental.; O despejo de esgotos in natura ou tratados indevidamente pode comprometer o equilíbrio dos ecossistemas e a qualidade da água para abastecimento. A introdução de nutrientes (nitrogênio e fósforo) em corpos hídricos pode originar processos de eutrofização, muitas vezes irreversíveis. Neste contexto, as lagoas de lemnas se apresentam como uma alternativa economicamente viável para a remoção de N e P de esgotos. Também ocorre em lagoas de lemnas a produção de uma biomassa de alto valor nutricional e energético. O presente trabalho avaliou a eficiência de remoção desses nutrientes e a produção de biomassa em uma lagoa de lemnas (Landoltia punctata) com chicanas. Esta lagoa com dimensões de 3,0 x 1,0 x 0,3 m (volume de 1 m³ e área de 3 m²) recebeu efluente sintético com uma vazão de 72 l.d-1. Foram realizadas coletas e análises do efluente em três pontos de amostragem: efluente bruto, centro da lagoa e saída da lagoa. Os parâmetros de qualidade avaliados foram NTK, amônia, nitrato e fosfato pH, temperatura e OD. Após 39 dias de operação obteve-se uma remoção média de 33...

Avaliação de lagoas de lemnas no polimento de efluentes e na fixação de CO2

Bach, Albert Otto
Fonte: Florianópolis, SC. Publicador: Florianópolis, SC.
Tipo: tccgrad Formato: 86 f.
Português
Relevância na Pesquisa
86.29%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnológico. Engenharia Sanitária e Ambiental.; Atualmente, a remoção de nutrientes em sistemas de tratamento de esgotos é um grande desafio para o setor de saneamento. As tecnologias empregadas para este fim são, geralmente, dependentes de energia e alta complexidade operacional gerando ônus aos municípios. Se os nutrientes não forem removidos adequadamente, os efluentes descartados podem causar sérios problemas aos corpos receptores, como a eutrofização. Por outro lado, os sistemas convencionais de tratamento também são responsáveis pela emissão de gases do efeito estufa (GEE) como CO2, CH4 e N2O. Como alternativa, as lagoas de lemnas têm sido utilizadas com sucesso para o polimento de efluentes e vêm se popularizando nos últimos anos, pois, além da grande capacidade dessas plantas na remoção de nutrientes e na fixação de CO2, ocorre a produção de uma biomassa com elevado potencial de valorização para fins energéticos e nutricionais. Assim, o presente estudo avaliou duas lagoas de lemnas (L. punctata) em escala piloto para a remoção de nitrogênio e fósforo do esgoto sanitário, além da produtividade de biomassa e fixação de carbono. A eficiência de remoção para o nitrogênio total (Nt= NO3 + NTK)...

Recolha e processamento de plantas aquáticas com vista a remoção de nutrientes

Dâmaso, Diogo Pinto de Oliveira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: masterthesis
Português
Relevância na Pesquisa
116.15%
Na área do Baixo Vouga existem extensas zonas em que ocorrem importantes populações de macrófitas, nomeadamente jacinto-aquático (Eichhornia crassipes) e pinheirinha-de-água (Myriophyllum aquaticum). Tendo em consideração as vantagens e desvantagens da presença destas plantas nos sistemas aquáticos, é obvio que ter o conhecimento da variação sazonal da biomassa e em teor de nutrientes que estas plantas apresentam, em conjunto com a quantificação da sua distribuição espacial é essencial para poder avaliar a evolução das comunidades e consequentemente poder actuar nessa área. O índice de cobertura da população de jacintos-aquáticos ao longo do troço final do Rio Vouga é de 10,6 %. Foi observado que os jacintosaquáticos são na sua maior parte transportados pela corrente do rio quando ela é significativa, e que estes iniciam o seu crescimento e expansão no mês de Outubro e vão-se decompondo e desintegrando progressivamente a partir do mês de Dezembro. Se ocorrer remoção destas plantas nessa altura, podem ter um papel importante na gestão dos nutrientes em sistemas aquáticos. Eichhornia crassipes apresentou um teor de humidade de 96% e Myriophyllum aquaticum de 92 %. O Azoto está presente em maior quantidade no Myriophyllum aquaticum comparativamente a Eichhornia crassipes...

