Página 1 dos resultados de 1591 itens digitais encontrados em 0.046 segundos

Escola versus cultura?; School versus culture?

CANÊDO, Letícia Bicalho
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
46.33%
Originariamente uma aula magna proferida num concurso para professor titular, o artigo reúne instrumentos para uma reflexão sobre a relação entre escola e cultura, tendo em vista a coincidência que se costuma estabelecer entre a instituição escolar e a cultura. Essa coincidência, à priori impossível, realiza-se na prática, ainda que seja contestada, pois como a história registra, ela é feita com o uso de recursos de grande brutalidade. Primeiramente discute-se como a cultura (definida como o conjunto de atividades que fornece descrições do mundo por meio da "livre expressão") é vivida na prática da instituição escolar. Em seguida, são mostradas as fórmulas políticas que escondem a relação de força por trás da obra da institucionalização da escola, a qual, fundando-se na premissa de que só ela é eficiente para educar os indivíduos, vem se apresentando como solução duradoura para o dilema. Procura-se demonstrar que o dilema da coincidência entre escola e cultura existe porque fórmulas sedutoras conseguem esconder o segredo de uma lógica que repousa nas relações de força existentes na obra de construção do Estado Nacional da qual nós, assim como a escola, somos produto. Nesse contexto, a análise da relação escola versus cultura é feita em analogia com a que vincula Estado versus nação.; Originally a lecture given as part of the examination for a Professorship in School and Culture...

O papel do diretor escolar na implantação de uma cultura educacional inclusiva a partir de um enfoque sócio-histórico; The school principal´s role into the achievement of an inclusive educational culture : a study from a social and historical perspective

Silva, Claudia Lopes da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/12/2006 Português
Relevância na Pesquisa
46.32%
Este trabalho investiga o papel do diretor escolar na formação de uma cultura escolar inclusiva tendo como base teórica a psicologia sócio-histórica de Vigotski. Investigaram-se os conceitos de cultura escolar, educação inclusiva e ambiente inclusivo, de forma a estabelecer a importância do contexto da escola na inclusão escolar de alunos com deficiência, bem como o conceito de gestão escolar, com foco na atuação do diretor. Como hipótese de pesquisa, considerou-se que a opinião pessoal, aspirações, atitudes, concepção de educação, compromisso ético-profissional, enfim, os aspectos idiossincráticos do diretor influenciam de maneira decisiva a forma como se constitui a cultura escolar e facilitam ou dificultam a implantação da inclusão escolar de alunos com necessidades educacionais especiais. Propõe-se que isso se deva em grande parte à liderança e autoridades conectadas ao papel central que o diretor exerce na instituição escolar, bem como se relaciona com as dificuldades que a democratização dos processos de gestão escolar encontra para uma atuação efetiva. O papel do diretor enquanto um articulador do projeto pedagógico sobre o qual deve estar apoiado o projeto da escola tornar-se inclusiva seria então fundamental. A pesquisa busca estabelecer uma relação entre a democratização da escola e a implantação de uma cultura escolar inclusiva...

Homens e masculinidades na cultura do magistério: uma escolha pelo possível, um lugar para brilhar (São Paulo, 1950 - 1989).; Men and masculinities in the culture of teaching: an option for the possible, a place to shine (São Paulo, 1950-1989).

Pincinato, Daiane Antunes Vieira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2007 Português
Relevância na Pesquisa
56.27%
Este estudo analisa as experiências de um grupo de professores que fizeram a carreira do magistério no sistema de ensino público no estado de São Paulo, com o objetivo de investigar a participação dos homens na construção da cultura escolar e, em especial, da cultura do magistério. O recorte temporal efetuado circunscreve a pesquisa entre as décadas de 1950 e 1980: um momento histórico peculiar, em que o país foi marcado por muitas mudanças de ordem política, econômica e ideológica. No campo da educação, essas décadas corresponderam a dois períodos distintos - um anterior e outro posterior à promulgação da Lei 5.692/71 -, mas que pesquisados juntos permitiram uma maior compreensão dos processos de mudança que imprimiram novas configurações à profissão do magistério e ao trabalho docente, sobretudo a partir dos anos 70, quando foi implantada a reforma de ensino de 1o e 2o graus. As sucessivas alterações que ocorreram na organização do sistema de ensino atingiram a carreira e a profissão docente, cujos processos de mudança acabaram por colocar em ebulição certas dinâmicas da cultura escolar. A cultura do magistério, em particular, trouxe à tona disputas entre antigas e novas representações, que explicitam com maior clareza o imaginário social e as hierarquias que passam a (re)ordenar as relações no âmbito dessa profissão. O presente trabalho focaliza...