Reatores anaeróbios operados em batelada sequencial seguidos de lagoas de polimento para o tratamento de águas residuárias de suinocultura. Parte II: remoção de nutrientes e coliformes

Duda,Rose M.; Oliveira,Roberto A. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
95.97%
Neste trabalho, avaliou-se o desempenho de dois reatores anaeróbios operados em batelada sequencial (ASBR), instalados em série, em escala-piloto (volumes de 280 L e 140 L, respectivamente), no tratamento de águas residuárias de suinocultura, com concentrações de sólidos suspensos totais (SST) em torno de 10.000 mg L-1. Para o pós-tratamento do efluente do sistema de tratamento com os ASBR, utilizou-se de duas lagoas de polimento (volume de 1.000 L, cada) em série. As cargas orgânicas volumétricas (COV) aplicadas no primeiro ASBR variaram de 4,43 a 12,75 g DQOtotal (L d)-1. As eficiências médias de remoção de nitrogênio total Kjeldahl (NTK) e fósforo total (P-total) variaram de 30 a 82% e de 42 a 100%, respectivamente, no sistema de tratamento anaeróbio composto pelos ASBR seguidos das lagoas de polimento. A utilização das lagoas de polimento em série permitiu manter eficiências médias de remoção acima de 80% para o Fe, Mn e Zn e de 76% para o Cu. O número de coliformes termotolerantes foi reduzido a 8x10³ NMP/100 mL.

Remoção de matéria orgânica, de nutrientes e de coliformes no processo anaeróbio em dois estágios (reator compartimentado seguido de reator UASB) para o tratamento de águas residuárias de suinocultura

Abreu Neto,Mário S. de; Oliveira,Roberto A. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
86.09%
Neste trabalho, avaliou-se o efeito das águas residuárias de suinocultura, com concentrações médias de sólidos suspensos totais variando de 4.591 a 13.001 mg L-1, no desempenho de processo anaeróbio, em dois estágios, compostos por reator compartimentado (ABR) e reator de fluxo ascendente com manta de lodo (UASB), instalados em série, em escala- -piloto (volumes de 530 e 120 L, respectivamente), submetidos a tempos de detenção hidráulica (TDH) de 60; 36 e 24 h no primeiro reator, e de 13,6; 8,2 e 5,4 h no segundo reator. As eficiências médias de remoção de DQOtotal variaram de 69 a 84% no reator ABR e de 39 a 58% no reator UASB, resultando em valores médios de 87 a 94% para o sistema de tratamento anaeróbio em dois estágios, com carga orgânica volumétrica (COV) na faixa de 11,5 a 18,0 g DQOtotal (L d)-1 no reator ABR, e de 4,2 a 13,4 g DQOtotal (L d)-1 no reator UASB. A produção volumétrica máxima de metano de 0,227 m³ CH4 (m³ reator d)-1 ocorreu no reator UASB, com COV de 10,6 g DQOtotal (L d)-1 e TDH de 5,4 h. As maiores eficiências de remoção de coliformes totais e termotolerantes (99,7%), DQOdiss (94%), SST (96%), NTK (71%), P-total (61%) e outros nutrientes, no sistema de tratamento anaeróbio em dois estágios...

Tratamento de águas residuárias de suinocultura em reatores anaeróbios de fluxo ascendente com manta de lodo (uasb) em dois estágios seguidos de reator operado em batelada sequencial (RBS)

Oliveira,Roberto A. de; Santana,Adriana M. de
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
85.93%
Neste trabalho, avaliou-se o desempenho de dois reatores anaeróbios de fluxo ascendente com manta de lodo (UASB), em série, seguidos de um reator operado em batelada sequencial (RBS) com etapa aeróbia, no tratamento de águas residuárias de suinocultura. O sistema de tratamento anaeróbio em dois estágios foi alimentado com águas residuárias de suinocultura com concentrações médias de sólidos suspensos totais (SST), de 4.427 a 16.425 mg L-1 . As cargas orgânicas volumétricas (COV) aplicadas no reator UASB do primeiro estágio variaram de 14,8 a 24,4 g DQO (L d)-1. Os tempos de detenção hidráulica (TDH) foram de 28 e 11 h e de 14 e 6 h no primeiro e segundo reatores UASB, respectivamente. O RBS foi operado com 1 e 2 ciclos diários de alimentação e com concentrações de SST do afluente, de 1.348 a 2.036 mg L-1 . As maiores eficiências de remoção de DQOtotal ocorreram com os maiores TDH, com valores médios de 78 a 88% nos reatores UASB, em dois estágios. Com o tratamento do efluente dos reatores UASB no RBS, as eficiências médias de remoção aumentaram para 93 a 97%, 92 a 98%, 57 a 78%, 71 a 88% e 68 a 85% para a DQO total, SST, P-total, nitrogênio total Kjeldahl (NTK) e nitrogênio total (NT), respectivamente. Para os coliformes termotolerantes...