Da educação infantil ao ensino fundamental: com a palavra a criança: um estudo sobre a perspectiva infantil no início do percurso escolar.; From kindergarten to elementary school: the child talk: a study of the initial moment in school from the children's point of view.

Teixeira, Teresa Cristina Fernandes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/04/2008 Português
Relevância na Pesquisa
56.2%
Tendo em vista que as relações estabelecidas pela criança com a escola, com seus colegas e professores e com a aprendizagem são fatores constituintes do sucesso escolar, considero que a passagem da Educação Infantil (EF) para o Ensino Fundamental (EF) seja um momento especialmente importante no estabelecimento dessas relações, podendo ter forte impacto na forma como as crianças lidam com a escola. Calcado nesses pressupostos, o objetivo deste trabalho foi o de ouvir as crianças, procurando identificar e mapear sentidos que podem ter para elas suas formas de interagir com a escola nesse momento de transição. A interação da criança na escola (com a cultura escolar, com os atores sociais desse contexto e com a língua escrita enquanto objeto de conhecimento) foi o objeto desta pesquisa, numa perspectiva histórico-cultural (Vygotsky) e enunciativo-discursiva (Bakhtin). A pesquisa foi realizada em duas escolas públicas de São Paulo, acompanhando 20 crianças em dois momentos: na Fase I em classes do último estágio da EI e, na Fase II, em classes da 1ª série do EF. Foi adotada uma abordagem de caráter etnográfico, articulada ao enfoque microgenético apoiado na concepção enunciativo-discursiva da linguagem. Os depoimentos foram obtidos através de entrevistas individuais e grupos focais. Como forma de favorecer a interlocução e ampliar a possibilidade expressiva...

A escola primária no Estado do Pará (1920 - 1940); The primary school in Pará (1920-1940)

Coelho, Maricilde Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/12/2008 Português
Relevância na Pesquisa
56.2%
A tese A escola primária no Estado do Pará (1920- 1940) analisa a cultura da escola primária no Brasil, e em particular no Estado do Pará, local de interesse central desse estudo. Para isso, foi necessário a identificação do quadro social, político, cultural e econômico da sociedade brasileira em geral e, de modo mais particular, da sociedade paraense no desenrolar dessas décadas. A partir do conceito de cultura escolar desenvolvido por Dominique Julia, descrito como um conjunto de normas que definem conhecimentos a ensinar, condutas a inculcar e práticas que permitem a transmissão desses conhecimentos e a incorporação desses comportamentos, a tese analisa as normas e legislações para a educação primária; os saberes, gerais e específicos, ministrados aos alunos nas diferentes escolas primárias em diferentes localizações espaciais das cidades e vilarejos paraenses; a formação do professor primário, agente responsável em utilizar dispositivos pedagógicos para facilitar a aquisição de conhecimentos e habilidades, entre eles os rituais e as comemorações cívicas na escola primária, elementos de apoio na formação dos conceitos de nacionalidade e de civilidade. As fontes utilizadas para o trabalho foram: relatórios e mensagens dos governadores...

Os sentidos da escola e do saber: relatos de alunos de uma escola pública e de uma escola privada da cidade de São Paulo; The senses of school and knowledge: reports from students of a public and a private school Sao Paulo city

Castilho, Clarissa Silva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
56.18%
Tendo como base teórica a perspectiva histórico-cultural do desenvolvimento psicológico humano, esta pesquisa, de cunho qualitativo, investigou os sentidos da escola e do saber e as relações travadas com eles por alunos de uma escola pública e de uma escola privada da cidade de São Paulo. A coleta de dados para análise consistiu de um questionário dissertativo aplicado a classes do 7º ano do Ensino Fundamental e de entrevistas semi-estruturadas realizadas com alguns alunos destas. Situando os alunos no centro de uma cultura escolar com a qual interagem, a qual produzem e pela qual são (re)produzidos , ouviu-se estes sujeitos em processo de escolarização, tirando-os da condição de objeto que apenas sofre contingências naturais (sociais ou biológicas) e os colocando como sujeito que, ao incorporar as práticas culturais, reconstroem-nas de forma ativa e própria, negociando conceitos e valores. Dessa forma, pôde-se observar, a partir de seus relatos, que, para além de algumas diferenças, há muitas semelhanças entre as relações de alunos de diferentes origens sociais com a escola e com o saber o que acarreta uma produção de sentidos sobre eles de certa forma restrita e consonante. Essas semelhanças abarcam tanto fatores que colaborariam quanto dificultariam um suposto sucesso escolar fatores que podem contribuir ou desfavorecer uma relação significativa com a escola e com os saberes. Ainda...

Cultura escolar e cultura científica: aproximações, distanciamentos e hibridações por meio da análise de argumentos no ensino de biologia e na biologia; School culture and scientific culture: drawing closer, distancing and hybridizations by means of arguments analysis in Biology Education and in Biology

Scarpa, Daniela Lopes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
66.29%
A tese que aqui se apresenta pretende sugerir que a cultura escolar regula as modalidades de acesso dos indivíduos aos objetos da cultura científica, em contraposição à idéia de enculturação como objetivo do ensino de ciências. Para tanto, parte de uma longa discussão teórica em que o conceito de cultura, campo ou esfera é discutido. De mão desses conceitos, parte-se para definição do que seria cultura escolar uma relação pedagógica submetida a tempos, lugares e objetos específicos e cultura científica atividade humana com métodos e padrões historicamente contingentes que são avaliados em relação à sua meta e ao grau de sucesso obtido, na qual está inserida a biologia. Definidos esses campos, foi necessário, então, entender como se dá o diálogo entre essas esferas, para tanto se fez uso do conceito de hidridação, zona de encontro entre as linguagens típicas de cada um desses campos sociais. Com os conceitos construídos, escolheu-se a abordagem metodológica: tomar como objeto de análise dois textos de cientistas e dez textos de alunos sobre a mesma temática, a noção de que o DNA é a molécula portadora das informações hereditárias. Usou-se o padrão de Toulmin (1958/2006) e as marcas lingüísticas de Koch (2000) para identificar elementos dos argumentos e suas relações. A análise dos textos mostrou que os alunos fazem uso...

O coordenador pedagógico e o desafio da formação contínua do docente na escola; The pedagogical coordinator and the challenge of pedagogical formations of teachers in school

Domingues, Isaneide
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2009 Português
Relevância na Pesquisa
56.24%
O discurso da formação contínua do docente centrada na escola tem sido incorporado pelas políticas públicas de formação, que têm transferido para a escola boa parte da responsabilidade pelo desenvolvimento profissional do professor. O coordenador pedagógico, na Rede Municipal de Ensino de São Paulo, é o profissional responsável pelo acompanhamento e desenvolvimento de tal processo centrado na escola. Esta pesquisa toma como objeto de investigação o papel do coordenador pedagógico como gestor dos tempos/espaços de formação contínua do docente na escola e apresenta como objetivo investigar como esse profissional organiza e implementa a formação contínua desenvolvida no horário coletivo, considerando a relativa autonomia da escola e seus próprios saberes sobre a articulação da formação no espaço escolar. A pesquisa empírica, de base qualitativa, envolveu quatro coordenadoras pedagógicas, duas escolas e dois grupos de professores durante o cumprimento da Jornada Especial Integral de Formação (JEIF). As entrevistas semiestruturadas feitas com as coordenadoras pedagógicas possibilitaram considerar o ponto de vista dessas profissionais sobre o ser e o estar na coordenação. O acompanhamento dos projetos de formação desenvolvidos na JEIF revelou a influência de aspectos relativos à cultura escolar e aos projetos de governo que interferem nessa ação...

Relevância da dimensão cultural na escolarização de crianças negras; Relevance of the cultural dimension for the schooling of black children.