Biorreator à membrana em batelada sequencial aplicado ao tratamento de esgoto visando à remoção de nutrientes

Belli,Tiago José; Amaral,Pauline Aparecida Pera do; Recio,Maria Angeles Lobo; Vidal,Carlos Magno de Sousa; Lapolli,Flávio Rubens
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
116.2%
Neste trabalho, avaliou-se o desempenho de um biorreator à membrana em batelada sequencial para a remoção de nutrientes (nitrogênio e fósforo) de esgoto sanitário. O reator, construído em escala piloto, foi operado durante 241 dias com tempo total de ciclo de 4 horas, sendo 5 minutos para alimentação, 55 minutos para a fase anóxica e 180 minutos para as fases de aeração e filtração (simultaneamente). Ao longo do monitoramento, foram empregados dois fluxos de filtração: 5,55 e 11,1 L.m-2.h-1, que resultaram nas taxas de troca volumétrica de 5 e 10%, respectivamente. As eficiências médias de remoção de Demanda Química de Oxigênio total, nitrogênio amoniacal e nitrogênio total alcançadas foram de 99, 98 e 96%, respectivamente. Em relação à remoção de fósforo, observou-se inicialmente um baixo rendimento do reator, sendo verificado ao longo do tempo, no entanto, uma tendência de melhora na remoção desse nutriente, atingindo eficiência média de 74% entre os dias 158 e 241. A utilização do fluxo de filtração de 5,55 L.m-2.h-1 proporcionou uma operação estável ao biorreator à membrana em batelada sequencial no que se refere à pressão transmembrana, tendo sido atingido o valor limite de 0,7 bar apenas uma vez em 181 dias de operação...

Pós-tratamento de efluente de reator UASB utilizando sistemas "wetlands" construídos

Sousa,José Tavares de; van Haandel,Adrianus C.; Cosentino,Paulo Rogério da Silva; Guimarães,Adriana Valéria Arruda
Fonte: Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG Publicador: Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2000 Português
Relevância na Pesquisa
96.14%
O presente trabalho avalia o desempenho de sistemas "wetlands" utilizados no pós-tratamento de efluente de um reator anaeróbio de manta de lodo (UASB), com relação à remoção de matéria orgânica e formas de nitrogênio e fósforo. O reator UASB tratava esgotos sanitários brutos provenientes da cidade de Campina Grande, PB, e o efluente produzido era bombeado para os quatro sistemas "wetlands", em escala piloto, sendo três cultivados com macrófitas emergentes (Juncus sp) e um sem cultivo, para o controle da pesquisa. Todos os sistemas foram operados com diferentes cargas hidráulicas: 4,5; 3,3 e 2,3 cm dia-1. Os resultados obtidos durante as vinte e seis semanas de operação foram promissores e se observaram eficiências médias de remoção de matéria orgânica (DQO) entre 76 e 84%, para cargas aplicadas variando de 6,58 a 14,2 g DQO m-2 dia-1. Na remoção de nutrientes, verificou-se a produção de efluentes com concentrações médias de 6,1 mg N-NH+4 L-1 e com relação ao nitrogênio total: 7,6 NTK mg L-1 com remoção respectivamente de 86 e 87%; já para fósforo total, o sistema "wetlands", operando com carga hidráulica de 2,3 cm dia-1, produziu efluente sem presença de fósforo (100% de remoção).

Estudo da remoção de nitrogênio em uma lagoa de polimento tratando esgoto doméstico em escala real

Barbosa, Sílvia Mariana da Silva; Kato, Mario Takayuki (Orientador); Gonçalves, Elizabeth Amaral Pastich (Co-orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: dissertacao
Português
Relevância na Pesquisa
86.03%
No presente trabalho avaliou-se o desempenho de uma lagoa de polimento usada no pós-tratamento de esgoto doméstico em escala real no município de Rio Formoso, litoral sul de Pernambuco. O objetivo principal foi investigar a remoção de nitrogênio na lagoa no que tange aspectos físico-químicos, biológicos, e ambientais. Foram coletadas amostras em sua superfície e fundo, além do esgoto afluente e efluente, compreendendo um período de 14 meses, em um processo de avaliação quinzenal abrangendo a estação chuvosa e a estiagem. Foram relacionadas concentrações reais efluentes de NTK e N-amoniacal com valores estimados obtidos por modelos matemáticos; o ajuste dos modelos foi considerado fraco. A eficiência média da lagoa foi de 49% na remoção de N-amoniacal total, sendo constatada concentrações efluentes abaixo de 20 mg L-1 em mais de 80% do período monitorado. Não foram detectadas concentrações de nitrito e nitrato acima de 0,5 mg L-1. Não houve diferenças expressivas quanto à remoção de N-amoniacal, assim como variações nos parâmetros físico-químicos durante os períodos seco e chuvoso. Os resultados expressos em balanço de massa induzem que, embora em valores aquém do esperado, a captura do N pela biomassa de algas assumiu um importante papel na remoção de nitrogênio amoniacal; a volatilização da amônia pode atuar de modo a reduzir apenas uma pequena parcela de N na lagoa. A pesquisa também aponta que estudos aprofundados relativos à remoção de N via sedimentação pós captura...