Molina, Thiago dos Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
46.35%
A dissertação de mestrado intitulada Relevância da dimensão cultural na escolarização de crianças negras discorre sobre iniciativas de educação escolar surgidas em contextos de afirmação de valores existenciais afro-brasileiros e persegue os objetivos de (a) investigar as bases teóricas e práticas escolares de pedagogias estruturadas a partir de reposições e reelaborações culturais negras na diáspora e (b) discutir a relação entre cultura do educando e cultura escolar presente nestas concepções educativas. Partimos da hipótese que a presença da história e cultura afro-brasileira no currículo escolar atua como um fator de favorecimento do processo de escolarização das crianças negras, as quais vários estudos apontam como mais vulneráveis a serem colocadas em situação de fracasso e evasão escolar e suscetíveis de sofrerem preconceito e discriminação étnico-racial. Ao final do texto concluímos com outra hipótese, não excludente da primeira: a presença da história e cultura afro-brasileira como instrumento do processo de escolarização favorece a experiência da educação escolar de crianças negras; por outro lado, tomar a história e cultura negra como fundamento da escolarização exige a emergência de outra cultura escolar...

A escola isolada à meia-luz (1891/1927); The school for isolated half-light (1891/1927).

Reis, Rosinete Maria dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 27/06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
56.33%
A presente tese se insere na Área de História e Historiografia da Educação e objetiva analisar e compreender o processo de constituição das Escolas Isoladas enquanto modalidade escolar no contexto Mato-Grossense no período de 1890-1928. Trata-se de rehistoricizar o objeto escola de (des) naturalizá-la, retratá-la em seus aspectos internos, definindo sua cultura e os processos que configuram a sua modelização e organização. A busca pela compreensão dos aspectos internos da escola isolada, ou seja, como se dava a construção social e cultural das instituições escolares, exigiu o entendimento daquilo que chamamos de cultura escolar. Na medida em que a cultura escolar se constitui numa apropriada ferramenta teórica para explorar o passado e o presente da escola na sua relação com a sociedade e a cultura, e permite explorar o jogo tenso das lutas e tensões que perpassam a escola e expressam as contradições sociais. Como instrumentos de pesquisa, utilizei de documentos oriundos de atividades funcionais e pedagógicas, como: Mensagens governamentais, Relatórios dos inspetores (diretores, após 1880) da instrução; e de Diretores dos Grupos Escolares, alguns números de Jornais, Livros de Matrículas, Ofícios, Circulares...

Mudanças e continuidades da cultura da escola no contexto de implantação do Ensino Fundamental de nove anos; Change and continuity of the school culture in the context of implementing the 9-years Primary Education Program.

Bezerra, Delma Rosa dos Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
66.37%
O presente estudo se desenvolveu a partir de uma problematização sobre o processo de mudança e continuidade da cultura da escola que envolve tanto uma discussão do entendimento de cultura quanto de instituição escolar. Os sistemas educacionais brasileiros e suas respectivas unidades escolares vivem um momento muito importante de mudança do Ensino Fundamental. Essa modificação decorre das determinações na Lei 11.274 de 2006, que fez aprovar a proposta de ampliação do Ensino Fundamental de oito para nove anos, com a inclusão das crianças de 6 anos de idade. Essa mudança legal afeta o cotidiano da escola à medida que impõe uma revisão dos objetivos do Ensino Fundamental e, consequentemente, da cultura nela estabelecida. É nesse contexto de transição que aconteceu a pesquisa que teve como objetivo investigar mudanças e continuidades da cultura da escola a partir da perspectiva dos professores. Aproximamo-nos de uma concepção de cultura que a define como sendo constituída por meio de significados estabelecidos e compartilhados socialmente que se materializam em práticas significantes. O estudo foi realizado numa escola de Ensino Fundamental que estava no segundo ano de implantação do Ensino Fundamental de nove anos. Constitui-se como instrumento de coleta de dados: (1) observações do cotidiano da instituição; (2) análise dos documentos Referencial Curricular Municipal e Projeto Político- Pedagógico (registradas em caderno de campo); (3) e...

A escola da infância narrada na juventude por ex-alunos do Centro de Atividades Comunitárias de São João de Meriti (CAC); The school of infancy narrated in their youth by former students of Centro de Atividades Comunitárias de São João de Meriti - CAC.

Rosa, Maria da Conceição de Carvalho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
56.23%
Esta pesquisa investigou o significado da experiência de escolaridade na infância e as marcas deixadas pela escola do Centro de Atividades Comunitárias de São João de Meriti (CAC) a partir das narrativas de ex-alunos na juventude, visando também a examinar se a leitura e a escrita permaneceram como atos presentes e constantes na vida destes alunos após a sua saída da escola, assim como os indícios das práticas pedagógicas ali desenvolvidas que se tornaram significativas para estes jovens. O CAC é uma instituição de utilidade pública e filantrópica, , fundado em 1987, a partir de anseios dos movimentos populares na região da Baixada Fluminense, no estado do Rio de Janeiro. Este estudo se baseou numa metodologia qualitativa que teve como principais instrumentos a entrevista e a análise de documentos. Foram entrevistados oito jovens entre 16 e 25 anos, que frequentaram a escola do CAC de dois a oito anos letivos, de 1989 a 1999. Baseando-se na perspectiva histórico-cultural do desenvolvimento psicológico humano proposto por Vygotsky, a pesquisa se fundamentou na contribuição teórica de diversos outros autores como Bernard Charlot, Bernard Lahire, Jerome Bruner e Paulo Freire. No processo de análise do objeto de estudo...

Educação musical escolar em Sergipe: uma análise das práticas da disciplina  Canto Orfeônico na Escola Normal de Aracaju (1934-1971); School music education in Sergipe: an analysis of the practices of the subject Choral Music in the Normal School of Aracaju (1934-1971).

Santos, Elias Souza dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
56.32%
O presente trabalho objetiva analisar as práticas da disciplina Canto Orfeônico, na Escola Normal de Aracaju, no período de 1934 a 1971. A importância desta investigação consiste no fato de que procura informar, através dos indícios, a existência do ensino musical escolar, ainda no período imperial. Tal ensino, aos poucos, foi se desenvolvendo, assumiu objetivos, métodos, funcionamentos diferentes, produziu materiais didáticos, recebeu várias denominações e, nos primeiros anos da Revolução de 1930, se denominou Canto Orfeônico constituindo-se, assim, uma disciplina obrigatória no currículo da escola brasileira até 1971. O estudo ancora-se nos autores da Cultura Escolar - Chervel (1990), Goodson (1990), Julia (2001), Forquin (1992), Viñao Frago (2008), Bittencourt (2003), Faria Filho (2002), Oliveira (2007), Souza (2005), Bencostta (2010), Ranzi (2007), Valdemarin (2007), entre outros - e tem como pressuposto teórico-metodológico as abordagens da História Cultural, sobretudo os conceitos defendidos por Le Goff (1984). Trabalhamos com as categorias cultura escolar, cultura material escolar e disciplina escolar. Para tanto, utilizamos um corpus documental diversificado (fontes escritas, como livros, dissertações...

Os usos que os jovens fazem da internet: relações com a escola; The uses that young people make the internet: relations with school.

Albach, Juliana Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
56.28%
Este trabalho tem como objetivo investigar como os jovens estudantes de uma escola pública em São Paulo utilizam a internet para dar conta de suas tarefas escolares e, desse modo, entender como eles utilizam os recursos disponíveis na internet como ferramentas pedagógicas. A pesquisa foi de caráter qualitativo e utilizou como instrumentos entrevistas e questionários. Partiu-se da hipótese de que com o advento da internet, algo se alteraria nas dinâmicas escolares, uma vez que a internet seria uma fonte de saber para os alunos que permitiria um diálogo com a cultura escolar. Seria um mecanismo que poderia alterar a relação estabelecida entre os jovens e o saber escolar, favorecendo a mobilização dos alunos para a aprendizagem. Constatou-se, no entanto, que o uso feito pelos jovens entrevistados dos recursos disponíveis é apenas instrumental e depende dos conhecimentos intuitivos já possuídos e não os adquiridos na escola. As atividades escolares continuam sendo propostas da mesma maneira como o eram antes de a internet figurar como fonte de pesquisa. Concluiu-se, então, que a internet, até o momento, não conseguiu alterar as dinâmicas escolares e que a escola deixa de utilizar as ferramentas da internet para potencializar as aprendizagens. A cultura escolar...

Culturas escolares : o lugar da quimica e os consumos de propostas curriculares para o ensino medio; Schools culture : the place of chemistry and the consuptions of curricular proposals to the high school

Tacita Ansanello Ramos
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: dissertação de mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/06/2008 Português
Relevância na Pesquisa
56.2%
A pesquisa desenvolvida teve por finalidade, através do estudo da cultura escolar feito numa perspectiva etnográfica e das narrativas de professores, investigar que discursos vêm sendo produzidos no cotidiano escolar a respeito de um possível lugar (CERTEAU, 1994) para a disciplina química. Dentro desse contexto, procurou-se encontrar possíveis indícios de como esses discursos estão relacionados aos diversos consumos das propostas curriculares nacionais iniciadas após os anos 1990, mais especificamente os Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio de 1999/2000 e as Orientações Curriculares Nacionais para o Ensino Médio de 2004/2006; Through the study of school culture made in a ethnographic perspective and with teacher?s narratives, the objective of this research is to investigate the discourses produced in the school daily life regarding a possible place (CERTEAU, 1994) to the chemistry subject. This work intends to look for possible evidences of how these discourses are related to the different consumptions of the national curricular proposals at nineties, specifically National Curricular Parameters for the High School of 1999/2000 and the National Curricular Orientations for the High School of 2004/2006

Politicas curriculares para o ensino medio no estado da Bahia : permeabilidades entre contextos e a cultura da escola; Curricular policies for high school in Bahia state, Brazil : permeable between context and school culture

Benedito Gonçalves Eugenio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/04/2009 Português
Relevância na Pesquisa
66.23%
Esta tese inscreve-se no âmbito dos estudos sobre políticas educacionais, mais especificamente as relacionadas ao campo do currículo. Trata-se de uma pesquisa sobre a política curricular para o ensino médio no Estado da Bahia. Apresentamos os resultados de uma investigação que objetivou compreender como se efetiva, no cotidiano escolar, através da prática pedagógica do professor, o processo de recontextualização das propostas curriculares para o ensino médio implementadas pela Secretaria de Educação do Estado da Bahia. Para isso, realizamos uma pesquisa de cunho etnográfico numa escola pública da rede estadual em Vitória da Conquista-BA. Os dados foram construídos a partir da análise de documentos da reforma nacional e estadual, documentos da escola, observações em sala de aula e entrevistas com a comunidade escolar (alunos, direção, professores). A análise baseia-se nos construtos teóricos de Basil Bernstein (recontextualização, regras do discurso pedagógico), Stephen Ball (ciclo de políticas) e de estudos da cultura da escola. Os resultados foram organizados em cinco capítulos. As considerações finais evidenciam a produção de micropolíticas curriculares no cotidiano escolar e a recontextualização das propostas governamentais.; This thesis inscribes in the ambit of the studies about educational policy...

Na transição rural-urbana : a passagem da Escola Mista do bairro Felipão na história da educação púlica campineira; In the transition from rural to urban : the existence of the mixed school in Felipão neighborhood in Campinas public education history

Eliana Nunes da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/11/2012 Português
Relevância na Pesquisa
56.25%
Esta pesquisa, desencadeada pelos depoimentos de ex-alunos, de uma ex-professora e referenciada por fontes documentais diversas, tem como objeto de estudo a história da Escola Mista que existiu no bairro Felipão, no município de Campinas (Estado de São Paulo), entre as décadas de 1920 e 1960. Tal narrativa é interpretada pela via principal da cultura escolar e das tensões existentes entre os processos instituídos pelas reformas educativas, no decorrer dos embates entre projetos políticos e pedagógicos no contexto republicano. Justificativas, inspiradas na ampla revisão bibliográfica, apontaram que são raros os estudos sobre a história da educação rural no Brasil e que a diversidade de escolas públicas primárias paulistas é tema ainda insuficientemente investigado pela História da Educação Brasileira. Com aportes teórico-metodológicos inspirados principalmente em Viñao Frago (2001), Portelli (1997), Souza & Faria Filho (2006), Demartini (1989), Schwartzman et. al. (2000), pautou-se na seleção e na análise de fontes documentais imagéticas, escritas (em especial do arquivo da instituição escolar) e na história oral, ou seja, em depoimentos dos entrevistados. Os objetivos principais foram o de narrar a história de uma comunidade de imigrantes italianos; caracterizar a cultura escolar da Escola Mista; analisar a expansão do ensino paulista; e organizar as fontes documentais para o arquivo da escola. Buscou-se problematizar a Escola Mista no movimento mais amplo das reformas educacionais conduzidas pelo governo republicano paulista e suas promessas democráticas de escolarização pública...

Práticas mobilizadoras de cultura aritmética na formação de professores da Escola Normal da Província do Rio de Janeiro (1868-1889) : ouvindo espectros imperiais; Mobilizing practices of aritmethic culture in teachers training at Normal School of Rio de Janeiro Province (1868-1889) : listening imperial spectrums

Kátia Sebastiana Carvalho dos Santos Farias
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/05/2014 Português
Relevância na Pesquisa
46.34%
Este trabalho tem como objetivo investigar práticas mobilizadoras de cultura aritmética que teriam sido realizadas na Escola Normal da Província do Rio de Janeiro, no período de 1868 a 1889, com o propósito de formar professores para atuarem nas chamadas "escolas de primeiras letras", enfatizando a gestão inovadora da Escola Normal por parte de José Carlos Alambary Luz. A pesquisa se insere no campo temático da historiografia da educação brasileira, história das instituições educacionais, história da educação matemática, bem como no terreno da história da cultura escolar. A base documental da pesquisa é constituída por: relatórios dos Presidentes da Província do Rio de Janeiro apresentados à Assembleia Legislativa Provincial do Rio de Janeiro (1835-1889); relatórios do Diretor da Escola Normal apresentados ao Diretor da Instrução Pública (1868 a 1889); relatórios do Diretor da Instrução Pública; Jornal A Instrução Publica; Jornal A Verdadeira Instrução Publica; A Revista do Ensino; Revista Brasileira de Educação e Ensino; Revista do Ensino Primário; o Compêndio Elementos de Arithmetica, de Cristiano Benedito Ottoni e o Compendio de Pedagogia, de Antonio Marciano da Silva Pontes. Tomamos como inspiração filosófica e metodológica o pensamento desenvolvido pelo filósofo Ludwig Wittgenstein...

Entre a exposição e a descoberta : a coleção matemática e as práticas escolares relacionadas à sua utilização no Instituto Nossa Senhora da Piedade; Between exposure and discovery : Mathematics collection and school practices related to its use in the Nossa Senhora da Piedade Institute

Larissa Pinca Sarro Gomes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/05/2014 Português
Relevância na Pesquisa
56.11%
Nesta pesquisa investigamos a produção da coleção didática Matemática e as práticas escolares relacionadas à sua utilização no Instituto Nossa Senhora da Piedade, considerando o período em que a coleção foi adotada nessa instituição de ensino. A investigação ficou delimitada ao período de 1969 a 1998, tendo como início o ano em que foi criado o Programa de Treinamento e Aperfeiçoamento de Professores, no qual as professoras Martha Dantas, Eliana Nogueira, Neide Clotilde Souza e Eunice Guimarães começam a desenvolver o projeto intitulado Processo entre a Exposição e a Descoberta e a elaborar os primeiros textos da coleção Matemática, contando com a orientação do matemático paulista Omar Catunda. O término da pesquisa foi definido considerando o período em que a coleção didática foi utilizada pelos professores do Instituto Nossa Senhora da Piedade, entre 1989 e 1998. No entanto, é importante ressaltar que a investigação se movimentou para um período anterior a 1969 quando procuramos situar a coleção Matemática em relação as outras obras desses autores, e de outras propostas para o ensino da matemática escolar, que estavam circulando no cenário nacional e internacional. Esses estudos são apresentados na primeira parte deste trabalho...

O professor, a escola e a sala de aula : reflexões apoiadas num caso de estudo

Queiroz, Lucinda Magalhães de
Tipo: info:eu-repo/semantics/masterthesis
Publicado em 14/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
46.3%
Partindo de uma narrativa reflexiva sobre um percurso profissional como docente no ensino público, este relatório debruça-se sobre dois domínios da organização escolar: os aspetos tangíveis da cultura sob o ponto de vista da organização e a perceção dos alunos sobre o clima da sala de aula, no âmbito da relação pedagógica. Este trabalho realça a cultura e o clima como duas dimensões da escola, importantes na criação de contextos (des)favoráveis ao desenvolvimento profissional, e principalmente a aprendizagens efetivas e significantes dos alunos. Partindo do pressuposto que a cultura da escola constitui uma estrutura de referência comum, uma vez que fornece regras e normas orientadoras para se perceber, pensar e sentir o funcionamento da escola, analisa-se como determinadas práticas organizativas podem originar diferentes dimensões à cultura escolar e, apoiando-se num estudo de caso, analisa-se também o impacto da cultura escolar no seu quotidiano, incluindo a sala de aula e a relação pedagógica. Neste domínio, apoiando-nos no conceito construtivista de cultura, em que o clima é considerado um dos elementos desta, e tendo em vista que qualquer ação educativa tem como finalidade o sucesso dos alunos...